Quantcast
PplWare Mobile

Portugal: Novo recorde ao registar o preço mais baixo de energia mundial

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Ana says:

    Isto já parece a propaganda do governo nos jornais, não somos os pais com a gasolina mais cara da europa… a frente estão a noruega, Dinamarca e Inglaterra XD

    • Otioobvio says:

      Portugal tem un nivel salarial baixo e pouca indústria, além disso um nível alto de fuga ao fisco / retorno do IVA. Isso obriga a que os impostos sobre a energia/ combustíveis e outras coisas tenham que ser altos para se poder pagar os custos do serviço público (saúde, segurança, etc).

      100% da população em Portugal tem direito a saúde por exemplo, mas os custos dela são pagos pelos impostos de uma pequena parte da população (estima-se nuns 20%). Estás à espera de conseguir outra solução?! Força! Candidata-te e implementa a fórmula de ouro lolol

      • night says:

        Sustentar um pais a base de impostos é uma estupidez.
        Tinhamos imensas empresas do estado foi tudo vendido.

      • Ursa Maior says:

        Mais um com lavagem cerebral. Portugal esta a receber impostos como nunca antes dos utentes. Tem um nivel de salario baixo que como tu dizes, produz pouco. vao receber muito sem produzir? A isso se deve aos governos que tem passado que apostam zero em medidas de longo prazo. Depois esqueceste.te que uma empresa paga o dobro do ke ao trabalhador…metade fica logo no estado. Abre uma empresa depois fala comigo sobre a carga fiscal ke te metem em cima ate antes de começar a vender algo.
        Saude…sabes quantos portugueses ainda nem tem medico de familia? Informa.te sff. E quantos tem seguro para evitar as confusoes do estatal? A minha Maria tem ADSE (que se paga e bem…a tua teoria do gratis é treta) e vai ao privado quando esta com uma urgencia em alguma coisa. É atendida em 5m. Eu no publico ja la fikei 10 horas nas urgencias com uma hernia..
        A unica formula de ouro é dos puliticos ke vao para o governo para enriquecerem com contratos mediocres que fazem com privados….autoestradas publico privadas que os privados nos contratos tem 0 responsabilidades mas tem so beneficios ke sao eles ke estao a gerir as autoestradas….e cereja no bolo…sao as mais caras para os utentes ao as usar. Sao 4 mil milhoes que vamos pagar durante muitos anos…

        • João says:

          @Ursa Maior, tens toda a razão… falo também das pessoas que descontam ZERO porque ah e tal custa descontar, mas depois vêm protestar que têm reformas pequenas! Eu não tenho que pagar porque alguém ganha mais a trabalhar ao estreito sabendo que descontando zero tem uma reforma na mesma.
          Obviamente se todos descontassem a carga fiscal seria muito menor.

          • Ursa Maior says:

            Se tens uma empresa aberta toda a gente paga impostos. O teu rendimento tem a ver com akilo ke declaras…ke a culpa disso nao é delas…é das pessoas ke nao pedem factura…ke estado obriga mas nao faz nada para apanhar esses….nao era dificil chegar aos ke fogem aos impostos….custa.me mais ver dinheiro ganho por mim e ir para impostos e depois o estado pega neles e da a kem nao trabalha….nao pq estao a procura de emprego mas sim pq nao tem rendimentos….apoio social da treta serve para ke? Para receberem o dinheiro sem fazer nada..ja vi pessoas a ir de taxi a ir buscar esse cheque…depois vao vender droga durante o resto do mes…ke ninguem paga impostos nesses negocios….logo nao tem rendimentos…essas pessoas tem obrigacoes como kem anda a procura de trabalho? Existem medidas para acabar esses casos? Ja pensaste ke muitoa fogem pq os encargos de inpostos sao demasiado elevados? Um medico paga 50% do seu ordenado…..depois nao te esquecas ke tem ke fazer compras para viver…e tudo isso leva impostos…ou seja so ficam com 25% dakilo ke produziram é normal ke as consultas sejam carissimas…75% vai para o estado e a gestao desse dinheiro é mediocre a ser simpatico…a nossa divida publica subiu mais de 2 mil milhoes de euros….os nossos filhos e netos vao continuar a pagar estes governos da treta….

    • carlitos says:

      Pode até ser. Só faltou dizer em que Mundo é que é !

  2. Paulop Baptista says:

    É uma excelente notícia.

  3. Blackbit says:

    Boas notícias!
    E ainda há quem queira centrais nucleares, mais barato e menos poluente que o solar é difícil.
    Junta-lhe umas baterias e tens energia também a noite!

  4. Secadegas says:

    Propaganda da boa… As facturas continuam a mostrar exactamente o contrário.

  5. Manso says:

    As minhas facturas dizem o contrario…

  6. Rui says:

    Só é pena termos da energia mais cara da Europa!!!!!
    Alguém anda a ganhar muito dinheiro!!!!!!

    • Milhais says:

      Eu nao vejo isso. Na factura portuguesa vejo o kWh pago entre 14 centimos e 19 centimos. Enquanto outros paises da Europa tem o preco a muito tempo acima dos 30 centimos e agora com este crise o preco por exemplo na Holanda ja anda nos 60 centimos.
      O problema em Portugal esta nas taxas e taxinhas que vem na factura e nao no preco da energia.

  7. PeFerreira says:

    Continuo a achar que aproveitar os separadores centrais das AutoEstradas para implementação de uma rede de painéis solares era melhor e menos poluente ‘visualmente’.
    Para não falar que temos as patrulhas das concessionárias a ‘manter o olho’ 24/7.
    Profit.

    • Rui says:

      Tenho dúvidas!
      Quem vai atrás de um pesado, sabem bem as pedras que são projectadas para qualquer lado! Já para nem falar dos acidentes!
      A questão é que tenho dúvidas que sobrevivam tempo suficiente e inteiros até ser rentável!

      As estradas têem muitos detritos que podem ser projectados! Infelizmente.

      Talvez esta colocação de painéis flutuantes seja uma forma de aproveitar a energia de espaços que de outra forma não eram aproveitados…… excepto se uma cheia os levar 🙂
      Não sei se uma barragem abrir as comportas de emergência, os painéis estejam assim tão seguros 🙂

      • PeFerreira says:

        Bom ponto de vista.
        Os acidentes são “evitáveis” se limitássemos as instalações a zonas historicamente livres de acidentes (como grandes retas e assim) mas de facto os projéteis é mesmo um problema (o meu carro que o diga).

    • Rui says:

      Parece ser uma melhor ideia que ocupar as albufeiras. Mas o melhor mesmo é colocar os painéis em cima dos telhados das casas.

      • Claudio says:

        esta e a melhor ideia de todas. Nao sou fa das barragens cheias de painéis, ainda estou pra ver o impacto ambiental , ja um telhado cheio deles da-me ao mesmo. Pode ate nem ser muito bonito mas reusa uma area que de si tem pouca utilidade.

  8. Amilcar Alho says:

    E o negócio mafioso da compra e venda das barragens… Já caiu no esquecimento…

  9. Joao Ptt says:

    Painéis solares era em cima dos telhados todos. Arranjassem maneira de acumular tal energia de forma económica e durável para também se consumir a energia solar fora da altura em que faz Sol, e tínhamos muito mais independência energética.

    O estado como sempre, vendidos do costume, tudo fizeram para agradar às produtoras eléctricas fazendo tudo ao seu alcance primeiro para impedir, e depois regular de forma parva os painéis solares, mesmo como que de propósito para ninguém meter painéis solares.

    Não faz Sol todos os dias em Portugal, mas tem bastantes dias do ano a fazer, Portugal pelo menos nessas alturas poderia estar a exportar para o exterior tal energia a mais, que sempre era melhor para o balanço comercial externo… mas os políticos é tudo a navegar à carteira à vista… carteira de quem lhes paga mais.

  10. falcaobranco says:

    https ://www.dinheirovivo.pt/empresas/medidas-para-atenuar-precos-da-eletricidade-positivas-diz-presidente-da-edp–14243912.html

    16/02
    https ://expresso.pt/economia/2022-02-16-lider-executivo-da-edp-renovaveis-sobre-os-aumentos-de-custo-dos-materiais-o-pior-ficou-para-tras

    17/02
    https ://expresso.pt/economia/2022-02-17-edp-afirma-que-nao-vai-mexer-nos-precos-em-2022

    E no mesmo dia… 17/02
    https ://www.jornaldenegocios.pt/empresas/energia/detalhe/edp-nao-beneficiou-da-subida-do-preco-da-eletricidade-e-preve-estabilidade-em-2022

    Meus amigos eles têm a faca e o queijo na mão e enquanto nós como povo não fazermos nada…nada disto muda…e não estou a falar em irmos pa rua, manifestãções e afins…mas se todos fizermos a nossa quota-parte de pagar impostos, pedir facturas, e afins… se calhar o país fica um pouco melhor…digo eu…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.