Quantcast
PplWare Mobile

Apple poderá criar serviços de subscrição para acesso ao iPhone

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. B@rão Vermelho says:

    Por norma este tipo de contratos não é mais barato, pelo contrário é bem mais caro a vantagem é a rápida substituição em caso de avaria.
    No meu local de trabalho temos o aluguer de 2500 pc, por 3 anos, não é de todo mais barato mas ao fim dos 3 anos vamos ter novos pc, sem falar nas constantes avarias dos mesmos que são rapidamente ou reparados ou substituídos, creio que um serviço assim é pensado para empresas e não para particulares, porque muito provavelmente sairá muito mais caro a mensalidade que o pagamento de uma prestação.

  2. Miguel says:

    É útil para algumas pessoas, mas espero que não vá toda a gente a correr para isto se não necessitam.
    Não vão tornar isto o futuro

  3. Márcio Pego says:

    Chama-se Leasing…

  4. SG says:

    Efetivamente, estamos cada vez mais a caminhar para uma sociedade de serviços. E se à primeira vista parece conveniente, a verdade é que cada vez se possui menos.
    Netflix e serviços semelhantes: se a algum momento deixarem de existir, todo o valor pago em mensalidades se refletirá em nenhum filme em casa (já acontece com filmes de deixam de estar em catálogo);
    Spotify e serviços semelhantes: exatamente o mesmo:
    Xbox game pass e semelhantes: o mesmo
    Carros: renting
    Casas: cada vez mais caras, paga-se aluguer
    E um longo etc…
    E agora até telemóveis passam a ser um serviço… nem um telemóvel se possui…
    Se antes ainda via como conveniente e entendia, agora começo a achar que se está a ir longe demais. E eu até admito que sou consumista, adoro gadgets, tecnologia e afins, mas acho que é preciso começar a ter noção das coisas. É precisamente por este contínuo pagamento parcelado que as marcas continuam a aumentar os preços dos serviços e equipamentos, pois argumentarão sempre que o consumidor não nota diferença, uma vez que já paga em mensalidades…

  5. Tiago says:

    Não é novidade da Apple. Várias operadoras já o fazem na Alemanha. Para esta página, tudo o que a Apple faz é inovaão.

  6. Vitor Tavares says:

    De uma coisa tenho a certeza…a Apple (ou qualquer outra grande multinacional) não “inventam” soluções com o intuito de perder dinheiro ou clientes. E soluções do género só são implementadas depois de aturados estudos de mercado e com quase certezas quanto ao impacto positivo que podem ter nos seus resultados financeiros. Se alguém acredita que a Apple está a pensar nos consumidores…também acredita no Pai Natal ou que o planeta terra é quadrado. Grandes empresas não são filiais da Santa casa…existem para ganhar dinheiro.

  7. Mining says:

    Tens azar de estragar e pagas como novo o que já foi utilizado por outros 😉

    • jp says:

      O truque e mesmo esse, fazer os clientes pagarem o aluguer do iphone e ainda mais um seguro extra so para o caso de acidentes. Em eguida a Apple vira seguradora e financeira e consegue fugir a milhões em impostos.

  8. Carlos says:

    A meo faz isso

  9. AJ says:

    se o “fogo de vista” já é muito em Portugal, com telemóveis a prestações, e não só , agora é que vai rebentar em força.

  10. PorcoDoPunjab says:

    Boa, agora é que todos poderão ter o AIfone dos seus sonhos.
    Ai espera, mas se todos tiverem, perde-se o status.
    Mau mau, assim já não gosto…

  11. SergioF says:

    “You will own nothing… and you will be happy!!!”

  12. Pierre says:

    Admirável mundo novo… de Android’s sem pensamento… conseguiram, parabéns!

    Como referido no The Cube 1 – Infinita estupidez humana

  13. dan says:

    O meu ordenado esfuma-se em subscrições, e no final a minha refeição, é uma esfumada sardinha, com cheiro a batatinha cozida….
    Essa história de dizer que pagar em subscrição é mais fácil, é verdade, quando se é uma ou duas, mas infelizmente é um somar de subscrições… de seguros, de certificações, que tudo junto ultrapassa dois ou 3 ordenados no final do mês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.