Portagens – Como controlar online os valores pagos


Destaques PPLWARE

44 Respostas

  1. Artic says:

    Obrigado. Muito útil.

    • POC says:

      Grande post informativo e de real valor. Parabéns.

      No entanto dou outra ideia para controlar custos, em trajectos possíveis (muito longos, fica chato):

      Honda PCX. Adoro. Consome 2,5 litros, pouca manutenção, bonita (comprem a branca para andarem todos de igual), excelente sensação de condução, 100 km/hora que chegam…evitam trânsito, estacionam à porta e compensam com as portagens.

      Um abraço do,

      http://simaoescuta.blogspot.com

  2. Manuel Costa says:

    também interessante era alguém criar uma aplicação para android onde pudéssemos registar as viagens utilizadas da discriminação positiva, para um melhor controlo “on the go”…

  3. André M. says:

    Boa dica! Obrigado 🙂

  4. Helder Coelho says:

    Muito útil.

  5. Rui Gonçalves says:

    Útil para quem? Não consigo compreender como esta gente aceita esta austeridade com um sorriso nos lábios.

    Pelo BOICOTE

    • Útil para quem usa as ex-SCUT, quer por opção, quer por obrigação, quer por descuido ou qualquer outra razão. Concorde-se ou não com a política de portagens introduzida.

    • André Tavares says:

      Ninguém disse que concordava ou não com as portagens mas o que é certo é que existem e se podes controlar o que gastas torna-se útil.
      Se podes fugir as portagens ainda bem, eu não posso e como eu existem muitas pessoas.

    • Sergio says:

      teria-me sido muito util a uns dois meses atrás se soubesse.
      Já tinha feito uma busca na net para ver se havia tal site, mas nao tinha encontrado.
      Por vezes ficamos na dúvida se passamos por algum troço portajado ou não

  6. Artur Santos says:

    Inacreditável!! Só mesmo em Portugal, então em vez de arranjarmos dispositivos para fugir ao pagamento, ainda arranjamos meios de obter o pagamento…Era bonito que colocássem portagens deste nível em França, por exemplo, país que eu conheço, para ver como é que os cidadãos reagiam.

    • Vítor M. says:

      Eles pagam e mais caras as portagens que as nossas.

    • André Tavares says:

      Só mesmo em Portugal é que o chicoesperto reina, se estamos na situação que estamos é por culpa de toda a corrupção e a sabedoria do vizinho e infelizmente não vem só da politica

    • SamC says:

      Acho que já se fez demasiado mal com medidas “revolucionárias”, um funcionário da Euroscut foi ferido devido aos tiros disparados.
      Quer concordemos quer não, esta medida foi difícil de tomar para o governo, basta ver a adiamento que a medida teve até ser imposta.
      Vivemos numa época extraordinária e temos de compreender que muitos serão prejudicados com as medidas de corte da despesa.

      Na França as portagens não são nada baratas e a população está habituada a tal. Acho que têm até um sistema simples muito interessante que é o do pagamento com um cesto para se “atirar” a moeda, que é muito mais prático do que a simples ranhura que existem nas portagens com pagamento automático.

      Quanto ao artigo, excelente dica essa do site dos CTT

      • André says:

        Eu também lamento que alguém inocente seja prejudicado com estás coisas, mas pior é pagar portagens de estradas para o qual veio financiamento da CEE para a sua construção e o dinheiro tenha sido desviado para outras coisas, por isso meus amigos quem abriu o buraco que o feche e se não vai a bem a mal tem de ir BASTA de GATUNOS. Infelizmente este governo que ajudei a eleger não é diferente do anterior continuam os JOBS e o dinheiro mal gasto e os gatunos por punir.

      • RaCcOn says:

        Sem margem para dúvidas.

        São outras mentalidades diferentes meu caro.

    • Helder Coelho says:

      Está aqui um bom manual de como evitar danos no sistema. 😉
      http://egitaniense.blogspot.com/2011/10/coisas-que-nao-combinam-com.html

    • Cristiano says:

      Paga o que usas mas é…querem tudo de borla… as vezes ate mete impressao a cambada de manifestantes que tudo querem de graça…

  7. fmlm says:

    “Uma das noticias mais populares ” ?!?!?

  8. luis says:

    não deixa de ser uma dica útil para quem continua (por necessidade ou resignação) a utilizar as ex-scuts, eu prefiro andar de estradas nacionais.

  9. SexOnaSal says:

    pelo que percebi,

    “o meu vizinho vai sair o dia todo”

    da-me na telha de meter a matricula dele nesse site, e se ele tiver passado numa scut, sei por onde ele andou…

    ou tem-se que fazer alguma autentificação depois de colocar a matricula ?

  10. YaBa says:

    Muito bem… CTT no seu melhor. Vou já começar a ver quanto devem os vizinhos.
    Ao menos um registozinho não? para aceder à informação.
    Implicam com tudo e mais alguma coisa (CNPD) e esta passa em branco. pfff

  11. L. Mata says:

    Lol…. a comissão nacional para a protecção de dados conhece este serviço? LOOOL

  12. XX says:

    oh XX-11-11, “paga o que deves”

  13. Alberto says:

    rsrsrs a unica coisa que sei é que ao olhar a foto vejo que aqui no brasil as portagens sao 10x o valor dai rs

  14. Ricardo says:

    E agora existe uma aplicação que dá para consultar os dois serviços no Android:
    m.Portagem
    https://market.android.com/details?id=com.bzp.app.portagens

  15. Cristovao Morgado says:

    Em WindowsPhone têm a App CTT Portagens … simples e eficaz

  16. VictorRego says:

    “Efectuar o pedido de Habilitação à Discriminação Positiva”, ainda existe, não tinha acabado (zona Norte)???

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.