PplWare Mobile

Spectre e Meltdown: A Intel ainda está a trabalhar nas soluções


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.
Artigo escrito por Ricardo Gomes para o Pplware

Destaques PPLWARE

  1. Mateus Pinto says:

    “Spectre e Meltdown são possíveis graças a técnicas de otimização” = a Intel para aumentar a performance e baixar os consumos face à concorrência teve que tomar “atalhos” no design e esperava que ninguém os encontrasse, a AMD e outras empresas seguiram os passos mas não foram tão comilões. Agora a Intel anda às aranhas a tentar resolver o problema sem perder demasiada velocidade e sem aumentar os consumos, mas isso aliado ao facto que passar para 10nm e mais pequeno anda complicado nas suas fábricas, está a ser uma mega dor de cabeça…

  2. Fak says:

    até os icones dos virus são melhores e mais apelativos que muitos icons de empresas LOL

  3. Mc says:

    Se fossem só os processadores.. para as boards mais antigas não lançam bios updates. Estamos a falar de 4-5 Anos para trás já com i7 e i5s

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.