PplWare Mobile

Spotify prepara-se para dar resposta aos preços do Apple Music


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Bruno M. says:

    E pronto, o serviço da apple vai voltar a deixar de ser apetecível tendo em conta a resposta do Spotify relativamente aos preços

    Sendo assim Spotify continuará a vingar!

  2. LP says:

    Haja concorrência, é o que se quer…

  3. zombie says:

    “Os seus planos são mais baratos que a concorrência directa e em particular o pack familiar, até 6 pessoas, que terá um preço de 14,99 dólares.” ; ou me escapou algo, ou eh mm o único preço que poderá ser mais vantajoso, o resto eh igual e ate tem a desvantagem de n ter a opção free.
    Agora o familiar, pode ser de facto, mto interessante, resta saber, as regras. pq se podemos meter 6 familiares e DP distribuir por vários amigos, fica uma pechincha….! Bem spotify tb quero baixar os meus 6.99 EUR do premium. Uma coisa que n vi a Apple anunciar, eh a opção salvar e ilimitada nas músicas ou álbuns, para evitar as repetiçoes nas diferentes playlists ou então permiti-las ilimitadas e assim qdo se adicionar algo já existente o sistema da esse alerta. O spotify tem essa função mas com limite tal como as playlist, de 10.000 músicas. Aqui eh que a Apple deveria mexer e arrastar o mercado.
    E já agora poder-se transferir as playlist de um para o outro, caso contrario, n será fácil esquecer , p ex no meu caso, perto de 900.000 mil músicas em playlist feitas p mim, mais as centenas que foram escolhidas a dedo e que sou seguidor. Eh a desvantagem de se chegar mais tarde.
    Mas qto mais concorrencia houver, melhor, pq todo o mercado acaba por mexer e podemos subscrever vários serviços e n apenas um. E esses packs familiares, podem ser uma lambarice, se n tiverem quaisquer limites.

  4. Gustavo says:

    A Apple continua a ter na mesma um preço igual (e podem ainda baixar o preço)

    A Apple vai combater com exclusivos, definitivos ou temporários…

    O da Apple tem componente social

    O da Apple tem integração com a melhor loja, e melhor sistema de jukebox: iTunes

    O da Apple já vem com o iOS, integrado na App de música

    O da Apple gasta menos dados com melhor qualidade (AAC vs MP3)

    A Apple não gasta dinheiro a servir um serviço gratuito, que só é utilizado por gente que não quer pagar…

    Talvez em mercados como o de Portugal, a concorrência pode ganhar com preços mais baixos, ou com contratos (que violam as leis da Net Neutrality) com as operadoras… mas, no geral, a Apple vai dominar a cena toda…

    Ilustra perfeitamente:

    http://www.geekculture.com/joyoftech/joyimages/2151.jpg

    • Palerma says:

      Só falta acrescentar que quando for monopólio terá que ser retalhada às fatias.

      O mesmo que vai acontecer à Google na Europa.

    • Marco Chapita says:

      “vai dominar a cena toda” ya MAN tens razao e KE. LOL. a Apple tem componente social?e o spotify?que podes partilhar nas redes sociais o que estas a ouvir ou adicionares amigos das tuas redes sociais e partilhares playlists é o ke?nao deve ser social no teu dicionario.
      A apple gasta menos dados?eu posso escolher playlists e musicas quantas quiser desde k tenha espaço no equipamento e meter para ouvir em modo offline,e ai gasto ZERO( 0 ) por isso menos que isso é impossivel,se quiser tambem posso usar sem pagar o spotify e nao pago peva,so nao posso usar o modo offline. o spotify é mais barato individualmente por user que é isso que interesa porque eu nao faço contas familiares com os meus pais e familia e como eu muitos.

      • Gustavo says:

        LOL!

        Olha com cada um… partilhar no teu facebook é diferente de teres uma rede social ondes os artistas metem lá as coisas…

        E o da Appl também dá para fazer download, ó “MAN”…

        Sim, continua a usar o Spotify, sem pagar, continua a lhes dar prejuízo… é assim que vão longe…

    • Marco Chapita says:

      quanto a tua ideia de lei NET Neutrality, a apple se fosse correcto tinha mais a perder que os outros
      porque como muitos dizem e e bem verdade ” This is why Apple has been trying to pay music publishers not to renew contracts with spotify. They’ve also tried to pay to stop music videos on YouTube. I’m no expert on competition law but…” por isso eles fazem tudo menos concorrencia leal, a maneira de eles serem competitivos neste momento passa sempre por processar companhias e fechar outras ou comprar outras, nunca jogam na base da neutralidade.

      • Gustavo says:

        “but”… nada…

        Vamos ver se a Apple vai ser ou não acusada de concorrência desleal…

        A Apple tem laços com a maior editora: UMI, se essa vai, as outras vão atrás… tudo fruto de uma aquisição pequeníssima: Beats…

        A ideia da Apple é ser a melhor e a mais barata, porque não vão oferecer serviço de borla…

        Mandem a Apple a tribunal! Força! Quando estão a oferecer um produto… de borla, baixando as receitas… isso é que é ser anti-concorrencial…

        Acabou-se a mama toda…

        Já há preços para a Rússia e Índia… na Índia fica a 1.66€ por mês!

    • Mikes says:

      “O da Apple gasta menos dados com melhor qualidade (AAC vs MP3)”
      Isto é uma grande tanga!! Sabes que o que define a qualidade resume-se à taxa de compressão.
      Sabes porque gastas menos na Apple? Porque transmite a 256kbps ao passo que o Spotify (e outros), transmitem a 320kbps!
      Andas a ser enganado e nem sabias?! 😉

      • Gustavo says:

        MP3 a 320 tem menos qualidade que AAC a 256.

        Não há dúvidas nenhumas… MP3 é um formato muito mais antigo e simplista que AAC…

        Por exemplo, MP3 não contem informação entre os 0 e os 20Hz…

  5. Carlos says:

    Devia integrar se com a apple music, assim como o tunein radio, shazam e musixmatch (estes 2 ja tao na apple)

  6. Benchmark do iPhone 6 says:

    “We already have similar family pricing in some markets and we expect to offer competitive pricing everywhere in the near future”. Dito de outra maneira

    – Na Suécia (de onde o Spotify é originário): 5 pessoas, 20 dólares
    – Nos restantes: 15 dólares dá só para duas pessoas e se forem 5 já custa 30 dólares.
    – Apple Music: 15 dólares para 6 pessoas.

    O Spotify vai ter que baixar bastante o tarifário familiar.

    • Marco Chapita says:

      Ja em termos de users individuais, o sportify consegues por 6.99€ enquanto o da apple é 10$ logo por ai da a volta de 8.85€ ,que é bem mais caro. Por isso a apple ai nao vai conseguir puxar users do spotify 😉 a menos que ainda faca ofertas mais aliciantes.

      • Benchmark do iPhone 6 says:

        Pode haver alguma campanha de descontos para novos aderentes, mas o preço individual do Spotify Premium são 10 dólares. Vai ser muito difícil que a Apple Music e o Spotify se diferenciem nesse preço.

        A propósito, ninguém fala do Google Music. Já era?

      • Daniel says:

        O spotify custa 9.99$ nos Estados Unidos, o mesmo preço que foi anunciado para a apple music nos Estados Unidos.

        Aqui em Portugal conseguimos ter o Spotify a 6.99€ porque o nosso mercado tem poucos consumidores a poder pagar mais. Mas, por exemplo, em espanha o preço é de 9.99€.

  7. Dc says:

    Da-lhe Spotify, é mesmo isso que se quer!!!

  8. ruben says:

    e spotify ja foi, com os exclusivos de artistas e com as ofertas exclusivas que a apple vai oferecer nhuma concorrencia vai ter hipotese

  9. André says:

    Segundo corre, a Apple terá proposto um negócio de 1800 milhões de dólares anuais à Taylor Swift para ela permitir usarem a música dela no novo serviço.
    Vários outros artistas também já estarão a ser negociados.
    A Apple tem tanto milhão de milhões de dólares que conseguirá pagar balúrdios para ter os exclusivos dos cantores mais dirigidos ás pessoas até 40 anos de idade. A longo prazo os outros serviços nunca poderão ser usados nos telemóveis e tablets da Apple. O que lhes dá um mercado com mais de 3000 milhões de aparelhos, com mais de 1600 milhões de potenciais utilizadores. E com a proteção que lhes é dada pelos governos europeus e americanos… facilmente poderão chegar a lucros ainda maiores.
    Basta ver que a Europa criticou empresas bancárias por usarem a sandwich holandesa-irlandesa mas, ninguém se importou que a Apple tenha pago 170 milhões de euros de impostos na Europa toda, com um volume de negócios acima dos 820000 milhões de euros. Coisas naturais…

    • Gustavo says:

      1800 milhões?

      Estás maluquinho… isso seriam 32 anos de carreira dela… sempre no auge! LOL!

      A Apple não pode bloquear o Spotify ou o Google qualquer coisa na AppStore ou iOS… isso daria direito a tribunal…

      Não sabes do que falas…

    • Etnic_bOy says:

      Dizem que a Apple quer Britney Spears na sua plataforma, visto que é a artista POP com o maior número de fãs a seguir à Madonna, mas essa está fora, porque pertence ao Tidal.
      Eles já andam em negociações com a Britney e com a Lady Gaga que se mostrou logo interessada em fazer parte do Apple Music.

  10. Hugo Santos says:

    Se fosse em Portugal, com a concorrencia os precos ficavam mais altos. Haveria combinacao de precos…
    Agora assim podemos ficar descansados que com a concorrencia os precos vao descer…

    (desculpem a falta de acentos. Estou noutro pais/teclado)

  11. Mota says:

    .. Mantenho-me com o MEO Music, obrigado! 😀

    • JN says:

      De facto, para quem tem meo, já está incluído no preço e, até agora, nunca me deixou ficar mal.
      Além disso não entra na contabilização dos dados de internet.
      Só é pena que vai deixar de ser português.

      • Gustavo says:

        O teu Meo está incluído no teu tráfego…

        Só tens 200megas, 500megs, etc… para justificarem “ah, mas tem aqui meo music ilimitado sem gastar tráfego”…

        Isso, para mim, devia ser ilegal, se já não é…

  12. XBUZZY says:

    O Apple music até poderá ser bem melhor que o spotify, e só tem de ser pois $$ naquela empresa não falta! Mesmo assim eu e muita gente vai continuar com o spotify pois tem versão Free, e a apple não tem 🙁

    Spotify + Spotifree = no adds 🙂

  13. RCT says:

    Para além da assinatura, quanto é que gastam em média em dados só para estes serviços?

    • Benchmark do iPhone 6 says:

      Estás-te a referir ao smartphone, certamente. As músicas também estão disponíveis offline. Podem descarregar-se em casa (não é fazer o download) por wi-fi.

  14. Benchmark do iPhone 6 says:

    Tabela comparativa dos vários serviços – Apple Music, Spotify, Google Music e outros.

    O Apple Music vai ter um período experimental gratuito de três meses. Virá já instalado no iOS 8.4, o que já lhe dará logo porradaria de utilizadores e arranca também para PC e Mac. Para Android só mais tarde.

    No iOS até podem ser capazes de impedir que o pessoal se vá inscrevendo à borla, em “período experimental”, com contas diferentes. Mas como é que se controla noutros casos? Como é que faz o Spotify, que atualmente tem preços simbólicos para o período experimental? Os 20 ou 25 milhões de “pagantes” do Spotify são mesmo pagantes?

    https://macmagazine.com.br/2015/06/09/catalogo-do-apple-music-e-enorme-mas-nao-compreende-todo-o-acervo-da-itunes-store/

  15. Marcus says:

    Vou continuar fiel ao spotify.
    Não quero contribuir para a Apple ficar maior…
    Faz bem à concorrência.

  16. Luis Alves says:

    Fiquem lá com os vossos Spotify e Apple e Google que eu cá fico com o meu Tuga e prático e ilimitado Meo Music 😉

  17. Mikes says:

    Nunca falam do Xbox Music que tem tantas músicas com o Apple music. Eu percebo que o Xbox em termos de utilização não é tão intuitivo, mas em termos de funções, tem muitas músicas, planos anuais com desconto, radio, mix, offline e funciona nas Xbox com vídeos incluídos e sincroniza cross platform.
    Bem, eu sou utilizador do Mix Radio e Xbox Music e beats e spotify não me interessam (já usei spotify e deixei de usar).

  18. halnaweb says:

    Estas guerras de quem vende estes serviços, a meu ver tende é a beneficiar quem compra, pois o que se espera é a oferta de melhores serviços a um preço mais reduzido. No meu caso específico, não me incomoda os 6,99€ que o Spotify cobra, até porque faço questão de ter o smartphone emparelhado no carro sempre que vou em viagem e digo-vos… rádio acabou para mim! Publicidade?! Jámé…como dizia o outro! 🙂

  19. Pedro says:

    Continuarei a preferir o Spotify. Mais fiável e 0 problemas até hoje.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.