PplWare Mobile

Descubra algumas diferenças entre a Bitcoin e o Ethereum


Tomás Santiago

A tecnologia e aquilo que é possível fazer com ela sempre foi algo que me cativou bastante. Estudo Ciência de Computadores na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. Adoro programar e desenvolvimento de aplicações móveis, principalmente para iOS. É a escrever para o Pplware que partilho os meus conhecimentos. Sigam-me no Twitter: @mrtomasantiago

Destaques PPLWARE

31 Respostas

  1. Jose says:

    “Por outro lado, a plataforma Ethereum não tem, para já, um número limite, o que significa que mais Ether pode ser colocado em circulação no futuro. ”

    Não são colocadas ether novos todos os dias em circulação ?

    • Elsa says:

      O Ether é minado, logo claro que são colocados todos os dias novas moedas…. tudo o que é minado é colocado em circulacão duhh

      O que eles querem dizer é que não se sabe qual será o limite para todos os ethers, tal como não existe limite para o Euro ou o Dólar. Para a Bitcoin existe um limite de 21M de moedas (teórico, porque nunca será atingido) pelo que é sempre possível saber qual será o valor máximo de cada moeda, considerando todas as futuras moedas.

      • sousa says:

        Esse “duhh” era um tanto ou quanto escusado. És daqueles/daquelas que ouviste falar em blockchain no ano passado e achas que percebes do assunto ao ponto de ser condescendente. Ninguém nasce ensinado, respeita as dúvidas dos outros.

      • Hugo says:

        Realmente esse “duhh” deve vir de uma adolescente complexada que se julga uma expert em blockchain.

        • sousa says:

          Mesmo. É que nem sabe bem o que diz, conhece uns conceitos superficialmente e julga-se expert. Comprou 0.0001 btc, é trader portanto e viu uns vídeos no youtube sobre blockchain, é uma blockchain engineer. Top

        • Elsa says:

          Não hugo, o expert aqui és tu… alias, se deres uma para a caixa já seria considerado um milagres, mas sim, um verdadeiro expert, de faca e alguidar.

    • Jose says:

      A frase “mais Ether pode ser colocado em circulação no futuro” está incorrecta, porque todos os dias são mineradas novas moedas.

  2. gigbola says:

    Fiquei na mesma. Explique se faz favor o que quer dizer com “contratos”?
    Para mim um contrato, é um acordo entre duas partes. Num contrato são firmados, os termos e condições de um acordo entre partes.
    O Ether é uma moeda, o bitcoin é uma moeda, elas servem para fazer pagamentos. Se a rede ethereum serve para desenvolver e executar contratos inteligentes, e o final do contrato dá-se com o pagamento em ether, a rede bitcoin faz exactamente quê quando executa uma transferência?

    • sousa says:

      A rede bitcoin quando executa uma transação, coloca no livro de contas quem de direito transferiu o quê .

      Smart contracts na realidade são conhecidos por “objetos anónimos” teoricamente, o que na realidade se traduz mais ou menos em classes com métodos (Ou pequenos programas se preferir) que têm um endereço tal como uma pessoa pode ter. Na rede ethereum pode transferir fundos para outras pessoas OU para programas (smart contracts) . Numa primeira instância, tudo semelhante ao bitcoin, a parte realmente diferenciadora é a de transferir fundos para um endereço que corresponde a um smart contract (um programa que diz quanto é 10*x para um dado x). O mineiro/nodo da rede que processar o seu programa ganha o ether que transferiu para o executar.

      O programa/smart contract pode permanecer por tempo indeterminado na rede ou pode auto-destruir-se.

    • Elsa says:

      Ambos bitcoin e ethereum permitem programar, mas o ethereum foi criado mais com essa funcão, de criarem-se smart contracts.
      O ETH é usado como pagamento de utilizar a rede do ethereum, nao como pagamento do contrato em si.
      Um contrato em ETH pode ter qualquer activo subjacente, mas visto usar a rede do etherum usa ETH como “combustivel”.

      A bitcoin é que é uma moeda com o objectivo de ser usada como pagamento. A rede é toda ela usada para assegurar que a moeda pode ser usada como meio de pagamento.

      • sousa says:

        Utiliza eth como combustível? Utilza-se Eth para comprar gas que é o “combustível”. Está aqui uma spreadsheet com o gás utilizado pelas operações. O que varia é o preço do gás que deve ser pago em Eth.

        Utilizada como pagamento? Esta afirmação frase faz pouco sentido. É utilizada como uma rede para transferência de valor, descentralizada. Não tem de estar subjacente a noção de pagamentos lol.

        Bitcoin tem a linguagem de script básica, que não permite ciclos e portanto não é turing-complete. O Ethereum permite em teoria qualquer cálculo (daí a turing-completude).

        Ou seja, é possível criar smart contracts na blockchain da bitcoin, no entanto mais limitados. A mastercoin é um exemplo.

  3. Nuno says:

    A pergunta é:
    Onde vou eu meter os meus 1000 € para ficar milionário daqui a 10 anos?
    Obrigado !

    • Pedro says:

      Falam, falam, e o que é importante mesmo ninguém se chega à frente com a resposta 🙂

      • blabla says:

        Como é mais que óbvio, ninguém vai dar conselhos financeiros onde se deve arriscar o dinheiro.

        Posso-vos dizer para meter o dinheiro em bitcoin. E depois perdem-no, como é? Vão pensar que é culpa de quem deu o conselho quando na realidade o preço estava em ATH e vocês pensavam que ia continuar a subir, ficaram com FOMO (Fear Of Missing Out), investiram e depois houve um crash de correcção do mercado e vocês fogem a dizer que blockchain é a pior cena do mundo.

        DYOR – Do Your Own Research

    • JJ says:

      Isso ninguém vai responder, nem no mercado das cryptomoedas nem no mercado bolsista ou noutro tipo de investimento possível.

      Talvez o único com maior certezas na rentabilidade será os certificados do tesouro, visto que são assegurados pelo Estado, e por isso só não terás rentabilidade se o Estado for a falência por completo.

      Um investimento de risco é isso mesmo, um investimento. Quem investe esta sujeito a ganhar ou a perder. Por isso, depende da tua analise, veres onde investir calculando o risco de ganho/perda a curto, médio ou longo prazo, conforme o pretendido.

  4. Jose Silva says:

    Eu gostaria de investir mas sinceramente nao sei se, bitcoin ou ether.
    Investimento de curtos prazos.
    Se alguem puder aconselhar, agradeço.

  5. dajosova says:

    A Ethereum é de 2ª geração…como sabem já há melhores mais sofiticadas mas sempre será assim.,.. e ainda é cedo para prognósticos. Isto ainda está tudo praticamente em desenvolvimento.

    Pessoalmente aposto na solidez da Bitcoin, não só porque o Proof of Work é melhor que o Proof of Stake, no sentido em que é muito mais seguro. Mas não vejo assim tanta concorrência direta entre BTC e ETH.

    São filosofias diferentes… pese embora dentro de algum tempo iremos assistir a implementações no protocolo da Bitcoin que lhe darão características que agora só as altcoins têm; nomeadamente, transações instantâneas (centenas de milhar de transações por segundo), taxas ridiculamente baixas, aumento da segurança e também contratos inteligentes… para não falar de outras…. 😉

  6. LALA says:

    centenas de milhares de transações ondeline instantaneamente ou nao instantaneamente, nossa com esse conhecimento de voces ja estao salvando vidas…
    e amanha enquanto eu ando de carro, vcs estao esperando o busão….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.