PplWare Mobile

USB 3.0, vale a pena? eis a questão…


Entusiasta do software, tudo começou com uma programação de Basic no Spectrum 128K do irmão mais velho! Desde aí, nunca mais parei!

Destaques PPLWARE

  1. Élson Medeiros Melo says:

    Tenho a pen kingston hyperx usb 3.0 64gb comprei a mais de um ano, que me custou 169€.

    Eu estou muito satisfeito, e uma loucura a copiar documentos numa porta com USB 3.0 não troco esse pen por outra qualquer nesse momento.

  2. Bruno Moreira says:

    Não dispenso as minhas 3 portas 3.0. Só tenho uma 2.0 para uma ou outra coisa que não seja compativel com as 3.0 ( O meu rato sem fios por ex )

    • Jose says:

      Os dispositivos USB 2, funcionam em USB 3, da mesma maneira que dispositivos USB 1 funcionam em USB 2 e 3…

      Até Pens USB 3, funcionam em USB 2, sempre foi assim.

      • Miguel Mota says:

        Mentira o meu rato sem fios também tem incompatibilidades com Usb 3.0 o que não acontece com Usb 2.0 🙂

        • Daniel says:

          Não existe incompatibilidade entre as portas 2.0 ou 3.0, apenas diferentes velocidades de transmissão de dados / carga.
          Se o seu rato naõ funciona nada tem a ver com o tipo usb 3.0 Garanto!

  3. RickPinto says:

    Uso e logicamente prefiro.
    Somente nao gosto do cabo em si, pois e mais grosso k o anterior.
    Nao cabe na bolsa do meu hd externo… lol

  4. S Pimenta says:

    USB 3.0 é o futuro, e já passou tempo suficiente para que os preços estivessem acessíveis e uma grande gama de produtos que a suporta.

    Alguns dos meus aparelhos investi para o USB 3.0: disco externo (Western Digital 89€ 2tb), pen USB (Transcend 26€ 32gb), leitor cartões (Lexar).

    Resposta ao titulo do artigo “USB 3.0, vale a pena?” é claro que sim, desde que não iremos por produtos muito high end que os preços ainda são absurdos, mas já existe uma grande variedade de preços acessíveis.

    • Cruz says:

      USB 3.0 é o futuro? deves andar parado no tempo… o futuro é provavelmente USB X.0 , mas na duvida apenas se pode dizer que qualquer que seja o futuro, o futuro aceita visa.

  5. Rui says:

    A meu ver não compensa muito… raramente já uso pen’s e isso! estando o cloud já tanto em voga e os home NAS já só vejo necessidade para as USB 3 na questão da energia para carregar os telemóveis, e quando a isso não seria dificil arranjar soluções mais baratas!

  6. João Reis says:

    Obviamente que USB 3.0 não será o futuro. Algo do genero do thunderbolt. A Intel já tem isso, está a espera do timming ideal.

    • Francisco Cirne says:

      O thunderbolt já está disponível para PC salvo erro desde o inicio do ano e a Apple já o usa à mais de ano! Neste momento está nos 10gbts mas no inicio de 2014 já vai passar para 20gbts

  7. SexOnaSal says:

    Alguém me sabe confirmar se somos obrigados de vez a usar outlook quem tinha hotmail?

    É que hoje deparei-me automaticamente com o outlook..

  8. Ric says:

    “ainda poder assistir a vídeos full HD sem ter de os que copiar antes para o PC.”

    A serio que escrevem isso ? Com uma pen normalissima de usb 2.0 consigo reproduzir sem problemas um mkv a 1080P via pen…

    • João Ramiro says:

      depende da bitrate e da resolução real.. alguns consegues, outros não 😉

    • Mr. Antunes says:

      Deves ter uma bela pen!

      1080 e audio HD através de USB 2.0 só para quem gostar de soluços…

      • JJ says:

        Peço desculpa… mas eu tenho uma Kingston 16GB, 2.0 e vejo filmes 720 e 1080, audio HD, através do meu media player… e não tenho falhas.

        A pen fica “arder” quando acaba o filme, mas não falha. lol

        Se disseres que estas a usar a pen no PC para ver o filme, ai acredito. Mas em media players não falha. Digo por experiência própria…

        PS: Se a pen é de 16GB, logicamente não será filmes que ocupam 32GB… Qualquer das formas na minha opinião um filme 1080p a ocupar uns 10/12GB já é qualidade mais que suficiente, pelo o menos para a minha TV 32″… (mas já testei resoluções maiores, via rede).

      • m4x says:

        Pelos vistos tu deves ter uma bela duma pen sim porque eu nunca tive nenhuma que não consegui-se usar para reproduzir 1080p 5.1 DTS…. devo ter muita sorte nas pens.

        Gostava de saber que pen usb 2.0 é que não tem velocidade suficiente para um filme… mesmo que o filme use 50 Mb/s, que não usam, isso são apenas 6 MB/s… as tuas pens não conseguem transmitir a 6 MB/s?

        Como achas que as pessoas vêm filmes nessa qualidade por USB directamente na TV e em cenas tipo RaspPi e outros?

        Posso-te dizer por exemplo que há duas semanas atrás um amigo comprou uma samsung nova e eu fui com ele a casa para montar aquilo e configurar, e ela comeu todos os vídeos que lá meti com a minha pen, incluindo alguns daqueles vídeos de teste com bitrates absurdos e que muitos discos multimédia nem conseguem correr sem brecar.

    • Ismael says:

      dependendo da taxa de transferência ele roda dando umas travadinhas…rodo filmes do meu pendrive e acontece isso, comprei um hd externo pra ver se resolvo esse problema

  9. João Meixedo says:

    Sinceramente, não vejo grande lógica na questão feita pelo artigo. É óbvio que vale a pena para quem tenha de manejar grandes blocos de informação. E mesmo para quem faça transferências menores, a diferença de tempo é sempre considerável.
    A diferença de preço dos discos externos USB 2, para 3, já é muito pequena e compensa investir nos mais rápidos. Ainda vai demorar até o Cloud Storage começar a oferecer 1GB, 2GB ou mesmo 3GB como já temos em discos externos, e até a nossa taxa de upload nos permitir interagir com a cloud à mesma velocidade com que o faço com o meu disco USB 3, então ainda mais vai demorar.

  10. Luis Silva says:

    Comprei uma placa PCI-e com usb 3.0, e tenho um disco WD USB 3.0, vale mesmo a pena, só pena não ter nenhuma pen de grande capacidade para usb3.0

  11. lmx says:

    Já tenho uma ha uns tempos…mas ainda não tenho maquina USB 3.0…é uma pena…falta-me o hardware… :S

    cmps

  12. José Pedro says:

    Para quem usa net móvel 4G é essencial ter uma porta usb 3.0, se não ficam limitados…

  13. Pynto says:

    USB 3.0 não é o futuro, é o presente.
    No entanto aquele gráfico não pode estar correcto, ou então foi testado num disco de muito má qualidade…

    • lmx says:

      não tem nada a ver…o usb que é vendido hoje em dia…ainda é a banha da cobra…

      O usb 2.0 sempre foi a banha da cobra…vai ser sempre assim… o protocolo aguenta velocidades incríveis…mas depois as memorias e os controladores que estão nas pens são extremamente lentos…

      Conclusão…vende-te um usb 3.0 que nem sequer atinge as taxas do protocolo usb 2.0…é o costume portanto…

      O usb 2.0 suporta 480mb/s, ou seja 60MB/s…de dados reais supostamente apenas dá 35MB/s, estranho não?!

      No entanto nunca tive uma pen que funcionasse a ~80% deste valor…nesse caso coloca-se a questão…para quê USB 3.0 se o 2.0 serve perfeitamente??

      É tudo uma questão de marketing…

      cmps

      • Mr. Antunes says:

        O que falas são valores teóricos, com as colisões/ruidos/interferências/etc é normal que não se atinja o valor teórico.

        Com um disco externo decente, obtens velocidades médias de 50-60 MB/s indo até aos 90 MB/s. Poder finalmente aproveitar a velocidade de um disco externo é muito bom! (sem ter que gastar uma pequena fortuna)

        O gráfico apresentado no artigo deve ser de “pens” standard 😛

        • lmx says:

          o problema é que nas pens não atinges isso porque pura e simplesmente os controladores das mesmas e a propria flash usada são lentos…por isso nas pens a diferença não hade ser muita…

          Como digo a norma usb2.0 para pens estava muito bem…agora…desde que lhe coloquem controladores de jeito e flash de jeito…ias ver aquilo a voar(baixinho lol, ou seja dentro dos parametros da norma).

          cmps

  14. Ru1Sous4 says:

    USB 3.0 só dá 45Mb, q treta :\

    • RM_Dragao says:

      Rui,

      Vê o que é que está a causar essa velocidade, há vários factores que a podem estar a condicionar. Na minhas ligações frequentemente verifico velocidades na ordem dos 90MB/s.

      Não troco as minhas ligações USB 3.0 por nada!
      RM

  15. Jorge Rodrigues says:

    isto é tudo muito bonito mas há 6 anos que as portas firewire 800 fazem o mesmo que o USB 3 faz hoje…

    e não.. não troco o meu disco de 1 TB com firewire 800 por algo com USB 3.0 .. pelo menos enquanto o disco funcionar

  16. Marco Lima says:

    Bem então e se fizermos uma simples compraração: usb 3.0 vs e-sata? na altura que comprei o meu portatil (+/-4 anos) era o que estava a dar então decidi comprar uma caixa para um disco 2.5 que tinha no qual preferi que esta tivesse interface e-sata e consigo velocidades semelhantes a estas novas usb 3.0, não vejo interesse em comprar um adaptador para ter usb3.0 sinceramente!

    • Mr. Antunes says:

      Com USB não precisas de ter mais um cabo para o disco nem de andar à procura de mais uma tomada para o disco, basta um.
      E tenho ideia que USB costuma ser mais barato…

      Mas no teu caso já não vale a pena 😉

  17. Paulo Cesar says:

    Tenho um HD externo USB 3.0 que comprei pensando que poderia transferir dados a 5 Gbps porém fui enganado pela propaganda que induz o comprador ao erro. O máximo que consegui com meu HD foi 750 Mbps e o fabricante disse que o problema estava em algum componente do meu micro. Depois de pesquisar sobre o assunto descobri a verdade: A velocidade de 5 Gbps é a “velocidade máxima teórica” que o padrão USB 3.0 “pode” atingir, porém os fabricantes por razões técnicas até hoje não conseguiram fazer com que seus dispositivos atinjam esta velocidade e não explicam isso com letras grandes nas embalagens dos produtos, ao contrário, nas embalagens anunciam com grande destaque que “o USB 3.0 é 10 vezes mais rápido que o USB 2.0”.
    Não digo que 750 Mbps é uma velocidade ruim (é quase 3 vezes maior que o USB 2.0) mas odeio propagandas enganosas e com o esclarecimento que tenho hoje em dia sobre este assunto não comprarei outros dispositivos com este padrão porque não quero ser enganado novamente. Só comprarei dispositivos USB 3.0 quando os fabricantes lançarem produtos que atinjam a velocidade máxima do padrão pelo qual estou pagando (5 Gbps); aliás deveria existir alguma lei que proibisse os fabricantes de comercializarem produtos USB 3.0 que não atingem 5 Gbps.

    • Tens que ver que com um disco mecânico nunca vais conseguir transferir dados a essa velocidade… são limitações físicas, em que o próprio sistema não tem culpa nenhuma. O problema disso tudo é que há muitas variáveis, é como as ligações ADSL, 8mbps… no máximo e mais umas letrinhas, todas em pequenino!

  18. JB013 says:

    já existem pen drives de grande capacidade tipo 250,500GB há alguns anos(4 anos pelo menos) só que o preço era quase .50€ o giga aprox. agora é natural que que os preços estejam muito mais baixos e com a vantagem do USB 3.0,o que não existia nos equipamentos de armazenamento,sim compensa sem duvida,eu vi o vosso gráfico exposto no inicio da peça e posso-vos dizer que consigo velocidades um pouco mais elevadas,mesmo com muitos ficheiros ou tamanho do mesmo,geralmente consigo passagens na volta dos 65MB/s,por isso vale mesmo a pena e agora os preços são muito,mas muito convidativos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.