Uber: um serviço popular, mas que só acumula prejuízos


Destaques PPLWARE

35 Respostas

  1. xico fininho says:

    Posso estar a pensar errado, mas isto não me parece que se trate de um prejuízo. Estão a investir milhões para dominarem o seu mercado em vários países, antes que outros façam o mesmo.

  2. David says:

    Hmm…isto ainda vai sobrar para o contribuinte! Monopolios à americana que obrigam as pessoas a trabalhar à chinesa que nem escravos, quem olha só ao preço não percebe isto e as consequencias…depois chorem quando vos calhar… We’re all living in Amerika!

    • sdsd says:

      Concordo consigo, ao contrário do que devia acontecer o desenvolvimento tecnológico continua a ser utilizado para aumentar o poder sobre os têm menos capacidade de se defender.

      • Alpha says:

        Peço desculpa, conversa de “xaxa”. Não só movimenta o mercado como dá a todos oportunidades. Se há taxistas que vão trabalhar com a Uber voluntariamente é porque há vantagens.
        Como tudo o problema são as limitações laborais nos países em que operam… Não é a Uber que explora as pessoas, são os Estados com as legislações estúpidas que implicam custos elevados. Só o rendimento dos motoristas, 50% vai para o bolso do estado fora o resto. Depois quem explora é a Uber os “coitadinhos” que não se podem defender.
        Relembro o serviço Uberpop que nem pode existir cá ou em outros países por limitações legais, o serviço que todos os “coitadinhos” querem participar porque é uma ajuda importante no rendimento.

        • David says:

          Muito gostas tu de pensar que trabalho mal pago e precário é sinonimo de mais oportunidades a todos, rodam mais depressa não é? pontapé no cu naqueles que não se sujeitem à exploração, antes pagar mais impostos que andar com essas brincadeiras de encher os bolsos a monopolios capitalistas que por onde passam vendem trampa sugam até ao tutano os trabalhadores e asfixiam outros modos de pensar e iniciativa local. Quando começarem a substituir os motoristas por carros autonomos vais ver como fuga aos impostos vai-te sair caro.

          • L.Lx says:

            Fico feliz por ir vendo comentários de pessoas que pensam outside of the box. Esta forma moderna de escravidão é aceite socialmente, e isso assusta-me.

          • john says:

            Concordo com o David 200%. É que é mesmo uma mentalidade muito mesquinha por parte de Alpha. Para esta “gente”, a culpa é sempre de quem produz e do Estado. Depois é o apresentar de argumentos onde se mistura cenouras com batatas. Só para poder dizer alguma coisa, pensam eles, muito inteligente e muito à frente. Palavras como “empreendedorismo”, “oportunidades” e etc que só servem para ocultar o principal problema: quem trabalha é quem é “lixado” nesta história toda. A Uber é que é a maior porque cria “oportunidades” para os motoristas fazerem alguma coisa. Nem que seja trabalhar de borla para eles. Se não o fizerem é porque são uns mandriões que se gostam de se fazerem passar por coitadinhos. Entretanto, comem ar ! Sim, porque há de aparecer uma empresa que vende ar e há de haver muitas “oportunidades” para tal ideia maravilhosa. Tristeza …

        • Gama says:

          As vantagens são no início de actividade num determinado local, depois já se sabe que a Uber começa a cortar no que paga a quem conduz, sem que quem conduz tenha qualquer poder negocial. Depois ainda tem a lata de vir dizer que não é quem opera o serviço de transporte.

  3. jAugusto says:

    Lucros!! Isso era no sec passado agora o que interessa é o nº de utilizadores…

    • john says:

      Sim claro, e as empresas depois pagam aos motoristas com “nº de utilizadores” e eles vão à mercearia, pagam impostos, a renda de casa, a luz e a água com notas de “nº de utilizadores”. Enfim …

  4. Serato says:

    Ando de táxi… ao menos sei que tou a dar o meu dinheiro a um bêbado, ou a um agarrado. Dar dinheiro à UBER, é apoiar a fuga aos impostos, segurança social, etc etc….

    • Márcio says:

      Comentário desnecessário…
      no meu ponto de vista pelo menos

    • carlos andre simoes da silva says:

      Valeu amigo,valorize o que é legal no pais,quando o lula trouxe os medicos de cuba,eles eram escravizados por um sistema político ,que só os mafiosos ganham…

    • TechQB says:

      Serato, tens razão mas os hipocritazinhos dizem que o teu comentário é desnecessário e que vives noutro planeta. Não ouço relatos de taxistas apanhados bêbados (garantidamente se houvesse algum apanhado apareceria na CMTV) ou sobre efeito de estupefacientes. Vícios financiam a economia, aposto que há aqui gulosos viciado em açúcar. Dominam o mercado com biliões de dolares/euros perimitidos pelas bancas,……quando for tudo corrido substituído pelos GPSs depois conversamos. Não sei se o pessoal já percebeu mas está tudo a ser mandado para casa, esta evolução tecnológica está a tirar espaço ao humano. E coisinhas muito simples exterminam o posto de trabalho do nosso coleguinha do lado, a evolução não são só as mega máquinas industriais ou super computadores, o chefe ou coordenador começa a ter bases sólidas de informática e com a porcaria de uma simples macro consegue acabar com o lugar da pessoa que só insere e actualiza dados.
      Abram a pestana, isto aqui não é um filme boy!

    • Bruno M. says:

      LOL
      Diz-me onde foge aos impostos…
      É cada ignorante….

  5. Pc says:

    Ela nao gasta com manutençao com seguro com ipva com combustivel nao paga 13° ferias para nenhum motorista quem fez essa reportagem nao sabe o que escreve Fico eu assustado com uma reportagem dessa pois trabalho nos fins de semana com meu carro na plataforma da uber como compremento de renda. A uber fica com 25% da renda e esta em prejuizo ??

  6. claudio luis says:

    Tem que pagar melhor aos motoristas isso sim…

  7. IT guy says:

    O Uber só se tornará lucrativo quando começarem a aparecer os carros autónomos, ou seja, que é uber driver tem os seus dias contados , pq ficará sem emprego ou por falência da empresa ou por substituição.

  8. Cezar says:

    Quem está em prejuízo são os coitados dos motoristas da Uber que fizeram investimentos e tem que ralar para pagar as contas, não sobra nada a não ser dívidas nesse país de crise. Coitados daqueles parceiros que querem entrar.Muitos colocam propaganda enganosa para ganhar comissões para apresentar parceiros aí tem lucros.

  9. Cristiano conti says:

    O motorista da uber está ganhando pouco dinheiro porcentagem da uber você tira o combustível a manutenção sobra mereça para você deveria aumentar um pouco mais o motorista da uber torna escravos trabalhando 13 hs

  10. delaorden says:

    O que me “assusta” é esse sentimento “anti imperalista” (rsrsrs) anti América, sei lá com queiram chamar. Pessoal, como já disse o ex presidente Clinton ” it’s the economy, stupid” …. o mercado é livre, graças a Deus, escolham e sejam felizes…o cara trabalha nos fins de semana no UBER e vem ainda falar mal do serviço ?… o #UBER veio para ficar e isso é irreverssível. Só republiquetas tais Brasil e cia são contra. Eu prefiro UBER a taxis.

    • john says:

      “anti imperialista” LOLOLOLOL !!!! Tu podes preferir o que quiseres mas se a UBER acabar, de certeza que não vais utilizar UBER. E qualquer empresa acaba por fechar se tiver continuamente prejuízos. De contrário, quem investe, gosta de perder dinheiro e isso não faz qualquer sentido a não ser que seja um masoquista financeiro. ”it’s the economy, stupid” . Você é que devia saber o que isso quer dizer antes de falar estupidez.

      Já agora, o “mercado é livre” graças a Adam Smith, não a deus … e como qualquer outro homem, ele também pode falhar.

  11. Daniel says:

    Estou desempregado e penso em trabalhar com a plataforma da Uber. Acho o valor praticado muito baixo, impactando diretamente no profissional autônomo, que tem que abastecer, pagar o seguro, IPVA, troca da Carta, além do desgaste natural do veículo. Acho que nao vale a pena!

  12. Filipe Teixeira says:

    Lembro me de quando a Uber se tornou popular ler um artigo que indicava que eles tinham imenso prejuízo.

    Uns anos depois continuam com prejuízo, eu sei que eles têm um masterplan pra dominar os transportes e que isso terá custos imensos, mas ja era hora de apresentar lucros.

  13. Acorda Brasil says:

    Hoje a concorrência é como táxi onde a única intenção é de dominar o mercado com concorrência desleal e depois fazer o que bem querer com os consumidores e prestadores de serviços. Amanhã pode ter certeza que será outro serviço de massa e quando menos esperamos estaremos voltando a era da escravidão, muitos trabalhando cada vez mais para bem poucos, e os poucos nem seram do país explorado. Vem aqui retiram recursos e de nós.

  14. William says:

    Mentira.

    Se a empresa não ganha nada porque está na empresa até agora.

  15. Robson says:

    Essa história de falar em prejuízo é pura mentira e mais uma maneira que a Uber está fazendo para fazer propaganda de seu serviço.

  16. Francisco Gouveia says:

    Este foi um serviço desde o inicio muito bem concebido na ideia, só que com as parcerias erradas e nalguns países incluindo o nosso a operar com meios fora da lei…
    Fora da lei pois BEM OU MAL em Portugal o único serviço licenciado e com licenças já esgotadas ou limitadas é o serviço TAXI, nenhum outro tem habilitações legais para o fazer…
    Na minha opinião o que a UBER deveria ter feito era após construir a sua plataforma digital era ir de encontro aos TAXISTAS e apresentar-se como uma aplicação em que facilitaria os TAXISTAS na sua operação e melhor aproveitamento do seu tempo e meios…
    O TAXISTA ao aderir pagava uma taxa de adesão ao serviço e depois uma pequena mensalidade fixa ou uma pequena percentagem a UBER pois era muito melhor do que estar as vezes horas a fio numa praça a espera de um serviço…
    Assim, a UBER nunca estaria contra ninguém e sim a favor de todos, nem nunca teria estes prejuízos galácticos que irão levar em breve a sua falência arrastando muita gente que se juntou a eles…
    Conclusão, boa aplica caso informática e muito útil a todas as partes, má interpretação do negocio por parte dos seus criadores, espero que consigam se sentar, pensar e resolver a bem do consumidor e do prestador de serviços…

    • Johnny says:

      Quando vi a aplicação 99taxis pela primeira vez e quando percebi como funciona disse logo que a “99taxis = Uber done right”.

      O que descreves é exactamente o que eu penso e, na minha opinião, a Uber é disruptiva demais e não tem capacidade de sustentação a longo prazo. Só cresceu tanto por causa do hype inicial, porque tem um nome “cool e trendy”, pode-se chamar um carro pela app (“uau! que fixe!”) e quem chega num carro da Uber, quando está a sair do carro passa a ideia aos outros que tem motorista particular (“sou mesmo rico, sou mesmo bom! espera lá… eish… esqueci-me de pedir dinheiro à minha mãe para os copos…”). É só cocozada! De resto serviu para enriquecer quem criou a empresa e mais uns quantos administradores e accionistas. Se falir eles já não se devem importar muito, já sacaram uns milhões em ordenados e dividendos. Quem se lixa é quem foi na cantiga e investiu para poder usar o serviço como motorista porque infelizmente caíu no isco de poder ganhar dinheiro a trabalhar “por conta própria”, que é o sonho legítimo de muita gente (e a Uber sabe disso, não é à toa que esse é o isco perfeito para levar outros a investirem pela Uber).

  17. Oss!! says:

    Sou motorista da uber e um ex diarista do taxi nesse tempo de crise foi e é a melhor forma de um pai de familia manter suas contas em dia.

  18. Alvega says:

    Uma pergunta, onde é que a Uber é diferente de qualquer outra empresa capitalista e que tem pretensão a monopolizar o seu respectivo mercado ?
    1º viciam as pessoas, com bonus, preços baixos, etc.
    2º acabam com a concorrência que apresenta condiçoes inferiores
    3º agora monopolistas , agem a seu bel prazer, instituindo os preços e condições, que r laborais, quer de mercado

    Isto serve para todas das Telecons, a qualquer outra assim tenham condições para executar o plano, até os deales da droga sabem isso e isso mesmo executa, viciam e depois esmifram tudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.