PplWare Mobile

Análise: BlackBerry KEYone Black Edition, terá argumentos para remar contra a maré?


Eduardo Mota

Redator. Apaixonado por Ciência, Tecnologia e Engenharia, aprecio a particular capacidade que estas três áreas do saber têm na evolução da Humanidade. Tento contribuir, diariamente, um pouco para esta tendência, com os meus artigos aqui no Pplware e o estudo na Universidade do Porto.

Destaques PPLWARE

16 Respostas

  1. José Lopes says:

    Para 300 euros estava bem…de resto……

  2. Pedro Santos says:

    Sempre bom ver reviews de BlackBerrys 🙂
    Telemóvel apelativo, bonito e bastante funciona. Estive bastante tentado em comprar mas optei pelo BlackBerry Motion e estou contente com a compra.
    E quanto a este que fazem review saiu agora o Key2 o sucessor deste.
    Teclado melhorado, dupla câmara (estreia em telemóveis BlackBerry) entre outras coisas.

  3. Filipe says:

    Favor de fazer o review do key2, aliás é estranho estarem a fazer um review de um telemóvel já em phased out.

    • Jony says:

      Concordo. Acho que foi um grande tiro no pé. Nota-se uma linha de tendência durante a escrita do artigo. Mas parabenizo o people ware por ter finalmente ter feito um artigo sobre o telemóvel. Agora a que fazer o update com o KEYone 2

      • Eduardo Mota says:

        O BlackBerry KEYone, apesar de apresentado há mais de um ano, apenas foi recentemente lançado e comercializado em alguns mercados, nomeadamente no português.
        E sendo este exemplar uma Black Edition, cujo lançamento foi feito bastante depois do BlackBerry KEYone convencional…

        • Filipe says:

          novas as “cores”, nao deve ser tratado como fosse um modelo novo.

          para questões de clareza, o review poderia bem fazer referencia ao mais recente BlackBerry Key2. Afinal de contas e para quem tiver interesse, pode sempre fazer a encomenda oline o BlackBerry key2.

  4. beldroegas says:

    escrevo mais rapido num teclado fisico que num teclado virtual da treta!

  5. André says:

    Num ano em que todas as tendências de smartphone é para ecrãs cada vez maiores e que tenham o mínimo de contorno de ecrã, aparece um telemóvel com um tamanho de ecrã de 2013 e um teclado QUERTY. Penso que será mais um tiro no pé e que não irá vingar no mercado, apenas é a minha opinião.

    • Filipe says:

      André, trata-se de um factor diferenciador no mercado android e existe quem aprecie o teclado físico. aqui, nao se trata de uma ‘moda’ ou tendencia, mas sim um mercado muito especifico. Assim como, dentro do mundo android, este telemovel tem algum cuidado na segurança de dados.

      Pessoalmente, acho que é pena este telemóvel ou o recente sucessor Key2 correr android, que nao me entusiasma muito.

      • Pedro Santos says:

        Exatamente. O telemóvel não é nenhum topo de gama nem nenhum telemóvel para jogos nem multimédia. Por isso também preferiram um processador não tão potente mas que garante uma maior autonomia de bateria. Lá está um telemovel com estas especificações hardware por menos de 200€ de certeza que se arranja mas aqui o grande destaque são as aplicações suite da BlackBerry e o teclado fisio.

  6. poxer says:

    o meu iphone 6 plus com quase 4 anos tem esses pontos no antutu… que tristeza x)
    e não, não sou apple fanboy, estou sim a criticar o facto de um modelo acabado de sair não apresentar grandes “novidades2

  7. Wishmaster says:

    teclado físico…Haverá quem prefira, mas o mercado deve ser muito pequeno…
    Má opção da BB.

  8. Toze Neto says:

    O meu KEYone comprei e levantei na FNAC de Guimarães em Outubro e estou satisfeito. O Passport com o BlackBerry OS era mais rápido e fluido mas este também é muito bom para trabalhar. Agora o próximo é o Keytwo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Blogs do Ano - Nomeado Inovação e Tecnologia