Apple volta a ser eleita a empresa mais rentável do planeta


Destaques PPLWARE

41 Respostas

  1. John says:

    Aqui se prova a margem de lucro brutal que a Apple tem, que é muito bem conseguida através de um marketing astuto, pelo qual o consumidor se deixa convencer (o objectivo do marketing é criar uma necessidade da qual não se necessita).
    Mas de qualquer maneira não há nenhuma empresa no mundo que possa competir com a Ferrari quando se trata de margens de lucro (não de facturação), a Apple tem muito para aprender com a Ferrari.
    O que gostava de ver, era os custos de desenvolvimento que a Apple diz que tem, devidamente descriminados, isso é que era interessante.
    Dados de 2010:
    Apple teve uma facturação de US$ 47,79 bilhões.
    Microsoft teve uma facturação de US$ 62.484 bilhões.
    Uma diferença de US$ 14.694 bilhões a favor da Microsoft.
    Neste caso a Microsoft está á frente da Apple em facturação.
    Questão:
    Sendo assim qual a empresa mais consistente ?
    Aquela que tem uma facturação maior ou aquela que tem uma maior margem de lucro ?
    Lógico que da perspectiva do accionista a melhor é a Apple, pois terá mais dividendos, mas não será a Microsoft uma empresa mais consistente ?
    Tendo uma maior facturação e um menor lucro, poderá significar que terá uma maior oferta de produtos e serviços o que a obriga a ter uma estrutura maior, consumindo assim uma parte significativa de recursos.
    Se a Microsoft tem uma estrutura mais pesada significa que estará mais bem implementada em certos segmentos do mercado, os quais lhe dão lucro, mas também consomem grandes recursos para satisfazer os seus clientes, ex: o SO Windows com uma quota de mercado a rondar os 90%.
    Conclusão:
    Esta noticia, apenas é noticia, porque o departamento de marketing da Apple está a fazer o seu trabalho (o que não é censurável). Agarrou apenas num aspecto positivo (para os seus accionistas, não para os seus clientes), para que se falem da Apple, para andar nas bocas do mundo, e não se esquecerem que a Apple existe .
    Mas o que os factos demonstram é que quem vende mais produtos ou serviços é a Microsoft, pois tem uma facturação mais elevada, sendo assim:
    1º lugar em facturação – Microsoft.
    A Apple fica sempre abaixo da Microsoft neste quesito com uma diferença de US$ 14.694 bilhões (dados de 2010).
    E a realidade é esta.
    E bem podem vir os indefectíveis defensores da Apple dizer que são os melhores no mobile, em tudo e mais alguma coisa, mas facturação é com a Microsoft.
    Contra factos não há argumentos.
    Bem… sempre existem as tais “REALIDADES ALTERNATIVAS”.

    • Vítor M. says:

      Estás a fazer uma avaliação simplista. O volume de negócio, o lucro obtido, o mercado, a despesa, o crescimento, o valor em bolsa, o valor de tesouraria…. tudo isso é tido em conta quando as empresas são avaliadas. Neste caso do lucro da Apple pode mostrar muita coisa, até a organização da empresa, pois é responsável desde o desenho do produto, concepção, venda e entrega. A Microsoft depende de terceiros, a Apple não. Tem todos os canais (gerindo mesmo o fabrico com empresas contratadas).

      • John says:

        Vitor M, logicamente que é uma avaliação simplista.
        Só não entendi a parte em que a Microsoft depende de terceiros e a Apple não.
        Sabendo nós que as 2 são produtoras de software, e não de hardware (com a exclusão da Nokia/Lumia que a Microsoft comprou e vendeu entretanto), todos os produtos com as suas marcas são fabricados por outros com as especificações de hardware exigidas por estas, sendo assim ambas dependem de terceiros.
        Em Taiwan (China) existem 2 empresas: Hon Hai Precision Industry (conhecida por Foxconn) e a Pegatron que juntas fabricam 200 milhões de iPhones por ano.
        Estas 2 empresas trabalham para: Apple, Amazon, Microsoft, Sony e Nintendo.
        Portanto, nos seus produtos de hardware ambas estão dependentes de terceiros, coisa diferente no caso do Windows (software), ai sim, está dependente dos fabricantes de desktops e laptops, instalarem o software de origem nos computadores que vendem, ao contrário da Apple que instala nos seus computadores Mac o seu software, mas no caso da MS o mesmo se passa no Surface, no meu entender acho que estão na mesma base de dependência. Apenas a MS tem que convencer os fabricantes para utilizarem o seu SO, ao contrário da Apple que não vende os eu SO aos fabricantes.

      • Ai Ai says:

        É fascinante alguém dizer, ainda por cima tendo conhecimento do ramo, que a Apple não depende de terceiros quando a Apple recorre a integralmente a terceiros para fabricar os seus aparelhos (inclusive ao seu concorrente directo a Samsung)… John, acho que temos que ajustar os nossos olhos!

        • Vítor M. says:

          Isso não faz sentido o que dizes. A Apple não depende de terceiros para investigar, para produzir e apenas necessitar para fabricar mas tanto depende da Samsung, como da LG, como da Sharp como de outras empresas. Não depende de nenhuma pois há várias que podem produzir oq ue a Apple necessita. Mas é de todas a quem tem todo o processo (como referi o processo de fabrico vai ao mercado, como todas vão, até a Samsung vai ao mercado comprar partes que não produz) mas depois a Apple tem uma rede de distribuição enorme que nenhuma outra tem. Basta ver todas as Apple Store existentes no mundo e a rentabilidade de cada uma delas.

          São esses pontos todos que referi, escusas de tapar o sol com a peneira, que fazem da Apple o que ela é desde há muitos anos, uma empresa poderosa, a mais rica do mundo e com recursos que nenhuma outra tem. Claro, não é perfeita, ainda bem, seria aborrecida se o fosse. Agora, este sistema é o ideal, mas não é fácil de conseguir, as suas concorrentes, entre elas a Google, a Microsoft e a Samsung, já tentaram. Umas compararam empresas de hardware para desenhar e fabricar o hardware, como o caso da Microsoft que comprou a Nokia (dep móvel), a Google que comprou a Motorola… depois há a Samsung que investiu e investe num sistema operativo como o Tizen para substituir o Android e ter a sua própria loja de apps, o seu próprio ecossistema…. e querem abrir lojas físicas, as lojas online… além dos modelos muito parecidos com o que a Apple tem há anos.

          É o modelo que funciona, mas não é fácil manter e é necessário olhar para a concorrência para tirar ideias, pois eles vão melhorando alguns aspectos que é importante ter também nos produtos Apple. É esse o segredos desde há várias décadas. 😉 Sim corrijam é as vossas leituras e avaliações do mercado, porque os resultados estão sempre bem à vista, a Apple está sempre nos lugares cimeiros mas vocês fazem questão de nunca ver as coisas como elas são. Lembrem-se, a Apple está lá porque tem o melhor dos vários mundos, o melhor do que a própria empresa faz, o melhor do que a Google faz, o melhor do que a Samsung faz e o melhor do que a Microsoft produz 😉 tudo junto é também parte do ecossistema Apple.

          • Ai Ai says:

            E a Microsoft depende de outros para produzir? Desculpa lá…. Fica com as tuas certezas… Mas nem sei porque me dou ao trabalho… Em relação a comprar outras empresas então nem sei que te responda! Sinceramente.

          • Vítor M. says:

            Mas o caso da Microsoft passa pela falta de produtividade do seu segmento mobile, falta de produtividade da Store e pouca agressividade no que toca ao mercado das vendas, está limitada em muito ao mercado dos fabricantes onde coloca o seu trunfo (software = Windows + office [mercado empresarial com ferramentas de produção]) e sim, depende maioritariamente de terceiros.

            É simples, só não percebes se não quiseres. Porque até no que toca à venda e pôs venda, a MS está dependente das empresas revendedoras das suas licenças. Desde há uns anos que começou a querer ter em mãos parte dessa gestão, permitindo que se comprem e ativem online, mas ainda precisa que os fabricantes de computadores, por exemplo, queiram vender a máquina já com sistema operativo.

          • Sujeito says:

            Ai Ai, não precisas de responder. Precisas é de te informar.

    • Helder says:

      “Dados de 2010:”

      Ridículo! Ridículo! Ridículo! E mentiroso! Tanto texto para “REALIDADES ALTERNATIVAS”

      Dados de 2016 (último ano completo)

      Apple
      Receita: $215,639,000
      Lucro: $84,263,000
      39% da receita foi lucro

      Microsoft
      Receita: $85,320,000
      Lucro: $52,540,000
      61% da receita foi lucro

      Fontes:
      http://www.nasdaq.com/symbol/aapl/financials?query=income-statement
      http://www.nasdaq.com/symbol/msft/financials?query=income-statement

      • John says:

        Caro Helder, estás muito exaltado, tem lá calma contigo, olha que assim não vais longe.
        Deves ser accionista da Apple ou então um Mac fan boy, até rasgas as vestes, lol.

        Apple Annual Report 2010 – procura por Total shareholders’ equity e vê os números, relativos ao ano de 2010, no que diferem nos que eu avancei ?
        http://investor.apple.com/secfiling.cfm?filingid=1193125-10-238044
        Microsoft 2010 Annual Report, podes procurar por Revenue ano 2010.
        https://www.microsoft.com/investor/reports/ar10/10k_fh_fin.html

        E tem lá calma contigo, ó fan boy, caso não tenhas notado, o teu comportamento é ridículo, quando se é fan (fanático), normalmente a racionalidade não existe, digamos que é uma transformação de um ser racional para irracional.

        Apresentas-te resultados de 2016, porreiro pá…
        Pode-se depreender (lógica) que serão diferentes, ficaste todo foi todo desestabilizado por em 2010 a Microsoft ter resultados superiores á Apple, lol.

        • Flávio says:

          Eu até acho normal um apple fanboy perder tempo a defender a empresa e os produtos. So nao acho normal é alguem aue nao gosta da apple perder tempo a tentar explicar porque é que nao gosta da apple. E como é obvio o mesmo serve pra qualquer empresa.

        • Helder says:

          Que mentiroso, depois chama os outros de fanboy.

          Sabes ao menos em que ano estamos?

        • Bruno says:

          Total shareholders’ equity não tem nada a ver com a facturação duma empresa para um determinado período, não tem nada a ver com “REVENUE”.
          Estás por isso a comparar alhos com bugalhos, não tem qualquer ponta de racionalidade a conta que fazes.

    • Joel Reis says:

      “Aqui se prova a margem de lucro brutal que a Apple tem, que é muito bem conseguida através de um marketing astuto”
      Facto.
      Os relatórios de contas da Apple discriminam os custos com R&D.

    • Jorge Cunha says:

      Acreditas mesmo nisso? Será que é só o marketing? Será que ainda se compra só pelo suposto “status”?

      Não acredito, e maioria das pessoas que conheço tem por um motivo simples – serve!
      É simples e eficiente.

      • John says:

        Jorge Cunha, repara que com o que eu disse até estou a elogiar o marketing da Apple.
        E não tenhas a mínima duvida que muito ppl compra Apple por causa do status, mais uma vez criado (elogio) pelo marketing da Apple.
        Se assim não fosse, como tu dizes um simples Android de 200/300 euros, “serve”, então porque vão gastar 700/800€ num iphone ? Simples, a questão do status, porque é caro, e eu posso comprar para exibir e mostrar que tenho poder de compra.
        Em 2015 um estudo da Chitika afirmou que: “As pessoas mais inteligentes usam iPhone”.
        https://pplware.sapo.pt/gadgets/iphone/estudo-as-pessoas-mais-inteligentes-usam-iphone/
        Depreende-se neste estudo que os licenciados usam iPhone, se são licenciados estudaram mais (são mais inteligentes), se são licenciados melhor salário, nada melhor que comprar um iPhone para exibir o seu status.
        Conclusão, quem usa Android/ Win 10 mobile ou outros, são todos tolos, é fascinante o que este estudo não diz, mas subentende-se.

    • Marco M. says:

      Dados de 2010?!!… Mas em que raio de planeta andaste tu nestes últimos 7 anos?

    • Bruno says:

      Tu nem imaginas como estás a dar argumentos contra tua própria posição!
      Dados de 2010??? Já estamos em 2017, com a facturação da Apple a ser muito maior do que a da Microsoft, de longe, e é assim desde 2010 (em 2010 a facturação da Apple foi 65,2 mil milhões e não os 47,8 mil milhões que dizes)! Isso é que são “REALIDADES ALTERNATIVAS”.
      Já agora, a dimensão actual da estrutura da MS é muito comparável à da Apple.

      • John says:

        Caro Bruno
        Estás enganado, os tais US$ 65.225 mil milhões, a que aludes referem-se a NET SALES.
        Mas sempre podes consultar o Apple Annual Report 2010: http://investor.apple.com/secfiling.cfm?filingid=1193125-10-238044
        Mas se queres chamar a um documento, produzido e exibido pela Apple no seu site, de “REALIDADE ALTERNATIVA”, tas no teu direito. Mas de racional não tem nada.

        • Bruno says:

          Mas quem é que tu pensas que estás a enganar?
          Tu falaste em facturação e deste o valor de “REVENUE” da Microsoft. O valor equivalente nas declarações da Apple é NET SALES, NET SALES é facturação – para ser 100% correcto, NET SALES é até um valor inferior à definição normal de REVENUE. O valor que tu deste para a Apple não tem nada a ver com a facturação de 2010, ou seja, andas com “REALIDADEs ALTERNATIVAs”.
          É tão alternativa que fazes um testamento a dizer que o que importa é a facturação e esqueces que já não estamos em 2010, ignoras que a facturação da Apple é superior à da MS há muitos anos. Pior ainda é que te pões a fazer uma pseudo análise sobre margens de lucro, usando os lucros actuais ao lado de facturação de 2010, ignorando que em 2010 os lucros da Microsoft eram maiores do que os da Apple, apesar da Apple ter maior facturação em 2010.

    • André says:

      precisamente, a apple é que precisa de um grande marketing em que como é a “melhor”, ela é que precisa de correr para apanhar os grandes

    • Wishmaster says:

      Simples, mais consistente é a Micorsoft, porque o universo da MS é muito superior.
      A Apple anda à nora com a direcção que há-de tomar. Ora são carros autónomos, ora não são.
      A Apple teve o seu rasgo de imaginação com o iphone e vai morrer no iphone.
      Só quem não conhece a Apple é que pode achar o contrário. Quem disser o contrário é ignorante e o tempo provará isto mesmo. Conheço a Apple desde 1996 e desde aí que acompanho a vida da empresa. Sempre defendi os produtos da Apple, aliás, fui dos primeiros a comprar o ipod e o ipod video quando ainda quase ninguém sabia o que a Apple e o iPod eram….Nem sabiam o que era um Macintosh…
      O mercado dos smartphones é um mercado demasiado dinâmico para o que a Apple está a apresentar e findando o iphone, volta aos primórdios… A vantagem do iphone está cada vez mais diluída e tenderá a diluir ainda mais. Não é preciso ser analista para entender isto. Quanto aos accionistas, pretendem apenas ganhar enquanto a vaca der leite. E sobre a valorização das acções da Apple, não podemos falar de valorização real quando a própria empresa anda a comprar as suas próprias acções….LOL É uma manobra habitual nos mercados e a aparência de valorização ilude.

      • Bruno says:

        Conheces tanto a Apple que nem te apercebes que a Apple teve mais do que 1 produto ou serviço com sucesso ao longo dos tempos. O que a sua história mostra não é a extrapolação que estás a fazer.
        Há valorização real, a capitalização bolsista (soma do valor de todas as acções) tem subido, daí que há uns meses atrás chegou a um novo record. Já agora recompra de acções próprias é algo que várias empresas fazem, entre elas a Microsoft.

  2. John says:

    Em relação ao titulo da noticia.
    “Apple volta a ser eleita a empresa mais rentável do planeta”
    Que eu saiba não houve nenhuma eleição (Acto de eleger, votando, Escolha; preferência; predilecção), a revista Fortune, apenas se baseou em dados económicos divulgados pelas empresas ou de conhecimento publico, para produzir o artigo em questão.

  3. Joel Reis says:

    “Apple finally appeared to hit a wall”.
    É isto.

  4. Ricardo says:

    Mão de obra barata, junto com os preços que praticam no produto final, não é algo surpreendente….

  5. Paulo Vianna says:

    Minha empresa é a POLLO CLIMATIZAÇÃO… Um dia chego lá nesse top. Trabalhamos com Vendas e Serviços de Ar condicionados na Região Norte MANAUS AMAZONAS…

  6. rodrigo says:

    o que mais me surpreende nesta noticia ‘e que os 4 seguintes na lista são 4 bancos chineses!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.