Quantcast
PplWare Mobile

Vou deixar de programar para os outros! Vou criar uma empresa

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Redin says:

    Eu contínuo a necessitar de sociedade para abrir a minha empresa. Algum programador com conhecimentos de protocolos de segurança e comunicações para criar um servidor de email inovador. http://Redin.com.pt ou http://facebook.com/Antispam.P2T

  2. redefoca says:

    Pedro Pinto vais-me desculpar desta vez vou ter de fazer uma critica ao artigo. Qual a bibliografia deste artigo? Ou será, que ele transmite a tua experiência pessoal? Quando dizes “é uma banca competente, rigorosa e com compliance” baseas-te em que outros livros, artigos, etc?

    Se for a tua experiência pessoal acho louvável. Senão penso que o artigo merece mais rigor.

    Cumprimentos

  3. Kowalski says:

    Se for abrir empresa no Brasil, prepare-se para enfrentar uma burocracia gigantesca e ainda pagar 40% de tributos mais os pesados encargos trabalhistas…

    • Marcelo Caetano says:

      E ainda ver toda uma corja de corruptos malditos desviando boa parte desses tributos.

    • MIguele says:

      Que isso?1 Exagero da sua parte! Conhecemos vários empresários de sucesso no Brasil sem esse problema, veja o exemplo do filho do Lula. Nasceu sem um tostão no bolso e um pouco depois do pai passar a ser presidente do Brasil, através de muito esforço próprio e independente da burocracia e dos impostos ficou bilionário.

  4. Pedro says:

    E eu que nem para o patrão consigo programar!

    Pensei que era um artigo informativo mas afinal era publicidade. Não deixa de ser útil a informação mas tanta coisa para mostrar o serviço.

  5. Felipe Teixeira says:

    Mas isto não será um passo maior que a perna? Quer dizer vou abrir uma empresa e mando me logo para os USA? Penso que este concelho e mais indicado a quem já tem uma startup com algum fluxo de negócios.

  6. Pedro Alves says:

    Gostei muito do artigo. Há vários conceitos implícitos que importa reter.

    Parabéns.

  7. N. Carvalho says:

    Pessoal, se têm um bom EMPREGO agarrem-se a ele! Ser patrão implica responsabilidades, chatices com os empregados, problemas e mais problemas, impostos e mais impostos para pagar, os clientes não pagam, no final do mês é preciso pagar salários e impostos e onde está o dinheiro… Enfim, e cada mês é sempre a mesma dose e esqueçam o tempo para a familia, mas, o que lixa mesmo tudo são as escolhas diárias que se têm de fazer e as responsabilidades dai decorrentes que depois não podem atribuir a um chefe ou ao patrão! rsrsrsrs. 1 mẽs de Férias? Esqueçam!!! E isto é só a ponta do iceberg lolololol Ouvi dizer num café que é assim, mas, não acredito…

    • Gusmão says:

      @N. Carvalho, não podia estar mais de acordo !!!

      Eu hoje sou patrão (mas pouco) e já lá vão 6 anitos em que não sei o que são férias, 8 horas de trabalho (são mais 14/16H por dia), desempenho todas as funções na minha empresa (os meus colaboradores, não)…

      Enfim, que saudades tenho eu de voltar a ser um colaborador (quadro superior e bem remunerado que fui), assim que o mercado o permitir , pela minha parte volto a ser colaborador e não “patrão”…

      A carga fiscal, um estado persecutório e nada compreensivo, a imensa burocracia, justiça lenta ou parada para se penalizar que não nos paga, enfim, pensem muito bem antes de se lançarem a ser “patrões” !

    • pmf says:

      Estava para escrever no mesmo sentido… também devo ter estado nesse café! 😀

      Sem retirar o real valor do artigo, que o tem e obrigado Pedro Pinto, um dos problemas de muitas das novas empresas que proliferam pelo nosso país, é precisamente pela ideia de “eu é que sei disto e estou a encher os bolsos ao meu patrão”.
      Mentalizem-se que um bom técnico nunca substituirá um bom gestor e vice-versa!
      Nem qualquer deles subsiste sem o outro.
      Um empresa (corporação) é mesmo o que a palavra significa.
      Apenas uma equipa corporativa (sem qualquer denotação politica) e polivalente pode singrar e crescer muito ou pouco consoante a qualidade dos seus técnicos e gestores, mas… sempre e só, quando juntos pretendem o mesmo objectivo.
      Não esquecendo a seriedade de ambos e espírito de “vestir a camisola”.
      Um bom vendedor nunca chegará a chefe de vendas!
      Memorizem esta frase e adaptem-na ao que quiserem!!!

  8. asdnd100ccc says:

    não e assim tao simples como o titulo aparenta ser.
    falo por experiencia 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.