Quantcast
PplWare Mobile

Eventos Pokémon Go são um sucesso pelo país

                                    
                                

Autor: Andreia de Almeida


  1. Joao Sousa says:

    Eu participei na caminhada em faeo, e pelos visto estou numa foto neste artigo heheh
    Foi muito bom, espero que aja mais destas, e melhores ainda 🙂

    • Helena says:

      Pois, mas isso é o tipo de informacão que deverias guardar para ti mesmo… sabes, ter um pouco de vergonha na cara.

      • Alfredo Costa says:

        Vergonha deviam de ter pessoas que se incomodam com os hobbies e bem-estar dos outros.

        Quem não gosta coma só as batatas.

      • Gr0ove says:

        Lá por teres hobbies e gostos diferentes não quer dizer que os dos outros sejam melhores ou piores…deves ser uma triste e frustrada…

      • MACnista says:

        ehehehehe +1, boa!!

      • Hugo says:

        lol estás a falar a sério?
        A tua vida deve ser tão séria tão séria, que até chateia 😛

        • Frankie says:

          Eu nao tenho nada contra os hobbies alheios, e acho muito salutar que se divirta e se entretenha socialmente.

          So nao devias era desleixar a escola…”haja” 😉

        • Ricardo Saraiva says:

          ja a tua e uma bandalheira, passas aqui a vida e n passas de um puto parvo e desempregado

          • Hugo says:

            Será? LOL
            Já pelo teu comentário pareces-me uma pessoa muito madura, não haja dúvida.

          • Hugo says:

            Ao contrário das tuas tangas…eu posso dizer que tenho um emprego, ganho relativamente bem, tenho casa, mulher (filhos não :P) e ainda posso andar aqui o tempo que bem me apetecer.
            Acredita, já vivi uns bons anos e trolls como tu ainda não se vêm ao fundo do horizonte e já bate o cheiro. Dá-te ao respeito se queres ser respeitado rapazinho.

      • says:

        É triste quando até pelo hobbies que se tem uma pessoa é julgada. Se ele gosta de caçar pokemons qual é o problema?? Quem deve ter vergonha na cara é quem vem julgar o que cada pessoa é livre de fazer. Uns gostam de ir à pesca, outros de ir às compras, outros de ir a feiras tecnológicas, outros de sair à noite, outros de fazer desporto, outros de jogar jogos em consolas, … Epa cada um tem os seus gosto e já cansa andarem sempre a mandar abaixo quem gosta de fazer isto … Cuidem da vossa vida, e dos vossos gostos, porque cada um sabe de sim. P.S- Não, não jogo Pokémon mas mesmo assim não tenho nada contra quem gosta de o fazer.

      • PP says:

        Don´t feed the troll

    • Sandra says:

      João, que andas nos pokemons é na boa, mas não te gabes disso.
      Ja tens idade para teres juizo…. Já que não tens idade para saberes escrever haja.

  2. Zemana says:

    Se fosse para trabalhar ninguém aparecia 😀

  3. jeton90 says:

    Muito bem, logo aparece para dar uma ajuda aos bombeiros e vamos todos sensibilizar as pessoas para apagarem os cigarros, para não deitarem foguetes entre outras coisas…

    É muito fixe ser voluntário

  4. ireis says:

    O que me incomoda neste suposto “hobbie”, é que infelizmente vejo mais gente graúda à procura de pokemons, que à procura de emprego …

    • Miguel says:

      Se achar emprego em portugal fosse tao facil como apanhar pokemons estavos todos felizes…
      O problema é mesmo arranjar um trabalhinho, ate para receber 500 euros nun supermercado quase que precisas de cunha

      • Ricardo says:

        Triste realidade, mas também há casos em que as pessoas preferem receber o sub de desemprego do que receberem mais 80€ e trabalharem 8h p/semana + gastos de transporte.

    • says:

      Então e com esse comentário quer afirmar que existe uma relação directa entre Pessoas que jogam Pokémon/Pessoas que procuram emprego? Quer ver que só joga Pokemon quem procura emprego? lol

  5. Vítor Moreira says:

    Com Pokemons nunca participei mas em anomalias (Ingress) 🙂 🙂 🙂

  6. Luís says:

    O mundo agora sim, já pode acabar… ou pelo menos a humanidade. Já batemos no fundo.

    • Hugo says:

      Sim. Isto é bater no fundo.
      Já uma tourada, uma procissão etc etc etc (podia estar a tarde toda a enumerar “eventos” com a mesma utilidade que o pokemon) são bem vistos por todos e muito úteis para o desenvolvimento da sociedade.

  7. Rui C. says:

    Triste é ter que se arranjar uma desculpa como um jogo , para socializar e sair de casa.
    Fico a pensar como é que no tempo dos meus pais e avós aquele gente socializava, visto que nem telemóvel nem internet tinham.
    O problema dos jogos de realidade aumentada é que saiem de casa, mas na rua parecem marrecos de estarem sempre de cabeça baixa. O que para a saúde é bestial.
    Daqui a 5 anos vamos ter as consequências do tipo de utilização da realidade aumentada nos SmartPhones e tablet’s. 🙂

    Eu jogo em casa no PC , e vou a todo lado apanhar pokemons. 🙂

    • Dedo Maroto says:

      Normalmente socializavam com uma sachola, a trabalhar das 6 da manha ás 9 da noite, queres voltar a esse tempo? Era muito melhor e humano não era?

  8. Joao Sousa says:

    enfim.. uma pessoa faz um comentário numa publicação é logo alvo de criticas, cada um faz o que faz e ninguém tem nada com o que eu faço ou deixo de fazer…. se não gostam, nao vou mudar isso.. o que interessa é que eu goste (é que nem me conhecem para estarem assim a criticar dessa forma)

    fui, foram momentos bem passados, e de novos conhecimentos e amizades……. pois não tenho nada contra isso, CADA UM É LIVRE DE FAZER O QUE QUISER

    e já agora.. lá por faltar uma letra numa palavra ou coisa assim, não significa que não saiba escrever… e também tem outras falhas… mas acontece… tantos erros que existem por esta internet.. e ainda ainda piores como escrever PORTUGAL com “U” como ontem estava no top trends no twitter “prayforportugual”

    mas agradeço pela “atenção” que deram em corrigir-me

  9. joao matos says:

    Como é iniciado o desenvolvimento do título: ‘O jogo de realidade aumentada Pokémon…’ Eu diria jogo de realidade diminuída, porque ‘Jogo de realidade aumentada’ são as notícias que dia após dia e ano após ano aparecem nos noticiários. Um exemplo de ‘realidade aumentada’? Aqui vai 🙂 a tua casa apanha mais sol do que a minha, logo vais pagar mais IMI. Toma! Realidade aumentada! 🙂

  10. Nuno Silva says:

    Vim pelos comentários e não sai decepcionado 😛

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.