Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Telescópios

Há planetas que “comem” o seu próprio céu e por isso não crescem

A evolução da tecnologia, mais concretamente dos Telescópios, abriu um novo olhar sobre o espaço. Antes desta revolução tecnológica, pouco era conhecido e, desse pouco, o nosso Sistema Solar estava sozinho no Universo. Posteriormente, com a chegada dos telescópios mais avançados, o Homem percebeu que existe um tesouro de planetas em órbita de estrelas distantes.

Com o equipamento mais desenvolvido nalguns observatórios espaciais, foram “trazidos para Terra” centenas de novos planetas. Contudo, nessa altura foi revelada uma realidade intrigante.

Ilustração NASA de um exoplaneta mais pequeno que Neptuno, que os seus oceanos de magma "comem" o céu dos planetas.


Starlink: Elon Musk é “o homem que poluiu os céus”, acusam os astrónomos!

O espaço está a ser ocupado com tecnologia nunca antes enviada para a órbita da Terra. Só à conta da SpaceX estão já 120 satélites em operação dos 12 mil que a empresa quer colocar no espaço. Assim, este projeto de Elon Musk pretende fornecer Internet de banda larga ao mundo. Contudo, os astrónomos denunciam que estes dispositivos Starlink estão a cegar os telescópios terrestres.

O lixo espacial começa já a ter uma forte interferência e são muitos os astrónomos a apontar o dedo a Musk.

Imagem do lançamento dos satélites Starlink da empresa de Elon Musk, a SpaceX


NASA: Encontrados três buracos negros em rota de colisão

A cerca de mil milhões de anos-luz da Terra, os astrónomos descobriram um trio de buracos negros. Estes encontram-se numa colisão titânica de três galáxias. Para que fosse possível “ver” este sistema invulgar, foi necessário combinar vários observatórios na Terra e três telescópios da NASA.

Este sistema é conhecido como SDSS J084905.51+111447.2 (ou SDSS J0849+1114).


Cientistas criam material tão escuro que se torna invisível

Nos dias de hoje a ciência e física estão a evoluir a passos largos devido à tecnologia existente, seja na área da medicina, nos estudos do Momento da Criação, conhecer e estudar novos planetas, etc.

Devido à nanotecnologia, cientistas da britânica Surrey NanoSystems desenvolveram um tipo de material tão preto tão preto, que o torna… invisível.

vantablack_banner