Quantcast
PplWare Mobile

Soft2base, instale e actualize várias aplicações…

                                    
                                

Autor: Mário Sousa


  1. jpng81 says:

    Até tenho pena dos windows users… coitadinhos terem de andar constantemente a usar estas aplicações da tanga para atualizarem o software no computador.

    • fern says:

      TENHO WINDOWS HA MAIS DE 30 ANOS
      E NUNCA TIVE PROBLEMAS

      O CASO E QUE E NECESSARIO TER ALGUM DINHEIRO PARA COMPRAR OU ADQUIRIR BONS PROGRAMAS.

      EX.: SISTEMA OPERATIVO ENTERPRISE
      OFFICE 2010 PROF. PLUS, ETC ETC

      • M.Manuelito says:

        Segundo a wikipedia, o windows 1.X foi lançado em 20 de Novembro de 1985. Daí que parece-me um bocado difícil ser utilizador windows há mais de 30 anos 🙂

        Quando ao que disse o jpng81 acerca dos coitadinhos dos utilizadores windows, lamento sempre uma certa sobranceria ou um suposto elitismo de alguns pessoas que usam Linux ou Mac. Nesse sentido uma enorme percentagem das pessoas que usam computadores seriam uns coitadinhos, já que os SO´s Windows são os mais utilizados a nível mundial. Não discuto a qualidade ou gostos de um ou outro sistema operativo, discuto factos.

        • jpng81 says:

          Mas o que é certo é a microsoft desde que existe nunca se deu ao trabalho de fazer um software center ou algo parecido, de maneira a facilitar o processo de atualizações, talvez seja por isso que o windows atualmente ainda tem muitas falhas de segurança.
          É melhor nem sequer falar no processo de atualizações do windows… é que tenho pcs com Vista (o win7 para lá caminha) que com uma ligação á net de 90Mb download e 20Mb de Upload da MEO, chegam a levar assim por alto 12h para atualizar o sistema operativo.
          O que é ridículo nos dias de hoje… espero que a microsoft se tenha “lembrado” de fazer uma “app store” no win8… é que os utilizadores “windows”… acabam sempre por comprar o mesmo sistema operativo cada vez com menos coisas para ver se fica mais levezinho.
          Mas cada um sabe de si… nem dado queria o win8… só mesmo pirateado e mesmo assim não não tem ponta por se pegue… só mesmo para jogos.

          • M.Manuelito says:

            Quanto às atualizações, não duvido que no teu caso seja assim, mas no meu caso, tenho no meu serviço cerca de 40 máquinas, 80% com Windows 7 e o resto com XP e as atualizações é coisa que nunca me deu a menor preocupação. Aliás após uma instalação do 7 com SP1 e com uma ligação Adsl de 16Mbits de download e 1 de upload, os pc´s ficam completamente atualizados em menos de 1 hora.
            Quanto ao windows 8 a minha ideia é igual à tua, mas só o tenho instalado numa VM, admito que posso mudar de ideias quando o instalar numa máquina.

        • Fernando says:

          27 anos – operação arredonda

    • Filipe YaBa Polido says:

      jpng81:
      Eu com o Debian também tenho que fazer um apt-get update ou usar o Synaptic 🙂 perdeste uma boa oportunidade de tar calado…

      • jpng81 says:

        Achas que perdi??? Então faz lá as contas… (ou então mandas-te a boca para o ar e nem sequer sabes o que é Debian).
        O que é preferes fazer? opção 1 ou 2:
        1: Em windows tenho 100 programas instalados, mais uma bantolada de updates do windows para fazer. Para atualizar tenho de ir a cada programa ou provavelmente 90% desses programas encontram-se no arranque do windows a verificar se existem updates na net (Completa estupidez que teve essa ideia na micrsoft e não é preciso ser nenhum génio para ver que isso não funciona).
        Depois para instalar as actualizações, tens situações “raras” em que tens de desinstalar a versão anterior e meter a nova versão (mas isso era antigamente)… em cada instalação tens de fazer em média 20cliques em “seguinte” para chegares ao fim da instalação.
        Como disse anteriormente os updates tenho situações que duram 12h só para actualizar o sistema operativo.

        2: Em ubuntu ou debian em qualquer uma das distros para actualizares o sistema apenas tens de escrever na porcaria da consola o seguinte:
        – sudo apt-get update
        – sudo apt-get upgrade
        (provavelmente vai pedir a password por segurança)
        E adivinha o que acabou de acontecer?? Ficas-te com o sistema operativo e os programas todos actualizados, em questão de 2 minutos em média.
        E adivinha, apenas tenho de reiniciar o pc após os updates apenas quando vêm um novo kernel.
        @Filipe YaBa Polido nem me devia ter dado ao trabalho em responder-te… enfim.

        • Filipe YaBa Polido says:

          De facto… se nem sequer entendeu o comentário evitava de responder.
          Agora questiono eu:
          Ter no Windows, um software que faça a actualização do software, ou ter no Debian o apt-get / synaptic, ou ainda, ter no RH o yum, qual é a diferença?
          Nem o Windows trás por defeito um software do género, nem o Srº Linus desenvolveu o APT.
          Quero com isto dizer, seja em que sistema for, recorre sempre a 3rd party software.
          A diferença é que já tem o apt-get ou yum no sistema, só isso.

        • Filipe YaBa Polido says:

          Em resumo, este foi o seu comentário original:
          “Até tenho pena dos windows users… coitadinhos terem de andar constantemente a usar estas aplicações da tanga para atualizarem o software no computador.”
          Vou responder de outra forma, e tenha em conta que sou *nix user, mas não sou fanboy, nem utilizador de Linux só porque é moda:
          “Coitadinhos dos *nix users que têm que andar sempre a utilizar aplicações da tanga (apt-get, yum, etc) para actualizarem o S.O. e as aplicações”
          Entendeu agora? Há sempre uma aplicação 3rd party… duh

        • Filipe YaBa Polido says:

          Mais acrescento que a opinião de um tecnicozito de Unhos que teve nota final de 15 valores num cursito do IEFP de 500 e tal horas é irrelevante… até porque nem sabe usar o “chmod” pelos vistos 😉
          Passe bem.

    • Neolinda says:

      Mas qual é a diferença para com o Mac ou linux ou bsd?
      Explica-me lá?
      Em todos tens serviços para isso, e os programadores só não os usam porque não querem.

  2. Daniel says:

    Muito util para agilizar as actualizaçoes, se suportasse mais aplicaçoes ou permitisse ao utilizador escolher que programas do seu PC actualizar seria excelente. Sobretudo quem usa Linux e Windows em simultaneo em mais de uma maquina sabe como e dificil manter todos os SOs e respectivos programas completamente actualizados.

  3. fernando martini says:

    qual a diferenca significativa para o FileHippo que utilizo a algum tempo, ele varre o meu micro e informa as atualizacoes tanto de programas intalados c\ plugis c\ Java, e vai direto ao link p\ baixar, a quem interessar recomendo

  4. Anonfag says:

    Aplicação encrava e consegue deixar o PC quase bloqueado (viva o gestor de tarefas!). Interface pouco intuitiva. Não recomendo.

  5. grifo74 says:

    Boas jpng81 durante os ultimos 4 anos só utilizei linux (Pclinuxos e ubuntu algumas vezes) no mês passado formatei uma maquina e instalei o windows 7 e digo-te uma coisa apesar de linux ser muito bom, ainda têm muito caminho a percorrer para ser como o windows e quando o linux estiver com tantos utilizadores como o windows todos os problemas de virus, etc,etc, vão estar presentes. neste momento estou com 7 deixei o linux, não para sempre pois vou estar sempre atento as novidades, mas vai ficar de lado por uns tempos. Pelo menos enquanto o windows 7 tiver suporte. Para mim um dos grandes males do linux é ter centenas de distribuições, se fossem só meia duzia e toda a comunidade a trabalhar em conjunto em vez de andarmos para ai a dizer o meu é melhor que o teu isto estaria muito melhor. Cumprimentos para ambas as comunidades Windows/Linux, afinal somos nós leitores e utilizadores que fazemos isto andar para a frente.

    • jpng81 says:

      @grifo74 O mal de linux não é ter várias distribuições, é ter falta de suporte de drivers e por consequência faltam os jogos. Ponto final, aliás ter várias distribuições é muito bom, se não gostares de determinado aspecto de desktop que é o que está a acontecer atualmente… basicamente nem te chateias muito e mudas de distro, porque se fores a ver a nível do kernel é tudo a mesma coisa, … é linux.
      E por falar em windows8, já começam a haver rumores de algumas empresas bastante importantes de jogos, que já estão a começar a preparar-se para dar com os pés no windows8… e a alternativa nem sequer é mac… 😉 é linux… investiguem um bocadinho na net sobre o que a Valve acha do windows8.

    • jpng81 says:

      A nível de virus…. bem até hoje ainda nada… e os utilizadores actualmente não são assim tão poucos.
      E a nível de servidores não assim tão poucos comparando com windows.
      Não sei porque essa fobia dos virus…. actualmente estou no sistema sem virus (ubuntu) e os windows users continuam a preferir estar num sistema que é afetado por virus… mas cada um sabe de si.

      • Joao Costa says:

        Sem virus e sem programas decentes.. Quanto aos drivers e/ou software é ridicula a pretensão que um fabricante ou developer possa faze-los tendo em consideração todas as distros e forks que existem (btw milhentas distros não é uma boa coisa) de forma a garantir a sua estabilidade. Quanto ao número de users, as estatisticas continuam a falar por si… e updates tem o win e tem o linux e às vezes não correm bem num e noutro…

        • jpng81 says:

          Sem programas decentes, só mesmo para quem não se dá ao trabalho de os entender.
          E os drivers, nem é preciso o fabricante fazer o software, basta abrir mão do código, que alguém na comunidade se encarrega de o portar para linux 😉
          Olha que chatisse os updates não correrem bem, cá para mim chama-se a isso azelhize provavelmente mexeste onde não devias 😉
          Eu continuo a preferir updates de 2minutos do que updates de 12horas.
          O mais espetacular é qualquer pessoa pode criar o seu sistema operativo em linux com as modificações que bem lhe der na cabeça… agora tenta fazer o mesmo em windows 😉
          Um exemplo, tenta meter apenas uma versão do windows recente num raspberrypi, e depois conta-me como foi. 😉 😀

  6. Manuel José says:

    Já não uso Linux há muito tempo, mas já usei Ubuntu e foi sem dúvida o melhor SO que usei até hoje. Neste momento, só tenho Windows 7, porque mal tenho espaço no disco (apenas me sobram 50 Gb, nunca ia ter espaço para meter outro SO), gosto de jogar e preciso de usar o Visual Studio. No Ubuntu, eu adicionava repositórios e tinha as aplicações sempre actualizadas, era tudo feito de maneira integrada, como diz o jpng81. E não é só a Valve, a EA já está a pensar em portar o Origin para Linux e a Blizzard também quer adaptar os jogos para Linux. Melhor, a Blizzard também não gosta do Windows 8. Não me interpretem mal, tenho o Windows 7 e estou muito satisfeito com o SO, mas se não fossem os jogos e o Visual Studio, era o Ubuntu que tinha instalado.

  7. manel says:

    olá

    Pois eu tenho aqui isto com dual boot ubuntu/win7. Utilizo ubuntu 95% e o win para algumas coisas, poucas… Actualização, no ubuntu com tweak e… é automático, ele avisa e só tenho de dar autorização. Net com win só mesmo em último caso e emails ainda pior, o thunderbird no win não me dá garantias com toda a especie de mails que me aparecem. No linux não há problema em carregar naqueles links manhosos, que são um perigo no win. Passem bem e não briguem 🙂

  8. Stephane says:

    Soft2base 2.1 has been released. It now offers a portuguese GUI.

    For the little story, soft2base developments are done … on an Ubuntu server.

    Don’t try to find which OS is best, just determine and use the most adequate one for YOUR needs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.