PplWare Mobile

Dica: Como ativar as novas medidas de segurança que a Mozilla trouxe ao Firefox


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. AJCS says:

    Estou a gostar bastante deste Firefox.

  2. Luisa says:

    Devo marcar a opção Cookies?

  3. Daniel says:

    Não sei que magia negra fizeram nessa versão do Firefox que conseguiu superar o Chrome em rapidez de abrir páginas, mesmo as páginas que antes era modificadas pelo Google (como YouTube) para ficarem lentas no Firefox agora estão mais rápidas do que nunca.

  4. Mario says:

    Estou seriamente pensando em largar o Chrome e migrar pro Firefox, estou gostando do alto poder de customização, ampla quantidade de extensões, as novas features embarcadas na versão 67, o baixo consumo de RAM com GWG ativo e a rapidez em abrir páginas web.

  5. Nuno says:

    No smartphone uso a mesma fórmula do PC:
    Firefox + uBblock Origin + DuckDuckGo
    e a vida é muito melhor, no que se refere a navegar na net.

  6. CMatomic says:

    Este Firefox esta muito bom .

  7. tiago says:

    Onde encontro este modo escuro nunca encontro para o firefox e chrome.

  8. zedoido says:

    Pois bem, olhando para a imagem….

    Acho estranho, que Trackers, apenas se encontre activo para “Apenas em Janelas Privadas”, assim sendo somente tem efeito, quando estamos em Private Mode no Firefox.

    Acho estranho, que em Cookies, não seja feita qualquer tipo de referencia, deixando o campo, sem qualquer tipo de directiva.

    Acho estranho, que Cryptominers e Fingerprinters, estajam dados com ativos.

    Vejamos, o caso para o Cryptominers e Fingerprinters:

    Por definiçao Fingerprinters, mais não são que diferentes formas de sermos rastreados e identificados pelo sistema em todas as suas várias configurações. Assim toda e qualquer alteração, modificação em termos de Preferências exercidas ao Firefox, podem e são utilizadas para identificarem o utilizador na WWW.

    A diretiva responsável pelos Fingerprinters é esta:

    privacy.resistFingerprinting;false

    (Existem mais, mas esta é esta a mais importante)

    Mesmo depois de alterações serem executadas via exemplo dado em imagem (e socorrendo-nos desta opção), esta prevalece sempre com o valor=false, sendo que deveria ter como valor=true, ficando desta forma:

    privacy.resistFingerprinting;true

    (com a alteração para “true”, todas as configurações exclusivas, quando se visita um qualquer web site, estão ocultas para esses mesmos web sites.)

    A ÚNICA forma de ultrapassar esta “oferta” do Firefox é via about:config e alterar para:

    privacy.resistFingerprinting;true

    E esquecer que existe agora novidade!

    Olhando para browser.safebrowsing.provider.mozilla.lists, é visível muita coisa, mas o que interessa é mesmo isto:

    base-fingerprinting-track-digest256, content-fingerprinting-track-digest256, base-cryptomining-track-digest256 e content-cryptomining-track-digest256

    O que me parece pela análise acima, é que o Firefox tenta proteger alguns sites (muitos poucos) com esta prática de “privacidade”.

    Obviamente se formos mais “agressivos” na implementação de outras medidas (about:config), alguns sites podem deixar serem visionados (o que não se perde/perderia nada de muito relevante).
    Ainda é bastante cedo para se saber quais as listas são utilizadas pelo Firefox, mas duvido que sejam melhores que o uBlockOrigin e pelo Canvas Blocker (esperemos que o sejam).

    PS: caso desejem optar pela privacidade dada pelo Firefox, não devem usar aplicações de terceiros, para esta finalidade.

    Penso que seria interessante, se as opções de Fingertprinting apresentadas neste momento, pudessem de forma satisfatória realizar o que é feito pelo Canvas Blocker (menos um penduricalho como addon).

    Assim, não irei usar estas opções e sim continuar a utilizar o Canvas Blocker, uBlockOrigin para tal conjuntamente com uMatrix, os quais me resolvem estes e outros problemas.

    Enquanto isso, continua a ser um vazadouro de informação extra o Firefox, algo que pode e deve ser melhorado pelo utilizador, mas convém dizer, melhor NÃO existe e ainda bem, sendo esta uma das mais valias do Software Open Source, por isso…

    PARABÉNS Mozilla Foundation, por podermos pesquisar, alterar, modificar e melhorar o que se esconde por…debaixo dos panos.

    • Honorio Santos says:

      Nao é só no modo privado que os antitrackers trabalham, eu tenho tudo marcado, e na janela da direita passei de “janelas privadas” para “todas as janelas”.
      Assim trabalha tudo a 100% em todas as janelas.

  9. tiago says:

    Exato junior sei que o firefox tem o tema escuro que já vem mas do que tem por fora como está na imagem não encontro.

  10. Honorio Santos says:

    Faltou referir no artigo, que também podem passar o modo de “janelas privadas” para “todas as janelas” e assim usufruir sempre da protecção a 100%.

    • zedoido says:

      @Honorio Santos, certamente tens outros conhecimentos e quem sabe outras ferramentas, para afirmares:

      ” “Faltou referir no artigo, que também podem passar o modo de “janelas privadas” para “todas as janelas” e assim usufruir sempre da protecção a 100%.””

      Gostei especialmente da parte final: “e assim usufruir sempre da protecção a 100%.”

      Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.