PplWare Mobile

E se o futuro das comunicações não estivesse nem no Wi-Fi nem nas redes móveis?


Fonte: Oppo

Gestora de conteúdo e de redes sociais do Pplware. Mestre em Economia, foi o fascínio pelo universo da tecnologia e da comunicação que falou mais alto.

Destaques PPLWARE

  1. Técnico Meo says:

    Qual a gama de frequência utilizada ? Power?

  2. Joselito says:

    Walkie-Talkie?

    • rjSampaio says:

      não é bem, a vasta maioria dos Walkie-Talkie não pode ser usada para aumentar o tamanho do alcance.

      Isto é, se cada um der para 1km, existem equipamentos Walkie-Talkie que permitem fazer relay da frequencia, e tens entao malta a falar a muito mais que 1km

    • Blackbit says:

      Sinais de fumo

      Ja não é o primeiro a querer criar uma rede mesh com os dispositivos dos utilizadores mas infelizmente nunca passaram para o grande publico.

      • Joaquim Alcobia says:

        “(…)infelizmente nunca passaram para o grande publico.”
        Mas há-de chegar o dia. Eu já defendo essa teoria há muito tempo.
        Com tecnologias que vão naturalmente aparecendo que melhoram o consumo/segurança/velocidade comunicações sem fios , o passo seguinte é, naturalmente esse. (Minha opinião , claro!)

  3. Cristiano Quintela says:

    Vai ser muito bom para se fazer ataques de man-in-the-middle…

  4. Movimento Português de Prevenção do Electrosmog says:

    Ideias idiotas não faltam, mas quem paga os danos da irradiação compulsiva das pessoas com e sem o smartphone? As seguradoras das seguradoras não cobrem riscos EMF de operadores nem fabricantes, o risco é ‘alto’, segundo a Swiss Re. Até quando é que os senhores vão continuar a divertir-se como se isto tudo fosse um jogo virtual?

  5. RJ45 says:

    E eu, feito parvo, a pensar que a notícia era mesmo sobre o futuro mas afinal é sobre o passado. Boa…!

  6. paulex says:

    Boa alternativa ao SIRESP 🙂

  7. Luis says:

    Como pode ser o futuro das comunicações se tem um alcance tão limitado?

    • rjSampaio says:

      é mais para o caso de não existir infraestrutura, como em areas rurais ou em caso de desastre onde as antenas dos operadores não estejam todas funcionais.

  8. crazytechman says:

    Não me importava de ter um desses no meu carro de trabalho, com um pequeno painel solar aposto que o consumo de bateria seria quase zero. Os carros já estão obrigados a ter sistema de comunicação em caso de acidente, porque não potenciar o carro como relay destas redes. Normalmente encontro-me a menos de 3 km do meu carro, logo tinha um alcance extra garantido.

  9. André lima says:

    Tecnologia como essa se liberadas para a massa podem revolucionar as comunicações entre as pessoas e dispositivos, será ué vão deixar ir a frente. Desde o início do lançamento dos smartphones isto já deveria ser possível, enfim, são “smart” fones

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.