Quantcast
PplWare Mobile

PJ acaba com esquema de venda de droga na DarkNet

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Gato Maltês says:

    Como querem que haja espírito de empreendedorismo em Portugal se os fundadores de start-ups com sucesso global são tratados como criminosos?

  2. Comenter 111 says:

    Eu já entrei na dark web mas nunca comprei drogas nem coisa do gênero para além de ser ilegal é uma perda de tempo e dinheiro

  3. jorge says:

    Silk road à portuguesa ?

  4. Alvega says:

    Isto é que é produzir trabalho,desde o assalto a Tancos, sao “operações, em cima de operações”.
    “As investigações, que se iniciaram há dois meses, vão continuar.”
    Calculo que a par das investigações pelas causas do incendio de Pedrogão, e dos roubos em Tancos. Com um pouco de sorte, foi a mesma tempestade, que deu inicio ao incendio, a que derrubou a rede de protecção em Tancos, seria assim um poupar de meios e de comissões de inquérito, para chegar a habitual conclusão,…NENHUMA.
    Antigamente, este tipo de noticias era chamado…PROPAGANDA, mas os tempos evoluíram, agora é …governar com clareza, para o cabal esclarecimento dos cidadãos.

  5. Gustavo Garcia says:

    Espera usavam a “DarkNet” (uma treta, é tudo Internet) e depois enviavam a droga pelo correio? Hahaha… Que idiotas!

  6. Anónimo says:

    Não são os primeiros nem serão os ultimos a enviar o produto pelos CTT, alguém dos CTT se chibou foi o que foi …

  7. Antunes says:

    Ups lá se foi o tor…

  8. Manuel says:

    A primeira coisa que me ocorre é, as pessoas realmente pensam que o seu tráfego vai anónimo do seu computador ao site de destino?

  9. AlexX says:

    O governo só tinha a ganhar em impostos se legalizassem as drogas leves, houvesse controlo de qualidade e farmácias dedicadas a vendê-las por prescrição médica. Já são 29 Estados nos 50 da América de Tramp a fazê-lo e não é por acaso.
    Gostava de ver a PJ levar cães especialistas no assunto para um passeio surpresa pela Assembleia da República…

  10. Alex says:

    Têm de criar um novo serviço de correios(DarkCTT) ou o Uber da Droga 🙂

  11. Renato says:

    Esse tráfico anônimo não deu certo.

  12. Beatle says:

    Que cromos… tanta p@neleirice para vender a droga e depois enviavam via CTT ainda por cima para o estrangeiro ehehehe. Estavam à espera de quê? Milagres? Mais valia terem ido vender para o Bairro Alto que não tinham sido apanhados. A droga só é ilegal porque o estado não ganha o seu quinhão! Tanta portaria que faz mal e há por ai à venda que é “legal”… é como o jogo… só é ilegal quando o estado não ganha o dele!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.