Quantcast
PplWare Mobile

As novidades do Windows Phone 8.1 não páram de surgir

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Pato says:

    Sou o único que acha que mesmo essa versão, está bem atrás do Android KK?

    • Mike says:

      Para comparar os dois SO tinham de ser os dois igualmente mais 🙂
      Por isso esquece e nem te dês ao trabalho.
      Android… Simplesmente fail.

      • Nuno Peixoto says:

        Mas o mais vendido tb, né fanboy? 🙂

      • arkan says:

        Android fail ? kkkk so se for em sonhos, ruindowsphone é um lixo, comprei um 725 para minha namorada e ela me pediu para trocar para um granduos, e é infinitamente melhor o o.s para nao dizer dos aplicativos que o android FAIL tem diferente do RUINDOWS phone failmegabasterfail.

        Ruindowsphone desse jeito so confirmara que microsoft e empresa falida nokia, vão para o buraco negro.

    • Nuno says:

      wp é uma coisa totalmente destinta a Microsoft tenta ser mais “orginal” digamos assim, nao seguem tanto o caminho do android embora tenha alguma coisas identicas. Opiniões, nada contra andoid

    • miguel says:

      +1
      Ainda tem muito que suar para se comparar ao KK.

      • Serginho M says:

        O Android é tão bom, que os equipamentos de 100 euros parecem arrastões. Mias não digo. 😉

        • Nelson says:

          LOL!

          Mesmo custando 100€! 🙂

        • Nuno says:

          Eu desde que tenho o meu Lumia 520 embora seja um smartphone de baixo custo, acho que fica lado a lado com muitos smartphones que andam por ai e com andoid, para não falar do enorme desempenho, tenho este Windows Phone, acerca de 3 meses, e estou bastante satisfeito nada haver com do que se espera de um andoid (obviamente. Mas é como tinha dito vai de gostos para gostos e preferncias. Para mim neste momento o Windows Phone cada vez mais inovador é o dos melhores. Que venha o update 8.1 :p

          • NUNO PC says:

            Concordo, tenho um WP7, 1ª geração (3anos e..), tive um android vendi-o após um mês, comprei no ano passado o Lumia 520 e só tenho a dizer que é surpreendente a relação preço qualidade.

        • Gonçalo Trindade says:

          Não percebo, por um iPhone dás muito mais que isso, enquanto que por um Android “só” dás os 100€. Se as pessoas não comprassem esses smartphones baratos com android, e em vez disso comprassem os tais lumias que se dizem muito bons (nunca usei, nao posso falar), talvez o android evoluísse muito mais no campo dos 100€.

        • Stalfos says:

          O meu e 1 Nokia lanterninha xupa ten 6 anos r e essa mzera nunka deu fail e ainda ten 3mb de memoria e ten 1 resistencia q nenhum celular ten e ten zapzap xupa

    • Nome (Obrigatório) says:

      Está assim tão atrás? Em relação a quê? Estou a falar a sério, elucida-me!

      De qualquer forma, pessoalmente adoro o WP por ser tão diferente do Android. Foi isso que me fez mudar de um para o outro!

    • Robert Soares says:

      Isso é porque nunca usas-te no teu dia a dia um windows phone senão terias uma opinião completamente diferente.
      E não é o facto do android ter uma loja com mais aplicações comparando com windows phone que se torna melhor pois quantidade não é sinonimo de qualidade.
      Velocidade, processamento, simplicidade, qualidade, autonomia e muitas outras vertentes torna o WP melhor sistema operativo móvel do que o android.

    • Joao says:

      Pessoalmente acho o WP bem melhor que o android em quase tudo excepto na abertura do sistema a programação. Mas se calhar e por isso que e tão bom no resto. Sempre tive android desde que saiu na versão 1.6. Troquei o ano passado e posso garantir que nunca mais tive um crash no telefone ou chamada perdida. Não quer dizer que o WP tb não tenha os seus problemas. Mas não se comparam.
      PS ainda tenho tablet com android e deu o telefone com android a minha filha :).

    • kaka says:

      É verdade este windows phone continua a ser uma aberração que saudade do velho windows mobile 6.5 com personalização total.
      Ainda bem que temos o Android e não temos que usar esta porcaria dos quadrados manhosos e interface da idade da pedra ….

      cumps

      • Nuno says:

        Caro kaka, so gosta quem quer, agora esse teu comentário foi mesmo uma aberração sem ter que faltar ao respeito. Estamos a falar de S.O diferentes, eu acho o Windows Phone bastante futuristico, ja nao digo o mesmo do android a cara é sempre a mesma, já para nao falar do desempenho e bugs que são milhares nada em comparação ai WP, mas bugs existe em todo sistemas é bastante normal. Portanto se és fiel ao android nao fales mal do que ainda possivelmente não tens conhecimento!

      • Nelson says:

        Uma aberração?

        O android anda a copiar o WP, e é uma aberração…

        Quadrados manhosos, que dizer dos widgets? É a coisa mais mal parida que poderiam inventar! Ao menos os “quadrados manhosos”, podes ter vários, e não chocam gráficamente uns com os outros!

  2. Nelson says:

    “Essas aplicações vão ser baseadas em HTML e JavaScript e vão ser Aplicações Gerais, podendo ser corridas quer nos telefones, no ambiente Windows Phone, ou nos tablets, em ambiente Windows RT.”

    A Google também anunciou planos semelhantes, que visava converter aplicações para google chrome (aplicações html e js também, mais talvez algumas “tretas” proprietárias e não-standard do browser da google, á lá microsoft dos anos 90 e o activeX) para aplicações Android e iOS.

    Enfim… só digo “LOL”, andam todos a copiar a Apple. Isso já tinha sido inventado…

    Aqui OSX: http://youtu.be/STuhwRwRqD4?t=34m18s
    e Aqui iOS: https://www.youtube.com/watch?v=y4ZLmMm-Z3g

    • oiele says:

      até parece que a apple também não copiou a concorrência

    • JJ says:

      É verdade… mas o HTML e JavaScript não foi inventado nem pela Microsoft nem pela Apple. E utilizar essas linguagens para criar aplicações para correr em sistemas operativos, não é algo assim tão complicado.

      Essas historias de quem inventou primeiro e quem copiou quem, são das coisas mais “parvas” que existe.

      Se formos analisar bem, todas as empresas copiam-se umas as outras, simplesmente melhoram as tecnologias a um nível muito superior ao “original”.

    • Robert Soares says:

      Tu também andas a copiar o Homer Simpson em termos de QI e ninguém se queixou…
      Desliga a fixa

    • Nuno Vieira says:

      Eu é que digo LOL.

      O quê que criar um icon no ecrã inicial ou colocar parte de uma página num widget tem a ver com uma aplicação web que interage com o restante software e hardware tal como se fosse uma aplicação nativa?

      E não sei se sabes, mas a capacidade de fazer pin de parte da página e colocar-la num Widget já existe desde 1997 no Windows. Mas também não é de admirar visto que foi a Microsoft quem criou os Widgets (se bem que na altura chamava-se Active Desktop Items)

      E a Apple não é nada fã de “tretas” proprietárias. É por isso que quando se discutia qual o codec a usar no HTML5 eles puxaram para o h.264. Pois este é um codec abert… ai raiosm afinal é um codec proprietário. E este é apenas um pequeno exemplo, pois existem outros. A Apple utiliza standards abertos quando lhe interessa, tal como a Microsoft e a Google.

      • JJ says:

        Não digas isso Nuno, olha que eles descobre a verdade…

        “O que o Nuno disse é mentira, a Microsoft só copia, não inventa/cria nada…”

      • Nunes says:

        “HTML5 eles puxaram para o h.264″
        O h.264 é o standard da indústria, que o outro formato é que haveria de propor? O da Google?

        ” foi a Microsoft quem criou os Widgets”
        O Active Desktop Items não eram widgets, pelo menos não segundo a noção normal de widgets – mini-programas independentes. Era apenas uma funcionalidade que permitia apresentar conteúdos da internet no desktop!

        Quem terá tido dos primeiros widgets poderá ter sido a Apple com o Macintosh original, em 1984, e os seus “acessórios de desktop”.
        Primeiros Widgets criados com tecnologias web, poderá ter sido o Konfabulator para Mac (XML + Javascript), que terá servido de inspiração para a Apple criar o Dashboard (HTML, Javascript, CSS) passado pouco tempo, em 2005.

        • Nuno Vieira says:

          A definição de Widget (embora na altura o nome ainda não fosse este) foi dada pelo próprio Bill Gates em 1996 dizendo o futuro dos computadores iria estar centrado nestas pequenas aplicações que encontravam-se ligadas a internet para a sua informação estar sempre actualizada e que poderiam ser feitas por qualquer pessoa.

          Os acessórios de desktop da Apple estão muito longe de serem widgets. O Widget é uma pequena aplicação que faz stream de dados da internet e que pode ser criada por qualquer utilizador. Ora os acessórios de desktop da Apple não faz nada disso.

          O Active Desktop Items não era só apresentar parte de páginas no ecrã. É óbvio que a construção dos widgets agora é completamente diferente dos da Microsoft, mas a funcionalidade mantêm-se. Mas tens razão que o Widget moderno foi criado pelo Konfabulator, lançado para Mac em 2003 e para Windows em 2004 e subsequentemente comprada pela Yahoo em 2005.

          • Nunes says:

            @ Nuno Vieira
            desculpa mas widgets não implica qualquer ligação à internet, e era um termo já usado antes da data que referes! Basta pesquisares um bocadinho no que é que se aplica o termo. Os Acessório de Desktop entram claramente nesse grupo e são referidos como um exemplo.
            O Active Desktop Items não encaixa na definição, pois não eram aplicações. Poderás, no entanto, dizer que desempenhava um papel similar a alguns widgets actuais!

          • Nuno Vieira says:

            Eu não me estou a referir a GUI Widgets.

            Estou-me a referir a estas pequenas aplicações que utilizamos como por exemplo para ver o tempo, câmbios, noticias,… O acessórios de desktop davam para fazer isso ou algo remotamente parecido? Não! Os acessórios de desktop foram criados porque o SO não era multi-tarefa, e foi por isso que foram descontinuados mal o sistema passou a ser multi-tarefa.

            E grande parte das pessoas atribui a invenção destas applets a Microsoft e não a Apple.

            Se os ADI não eram aplicações então nem os novos widgets são aplicações pois não passam de ficheiros XML + Javascript, enquanto que o ADI eram HTML + Javascript

          • Nelson says:

            Opá, se não sabes do que falas, calas-te, ok?

            Primeiro, a Apple não tem “acessórios de desktop”, tem widgets.

            E completamente ao contrário do que disseste, sim, os widgets do OSX são aplicações que têm interatividade, e fazem stream de dados da internet, podendo ser simplesmente páginas da internet, ou parte de páginas.

            NÃO VISTE A PORRA DO VÍDEO DO SJOBS A FAZER EXATAMENTE ISSO?

            Os Active Desktop tiveram tanto sucesso que nunca mais se viram!

          • Nelson says:

            http://images.appleinsider.com/leopard-preview-desktop-11.jpg

            OSX leopard…

            Tipo, de certeza que não têm ligação á Net e tudo, nem têm páginas da net nem nada… lol?

          • Nunes says:

            @ Nuno Vieira
            Nuno, pensa um bocadinho, tens muitos widgets que não têm qualquer ligação à internet… Uso 4 no Dashboard só para mostrarem informações que residem no próprio computador (e outros guardados e inactivos) – será que vou ter que lhes dar um nome diferente?
            Os acessórios de desktop continuaram mesmo com multitasking, apenas desapareceram na transição para o novo OS X… o seu ideal reapareceu no dashboard

            Os ADI não usavam javascript, não funcionavam nem pareciam mini-aplicações… podes é estar a confundir com o que veio a seguir!
            O Dashboard usa HTML + Javascript

          • Nuno Vieira says:

            Eu acho que estas a confundir algo porque o Active Desktop Item suporta Dynamic HTML (HTML, CSS, JavaScript). Os ADIs eram renderizado pelo IE4. Também era possível fazer ADIs usando Java.

            Em 91 com o lançamento do System 7 os Desk Accessories deixaram de ser necessários por causa deste suportar cooperative multitasking. A Apple manteve suporte para estas aplicações por causa da compatibilidade, mas a própria Apple recomendou que passassem a utilizar programas completos.

            E quer queiras quer não, os ADIs são bem mais próximos dos widgets que utilizamos hoje que os Desk Accessories.

            Mas vamos terminar por aqui a conversa que nunca vamos concordar. Eu apenas respondi ao Nelson que ele pensava que a Apple tinha sido a primeira a dar hipótese de se copiar parte de uma página e coloca-la num widget.

            Eu também não estou a dizer que a Apple não inventa nada. Muito pelo contrário. Esta tem feito boas invenções e inovações. Mas as pessoas que pensam que esta não faz como os outros e não copia são simplesmente cegas.

          • Nuno Vieira says:

            Nelson não fales do que não sabes. Pensas que se não houver ligação a internet o ADI apresentava um erro 404?

            Nem de internet precisas para instalar um ADI desde que tenhas o ficheiro de instalação.

            Portanto engole a tua paranóia de que a Apple inventou tudo que existe no mundo de TI.

          • Nelson says:

            Pá, tens noção do ridiculo, os Active Channel eram apenas uma janela do browser diferente.

            Não tinham interactividade, e não passavam de formulários e links estáticos.

            Iam á net buscar a informação uma vês, e era isso.

            Enfim…

        • Nuno Vieira says:

          Eu compreendo-te, na altura que o Active Desktop apareceu tu ainda utilizavas a chupeta.

          O Active Channels é um dos componentes do Active Desktop, mas não é um Active Desktop Item.

      • Nelson says:

        Lol. És ridículo, primeiro, é uma ideia simples, mas uma ideia perigosa de apoiar, porque estas aplicações web ficam disponíveis para toda a gente, e dão mais força a quem tiver um browser proprietário, que implementa tecnologias proprietárias, e ajuda os pequenos a terem mais força, coisas que interessam à Google e à Microsoft, não à Apple e à Firefox, que utilizam só tecnologias standards.

        Pois,mé simples, mas até ao steve, ninguém fazia…

        Nos web widgetsdo IE4, era possível introduzir código html no desktop, mas não era possível passar uma app web, normalissima com várias páginas, para o desktop…

        E ao contrário do que dizes, o iOS permitia aceder a praticamente tudo do iPhone, acelerómetros, câmera (fotos), que queres mais?

        Quanto a tretas proprietárias, como o H.264, cala-te, ok? Porque foi o codec escolhido pelo youtube, e a Apple adoptou-o, foi adoptado, porque existiam já codificadores por hardware para H.264, tu tens a mínima ideia do que era codificar o youtube todo para outro qualquer codec? Pois… é o codec que tens nas câmeras de filmar, nos telemóveis, em tudo, para que alterar? Até parece que foi a Apple que o inventou é o standarizou… Foi a Apple que inventou o bluray, pois foi?

        És tão ridículo…

        • Nuno Vieira says:

          Tu é que és ridículo porque pelos vistos não sabes ler.

          Eu em algum lado defendi o uso de standards proprietários? Não, não defendi, nem nunca irás ver-me a defender.

          Mas a Apple adora standards abertos quando lhe interessa, tal como a google e a microsoft. Quando a Apple criou uma página de testes para mostrar as pessoas o poder do HTML5, se a visitávamos a página com um browser que não o Safari, mesmo que este suportasse HTML5, ele dizia que tínhamos que instalar o Safari para termos a experiência do que o HTML5 é. Ora com um simples programa par mudar o user agent do browser conseguíamos ver as demos. Apenas uma demo não funcionava, e não funcionava porque utilizava o quicktime, e que eu saiba o quicktime não é nenhum standard aberto da web.

        • Nuno Vieira says:

          Eu disse que o Active Desktop era idêntico? Não! Mas o que o Steve Jobs apresentou não deixa de ser uma melhoria ao que a Microsoft criou uma década atrás. E só tu é que não consegues ver.

          A Apple defendia o uso do h.264 muito antes do YouTube passar a ter vídeos em h.264. E já agora sabes uma daz razões pela qual a Sony utilizou o H.264 no Bluray? Porque a Sony é dona de várias patentes referentes a este codec, tal como a Apple a Microsoft e muitas outras. E esta é a razão pela qual eles querem utilizar este codec em vez de outro.

          E acho piada estares a mencionar o que era estar a passar o youtube todo para outro codec, quando o youtube foi forçado a fazer isso mesmo pela Apple com a sua recusa a dar suporte a flash.

          E o peso dos teus argumentos vêm-se logo pelo inicio do teu comentário. Quando não se têm argumentos, insulta-se.

          • Nunes says:

            estás a confundir codec com formato!
            O youtube já usava o codec h.264 em parte parte dos videos flash!
            O codec h.264 é um standard… A Sony, a Apple e a Microsoft são só algumas das companhias envolvidas, pois são dezenas as que contribuíram para a sua definição. Até representantes da indústria cinematográfica estão no órgão responsável pela sua definição. Por isso o seu uso não é porque a Apple ou a Sony têm patentes, mas porque é um formato com consenso alargado, de quem faz software e de quem produz conteúdos! Já para não falar no hardware que foi desenvolvido para descodificar esse codec de forma eficiente! Não havia nenhum outro codec que tivesse esse suporte!

    • João says:

      LOL ainda bem que a Apple é 100% original. Até dá gosto ver estes comentários pela manhã, tenho motivos para me rir até ao dia seguinte.

  3. kekes says:

    Óptimas noticias, vai ser interessante o maior valor dado ao wp pela Microsoft. Um só que está a ficar maduro e rapidíssimo.

  4. Tiago Vala says:

    A nível de funcionalidades implementadas concordo, o android continua a ter bastantes mais. Mas a nível de estabilidade do sistema operativo… Android leva 10-0.

  5. Nome (Obrigatório) says:

    Vejam só a quantidade de alterações/melhorias que vão aparecer!!

    NEW Audio/video transcoding, Hardware accelerated
    NEW Media editing: audio and video; Audio effects, video effects; Slow motion video
    NEW Apps can capture audio/video from themselves
    NEW Stereoscopic 3d support
    NEW Wi-Fi Direct, a Wi-Fi standard allowing direct peer-to-peer connections over Wi-Fi without an access point
    NEW Windows Phone 8.1 apps won’t run on 8.0 devices until they upgrade
    NEW Documentation confirms ALL current Windows Phone 8 hardware to get 8.1
    NEW Dev tools: SemanticZoom, DatePicker, TimePicker
    NEW PlayTo support
    NEW Single sign-in for apps (like on Windows 8) with Microsoft Account; sign in will persist across devices + apps with permissions prompt
    NEW YouTube Player (see lede image) including HTML5 video support (video playback doesn’t have to be full screen) And you get custom UI, so YouTube Closed Captions are in
    NEW File picker (see above image)
    NEW Geofencing API for location-based reminders
    NEW Background tasks: Bluetooth signal strength, Chat message notification, Device connection change, Device use trigger, Gatt characteristic notification, Location, Push notification, Rfcomm connection, System event, Timer
    NEW Slide down to close apps
    NEW Navigation bar color selection
    NEW USB choices
    NEW Updated camera layout, similar to Windows 8.1 (see photo below)
    Back button doesn’t terminate the app
    No more XAP, instead APPX
    VPN (Virtual Private Network)
    OneDrive (previously SkyDrive) with integrated file browser (just like Windows 8.1)
    Filter through installed apps by usage/install date
    Select multiple tiles when customising the Start screen [FALSE]
    More efficient multitasking
    Ability to install apps on inserted SD Cards
    Internet Explorer 11 improved with WebGL and Normal mapping support
    Separate volume controls for ringer, media, etc.
    Bing smart search (similar search system as Windows 8.1)
    Xbox Music and Xbox Video as standalone apps instead of the Music + Video Hub (allowing more updates to be pushed)
    Redesigned Xbox Game Hub
    Twitter integrated more deeply into the contacts Hub
    Facebook account option REMOVED (updated)
    Quick settings access (Wi-Fi, Bluetooth) by doing a quick swipe from the top of the screen
    Action Center accessed by doing a full swipe from up to the bottom (separate from the Notification Center)
    Silent notifications which go directly to the Action center
    Possibility to mark a Live Tile as read by swiping from the left of said tile
    Auto-updates for apps (just like Windows 8.1)
    Better backup functionality
    Improved keyboard
    Bluetooth 4.0 LE (to non-Lumia Windows Phones)
    Feature to mirror Windows Phone screens to TVs and/or monitors

    Things not included in the SDK:
    Cortana
    Action Center + Notification Center
    new gesture-based keyboard

    • pedro says:

      bom .. só espero que WP 8.1 não seja outro do tipo “windows Vista” … senão vamos ter que mudar de hardware …. um tlm com 4 GB de RAM … processador com 4 cores, no minimo a 2GHz …. etc

      • Nome (Obrigatório) says:

        O WP 8.1 vai manter a mesma base de origem, tal como o Windows 8.1 de PC manteve a base do Windows 8, portanto os teus receios não têm motivo de existir.

  6. MarioM says:

    Continua a Ser um SO que não me entusiasma,se calhar começa pelo Design do Smartphones parecer um tijolo rectangular e com cores berrantes.

    • JJ says:

      Windows Phone não é só Nokia! O design do Samasung Ativ S é bem diferente, para melhor na minha opinião.

    • Nome (Obrigatório) says:

      Caso não saibas, quase todos os modelos existem em preto, em branco e em cinzento!

    • JStu says:

      Nem todos são assim caro Mário, mesmo sendo NOKIAS.
      Tenho um Lumia 925.
      O SO é simplesmente fantástico.
      O hardware é mais que suficiente.
      A loja ainda está em crescimento. A meu ver é o único senão.
      Se todos gostarem de amarelo o mundo tomba. Nunca ouviste a expressão?!
      🙂

  7. Sérgio Oliveira Monteiro says:

    “Essas aplicações vão ser baseadas em HTML e JavaScript e vão ser Aplicações Gerais”…

    Creio que não apenas estes dois tipos…mas sim também C# com XAML…

  8. RF says:

    Só espero que tenham criado a simples opção de se criar uma pasta e colocar lá dentro as App’s que se quer ao estilo do ios.. (em vez de estar tudo por ordem alfabética)
    Nokia Lumia 620..

  9. Ricardo Ferreira says:

    Boas,

    Um excelente artigo, no entanto, penso que o título tem um pequeno erro – será “param” e não “páram”

    Abraço

  10. Ivo Pereira says:

    Eu fico muito contente por controlar o volume via software, eu tenho um Lumia 620 e pelo que tenho visto pela internet a fora é normal os botões (Volume, Lock, etc) avariarem-se… eu meu volume up já morreu por exemplo.

  11. Ze says:

    “Há também novidades ao nível do multitasking no Windows Phone. Em vez do processo actual, em que o botão de back termina as aplicações, estas passa a ser colocadas em fundo, tal como acontece actualmente no Android e no iOS.” Nao se esquecam do Blackberry 10. Melhor que qqr outro Sistema neste momento. Estavel, facil de usar, rapidissimo, sem add-ons que sao inuteis.

    • zezito says:

      caro zé a versão actual do WP já permite fechar apps sem ser apenas do botão de Back, já são colocadas em fundo e aparece la a cruzinha para fechar, a diferença nesta versão 8.1 é que podemos fechar fazendo um swipe a semelhança do ios.

  12. Mindows says:

    O WP, é uma grande treta. Tenho um WP 7.8, é tão rudimentar que nem devia ser colocado no mercado. quem não tiver ligação de dados. Não faz nada com este OS da treta. A versão 8.1, dizem que está um pouco melhor, no-entanto, vejo muitos utilizadores completamente decepcionados com a Microsoft e com muita razão. Já para não falar da quantidade de aplicações que tem muito menos que andróide e uma boa parte não dá para nada.
    WP, não recomendo. Haaa, e quem tem WP 7.8, para actualizar, tem que adquirir um novo equipamento porque simplesmente não permite migrar da 7.8 para a versão 8. Sendo a versão 7.8 ridiculamente rudimentar, resta-me comprar um novo smartphone e não cair na mesma asneira de ir para WP mas sim ANDROIDE. Já tive um HTC com windows mobile e era muito melhor a o actual WP, mas nem downgrade posso fazer

    • Nuno Vieira says:

      Androide? Que é isso?

      A decepção é demonstrada pelo crescimento da plataforma. Neste momento é o sistema móvel que mais crescimento apresenta.

      Falas que os utilizadores do WP 7 não puderam actualizar o SO para o 8, mas eu pergunto, quantas pessoas é que se queixam do mesmo no Android? Muitos modelos morrem com a mesma versão que nasceram. Outros têm direito a uma actualização e ficam por aí.

    • Telmo says:

      Criticar WP usando um device com WP7.8 é tão justo quanto criticar Android por usar um aparelho com 256MB RAM e Android 2.3

  13. Daniel Oliveira says:

    Na minha opiniao WP esta cada vez melhor, era utilizador de Android tive varios aparelhos com varias versoes deste S.O e posso dizer que em nenhum momento me senti tao bem com 1 smartphone como agora com o lumia. Desde que o comprei que nao tive um unico crash ou bug ao passo que com Android era raro o dia que isso nao acontecia, o unico ponto em que ainda esta atras é a loja de aplicaçoes mas para o utilizador comum existem todas as aplicaçoes necessarias pelo que em 80% dos casos nao se sente a diferença.

  14. Unknown says:

    Eu utilizo Lumia 520 e gosto imenso. Nunca fica lento, nunca bloqueia, etc…
    Mas penso que Windows Phone vai ficar sempre 1 passo para trás em comparação com Android enquanto que não desbloqueiem o Sistema Operativo para poder utilizar coisas tão básicas como File Manager e enquanto não tiver as aplicações em condições.
    Para além disso, a maioria de aplicações gratuitas no iOS e Android são pagas no Windows Phone (Angry Birds, Plants vs Zombies, etc…) Why?!

    • Nome (Obrigatório) says:

      O WP 8.1 vai trazer um gestor de ficheiros integrado no OneDrive (SkyDrive), mas claro que nada de acesso a pastas de sistema nem coisas do género.

      Enquanto não tiver aplicações em condições? Como assim? Apps de peidos e de temas larilas? Não obrigado! Quantidade é diferente de qualidade!

      • Unknown says:

        Espero que sim, porque o actual SkyDrive não me mostra coisas tão elemntares, como ficheiros mp3.

        Estou a falar de aplicações tipo Youtube (e não MyTube / MetroTube), tipo Currents (e não NextGen), etc…
        Eu sei que Google está em “guerra” com Microsft (ou vice versa), mas acho que deviam fazer alguma coisa para isso, visto que tanta gente utiliza estes aplicativos.

        O meu maior problema é que aplicações e jogos gratuitos para Android e iOS são pagos no Windows Phone. =\

      • Unknown says:

        Ou por exemplo, uTorrent ( e não wpTorrent) que mesmo sacando coisas, saca para uma drive virtual que eu não consigo acessar. :\ este tipo de aplicações e limitações…

  15. MN says:

    Boas, fiquei muito curioso com a parte do WP WinRT. Será que caminhamos para um ponto em que vamos ter a mesma aplicação nas duas plataformas?

    Seria uma boa ideia porque até agora na área das apps a Windows Store continua a ser fraquinha 🙁

  16. pedro says:

    Só espero que WP 8.1 não seja uma versão do tipo “windows Vista” … senão vamos ter que mudar de hardware …. um tlm com 4 GB de RAM … processador com 4 cores, no minimo a 2GHz …. etc

    • Ricardo says:

      Li algures que todos os actuais equipamentos com WP8 vão poder instalar a nova versão, o que inclui o L520 com dual core e 512MB de RAM. De qualquer modo acho impossível qualquer snartphone com WP8 ser lento, a fluidez do sistema é claramente um dos pontos mais importantes para a equipa que desenvolve o sistema

  17. Nuno Lopes says:

    Em Novembro, vendi o meu Sony Xperia U e comprei o Nokia Lumia 520. Fi-lo porque o Xperia não aguentava com o android 4.1 ao ponto de não me deixar atender chamadas e fazer tarefas básicas. Não esperava muito do Lumia até ao momento em que lhe pus as mãos, o SO é extremamente simples e fluído, corre sem qualquer problemas todas as aplicações que instalo e posso dizer seguramente que não sinto falta de nada do que tinha no android, muito pelo contrário, vim de um telefone encravado numa versão desactualizada do android para um que irá receber a mais recente actualização do seu sistema. Certamente o meu futuro telemóvel será também Windows Phone.
    Quero parabenizar o Pplware pelo excelente artigo em bom português e pela aposta neste SO que para mim é o melhor e representa o futuro do mercado móvel 😉

  18. Rui says:

    Eu tenho um Lumia 620 há cerca de 9 meses e não podia estar mais satisfeito. A dada altura cheguei a ter alguns problemas, nomeadamente o ecrãn que bloqueava e só se conseguia resolver abrindo o aparelho e retirando a bateria. No entanto, depois de ter instalado o Amber nunca mais tive qualquer tipo de problemas e as melhorias de desempenho foram notórias. O SO é super estável e em termos de autonomia, mesmo tratando-se de um dos modelos mais fraquinhos da gama Lumia, ainda assim consigo ter à vontade mais de 2 dias entre carregamentos com uma utilização “normal”. Por tudo isto estou em pulgas pela chegada do WP8.1

  19. Jorge Nunes says:

    Será o WP um SO assim tão ruim? Será que dentro de poucos anos não estará a Microsoft a dominar os SO móveis?

    Quem nunca viu no YouTube os vídeos sobre “O Futuro segundo a Microsoft”.

    Parace-me que a Microsoft têm um projecto bem definido, a integração dos seus vários SO (Windows 8, WP8, “XBox”)numa plataforma global irá permitir desenvolver os mecanismos que permitirão desenhar o futuro de acordo com as previsões que podemos ver nos vídeos.

    Será que as outras empresas também têm uma visão do futuro assim?

    Que ganhe a melhor, nós consumidores só temos a ganhar

  20. Mike says:

    A minha opinião é que o Android é um SO melhor que WP mas isto não quer dizer que seja mais fiavel. Tive Android durante muito tempo e há uns meses troquei para um Samsung Ativ S. Telemovel com muito bom aspecto, SO muito bonito na minha opinião (os live tiles são realmente bonitos), mais tempo de bateria que num Android equivalente (mesma gama de preços), no entanto apenas tive o telemovel durante 2 meses…e isto porquê? Então cabe na cabeça de alguem não se conseguir transferir as sms de um telemovel antigo para o WP? (existe uma app da Nokia que supostamente faz isso, mas ora não funciona em alguns telemoveis ou não funciona totalmente). Como é possivel não ter uma notificação persistente de um sms ou email? Como é possivel a Microsoft incentivar as pessoas a aderir ao outlook.com e criar um alias dos varios endereços de email e depois apenas deixa enviar a partir de um endereço primário?
    Tudo isto e mais algumas coisas fizeram-me “despachar” o telemovel rapidamente e voltar ao android. Sei que Android não é tão fiavel, mas pelo menos não tem algumas falhas criticas (a meu ver) do WP.

  21. Adamastor says:

    Tenho o nokia lumia 925 e estou mto satisfeito com o wp8, mas tambem a diferença foi muita em termos de qualidade pois saltei de um iphone 😀 que detestei e joguei no lixo

  22. Jeferson says:

    Já tive tablets e smartphones android e atualmente tenho um Lumia 520 windows phone 8,não me arrependo de te-lo comprado apesar da falta de espaço e opções de armazenamento estou muito (MUITO MESMO!!!) satisfeito com meu lumia 520.

    O QUE ACHO DO ANDROID?

    R:logo que eu tiver $$Tempo$$ sobrando comprarei um smartphone ou tablet android (ficarei com os dois) pois assim como o Windows Phone
    ele tem suas qualidades e defeitos,eu particularmente acredito que não posso criticar algo se eu não puder fazer melhor.

    NÂO ESTÀ SATISFEITO COM ANDROID OU WINDOWS PHONE?…

    na proxima vez pequise antes de comprar,simples assim.

    *desculpe se ofendi alguem não foi minha intenção,mas há “pessoas” que só querem puxar o saco do SO que gostam e não respeitam a opinião alheia.

    Parabéns aos desenvolvedores de todas as plataformas pelo ótimo trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.