PplWare Mobile

Startup nacional lança App inovadora para fidelização de clientes


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Alegria says:

    É de mim, ou esta “app” (na altura ainda não existiam apps) já tem uns anos valentes???

    Se não me engano, a empresa era de um dos netos do Eng. Belmiro de Azevedo…

  2. cirus says:

    Eu tenho uma parecida já no meu tlm já á 2 anos quase, e feita por portugueses também, chamada cardmobili.

  3. Sérgio says:

    Bem.. espero que tal não se concretize ou que não tenho sucesso nenhum. Caso contrário, lá se vai as vendas de porta-cartões e acessórios do genero de várias marcas inclusive a minha xD

  4. Ricardo says:

    eheheh. Este fim de semana vou já testar! aproveito e como um geladinho santini para matar saudades do verão.

  5. Vítor Carvalho says:

    R.
    todos os funcionários da Santini receberam formação e devido à facilidade em utilizar o sistema nenhum teve problemas em perceber como funciona o QLoyalty! 🙂

    • Vítor Carvalho says:

      R. apesar da aplicação ser bastante simples, todos os clientes têm de dar formação aos seus colaboradores exactamente para não acontecerem essas situações.

  6. Gabriel says:

    Seja benvindo! Experimentei e gostei! Boa sorte para o projeto!

  7. Pedro says:

    A página do projecto com unicamente a parte de login?!?! Nenhuma informação? Bahhh!

  8. maria sp says:

    Bom dia,
    Não têm uma app que faça isto? vou ter que estar com dados ligados?
    Funciona apenas para o Santini?

    • Afonso Vaz says:

      Bom Dia! A ligação de dados não é obrigatória! Ao se realizar um compra é dado com o talão um QR Code único que dá pontos! esse QR Code poderá ser “scannado” em qualquer altura (quando tiver o wi-fi disponível). Nesta fase de Piloto está só no Santini mas haverão novidades em breve!

  9. MC says:

    Não tem muito de inovador…
    Já existia a mesma coisa feita também por outros portugueses e chamava-se ClientVox…
    Em termos de implementação em lojas é que não sei como está…parece que o projecto parou nesse ponto porque lembro-me de descarregar a app em si e tudo.

    http://www.clientvox.com

    • Caro MC, obrigado pelo seu comentário, no entanto quer-me parecer que a clientVox é diferente em diversos aspectos.
      A BIN inova acima de tudo por não haver necessidade de instalar uma App nativa no telemóvel. Outro aspecto é que o clientVox parece ser uma App para reviews e o QLoyalty é uma aplicação de fidelização de clientes através de pontos que são dados nas campanhas das marcas.

      • André Caeiro says:

        Não considero a não utilização de uma app como uma inovação, mas sim um retrocesso no tempo. Isso tudo apenas serviu para poupar trabalho aos developers que deste modo não tiveram que criar uma app para cada sistema operativo. Era bem mais simples (para os clientes) abrirem uma app (mesmo que estivessem offline), fotografarem o QR, e quando se ligassem à net a app enviava os códigos sozinha. Pelo menos uma coisa é positiva no meio disso tudo: não só os androids e os iOS podem usar o sistema, como em 99% das apps.

        • maria sp says:

          Concordo com André Caeiro… tão mais simples utilizar uma app!

        • Tiago Santos says:

          A tendência é haver menos apps nativas e mais web apps em html5, isto porque estão a aparecer novos SO (Ubuntu, Firefox, etc) com base em html5 e torna-se difícil ter apps para todos os SO e actualizadas.

        • Obrigado pelo seu comentário André, no caso do QLoyalty não é necessário estar online no momento da compra, ao adquirir o produto recebe um talão com o código e pode scannar quando quiser.
          Existem inúmeras razões pelas quais não foram utilizadas apps nativas de cada dispositivo, no entanto nenhuma foi relacionada com a “preguiça” de quem desenvolve. Acima de tudo ponderou-se aspectos tais como heterogeneidade, processos de submissão de apps em markets das marcas e mesmo da dimensão da nossa equipa/empresa.
          Relativamente a facilitar o acesso à App, em iPhone dá para adiconar um URL ao homescreen e em Android pode-se adicionar um bookmark no “desktop”.
          Temos tido bastante trabalho, estamos muito motivados e gostamos do que fazemos, nenhuma decisão é tomada por ser mais ou menos trabalhosa. 🙂

  10. RT says:

    Boa tarde,
    Existe alguma listagens das lojas que estão a funcionar com este projecto?

  11. Rita Neves says:

    Fui à pouco à Santini e experimentei! Muito simples. 🙂 Já tenho 5 pontos.
    Só tenho pena que não haja ainda em mais lojas…

  12. Rita Neves says:

    Afinal tenho 15!! A partilha no facebook quando recebi os pontos deu-me mais 10! 🙂 eheheh

  13. Miguel says:

    Bem, tanto alarido e na prática só agora está a ser testado em 2 lojas… A ver vamos o que se seguirá…

  14. fran says:

    esta app é de 1950? jesus que horror, nunca vi tanto pixel junto!

    como é possivel hoje em dia ainda nao se fazer tudo em HD? por muito boa que a app seja, apaguei logo do meu iphone devido à horrivel qualidade de imagem e de nem um icone ter para colocar no home screen.

    horrivel.

    • Afonso Vaz says:

      Viva fran,

      Qual é o modelo do seu iPhone? Podem existir problemas de visualização em alguns telefones mais antigos devido ao facto dos browsers não suportarem CSS3 e HTML5. Se não for o caso temos todo o gosto em resolver o problema e peço que nos forneça mais detalhes acerca das imagens em questão.

      Relativamente ao ícon, agradecemos a sugestão e iremos implementar numa próxima versão. É para isto que servem os pilotos 😉

      • fran says:

        iPhone5

        -toda a imagem da webapp é bastante pixelizda.
        -nao tem icone
        -nao trabalha em fullscreen

        como foram simpaticos na resposta, vou deixar aqui alguns metas necessarios para iOS:

        o nome do icone tem que estar na raiz do dominio com nome “apple-touch-icon.png”

        depois têm que fazer upgrad para hd de todas as imagens e conteúdos da app.

        abraço e sucesso

        • fran says:

          vi agora que os metas que deixei, nao aparecem no comentario.

          vou deixar aqui apenas o texto sem as chavetas.

          meta name=”apple-mobile-web-app-title” content=”QLoyalty”
          meta name=”apple-mobile-web-app-capable” content=”yes”
          meta name=”apple-mobile-web-app-status-bar-style” content=”black”
          link rel=”apple-touch-icon” href=”apple-touch-icon.png”
          meta name=”viewport” content=”initial-scale=1.0″

          • Afonso Vaz says:

            Viva fran,
            Muito obrigado pelo comentário 😉
            Na altura de desenvolvimento da aplicação ainda não existiam iPhone5 (ou eram raros ainda). Vamos testar e vamos também colocar os icones para iOS. Os testes de maior resolução foram apenas feitos num galaxy sIII.
            Mais uma vez obrigado, abraço, Afonso

          • fran says:

            vejam esta webapp para tirar ideias de design:

            pattern.dk/sun

  15. fran says:

    se quiserem ter um design de topo fica aqui esta sugestao de uma webapp 5* a nivel de design:

    http://pattern.dk/sun/

  16. carlos said says:

    olhas para ti acumular os pontos dos cartoes em seu telemovel necessitas de um leitor de QR CODE e para tal indico esta app aqui , descarregue por este link
    https://itunes.apple.com/app/apple-store/id1226650677?pt=118540590&ct=QRDAD&mt=8

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.