Quantcast
PplWare Mobile

Proibido circular entre concelhos! Que dados deve ter na declaração?

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Diogo Nunes says:

    Ainda não percebi se aplica às ilhas.

  2. João says:

    Boa tarde,

    Quem têm de se deslocar para ajudar nos cuidados familiares de pessoas idosas não há nenhuma excepção?

  3. MACnista says:

    Mas para quem se desloca de transportes (como eu) para o emprego não precisa de declaração, certo??

  4. ToFerreira says:

    “Às deslocações para assistir a espetáculos culturais”?!
    Que brincadeira é esta?
    Qual é afinal o objetivo desta restrição?

  5. Ricardo C says:

    não vi contemplado questões de consultas médicas ou de fisioterapia. fará parte dos atendimentos em serviços públicos?

  6. Catarino says:

    ter atenção ao seguinte ponto i)
    ou seja a declaração pode ser feita pelo própio desde que cumpra o compromisso de honra.

    i) Prestem declaração, sob compromisso de honra, se a deslocação se realizar entre concelhos limítrofes ao da residência habitual ou na mesma Área Metropolitana; ou
    ii) Estejam munidos de uma declaração da entidade empregadora, se a deslocação não se circunscrever às áreas definidas na subalínea anterior.

  7. Manuel Sousa says:

    Eu por exemplo comprei um bilhete de cinema para o Norte Shopping para o próximo Domingo e moro em Lisboa,então sendo assim não há problema nenhum pois não?

  8. Rui says:

    “c) Aos titulares de cargos políticos, magistrados e dirigentes dos parceiros sociais e dos partidos políticos representados na Assembleia da República; ”
    Porque é que esta gente pode circular livremente, até admitia se estivessem em funções, mas não é isso que aqui diz.
    A democracia no seu melhor …

    • Ricardo C says:

      Isso basicamente diz:
      ” Todos, excepto algumas situações. Mas só para vocês que são da plebe. Nós e os nossos fazemos o que quisermos”
      O mal é k vocês não interpretam as coisas

      • Euéquesei says:

        Cheguei a essa conclusão quando houve festa do 1 maio… topei logo o esquema.
        É que a falta de vergonha é tanta que já nem tentam esconder.
        Óbvio que contam com a proverbial burrice Tuga para isso.
        Num país decente nem se atreveriam a pensar em coisas destas, quanto mais fazer…

        • Infetado says:

          Digam isso aos doentes que estão a chegar diariamente aos hospitais só por causa deste problema e a todos os outros que se sacrificam por um bem maior, estando vocês incluídos. Já pensaram nisso ?

  9. Euéquesei says:

    Bandeirinhas do PCP ( Partuido do Covid Português ), umas valentes buzinadelas, carro cheio de labregos com autocolantes da CGTP a berrar que vão para um comício.
    Garantido que passam por tudo e todos…

  10. TagusPark says:

    Quem vive na periferia do conselho e tem um supermercado a 100m de distancia que pertence ao conselho vizinho pode ir? Ou nesse caso tem que se deslocar a um do seu conselho a 2km de distancia?

  11. José valente says:

    isto é tudo uma palhaçada ,
    e se houver uma providência cautelar e for aceite ,
    isto é inconstitucional .

    • Infetado says:

      Inconstitucional é a minha liberdade estar a ser constantemente em causa por pensamentos como o teu. Se todos tivessem cumprido com as regras, se calhar estaríamos como está por exemplo a Austrália que respira de alivio regressando à normalidade. Aqui os chicos-espertos do costume espezinham tudo e todos com o seu tão ignorante “euéquesei” e depois é o que se vê. Os parvinhos que cumprem com as regras, continuam parvinhos e são parvinhos. Os outros são os heróis do pensamento pequenino.

  12. Rui says:

    Não é necessário estarmos em estado de emergência, para o Estado proibir deslocações das pessoas entre concelhos?

  13. Figueiredo says:

    Declaração de compromisso de honra é o quê?
    Alguém fez algo do género?

  14. Rui says:

    É o desnorte do governo. Então qual é a entidade patronal de um prestador de serviços?
    Um contabilista está impedido de saír do concelho? E um advogado?
    E as Escolas com a maioria dos alunos e professores de fora do concelho (Ensino Profissional)….. a Escola não faz mais nada que passar declarações!!!!! Somos o país do papel!!!!!!

  15. Sardinha Enlatada says:

    O governo descobriu a formula para colocar os Portugueses em sentido. Basta criar um virus falso e voila, serve de prestexto para tudo. Realmente alguma coisa tem de ser feita, porque devagarinho devagarinho, estao a tirar a nossa liberdade, por causa de um virus com uma taxa de mortalidade muito inferior. Hoje e deslocacoes entre Concelhos, amanha nao se sabera o que vira. Uma vez que a formula do virus esta a ser explorada com sucesso eles podem fazer o que bem entender connosco e nao piamos, por isso se houver alguma manifestacao ou algo do genero, eu vou estar la.

    • Ricardo C says:

      A sério que achas o vírus inventado? Algo a matar à escala planetária? Alguém que ponha a lata de conserva no lixo, k está passada del validade

      • Sardinha Enlatada says:

        A serio que nao consegues pensar fora da box ? Este virus tem uma taxa de mortalidade muito minima e alguem lhe chamou pandemia. E a maioria acredita obviamente. Este virus e apenas e tao somente para arruinar a economia e atras disso vem algo mais. Mas pronto e a minha teoria da conspiracao, que se ira revelar certa no futuro. Alem disso nao achas estranho um virus ser assim tao selectivo com as pessoas ? Deves achar isso normal claro para acreditares no perigo que este virus e, mas e apenas um virus bebe.

        • Ricardo C says:

          Seletivo como? O perigo do vírus não é a mortalidade média, sim média, porque para adolescentes é pouco mais de zero, mas para séniores excede os 70%. O perigo real deste vírus é a sua elevadíssima talxal de contágio, levando a uma propagação muito rápida. Sendo Portugal um país com a sua população considerada envelhecida, não se deveriam acautelar certos riscos? Eu não concordo com certas medidas e com o timming de muitas outras. Mas este vírus merece respeito pois mata às centenas de milhar em países ditos de 1. Mundo como os EUA.
          Se este vírus é inventado, vai dar-te como voluntario numa qualquer urgência deste país, a fazer limpezas, que é necessário.

          Dizer que é falso e inventado é gozar com quem trabalha no duro desde fevereiro sem descansar nos hospitais e com as famílias de quem morreu do vírus, ou já tendo outras patologias viu a sua morte precipitada.
          Tenha-se respeito, mesmo que não se acredite, não se goze e acima de tudo, não se dissemine.

          • Sardinha Enlatada says:

            Entao o teu problema e existirem numero de infectados elevados ? Que se resume a 0,05% de mortes whatever ? Nao e o numero de mortes com uma taxa muito baixa ? Isso e um caso tipico de histerismos panicus agudos. Com essa linha de pensamento estamos conversados.

    • Homo Sapiens Sapiens says:

      A “fórmula do virus”. Filho nem sabes o que é um vírus. Vai estudar.

  16. Almaister says:

    Até ao momento que escrevo estas palavras, da minha unidade empregadora, ainda não me passaram a declaração (supostamente ainda não é preciso). Normalmente entre residência, emprego e serviços de manutenção nas redondezas (Cascais / Sintra e Lisboa) são os concelhos por onde passo e como refiro até este momento não é preciso a dita declaração…

  17. Molusco says:

    Noutros tempos, chega o feriado do 1 de novembro e toda a gente tira mini férias e nada faz, agora que estão proibidos de circular, parece que toda a gente trabalha.

  18. Pedro Teixeira says:

    Lá se foi a minha estadia de 4d no Gerês totalmente isolado sem ninguém, 0 contacto com outras pessoas… só porque tinha de ir desde o Porto.
    l) Às deslocações de cidadãos não residentes para locais de permanência comprovada;
    Não sei bem o que isto é.

  19. Bruno says:

    tanto texto para nada, bastava dizer que apenas é necessário o cartão de partido politico.

  20. Narciso Miranda says:

    Podes sair do teu concelho? NÃO!
    Mas podes sair do teu concelho? SIM!

  21. Beatriz says:

    Pelo o que explicaram da ultima vez (tinha de ir levar alimentação à minha avó e nao me deixaram passar…), tenho de me fazer acompanhar de um comprovativo de morada do idoso e comprovar o meu grau de parentesco com o mesmo, como por exemplo de fotocopia do bi da minha mae que mostra que é filha da minha avó.

  22. Sonia says:

    Alguém me sabe informar como me poderei deslocar para assinar um contrato de arrendamento e fazer as devidas mudanças sendo que a nova morada será em concelho diferente do anterior?

  23. Abilio says:

    No caso de pais divorciados, como se vai buscar um filho a outro conselho? Não pode.

  24. BAEGC says:

    E no caso, que é o meu, a minha filha está na escola que é noutro concelho e o meu trabalho é perto da escola dela. A declaração da escola é suficiente? Ou tenho que pedir tb a minha entidade uma declaração? Obrigado

  25. Sardinha Enlatada says:

    Sera que os advogados nao tem uma palavra a dizer sobre este absurdo ? Um virus selectivo para o que convem para o governo, esta na cara que nada de verdadeiro existe ai.

  26. Mário Queirós says:

    Mas alguém está a levar isto a sério? Já sabemos que é inconstitucional.

  27. Sara Paiva says:

    Desculpa a pergunta e os TVDE’s nao podem trabalhar entao? Pois passam de um concelho pro outro geralmente?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.