PplWare Mobile

Acabou o iTunes, chegou o melhor gestor multimédia iOS


Mário Sousa

Entusiasta do software, tudo começou com uma programação de Basic no Spectrum 128K do irmão mais velho! Desde aí, nunca mais parei!

Destaques PPLWARE

36 Respostas

  1. Catarino says:

    Já desde 2009 que não uso o itunes para fazer qualquer tipo de gestão, excepto reposição do SO.
    O que não falta por aí é programas para isso.

  2. gunxitok says:

    Bom… eu acho que ja tinha usado uma coisa destas ha uns tempos … olha nao me lembro mas tenho de ver… e sim o iTunes parece que parou no tempo. Quando se quer tocar em demasiadas guitarras ao mesmo tempo ha alguma que nao tera a atencao certa. Alias desde que puseram o servico Beats integrado no itunes para Mac/PC ou no iPhone acho que estragaram tudo.

  3. André says:

    Vocês têm noção que vão ser crucificados por causa desse título, não?

  4. Paulo says:

    He he he isto é mesmo a sério? No que o pplware se transformou… Já é à descarada. Ao menos podiam pôr “PUB” ou qq coisa do género… :/

    • por favor says:

      já reparaste a porrada de “pub” que encontras nos jornais, fóruns, sites, revistas e vês, sabes porque? porque te interessa, se não te interessar viras a página.
      Pplware boa divulgação, pub ou não é bom saber que existe. Não uso ios mas do pouco de usei do iTunes dá para verificar que esse programa é Top,

    • Dani says:

      Isto não é banner ou algo do género. É um artigo como outros que aqui aparecem a explicar as funcionalidades. Cabe a leitor distinguir se é patrocinado ou não…

    • Mário Sousa says:

      Paulo, sou pouco dado a vir escrever nos comentários porque gosto de dar espaço a todas as opiniões, positivas ou negativas, mas este teu comentário fez-me pensar, confesso.

      Assim, depois do projecto do KeroDicas.com onde escrevi durante vários anos maioritariamente sobre software…de licença freeware, acabei por integrar em 2012 a equipa do PPLWARE para fazer aquilo que sempre gostei: analisar e escrever sobre software de licença freeware. Este gosto custou-me caro porque nos primeiros 2 anos o público PPLWARE praticamente minimizou o software gratuito com argumentos de incompleto, erros, virus, e todo o tipo de invenções que nem lembram ao diabo e que são tecidas muitas vezes por pessoas que nem testam o software.

      Face a isto, mudei de registo na minha escrita e nos últimos 2 anos de PPLWARE tenho-me dedicado ao software comercial, que segundo os nossos leitores, como tu, seria muito melhor, mais robusto, mas testado, mais…enfim.

      Eis senão quando leio este comentário e fiquei de queixo caído: então isto é PUB? então dou aqui uma excelente alternativa ao iTunes e ainda (quase) sou crucificado por isso? Claro que é apenas um comentário e representa 0,00001% da audiência do PPLWARE mas é daqueles comentários que se baseia em quê concretamente para lançar sequer uma suspeita desse tamanho? Por ser um bom software estão a pagar-me para isso?

      Caro leitor, ainda está para vir o dia em que recebo por escrever, de livre e espontânea vontade, no PPLWARE. Se essa acusação existir, por favor que se prove.

      Apenas um desabafo de sexta-feira. Aquele abraço e obrigado a todos os demais leitores pelo constante apoio.

      • Cortano says:

        As pessoas nunca estão bem… se não é do cu é das calças

      • Luís says:

        O problema está mesmo no título.

      • Brasão SS says:

        Muito obrigado Mário pela informação. Utilizo algumas alternativas ao iTunes e vou experimentar esta. O melhor a fazer às vezes é ignorar certos “comentaristas”. Continuação desse bom trabalho.
        Grande abraço e bom fim de semana 🙂

      • Rita J. says:

        Depois de ler o artigo e em especial os primeiros parágrafos parece que o título refere mais a experiência do Mário com o programa. É uma opinião que ele próprio escreve a dizer que pode estar exagerado”Pode parecer exagerado o título do artigo mas ao usar o TunesGo parece que efectivamente acabou o iTunes…” – é a primeira frase do artigo.

        De resto trata-se de uma descrição do programa naquilo que foi uma experiência. Nada de invulgar, nada de anormal que justifique todo o alarido acima. Mas cada um sabe de si.

        Bom trabalho Mário

      • Loudspeaker says:

        @Carlos Gomes:
        Isso mais parece uma análise selectiva típica do Correio da Manhã. Leste sequer o primeiro parágrafo? Foste ver outros artigos deste autor? A primeira coisa que fiz quando vi estes comentários foi clicar no nome do autor para ver o que é que escreve habitualmente. Este artigo é exactamente no mesmo sentido da grande maioria do mesmo autor e pelo que vi seja software pago seja software gratuito. Tenham juízo e saiam para a rua, mais parece que isso é falta de ar fresco. Aproveitem e vão até Montealegre que com tanta neve que caiu o ar fresquinho só faz bem a essa cabeça.

      • Mário says:

        Mário Sousa como leitor assiduo agradeço a “review” ao software. No entanto, deixa-te de te fazeres de coitadinho ou vitima. Todos ( ou pelo menos a maioria) sabem que para termos acesso ao PPLWARE alguma coisa ou alguem tem que pagar o trabalho das pessoas, da logistica e serviços exigidos para o manetr no ar, e por isso sem problemas aceito a publicidade e necessária, e como outros referiram até porque muitas vezes me interessa. Agora especificamente sobre este artigo basta analisar o URL de acesso ao “download” para ver que não é uma review sem fins lucrativos. Mas, volto a referir, parabéns por esta e outras análises.

        • Mário Sousa says:

          Mário, obrigado pelo comentário no geral mas permite esclarecer uma coisa: aqui não há nem coitadinhos, nem vítimas, nem agressores, nem bullies, nem violência em geral.Eu descrevi a realidade como ela é. Escrevo por gosto, não me pagam para isso. Não escrevo somente no PPLWARE, escrevo também no KeroDownload, que nem ponta de pub tem. Que não o aceites ou até não o concebas na tua realidade isso eu posso aceitar agora distorcer publicamente as coisas isso não.

          No limite se me quiseres acusar de aceitar/pedir licenças profissionais que peço às empresas proprietárias dos software para escrever os artigos no caso do software comercial, então nesse sentido sou pago, com licenças de software.

          Para terminar, e independentemente das respostas que se produzam a estes comentários, tenham sempre uma coisa em mente: o PPLWARE é composto de uma equipa ‘NÃO-PROFISSIONAL’ e, ao contrário de outros meios ditos profissionais, os esforços realizados aqui são em muitos casos extra-humanos! Desculpem a falta de modéstia.

  5. Kendimen says:

    Aborrece-me imenso o iTunes, a ponto de dizer muitas palavras feias à frente do PC 😀
    Ainda assim, parece-me caro este software, a partir de $39.95…

  6. Necroman says:

    Mas o que é Apple não é sempre melhor que os outros?

  7. Rui says:

    lol acabou o itunes, até quando trocamos de SIM pede para ligar ao itunes, titulo um pouco ridículo!

  8. Helder says:

    Sincroniza com o iphone via wifi como o itunes?

    Se assim nao for , nao me serve para nada. Hoje em dia ja ninguem liga o telefone ao pc para sincronizar uma musica que foi descarregada no computador.

  9. naotenhoosso says:

    compram iphone bonitinho e depois para ligar ao pc e por a funcionar tem que ter programa se nao borrasse todo. tadinho

  10. Lídia says:

    Dá para iPhone SE?

  11. Lídia says:

    Posso usar no Windows vista?

    • Helena says:

      O que não podes usar É o windows vista… O Pessoal ficou intrigado, o que se passou para ainda teres isso instalado? O Win 7 é muito melhor.

    • Victor says:

      Uma coisa é certa não o podes usar sem ter o iTunes instalado! Que basicamente é para todos os software de terceiros, ou seja, não o usas, mas que tem de estar instalado tem! Hehehe!

  12. Aguamenti says:

    Eu concordo quando algumas pessoas referem que o Pplware tem uma certa tendência pró-Apple, mas nem tanto ao mar nem tanto à terra. Também já vi muitos artigos pró-“outros”: talvez seja pró-tudo, não sei… O Pplware é feito por pessoas, cada uma delas com os seus gostos pessoais e as suas opiniões próprias. Por muito imparcial que se queira ser, não é propriamente de espantar que este lado pessoal se faça notar. Eu fico sim espantado com comentários deste género e outros que dizem isto ser publicidade. Quando apetece reclamar com alguma coisa ou com alguém, tanto faz se se tem razão ou se se está meramente a mandar postas de pescada: o que interessa é ser-se o típico “bate-chapas” das secções de comentários. Irra, se não gostam do Pplware, não venham! Ninguém vos obriga, caraças! Vão marinar no Correio da Manhã e consultem um psiquiatra para umas receitas de lítio. Não há artigo do género sem a sua equipa de pseudo-advogados do jornalismo moralmente correcto…

    • Vítor M. says:

      Mas é velho… presos por ter cão e presos por não ter 😉

      Disseste, contudo, algo acertado: se não gostam, não venham, até porque temos os melhores leitores na internet e as provas estão à vista desde há muitos anos. Verdade?

  13. Tiago Antunes says:

    Faz-me lembrar outros programas idênticos que já existiram no passado.
    Paga-se a licença…a apple altera o API…e o programa deixa de funcionar.
    O velho jogo do gato e do rato.

  14. Sérgio Teixeira says:

    Boa tarde, estou interessado em adquirir o software, no entanto preciso de saber se é possível copiar os emails todos que tenho configurados nas varias caixas de email do iphone 5 de forma a conseguir abrir no pc windows e/ou no Samsung s7edge. se me garantirem que sim adquiro de imediato o software .
    atentamente
    Sérgio Teixeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.