PplWare Mobile

Análise Detroit: Become Human (Playstation 4)


Paulo Silva

Just another gamer ...
Por Ricardo Correia para Pplware.com

Destaques PPLWARE

12 Respostas

  1. João Terra says:

    O problema é que a distribuidora não o quer alargar para outras plataformas, como o pc. Para min jogar é no pc e não consola. No pc além de jogar posso trabalhar, ver filmes ir a net, ter varios monitores a fazer varias tarefas entre eles.

    • Emanuel says:

      A Quantic Dreams é e sempre foi uma desenvolvedora exclusiva da PS. Infelizmente, concordo, este jogo seria brutal no PC, mas pronto. Cá temos que nos conformar.

    • JOSE says:

      So para ti é que jogar é no PC, as consolas existem para alguma coisa amigo

      • João Terra says:

        Pensa bem… Compras um pc fraco só para trabalhar por 400€ e depois lembras-te que queres jogar e resolves comprar uma consola e dás mais 400€ ou 500€, dependendo da consola, No fim ainda vais precisar de um monitor para a consola + 300€. No final gastas o dobro do dinheiro em investir numa consola que ao fim de uns anos está obsoleta, enquanto num pc bom de 800€ ou 900€ dá para trabalhar, jogar, ir á net, etc… e tudo isso com metade do investimento. Se alguma coisa no pc, “pifar” podes trocar os componentes de hardware ou fazer upgrade da máquina… Só vantagens, mas cada um sabe de si…

        • Emanuel says:

          Concordando que um PC é excelente máquina para jogar… Acho que estás a exagerar nos valores. Um monitor para a consola não custa 300€, e ainda podes ligar a consola ao monitor do PC se bem te apetecer. E a PS4 está à venda por volta dos 250€/300€.

          • João Terra says:

            exagerei um bocado nos preços para dar estes exemplos. Mas em termos de consolas, estava a referir-me também à PS PRO que já vem melhor equipada. Só me esqueci de referir os FPS, que num PC podes monitorizar e no proprio jogo dá possiblidade de ajustar as definições de video para o jogo rodar com melhores FPS, sendo que nas consolas isso já é possivel também

        • JOSE says:

          PC fanboys..

          • João Terra says:

            Acho que isto aqui é um forum de discussao e cada um é livre de exprimir o que gosta mais. Já joguei numa play e não me habituei ao comando, porque na minha opinião é mais complicado. Eu sou do tempo da Atari e da sega. Agora o teu comentario JOSE. é daqueles que nem argumento tem e só vems para aqui comentar algo que nem sentido faz e que não diz nada. Mas fica bonito aqui e em outros post´s. Cada um tem o seu gosto

        • V.T. says:

          Não concordo em absoluto com o teu ponto de vista, para jogares um jogo de forma decente num PC tens de gastar um valor algo avultado só no PC, soma-lhe o valor dos periféricos (rato, teclado, auscultadores, micro, monitor, etc, etc)… e já vais numa pipa de massa. Passados uns meses tens de fazer um upgrade qualquer, principalmente nas placas gráficas, ou seja, tens de estar a investir constantemente, logo a parte económica na minha opinião, sais a perder e bem. Concordo que em termos gráficos um bom PC não dá hipóteses, mas parece-me que o nível gráfico das actuais consolas está bastante aceitável.

    • ficolixado says:

      PC é para trabalhar, consola é pra jogar. Simples.
      Ninguém vai conseguir jogar num PC de trabalho… E isso de PC gamer é coisa de Putos! Andar com pessinhas a montar o PC cheio de luzinhas, uma caixa gigante com um vidro a mostrar todo o seu interior… isso é coisa do passado, coisa de adolescentes.. Até acho azeitisse mesmo LOOL
      Queres jogar, compras uma consola, ligas a TV, e diverte-te!

  2. Ricardo Correia says:

    Este é um bom jogo sem dúvida nenhuma joguei e platinei o jogo,as decisões e os frutos dessas decisões fazem este jogo ser divertido de se repetir.

  3. V.T. says:

    Joguei Heavy Rain e foi simplesmente o jogo que mais me marcou até hoje, para mais tinha sido pai há bem pouco tempo. Actualmente comecei a jogar Beyond, Two Souls e estou a adorar… Realmente a Quantic Dream sabe o que faz e explora os nossos sentimentos de uma forma brutal. Resumindo, Detroit, Became Human é “só” o próximo da lista…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.