PplWare Mobile

iMac Pro – O Mac mais poderoso de sempre chega quinta-feira


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

71 Respostas

    • Cortano says:

      $4,999 versão base… com oferta do teclado e magic mouse ou touchpad

    • int64 says:

      Ecran 5K…. Preço 5K

    • Napoléon Bonaparte says:

      Deve ser um preço a condizer com a qualidade do miolo: da pesada!
      Senta-te confortavelmente para ficares a saber em segurança…

    • LG says:

      Preço americano será 4’999$ a versão de 8-núcleos segundo a MacRumours…

      • Cortano says:

        No geral não é que seja propriamente caro saido da caixa, mas o problema é que não pode ter upgrades de hardware, portanto, ou dás logo uma pipa de massa pelo média/topo de gama, ou ficas desatualizado num instante (e há quem fale em mais de $15.000 pelo topo o que o torna extremamente caro)

        • Patricio Costa says:

          Mas como é que fica desactualizado com um Xeon? Eles não são atualizados a cada 2 anos? E não são máquinas proofissionais? Têm outras métricas…

    • gumbotek says:

      Só para profissionais.

      • Cortano says:

        Nem por isso!
        Como diz o gajo do video que está no artigo, é bom para youtubers.
        E como é que podes chamar de PRo a uma coisa que não é “upgradable”?!

        E aquele monitor glossy…. AAARRRHHHH.
        Mas video e em zonas com muita luz, nada melhor que um monitor matte.

        • Patricio Costa says:

          Sim, monitores mate para editar video ou fotografia são uma maravilha, as cores então… até lágrimas trazem aos olhos o que tanta ignorância diz.

          • Cortano says:

            Mas se quer ir mesmo por aí, o resultado final e a escolha certa é uma questão de gosto pessoal. Por mais que venha com a conversa que no glossy tem cores mais brilhantes (que tem), por outro lado sofre muito mais com reflexos e provoca um cansaço maior à vista.

            Portanto, se quer mesmo falar a sério, ou sabe do que fala ou evite esses comentários.

          • Belmiro says:

            Cortano, que reflexos? Quem edita fotos e vídeos fa-lo em ambientes escuros

          • SC says:

            É isso é… e com a luz vermelha, como quem vai revelar uma fotografia.

          • Luis says:

            A cor de um monitor depende da calibração que se faz… ver Color Management.

          • Cortano says:

            @Belmiro: isso seria num mundo perfeito! 😉

          • José Carlos da Silva says:

            A maior parte dos utilizadores tem ecrãs mate. Por algum motivo as cores que se vêem num, não são tão boas no outro. O mesmo com contrastes, tons de cinza, sombras. As cores ficam todas muito bonitas e tal, mas longe de serem o que as outras pessoas vão ver.

          • F says:

            Vejo aqui cada calinada.

            Falo por experiencia própria, um monitor glossy de facto não é o ideal para edição de fotografia. O ideal seria um IPS matte, os Nec e Eizo são boas opções mas os preços são elevados, e quando os usei exigiam muito do hardware (usar macs não é boa ideia).

            O monitor dos iMacs (LG), apesar de glossy, sempre tiveram uma boa aproximação das cores à realidade, com uma boa qualidade/preço tendo em conta que eram um all in one. No que diz respeito à gráfica a qualidade diminuiu (nao deviam ter abandonado as nvidias)

            Agora neste caso especifico, o iMac Pro é uma grande máquina, mas a sua impossibilidade de upgrade e um preço que começa em 4999$ apenas fará sentido para quem tem software apenas compatível com apple.

          • Patricio Costa says:

            Cortano não é gosto é qualidade que se está a falar. Quem trabalha nestas áreas (video, fotografia, 3D) não usa matte. (ponto final)

    • Miguel Duque says:

      Nos states a partir de $4999 +. TAX que ronda os 8,5%, infelizmente para PT deve ser mais do mesmo, conversões de USA par EUR mal feitas ( 1=1 ) + 23% por isso qualquer coisa como 6150€ o mais barato.

    • Patricio Costa says:

      O preço está na noticia. É só ler.

  1. Cortano says:

    Esqueceram-se de um detalhe:
    Preço da versão mais baixa = $4,999…

  2. Logic says:

    Se virem bem o produto não é overpriced.
    Tirando os componentes da versao mais baixa:
    Vega 56 – 570€
    32gb DDR4 2666mhz – 400€
    1TB SSD = 550€
    8 core cpu? 900-1000€

    Apenas 4 componentes e já estou nos 2500€ não se esqueçam da construção-slim, de todos os componentes que faltam, e claro do ecrã 5K IPS, que custara no minimo 1500€.

    Não conseguem construir algo nem próximo com 5K€, e mesmo que consigam acabam com 1 caixa grande e feia em vez deste design lindo.

    A grande questão é: para quê tanto poder? quem precisa disto? Mas overpriced, como muita gente já anda a dizer, não se pode dizer que seja.

    • Patricio Costa says:

      Conheço casas de edição de vídeo que têm iMacs com 10anos e que estão a pensar saltar para algo novo. Não me parece é que em relação ao iMac “normal” isto valha a pena.

      • Cortano says:

        Então o seu conhecimento sobre edição de video vem “de casas de edição com imacs com 10 anos”?! Ainda estão abertos?!
        Editam o quê, videos de 720p?!

        • Sujeito says:

          Que comentário redutor Cortano. O mundo não anda todo em 4k, só as casas de topo e os boys do youtube que vivem de mostrar gadgets. É porreiro? Sem dúvida, mas não é essencial.

          Eu próprio tenho um iMac a fazer 10 anos que está para as curvas num estúdio de gravação. E olha que faz o trabalho sem grandes malabarismos.

          • Avulso says:

            +1… Para já, e repito para já (e talvez durante algum tempo ainda) o 4K ainda a “comer a cabeça” gente. Consumidores e profissionais incluídos.

          • Cortano says:

            Não é redutor, um imac com 10 anos nem full-HD com Efeitos e cenas de After Effects aguenta – trabalhei até no ano passado com um imac de 6 anos e já gemia… portanto, não venhas dizer que fazes isso tudo num com 10 anos, ok.

          • Cortano says:

            @Avulso: sim, o 4k é uma coisa que não se usa muito, mas a questão que eu falo nem é para 4K, é para edição em fullHD, mas a trabalhar com ligações a After-Effects, com edição de vários efeitos, etc…. e para isto precisas de máquina. E um imac de 10 anos não aguenta isto ao ponto de teres um workflow produtivo – faz, mas estares a renderizar sequencias só para conseguires ver um preview de uma alteração em after-effects no premiere é mau. Gastas mais do dobro do tempo.

          • Toni da Adega says:

            Não é redutor. Um Core2Duo com 4GB de Ram, mesmo com um bom SSD já se torna um pouco lento.

          • Sujeito says:

            Cortano, digo-te isso sim senhor. Mas há fatores. Há a possibilidade desse iMac não ter alguns upgrades, não estar bem estimadoter muita tralha, não ser só pc de trabalho etc. Inclusive, a diferença entre usar o Premiere ou o FinalCut é abismal. O Premiere tem melhor performance em Windows, menos em Mac.

            Toni da Adega, está próximo das specs do meu iMac. Core2Duo 2,66Ghz, SSD Samsung Evo e 6gb Ram. É como digo, funciona bem. É excelente? Já foi. Mas continua a justificar bem o que custou.

            Agora, Cortano, claro que não é o ideal. Mas o Premiere também não é ideal em Mac.

        • Marco says:

          se fores a tvi e a sic n vais encontrar uma cenário mt diferente.

          • Cortano says:

            São cenários diferentes já que existem mais coisas em jogo que um imac na secretária 😉

          • Marco says:

            eu estou a falar na produção dos videos, n nas redações. ainda utilizam o final cut pro e não é o x. porque existem workflows ja apurados.

        • Patricio Costa says:

          Ainda estão abertos? Claramente não sabes nada do mercado português.
          Por cada casa que me digas editar em FullHD, digo-te 5 ou mais que só o fazem em HD. E muitas outras coisas que nem vale a pena referir. Estamos num país miserável!

    • Cortano says:

      A vantagem da “caixa grande” é que amanhã posso mudar o recheio, com este não.
      Quem precisa destes equipamentos? Principamente quem trabalhe em video, em 3D e outros softwares que tirem vantagem de multi-core.
      Mas não, o preço saído da caixa não é propriamente caro, o problema é que não podes fazer upgrades, por isso, ou pensas a longo prazo e compras o de 12 ou 18 cores (que custará mais do dobro e aqui sim, passa a ser caro), ou ficas com um bom equipamento hoje com este mas “amanhã” está desactualizado.

      Nota, com cerca de $1.000 compras um 5k IPS e até há versões matte (que para video e em ambientes com luz é melhor)

      • Tiago Oliveira says:

        É melhor para ambientes desses mas não é melhor para reprodução de cor. Glossy é o mais indicado pois não abafa tanto a cor ao nosso olhar e é algo mais natural. O melhoré IPS Glossy com protecções anti-reflexo nos lados do monitor.

        • Cortano says:

          Mas é pior para o olhos! E além do mais, um bom matte já reproduz muito bem as cores e sem cansar a vista.
          Como disse em cima, no fim é uma questão de gosto pessoal (esquecendo o local de trabalho). Pessoalmente prefiro monitores matte.

    • Sateliko says:

      Vai la rever melhor esse preços sff lool Não sei onde andas a ver mas posso te dar assim uma lista rapida de preços numa das lojas que vende mais em Portugal que como é obvio não vou citar o nome:
      Vega 56 – 506€
      32gb DD4 2666mhz – 380€
      1TB SSD – 329€
      8 core cpu – 585€

      Resultado: 1800 contra os teus 2520€

      Como é mais que obvio com o valor do novo imac pro na versão base, faz-se um pc muito superior, até meto 2 1080ti em sli, que até uma mete a um canto bem longe a vega 64 arrefecida a agua.

      Nem falo do valor que irá ter o imac pro top de gama que por esse valor monta-se um servidor já a sério quase lol

  3. Hugo Gomes says:

    Ate tem umas cores engraçadas o bicho.

  4. História says:

    Imagino o preço em Portugal para a versão top 15 mil euros tanto como um carro novo

    • Belmiro says:

      Quem precisa desde Mac ganha isso num par de meses e é porque precisa dele.

      A questão aqui é simples: por menos dinheiro compra-se um conjunto atualizavel e um ecrã idêntico ou melhor, ao mesmo tempo que os geek podem meter peças escolhidas a dedo e num futuro alterar só a gráfica, ssd etc.

      Num ponto de vista puramente estético ou do ecossistema Apple, este faz sentido. Em tudo o resto não.

      • Sujeito says:

        A bom dizer, quem compra isto fica com máquina para daqui a 10 anos ainda estar à frente do mercado e se forem casas a comprar, não têm tempo para andar a fazer upgrades. Compram novo e está feito.

        • Cortano says:

          10 anos?!?! LOL. A versão base em 1 ano está desatualizada. E nem agora é o que de mais potente podes ter!!
          Tu só conheces o mundo Apple?!?

          • ficolixado says:

            O mundo Apple é onde o ppl compra e não volta a mudar!!! É Simples.
            Porisso tem tantos consumidores fieis.

          • Sujeito says:

            Conheço várias partes do mercado. E este modelo é incrível. Não há como negar. Mas há muitas mais coisas incríveis no mercado. Cada uma para utilizadores diferentes.

            Quem tiver este, fica satisfeito de certeza. Mal seria.

          • Patricio Costa says:

            Tu é aparentemente não conheces o mercado, como é que um Xeon que só é actualizado a cada 2 anos fica desactualizado em 1 ano?

  5. Joel Reis says:

    “mais poderoso alguma vez criado”
    Esta conversa já enjoa…

  6. iDespairing says:

    Nada é caro ou barato. Depende do que cada um tem no bolso.

  7. Hefesto,o Grande says:

    Meu Deus do céu !! Ainda me lembro da primeira notícia sobre este novo iMac Pro aqui há um tempo atrás no Pplware.Eu não dizia que o preço iria ser acima dos 5000 euros já nessa altura ?? Pois disse.Agora só queria fazer um reparo.Alguém disse mais acima num comentário ou noutro que isto era indicado para “youtubers”.Talvez,mas desses “youtubers” quem é que tem 5000 mocas para dar por este bicho ?? Tá bem,tá !! 😀 😀 😀

    • Rui says:

      Tantos e tantos. 5000 euros são “peaners” (direitos de autor do Jorge Jesus) para muito youtubers. Tens noção de quanto ganham os youtubers mais famosos? Milhões. Ainda saiu uma lista à dias. E mesmo os menos famosos ainda tiram um rendimento bem jeitoso.

  8. toni says:

    isso quer dizer que vão acabar com o mac pro?

  9. Miguel says:

    É uma máquina top sem dúvida, com preço a condizer.

    Essa GPU tem 22 Tflops em half precision. Na realidade tem 11 Tflops de capacidade total.
    Ecrã lcd de 500 nits? Adeus Full HDR.

  10. NaoEstouCa says:

    Alguma novidade para os MacBook Pro?

  11. ficolixado says:

    Ja encomendei o meu 🙂
    4.404,00 €
    https://image.prntscr.com/image/m0Sb8elnR4_Jh7RCNGju9w.png

    Obtive uma boa promo (286€) e IVA (empresa) na compra via telefone.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Blogs do Ano - Nomeado Inovação e Tecnologia