PplWare Mobile

Chegou o novo Mac Mini… pequeno mas muito poderoso


Redator

Destaques PPLWARE

  1. Pedro Ferreira says:

    O preço em PT (segundo a loja da Apple) será de 919€ para a versão base (sendo que a versão americana é bem mais apelativa em termos de preço). Fiquei desiludido, porque considerava o mac mini anterior uma excelente forma de adquirir um mac a um preço razoável. Este, infelizmente, está num preço demasiado alto para um desktop, na minha opinião.
    Pplware, sabem porque razão existe esta diferença de preço dos EUA para a Europa?

  2. Djoje says:

    Preços ridículos por um i5.

  3. LOLOL says:

    LOL,
    Há um ano uma prima minha comprou um portátil I7, 256GB SSD + 1TB HD e Geforce 1050 por 950€
    e eles pedem 919€ por um I3 com placa integrada?

    • Sujeito says:

      Não são a mesma coisa. E conta bem os anos que esse portatil vai durar.

      • João Terra says:

        Só que um PC não gastas tanto que um Mac e também te dura muitos anos

      • MarioM says:

        Conversa, tenho um Thinpad da Ibm X60s portanto um portatil de 2012 com windows 10 Professional drivers da IBM para o Win10 updates tudo Ok continua a ser uma excelente maquina no dia em que levar um disco SSD ainda fica melhor e não é um Mac. como vêm já tem uns anitos.

      • Toni da Adega says:

        Isso é verdade, um é um portátil ou é um desktop

      • Darth says:

        O meu portátil asus com ssd e com w10 já tem uns 6 anos e ainda bomba bem. Essa lenga lenga da durabilidade já vão se aplica

      • Joao Magalhães says:

        Loool, o meu Asus Rog já vai com 3 anos I7, Geforce 980, ssd480gb e está aí para as curvas, jogos e editar fotos é o que eu mais uso. 10 segundo a ligar e a estar pronto a funcionar. 1000€

      • rub3n says:

        Mas desde quando é que um Apple é uma máquina para a vida?
        Esquece essa ideia, Apple avaria e não é pouco, alias o único motivo pelo qual eu me livrei do meu foi exactamente os problemas que tive!
        A Apple é do pior em problemas com hardware, e é em toda a linha de produtos, nem os considerados PRO escapam!
        O pessoal paga balúrdios para ter uma bela bosta, é um verdadeiro desrespeito pelo cliente…
        Dá uma vista de olhos neste gajo que é reparador Apple e ve o que ele diz sobre os produtos que ele próprio repara.
        Atenção que não é um tipo qualquer a mandar postas de pescada, é um conhecedor do mundo da electrónica e que conhece bem o hardware Apple:
        https://www.youtube.com/watch?v=AUaJ8pDlxi8&t=3s

        • Nelson R says:

          Tudo falha. Nada é infalível.
          Ser fundamentalista não ajuda na escolha. Nem para o bem nem para o mal.
          Certamente que qualquer marca tem as suas falhas e que nenhuma tem 100% de sucesso no que faz.
          Gostava que descrevesses o que se passou no teu caso. Pois assim fica muito vago, só apontar para o ar que por um mau caso, tudo o resto não importa.
          Falaste com o suporte? O que te disseram? Estava na garantia? Foi reparado fora do circuito oficial da Apple?
          Estamos a falar aqui em especifico na Apple, mas isto aplica-se a outras milhentas marcas de milhentos tipos de produtos.
          É necessário especificar e até justificar o que se afirma na net, porque de fake news e de lixo cibernético andamos todos cheios.

          • rub3n says:

            Ser fundamentalista? Mas alguém está a ser fundamentalista?
            Estamos a falar de Apple não estamos a falar de outras marcas, obviamente que não é a única marca com problemas, mas pelos problemas que apresenta consecutivamente e com a dificuldade que é para os assumirem, mesmo depois de terem sido já detectados em modelos posteriores, e tendo em conta o preço que um cliente tem de pagar, deixa muito a desejar!
            Posso falar do meu caso, é extenso mas se fazes assim tanta questão… Então, há uns anos, salvo erro em 2012 comprei um macbook pro que me custou quase 3000eur, achando eu que ia ser “um computador para a vida”, pois foi o começo de uma saga que só terminou no dia em que o vendi por 250eur com o problema que tinha!
            Começou por fazer restarts sucessivos quando tinha o indesign e o illustrator ou o photoshop abertos e perdi muitas vezes o trabalho que estava a fazer. Foi para a assistência técnica na touaquitouai que foram impecáveis e passados poucos dias tinha o portátil de volta, por mais uns tempos… porque uns meses depois foi o ecrã que começou a ficar com a cor preta mais esbranquiçada, não mandei reparar logo porque o portátil me fazia falta e já sabia que ia ficar sem ele uns dias, até que passado uns tempos foi-se de vez, e deixou de ligar sequer!
            Outra vez para a assistência, e veio como novo e assim se manteve até passar dos 2 anos da garantia. o azar é que já fora da garantia e não foi muito tempo depois, voltou com o mesmo problema de restarts sucessivos e na assistência técnica apresentaram-me uma factura de 1300eur pela reparação. O problema, segundo eles, era a board que tinha de ser substituída e vim a saber mais tarde que se tratava de um problema bastante conhecido com o GPU da gráfica.
            Obviamente que não aceitei o orçamento de reparação e decidi optar por um reparador não oficial em Loures (já não me recordo do nome), e propuseram-me a substituição do chip por 150eur, um bocadinho menos que os 1300eur da Apple, heim?
            Ficou impecável durante mais uns tempos até que o disco rígido entregou a alma ao criador, nessa tal loja em Loures já me tinham dito que o disco não estava nas melhores condições devido aos restarts sucessivos e eu tinha-me precavido e já feito backup de tudo, foi a sorte.
            Substituído o disco rígido pensei, bem agora talvez ele se mantenha assim durante bastante tempo… Enganei-me, porque nem 1 ano passou e morreu de vez, acendia a luz mas não arrancava e começava a aquecer MESMO MUITO. Nesse mesmo momento decidi que para mim chegava ao fim a aventura com a Apple e sinceramente foi o melhor que fiz até hoje, vendi assim como estava sem o disco rígido por 250eur!

            Conclusão, depois de muito investigar percebi que este é um problema comum mas que a Apple apenas se dedicou a camuflar o problema com pseudo reparações em garantia, sendo que depois da mesma acabar, estás por tua conta!
            E os macbooks de gerações seguintes continuaram a padecer do mesmo mal, indicando que não resolveram o problema!
            Enfim, para mim, Apple nunca mais. Seja que produto for…

            Só uma chamada de atenção que em relação à touaquitouai, não tenho nada a apontar sempre foram muito profissionais e recomendo.

      • Oretoh says:

        Os macs não sao propiamente conhecidos por serem resistentes ya know.

    • André says:

      Tenho esse portátil e é um lixo. Asus!

  4. Nelson R says:

    A máquina só por sim, parece-me uma excelente peça de tecnologia.
    Não só pelas características mas pelo conjunto com o software.
    Vai sempre depender do que é que se quer fazer com um Mini Mac.
    Creio que a fiabilidade conta muito, pois são usados não só como desktops mas como servidores também.
    Há mais e melhor hardware, é verdade, maior capacidade de armazenamento que o que dispõem, preços mais baixos de upgrade. No entanto, parece-me que já estaremos a pagar por estes equipamentos o valor das taxas de importação aplicados pelos EUA. Não tenho a certeza, mas quem perceber melhor disso que esclareça.
    Sei que com esse dinheiro se consegue montar uma máquina com características superiores e que com estas características se consegue o mesmo por muito menos dinheiro.
    Obviamente que a marca se paga, mas o retorno tem de ser medido em função expectativas geradas por quem os compra.
    Acrescento outra visão ao preço, que vale o que vale, pois é a minha opinião. Os equipamentos Apple não são caros, nós é que temos salários demasiadamente sobrecarregados de impostos. Mas isso são outros “quinhentos”.

  5. João Terra says:

    Só acho piada A apple ter de recorrer ao processadores da Intel, porque será?

    • Nelson R. says:

      Parece-me que a estratégia ainda passará por aí devido aos contratos.
      Tudo indica que em breve vamos cmeçar a ver os Macbooks, nas suas várias configurações com processadores próprios. A evolução dos processadores dos iPhones e dos iPads deixam sinais de que o futuro passará por aí. Mas no dia em que esses processadores estiverem nos portateis, imacs ou mini macs, vamos ver o iOS a ser portado.

  6. Jose Magalhaes says:

    Qualquer hackintosh hoje em dia consegue muito mais que isto pelo mesmo preço…. E Mac Pro nem falaram … isso sim a comunidade queria, um novo Mac Pro … mas pelos vistos mais um anos e nada de novo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.