PplWare Mobile

Sabe qual é o “frame rate” do nosso olho?

                                    
                                

Imagem: BioMech Eye_ALT by InfiniteCreations

Autor: Vítor M.


  1. Naodouonome says:

    Mesmo a 24 nota-se, tem tudo a ver com a quantidade de acção que existe no momento, o que acontece é que nos filmes é dado a volta com motion blur.

  2. António says:

    Esta história do FPS que o olho capta é mais velho que os tempos. Mas com toda a certeza de 10 FPS não é.
    Quem tiver um monitor de 120 FPS ou as taxas de atualização, ao voltar para os 60hz vai sentir a centil ação logo o cérebro capta essa falta de informação entre os 60hz e 120hz..
    Quem tiver dúvidas veja vídeos no YouTube a 120hz que compara no mesmo vídeo uma animação de 60 FPS e 120 FPS e vão notar diferenças na fluidez.

    • JL says:

      Depende do nível de concentração e objectivo para notar diferenças. Ver o video 120, 60 ou 24fps em modo relaxado, pouca diferença vai-se notar.

      • PeFerreira says:

        Acho que também podes meter a variável ‘habito’ nessa equação.
        Uma pessoa que esteja 95% do tempo em video ou jogos com frames e tx de atualização elevada num PC não deixa de notar a diferença mesmo ‘relaxado’ quando vai ao cinema ou vê um filme na TV.
        Eu vou raras vezes ao cinema, mas quando vou, pergunto sempre onde meteram a fluidez das cenas ou porque que as cenas rápidas parecem tão ‘desfocadas’/bassas (motion blur)’.

        • JL says:

          Se o ‘hábito’ é estar concentrado no jogo e levar esse nível de concentração para o cinema, claro que vai notar algo. Mas manter níveis altos de ‘hábito/concentração’ não é saudável para o cérebro e para o coração.
          Relaxa e joga menos.

          • PeFerreira says:

            Jogo 1h por dia se tanto. Infelizmente já estou na idade adulta e o tempo é super limitado.
            No entanto não é só o jogo que conta. Tens telemóveis com refresh rate elevado, as câmaras (modo vídeo) já praticamente vêm por default a 60fps, desde a era da ps4 que 60fps também existe….
            Se és uma pessoa relaxada que não tem muito contato com a tecnologia diariamente, bom para ti.
            Mas cada vez mais haverá pessoas que entenderão o meu ponto de vista felizmente ou infelizmente.

  3. António says:

    Existe um estudo de 2014 que demonstra que o cérebro demora cerca de 13 milissegundos a captar e processar uma imagem. Isto traduduzido para FPS daria cerca de 76FPS.

    • ramar says:

      13 milisegundos não tem nada a ver com frame rate pois somos analogicos e nem sequer latencia que é o que ‘medes’ nos monitores em milisegundos frame rate são imagens por segundo e não milisegundos chega ou tens que googlar para perceber melhor?
      alem disso devias deixas o link desses estudo para o pessoal ler e perceber se percebeste bem. boas

      • António says:

        LOL, talvez se reler o que disse entenda melhor…. Para já não somos analógicos, somos biológicos.
        FPS = Imagem por segundo que é igual a imagem por 1000 milissegundos. Tal como nos monitores, há necessidade de converter/apresentar o “sinal” para uma imagem e isso leva tempo. O nosso cérebro precisa de 13 milissegundo para criar essa imagem. Em grosso modo divides 1000ms (1s)/13 e dá os 77FPS.
        Quando se fala em monitores de 60hz isto quer dizer que só conseguem apresentar uma imagem a cada 16,5ms (16,5*60)=990ms que são o tal 1s.
        Ms nos monitores é outra história totalmente diferente. Basicamente é o tempo que demora a mudar de uma cor, normalmente preto para branco para preto ou outro tipo que é GtG.
        Mas para si aqui vai a fonte. (mas quem manda Googlar também podia ter Googlado)
        Dos 13ms;
        https://mollylab-1.mit.edu/sites/default/files/documents/FastDetect2014withFigures.pdf
        Dos Ms do monitor (cor para cor)
        https://www.viewsonic.com/library/tech/what-is-response-time-for-monitors/
        Um bem haja…

        • Obvio que 60fps dá diferenca says:

          Adoro filmes com 24fps pois cria um suspense assim seu cerebro complementa a cena. Assistir filmes a 24fps faz com que saibamos inconcientemente que estamos assistindo um filme e nao assistindo televisao a 60fps. Fazer filmes 60fps é para gente amadora que nao tem glamur em reconhecer um classico filme em 24fps. Consigo ver a diferenca de 10fps, 24fps, 30fps, 60fps. Nao tenho monitores acima de 60fps para testar o limite. Provavelmente o limite dos monitores tera como base o calculo os 13ms do cerebro. Mas como nossa taxa de processamento cerebral e visual e coracao é variavel, entao esse limite de 13ms pode ser maior ou menor dependo do estresse. Alguem que pilota um caça com adrenalina no maximo deva enchegar uns 200-300fps. Mas uma pessoa sem estress deve ser 77fps. Entao, deduzo, com a adrenalina e picos de estress no maximo, a taxa de imagem de um monitor sincronizado com olho humano, pode ser que o monitor precisaria de uns 1000fps. Mas acredito que seria picos de estress, portanto voltaria para base normal de calculo. Ou seja, monitores de 300-600fps ja bastam para um humano normal em paz

        • Enfim says:

          Enfim, nada melhor que curtir 24fps de um bom filme. 60fps acho ideal para uma programacao de TV, novela, ou telejornal. Viver na normalidade e limitacao é muito bom. Adoro os meus 77fps entao

  4. DJ says:

    Antes de bititar, vejam o video

  5. JL says:

    É uma taxa variável e depende de situações. Em situação de perigo, processamos mais imagens de tal modo que parece que o tempo passa mais devagar. Acredito nos 10fps quando estamos em momentos mais relaxados como a ver um filme. Manter altos níveis de processamento de imagem é cansativo por isso é que é variável.

  6. PeFerreira says:

    Sou o único que penso que os tradicionais 24fps cinemáticos já deviam de passar a história e aplicar obrigatoriamente os 60fps? Farto de frame cuts e motion blurs em grandes ecrãs. Até um iPhone tem mais fluidez.

    • Luis Henrique Silva says:

      eles não tiram os 24 e passam para 60 poor causa da edição, já vieram explicar que passar a fazer filmes de 60fps é o dobro do tempo na edição das imagens do filmes, pois tens mais fotogramas para editar a cada segundo….

    • Luis Henrique Silva says:

      Por outro lado, eu por acaso gosto de ver videos em 60fps, gosto de ver a fluidez….mas muitos preferem não ver…..mas pronto….

  7. Ed says:

    Secalhar o framerate das pessoas não é todo igual pois noto diferença de um vídeo a 30fps para 60fps

  8. António says:

    Será que não notam a diferença ????

    24 vs 30 vs 60 Fps

    https://www.youtube.com/watch?v=_SzGQkI-IwM

  9. Alphie says:

    O que interessa para o artigo dizer que é youtuber de renome? Não o conheço de lado nenhum por isso para mim é um gajo qualquer. A única coisa que realmente interessa é que é um vídeo de quase meia hora a ouvir um gajo qualquer a falar e que o mais importante vem escrito no artigo. Portanto dispenso totalmente o vídeo.

  10. N1ldo says:

    Eu particularmente consigo ver toda a “tremura”dos filmes em 24fps e em algumas cenas é tanta que me encomoda.
    Uma vez assiste um filme em 60fps achei muito melhor, me senti mais imersivo quase que dentro do filme, infinitamente melhor.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.