PplWare Mobile

Dica Windows 10: Desligue completamente o OneDrive


Hugo Cura

O gosto pela tecnologia despertou sentimentos únicos que levaram a escrever umas palavras e a premir o obturador.

Destaques PPLWARE

  1. Screamer says:

    Boa tarde, o último parágrafo não faz sentido. A HKEY_LOCAL_MACHINE é global sobre todos os utilizadores.

  2. Rui says:

    Já agora, porque não, um artigo sobre as potencialidades deste serviço Cloud.

  3. Migael says:

    Mas quem é que não usa o OneDrive? É muito melhor e tem mais espaço do que o GDrive por exemplo…
    Eu tenho 32Gb e no GDrive só tenho 16gb. Forretas da Google.

  4. João Rato says:

    Sendo o Onedrive o melhor Cloud disponivel no mercado e mais seguro e ainda por cima integrado totalmente no windows 10 quem seria maluco para usar o windows e nao querer usar o onedrive? Nos outros SOs ainda se percebe mas quem usa windows claro que vai usar onedrive, ainda por cima ofereceram 200gb durante 2 anos a toda a gente + 1TB para todos os estudantes universitarios em Portugal juntamente com o office por 4anos.

  5. João Rato says:

    Para os amantes dos produtos da microsoft o IST e presumo que mais universidades dentro do mesmo plano estão a oferecer surfaces 3 e lumias 950 a metade do preço e pagos em prestaçoes sem juros.

  6. Luís says:

    era bom era q eles deixassem guardar ficheiros no Onedrive (feitos no pc) sem ter que os ter guardados na pasta do PC…sou o único achar que assim se ocupa espaço em 2 sítios?

    • Ricardo Raimundo says:

      Essa funcionalidade já existiu e está para voltar em breve.

    • Manuel Monteiro says:

      Penso que se utilizar a App OneDrive isso não acontece. eu instalei a App mas ainda não a testei a 100% mas parece estar boa.

    • Paulo says:

      É perfeitamente possível criar e utilizar pastas na cloud do Onedrive, sem as sincronizar e duplicar no disco local. Basta ir às Definições do Onedrive (clicando com o botão direito no ícone da Barra de Tarefas) e no separador Conta clicar em Escolher Pastas. Apenas as escolhidas serão sincronizadas com o armazenamento local. A desvantagem é que não se pode abrir ou gravar ficheiros directamente das aplicações (Excel, Word, etc.) nas pastas não sincronizadas, devendo ser feito o upload e/ou o download dos ficheiros pela app ou por browser.

      • Ricardo says:

        Pois possível de retirar pastas do disco é, mas antigamente tínhamos acesso a todas as pastas pelo icon (sem ocupar espaço), podíamos aceder e editar documentos sem ter de sincronizar com o pc. Ou seja regrediu em vez de melhorar. Para mim esta era uma grande mais valia, pois uso um surface e todo o espaço que consiga poupar no disco tem valor.

      • Ricardo says:

        Pois possível de retirar pastas do disco é, mas antigamente tínhamos acesso a todas as pastas pelo icon (sem ocupar espaço), podíamos aceder e editar documentos sem ter de sincronizar com o pc. Ou seja regrediu em vez de melhorar. Para mim esta era uma grande mais valia, pois uso um surface e todo o espaço que consiga poupar no disco tem valor.

    • Ricardo says:

      No W8 fazia exactamente isso, o ícone no explorador servia apenas como um atalho. Desde que saiu o W10 que notei o facto de ocupar também espaço no disco (o que obviamente não faz sentido, pois uma das mais valias de usar o serviço cloud é poupar espaço em disco). Na altura enviei mensagem à Microsoft, mas até agora nada… Talvez se todos enviarmos feedback sobre este assunto, que não se percebe a regressão, eles finalmente façam qualquer coisa!

      • Nuno says:

        Isto pode ser útil se precisarmos de aceder a ficheiros em sítios onde não há Internet. Funciona mais como um backup.

        • Luís says:

          imagina q tens um disco de 250gb ou 500GB mas tens 1TB e tal disponível no OneDrive. Onde guardas os documentos todos?

          • Paulo says:

            Bem, se tens quase 1TB de dados, e só tens um disco de 250GB, talvez esteja na altura de comprares outro (ou trocares o disco)…
            Com ou sem OneDrive…
            Mas a vantagem é que podes por tudo no OneDrive, e escolheres apenas as pastas que mais utilizas, ou que precisas de aceder mesmo que estejas offline, para sincronizar. Apenas estas ocuparão espaço no teu disco 🙂

          • Luís says:

            @Paulo
            Não sou eu… Citei apenas um exemplo… Onde eu queria chegar é q de nada vale teres 1TB no OD se tens um disco físico de 250GB
            (Tenho 1tb de HD, 2TB e pouco de espaço no OD – em 2 contas diferentes associadas ao Office)

      • Luís says:

        Vou t dar o meu exemplo Tenho à volta de 140gb de dados no onedrive (Backup da pasta do meu user do PC). Ou seja, no mesmo PC fico com a mesma informação a ocupar 280gb (os 140 originais + o backup no OD). Para mim q tenho 1TB não faz mossa, mas para quem tem discos “curtos” deve ser giro

        • Paulo says:

          Não sei que configurações tens, mas o que apresentas não corresponde à realidade. A pasta que o OneDrive usa é aquela que definiste para fazer a sincronização. Embora no Explorador de Ficheiros apareça diversas vezes…
          Portanto, os teus dados apenas ocupam no teu disco os 140GB. Há mais 140GB de dados ocupados, mas é nos servidores da Microsoft (aliás, 140GB vezes muito, com todas as redundâncias e backups que terão…)
          Acredita, eu trabalho com um minúsculo SSD de 128GB, e gestão de espaço em disco é “o meu nome do meio”… 🙂

          • Luís says:

            Por acaso não sei quanto “pesa” a pasta do OneDrive no meu pc (não estou em casa) mas deve ser algo muito próximo disso se não for mais, pois na pasta do OneDrive fiz um clone das pastas todas do meu user.

    • Redin says:

      Também para a quantidade de dados que tens de armazenamento nem deve ser assim tão complicado continuares a ter em dois lados.
      Imagina porem que ficas sem internet. Ficas sem poder aceder aos ficheiros. O problema de espaço já não se coloca nos dias de hoje mas quanto à mobilidade é diferente.
      Para mim, qualquer uso de cloud é bem vinda.
      Para empresas já se pode equacionar o problema da segurança, mas nada como um acordo que salvaguarde a protecção dos dados e acho que na sua generalidade os que são pagos ficam obrigados a isso.

    • Nuno Gonçalves says:

      Só sincronizas as pastas que queres. No meu caso só tenho sincronizado as fotos do smartphone para aceder directamente no computador. O resto das pastas só ocupam espaço na nuvem.

    • André Zenóglio says:

      Exprimenta a selecionar o ficheiro e clica em : “Apenas disponivel on-line” e penso que deixe de estar localmente

  7. Bruno Tavares says:

    Belissima ajuda. Ainda hoje me interrogava sobre como fazer exactamente isto.

  8. Pedro S. says:

    Isto não elimina os ficheiros do OneDrive.. Apenas o faz desaparecer do frontend do windows… 😉

  9. José says:

    Para mim é indispensável! Tenho tudo sincronizado e em perfeitas condições. Uso nas aulas um Surface, em casa uso noutro pc e está todo o meu trabalho diário e se quiser, confirmo a qualquer hora no telefone.

  10. Ric says:

    Linha de comandos em modo admin digitar: onedrivesetup /uninstall. Em 64 bits efetuar o comando a partir de c:\windows\syswow64

  11. Gordon says:

    sempre a bater no windows. e porque nao um artigo: como desligar o icloud?

  12. Raul says:

    Para quem tem a versão Home do Windows 10, como eu tenho, se quiserem ter o Editor de políticas de Grupo Local a funcionar como no Windows PRO, é só seguir este tutorial e fica com o GPEDIT.MSC a bombar. Funciona perfeitamente no meu Windows 10 x64 Home Edition.

    https://www.itechtics.com/enable-gpedit-windows-10-home/

  13. rui says:

    Isto deve ser muito bonito mas ao fazer a parte do gpedit e reiniciar, o onedrive continua lá.

  14. Mikes says:

    Uma vez que a função anteriormente chamada de placeholder está a voltar, desligar o onedrive não faz muito sentido a não ser em ambiente profissional e por razões de segurança.

  15. helfrei says:

    A própria Microsoft dá indicações como desativar e ocultar o OneDrive

  16. Diogo says:

    Computação da nuvem e super importante. Uso o OneDrive para hospedar meu arquivos importante.
    Imagina ser assaltado levar meu note e perder meu TCC, ai fudeu. Se um dia for roubado meus arquivos esta salvo.

  17. Nobre Luso says:

    Não consegui perceber a “utilidade” ou pertinência deste artigo.
    Qual é, afinal o problema do fantástico OneDrive, o melhor serviço da Cloud? É por ter criado e oferecido pela Microsoft? Então deixem de usar este SO e passem para os “mac” da Apple!~
    Também por causa dos meus dispositivos Android (Samsung Galaxy S7 Edge, S6 Edge, S5, tablets Google Nexus, Asus ZenPad, Samsung Galaxy Tab S2 e outros…), tenho 200 GB de espaço na nuvem!
    Por que raio eu iria desperdiçar esse espaço, só porque “eventualmente” o OneDrive ocupa uns míseros megabytes no meu disco de 2 TB?…

    Pelo contrário e como foi bem referido aqui por um comentador atento, seria uma excelente ideia publicar um artigo sobre as funcionalidades do fantástico (e gratuito) OneDrive. Há quem não saiba lidar com ele… ou simplesmente nem saiba do que se trata!

  18. Nobre Luso says:

    Meus amigos:
    Para vosso próprio benefício e utilidade, NÃO REMOVAM O ONEDRIVE!
    A não ser que tenham um disco (ou discos) do século XIX, com 200 MB de espaço…

    • Hugo Cura says:

      Para quem não utiliza o OneDrive, sejam quais forem os motivos, qual a utilidade de carregar a app de sync do OneDrive no load do Windows e de ter o ícone do OneDrive no explorer?

      Para quem não utiliza Dropbox, Google Drive, Mega ou outros, faz sentido terem as respectivas apps instaladas? Não percebo qual é o teu problema.

  19. Paulo Ferreira says:

    Há alguma maneira de mover o OneDrive para outra drive diferente daquela onde está instalado o Windows 10, ou tenho de desinstalar e voltar a instalar na drive que pretendo?

  20. António Macedo says:

    Há alguma maneira de sincronizar um disco externo com o OneDrive. Eu utilizo o disco externo, mas gostaria de ter o OneDrive como backup.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.