PplWare Mobile

Parece impossível, mas Apple perdeu a terceira posição no mercado dos smartphones


Fonte: IHS Markit

Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. rgj says:

    Estavam à espera de quê? A fazerem telemóveis sempre iguais, com preços absurdos e com um sistema operativo “básico”, era de prever…

  2. PTdoNorte says:

    “Segundo a IHS Markit, esta quebra tem uma razão lógica. A marca tem preços elevados para os seus smartphones e os preços dos modelos anteriores não estão a preços acessíveis.”

    “Esta não era uma quebra esperada por ninguém. É certo que as vendas do iPhone estão a decair, mas não havia previsões que a Oppo tomasse de assalto a posição da Apple.”

    Errado, milhares de pessoas já estavam a prever essa descida da Apple á meses, e não foi preciso ser analista para adivinhar essa descida para a 4º posição
    Acredito que seja o valor do iphone como a sua tecnologia que contém em cada lançamento, ou seja nada, por cada lançamento não existe nada de novo

    • O novo do restelo says:

      +1 qualquer pessoa já previa desde há uns anos (excepto os hard fans da marca em negação) que isto iria acontecer. Overrated, ainda mais cara e produtos que pouco mais oferecem ano após ano. Um smartphone android por metade do preço oferece 95% do que oferece um iPhone. Desde sempre os meus melhores amigos tiveram iPhone de última geração até o iPhone 8 e daí perderam o interesse e quase todos mudaram para um Android Xiaomi ou Huawei. E segundo eles bem contentes com funcionalidades e ecrã muito superiores e para chamadas, redes sociais, selfies, agenda, camara e uns jogos no autocarro… chegam e sobram.

      Muitos colegas ainda têm iPhone e o que fazem de “especial” para precisarem de gastar 1200€ num? Nada. Fazem tudo o que poderiam fazer num Huawei P Smart 2019… e se a camara é uma prioridade então um S9 plus ou um P20/P30 Pro por uma fração do preço.

      E a ver nos PCs, se lançarem o MBP de 16″ ainda mais caro que o de 15″ e com specs muito similares…então não vão perder clientes só nos telemoveis lol

    • Hugo Nabais says:

      +1 pensei o mesmo. Já se antevia há vários meses…

    • Sujeito says:

      Não só se antevia como a própria Apple já o sabia. Portanto tudo isto está envolto em análises falaciosas sobre a premissa de que tudo isto é uma situação inesperada.

  3. Jorge Rodrigues says:

    Nem toda a gente está para pagar mil e tal euros por um smartphone e dos que estão há que lembrar que a concorrência tem boas opções.. e sem Steve Jobs… acredito que a Apple continue o declínio nos smartphones.

    • O novo do restelo says:

      Com o SJ a Apple era uma marca de classe, com o SO mais fluído, estável, bateria, updates e Apps de qualidade, já não falando que o backup na cloud e restauro descomplicado foram ideias de génio. Sem SJ a Apple virou-se para um americano comum capitalista cujo intuito é só agradar aos acionistas e fazer dinheiro. Pois agora vamos ver qual vai ser o resultado. É que sem o SJ a Apple não faz mais do que o que fazem os chineses, e os chineses fazem por quase metade do preço…

      Tenho uma amiga com um Macbook Air comprado por volta de 2011 e quando ela comprou novo parecia um PC totalmente antigo e desatualizado; um colega tem um Macbook de 12″ do trabalho e aquilo parece um brinquedinho, pelo preço…de chorar a rir. Para isso iria bem com um Surface Laptop ou um Go. O MB de 12″ só tem corpo e ecra e hardware para trabalho light mas preço de PC grande! Boa sorte Apple.

      • Jorge Rodrigues says:

        Sim, o meu macbook pro 15″ é de meados de 2014 mas daí para a frente não vale a pena, comprarei um computador normal com linux.

        • Miguel says:

          Se dissesses que ias comprar com windows ainda acreditava, trocar Mac por Linux é que acho um bocado estranho, mas…. cada cabeça sua sentença.

          • Jorge Rodrigues says:

            Não vou comprar windows disso é uma certeza.
            Mais a mais para o meu trabalho só mesmo linux ou Mac
            è uma questão de software.

          • Miguel says:

            Sendo assim…. não critico 🙂
            Mas não deixo de achar interessante a troca de Mac por Linux

          • met says:

            Não percebo a confusão, é mais fácil arranjar um Linux parecido ao macOS do que tentar meter o Windows parecido.

    • Sujeito says:

      Pois não. Há quem gaste muito menos e compre um iPhone à mesma. E há quem gaste mil e tal euros e compre um Huawei ou um Samsung.

      Tudo isto são argumentos falaciosos. E como tenho dito, há muito por onde pegar mas não por aqui.
      Todas as indústrias têm vindo a subir um escalão no preçário dos seus produtos. É inflação disfarçada.

  4. pp24x7 says:

    E vao continuar na rota de queda.
    Em primeiro lugar nao ha nada de novo nos smartphones ha um par de anos, pois o mercado está numa situação de saturação tecnológica. Nao ha ideias para novas funcionalidades e os smartphones tornaram-se uma commodity e como tal a Asia vai continuar a dominar a competição dos preços, sobretudo nos Androids.
    Quando à Apple, ja era esperada esta situação dado o valor hiper inflacionado dos preços ao consumidor e a pouca diferencias face as features de Android. Tem um ponto forte que é o ecosistema da Apple, mas será que nós consimudores estamos preparados para pagar mais de 1000€ por um telemóvel em prol do “tal” ecosistema?
    Eu nao… Mudei recentemente da Apple para Android (OnePlus) e não estou nada arrependido.

    • Sujeito says:

      O tal ecossistema não é a única razão para se preferir material Apple, nem tão pouco custa necessariamente mil euros. Isso são os topos e várias marcas praticam o mesmo preço ou superior.

      Tal como disseste, há pouca diferenciação entre dispositivos de ano para ano por isso comprar um modelo que não seja topo é perfeitamente aceitável e sem quase perda nenhuma de capacidades.

      Falando assim, até parece que nem se vendem telefones baratos. Vendem-se e sempre fizeram o que é preciso. Tal como os carros, a diferença entre um CLio e um BMW é pouca. A maior diferença é entre um Clio e não ter carro algum.

      • Bruno F. says:

        Mas porque raio comprarias um iPhone com alguns anos, onde os ecrãs tem bazels gigantes, cores e definição arcaicos, bateria com capacidade pouco acima do ridículo e muitas outras coisas do século XIX, se com o mesmo valor ou menos, compravas um modelo de topo de outra marca, com tudo a que um telemóvel do século XXI tem direito?? Estou aberto a um bom argumento, manda lá. (não digas por favor que o sistema Apple é mais fiável, essa já não pega)

        • Miguel says:

          iOS. Quem quer iOS compra iPhone, não há alternativa.

          Por incrível que pareça, há quem não goste de Android.

        • Jose Ricardo says:

          Podes falar o que quiseres mas essas “cores e definições arcaicas” que referes, são o completo oposto em de testes específicos e reais na anandtech, características específicas de cores, e comparação das mesmas em programas como o final cut pro do Mac para iphone. Representação fiel.

  5. Filipe F. says:

    Curioso,a Samsung cresceu, e a Huawei do 1o para o 2o trimestre abrandou bem (desceu marginalmente) apesar de ter crescido face ao ano anterior. Ou seja as 2 marcas do topo continuam a crescer e portanto o mercado não está em recessão como querem dar a entender para a queda da Apple. É a própria Apple que cativa e vende cada vez menos porque se as que estão acima continuam a vender mais que há um ano e as que estão abaixo vendem bem mais, o problema é da Apple e não do mercado geral

  6. David Guerreiro says:

    Deve ser apenas no mercado asiático que a Oppo consegue isso.

  7. Fixo says:

    Perde nos smartphones, ganha nos tablets. É a vida.
    https://www.idc.com/getdoc.jsp?containerId=prUS45418719

    • Fixo says:

      Já agora, caso queiram saber, o trimestre terminado em junho é aquele em que a Apple vende menos iPhones. No gráfico, com grande diferença, o mais alto é o terminado em dezembro. De maneiras que é melhor esperar por dezembro, porque um trimestre não é um ano.
      E depois o número vendido depende das promoções, na China (marcas chinesas) e Índia (Samsung, que está a substituir as marcas locais).
      https://www.bbc.com/news/business-48110709

      P.S. O anúncio do fim do iPhone e da Apple já dura há uns bons anos. O que convém perceber também é que 1400 milhões de equipamentos Apple ativos gera também muita receita em serviços.

    • Xnelox says:

      O mercado dos tabletes é pequeno, não dá para pagar contas à Apple

  8. Miguel says:

    Ainda tem que cair muito mais, a xiaomi em breve passa a perna a Apple.

    Marcas como a Xiaomi que lançam um equipamento de 170€ no mercado (Xiaomi Redmi Note 7) tem tudo para que o futuro lhe corra bem, dentro deste preço não existe melhor equipamento relação preço/qualidade!

    • Pedro says:

      Parece que estar a elogiar a política de salários baixos, sem qq proteção social para os trabalhadores chineses….mas que grande fascista!! Sim senhor!!

      • pedro says:

        essa é boa ….. na China tudo é mais barato, os meios de produção e matérias !!! nunca viu um iphone aberto para ver a quantidade de componentes que têm lá escrito “made in china” ??? toda a gente sabe que as marcas europeias se tivessem a sua produção nos países de origem já tinham fechado !!! todas elas deslocaram os seus meios de produção para os países asiáticos ….. a engenharia pode ser europeia ou americana, mas a produção tem que ser onde é mais barata !!!! e não são só as empresas tech, noutros sectores passa-se o mesmo …..

  9. José Costa says:

    Como parece impossivel quando vendem telefones com ecra de 4.7″, 2Gb e 64 de disco por 600€? Vão roubar outros

  10. Zé Duarte says:

    É o que acontece quando se focam em serviços. Ainda por cima serviços que já existiam no mercado.

  11. Bruno F. says:

    E a Xiaomi será a próxima!
    Troquei recentemente do iPhone 7 para o mi 8 pro e não me arrependo nada. Estes senhores da Apple parecem estar sem ideias, parece que essas se foram com o Steve..
    Acho que pelo menos a nível de smartphones, eles irão passar mal nos próximos tempos. Cada vez menos as pessoas estão disponíveis para gastar 1200€ num pisa papéis e até os amantes da marca (como eu era) começam a procurar novas opções. Quando as encontram, percebem que afinal a maçã não tinha assim nadinha de especial.

    • LSousa says:

      Também prevejo que a Xiaomi vá ultrapassar a Apple muito em breve… O que ainda os vai salvando são os wearble e os airpods….

    • José says:

      Ainda há dias estive a ver Iphones e vi imensos abaixo dos 1000€! Como vi de outras marcas, acima! Se falar de inovação, até lhe dou razão, mas em qualidade e acabamentos continua a ser de primeira! Eu tinha – ainda tenho a funcionar W10 mobile – passei há um ano para Android, não gosto, mas não tinha outro remédio. Chinês não compro nada. E, para mim, qualquer coisa telefónica por muito “esperta” que seja, acima dos 500€, nos dias que correm, ė um roubo, e a maior parte das marcas têm equipamentos acima disso e até dos 1000€, não é só a Apple.

      • GM says:

        Tenho o mesmo dilema. Continuo com o W10m, até que o TM “morra”. Está neste momento suspenso pois a bateria rebentou, estou a aguardar a nova por 25€. Quando o TM se for, opto ou por SAMSUNG ou muito provavelmente NOKIA (apesar de frabricados na China). Tudo o resto, chinesices, ainda que o hardware possa ter qualidade (XIAOMI, HUAWEI, VIVO, OPPO, OP,…) abstenho-me de comprar.

    • IDroid says:

      O mi 8 pro também é dois anos mais recente que o iPhone 7, é natural que seja melhor…
      Já agora,por que trocaste o iPhone 7? Tenho um,e não me vejo a trocar nos tempos próximos ; faz tudo o que preciso e com rapidez.

      • Bruno F. says:

        Eu gosto demasiado de smartphones e de inovação, o iPhone 7 estava demasiado mono para mim. O ecrã é demasiado pequeno e a definição fica a meio caminho do que tenho agora. A bateria não durava 24h com o uso que lhe dava e a falta de liberdade no sistema fez com que ficasse farto. O android dá me demasiada liberdade para fazer do meu smartphone aquilo que eu quero e tenho gostado muito disso. Mas lá está, no final das contas, depende tudo do interesse de cada um

      • Bruno F. says:

        E se comprares o iPhone x que é do mesmo ano do mi 8 pro, vais ver que é igual ao iPhone 7, só muda o preço. Que por acaso é o dobro do mi 8 pro

        • IDroid says:

          Não diria que é igual ; o iPhone X tem um ecrã OLED maior e de maior resolução ; uma segunda câmara,um processador mais rápido,carregamento rápido e sem fios…

  12. MalicX says:

    Mas continua a ser a única que ganha brutalidades de dinheiro com os telefones. E vai continuar a ter umas margens que ninguém atinge. Não precisam de quantidade mas sim de margem e isso mantém-se.

    • Yur-pt says:

      Isso tens de perguntar aos gestores da Apple. Provavelmente não concordam contigo.

      • MalicX says:

        Nas contas trimestrais vais ver a “queda”. Provavelmente continuam como a primeira ou 2a maior companhia do mundo. E só vendem telefones. O resto são migalhas. Simplesmente brutal.

    • RPG says:

      A única não é de certeza, mas estes números valem o que valem.. Podes vender 10000 e ter uma margem de 20%.. ou podes vender 7000 e ter uma margem de 40%, e sais a ganhar lol. Vender mais quantidade está longe de significar mais lucro.

  13. rikardo pereira says:

    parece impossível ? porquê ? nada é impossível lol este declínio deve-se ao facto de o ser humano so ter 2 rins para poder vender e comprar o “ifone”

    • José says:

      Não há outras marcas a pedir mais de 1000€? Essa é boa!

      • Hugo says:

        Vê qual é telemóvel mais caro da Xiaomi vê depois fala qual é que cobra mais Huawei Samsung essas óbvio que vão ser sempre assim apartir que a Apple começou a lançar telemóveis a mais de 1000€ essas marcas tmb fizeram

  14. AS says:

    Tendo em conta que a Huawei e a Samsung têm telemóveis de gama média/baixa, se estes valores englobarem todos os equipamentos então continua a ser impressionante para a Apple. É verdade que já não vendem que nem pãezinhos quentes, mas ainda assim continuam a vender apesar das grandes margens.
    Destaca-se a OPPO, pelas inovações que têm apresentado. Os aparelhos são magníficos embora o preço esteja a subir de modelo em modelo.

  15. jose says:

    A política de preços elevados explica isso. Porque é que deveremos pagar 1200 euros por um equipamento se temos outro que está dias ou três gerações atrás mas que funciona perfeitamente, e corre os mesmos aplicativos?

  16. Jorge says:

    surpresos??
    A apple ainda a cometer os mesmos erros de sempre
    OS limitado baterias fracas e precos elevados para muitas pessoas claro que nao compensa
    E algo me diz que o iphone 11 vai ser uma melhoria do iphone xs ou xs max ou seja quase a mesma coisa
    Ou a apple muda a sua maneira de pensar ou entao qualquer dia………….
    Tantos “genios” a trabalhar num iphone que todos os anos é quase a mesma coisa??
    O que é que eles andam a fazer durante 12 meses?????

  17. Luis Santos says:

    Parece impossível é a apple ainda estar nos primeiros 10 .Mas vai haver sempre ifans a darem o que eles pedem pelos telemoveis .Carrega apple, próximo iphone 2500 euros

  18. Tiago says:

    tenho um iphone, e digo vos… é bem feita…
    nao fazem sentido os preços praticados e eu proprio sinto culpa em ter comprado o ultimo modelo de topo.
    Um exemplo claro que me enervou. Tenho um iPad modelo 2018 com tecnologia USB-C… algo que claramente poderia vir ja nos ultimos iPhones, mas uma vez mais decidiram guardar esta e outras para os proximos modelos, para nos proximos aumentarem mais 100euros… aos 100 de cada vez… Nada que nao viessem sempre a fazer… mas o povo também se farta… resultado, em menos de 1h tenho o iPad carregado… e o iPhone leva me 3h e tal… é simplesmente ridiculo.
    Estou ainda agarrado à marca porque continuo a preferir o iOS ao Android…. porque de resto sinceramente até já me enerva.

    • IDroid says:

      Concordo contigo em tudo o que disseste. O que eu tenho feito (que não é para todos) é comprar o modelo do ano anterior em segunda mão. Não fico com o sentimento de culpa de ter pago uma batelada de dinheiro e não ter todas as características que procuro,e o “desconto” é decente.

    • Miguel says:

      Já pensaste que estás a usar um carregador errado no iPhone? Eu tenho um XS e leva 1h para carregar totalmente, mas gastei 15€ e mandei vir de Espanha um carregador de 18w USB-C PD
      Não é o USB-C que faz milagres, é o carregador que usas e o cabo.

  19. Jota says:

    “Parece impossível”? Parece impossível para quem anda distraído!

  20. Jota says:

    … e se o MI A3 vem com ecrã full hd, a XIaimi também passaria à frente da Apple!

  21. SANDOKAN 1513 says:

    A Oppo em 3° lugar ?? Esta agora !! Ainda se fosse a Xiaomi,agora a Oppo ?? Enfim… 😐

  22. Pedro says:

    A seguir vai cair para XIAOMI 🙂

  23. Turntable Man says:

    Se as análises fossem feitas baseadas nos comentários que muitas vezes leio neste site, a Apple já estaria fechada… Há realmente pessoas que precisam de sair mais vezes de casa. Existe vida para além de criticar a Apple. Se realmente o que pensassem fosse válido estariam a traballhar para uma Goldman-Sachs…
    O argumento de que a Apple não traz nenhuma inovação já está muito desgastado. O que mais é que querem fazer num smartphone?! Ir a Marte?! Teletransportarem-se?!

    Se um extraterrestre chegasse neste momento ao nosso planeta e fosse ler os vossos comentários para entender como funciona o mercado de produtos informáticos, ficariam com a impressão de que a Apple é nada mais do que um projecto falhado, uma empresa que somente copia as ideias de outras empresas e que já está falida há vários anos.

    O CEO da Huawei é um admirador confesso da Apple! Agora vão-me querer dizer que a vossa opinião vale mais do que a dele?!

    Apesar do volume de vendas dos iPhones não ser o mesmo de anos anteriores, a Apple continua a ser uma das maiores empresas do mundo inteiro! Não existe uma empresa portuguesa ou sequer Europeia que lhe chega aos calcanhares.

    Em vez de criticar, deveriam apreciar o facto de hoje em dia existirem várias empresas no ramo que deem mais opções aos consumidores. E muitas dessas opções são produtos nas quais a Apple foi pioneira a produzir ou comercializar. Se hoje em dia utilizamos, por exemplo, um periférico chamado “rato” é graças à Apple.

    Bem haja à Samsung, Microsoft, Google, Huawei, LG, Apple, Sony, Intel, Qualcomm, AMD, etc que competem entre si (directa e indirectamente) para que possamos ter mais opções de escolha e de acordo com a capacidade de compra de cada um!!

    • nuno a says:

      boa, alguem com juizo aqui

    • João says:

      “Se hoje em dia utilizamos, por exemplo, um periférico chamado “rato” é graças à Apple.”
      A Apple apenas foi a primeira a disponibilizar o rato genericamente, mas foi criado pela Xerox (btw, deve ser das empresas com mais patentes no mundo tach, quem diria isso de uma empresa de fotocopiadoras)
      https://www.computerhope.com/issues/ch001083.htm

      Aqui uma demo a usar um rato antes da Apple :
      https://www.youtube.com/watch?v=yJDv-zdhzMY

    • JJ_ says:

      Estavas a ir muito bem… até falares da historia do rato!

      Como já foi dado o comentário, o “rato” é uma invenção (ou patenteado) da Xerox.
      E ainda antes do “rato” lançado pela Apple em 1984… a Microsoft lançou um ano antes o seu primeiro rato. Alem de o “rato” já ser algo usado no computador da Xerox (talvez a uns 10 anos).

      Se disseres que a Apple ajudou a massificação do “rato”, estas certo… mas não foi a primeira a produzir nem a comercializar.

      Alem disso, tanto a Apple, como a Microsoft, a Amiga e Atari, foram fundamentais para a massificação deste periférico, todas elas terem lançado um modelo do mesmo praticamente ao mesmo tempo: Microsoft (Maio 1983); Apple (Janeiro 1984, com o lançamento do Lisa 2); Amiga e Atari (1985). Na realidade nenhuma dessas empresas “puxa” a si o feito de ter massificado este periférico, que o faz é por ser “fan boy” de uma dessas marcas.

      • Turntable Man says:

        Podes me dizer em parágrafo refiro que o “rato” foi uma invenção ou que foi a Apple a primeira empresa a comercializá-lo?!
        O primeiro “rato” a ser utilizado em grande escala foi o lançado juntamento com o “Macintosh 128K “. Mas a Appe já tinha lançado um rato juntamento com o “Lisa” em 1983 e não em 1984 como referes no teu comentário.
        O “rato” da Xerox custava $400 enquanto que o da Apple $25.
        Foi o sucesso comercial do “Macintosh” da Apple que levou outras empresas a começar a produzir ou incluir o “rato” com os seus produtos informáticos (tanto a Atari, a Amiga, a Microsoft com o Windows 1.0, etc).
        O primeiro jogo para PC a ser criado especificamente para ser utilizado com o “rato” foi o Puzzle da Apple…

        E em relação ao “fanboy”… Hahahaha!!!! Não sou “fanboy” de marca nenhuma (também não refiro no meu comentário de qual marca são os equipamentos informáticos que utilizo). Tenho o privilégio (graças ao meu salário) de poder adquirir e disfrutar de produtos da marca que me apetecer. E não é pelo facto de dar preferência à marca A, B ou C que vou rebaixar outras nos comentários dos sites especializados no assunto.

        • JJ_ says:

          Desculpa… realmente não disseste que foi “inventado” pela Apple.

          Mas só uma nota… a Microsoft foi lançado o seu primeiro “rato” em 1983 e já funcionava no MS-DOS.

  24. Gonçalo Matias says:

    A huawei vai subir no rank, Samsung e Apple vão descer, a Samsung também não está a inovar muito, esperam menos de um ano, para vermos a Samsung a cair

  25. nuno a says:

    é só rir aqui com os fans do android a comentar artigos relacionados com a apple , no entanto no artigo que lhes deve realmente preocupar: https://pplware.sapo.pt/smartphones-tablets/android/qualpwn-qualcomm-android-google/
    são poucos. continuem a odiar que a apple continua a facturar, o importante é que falem .

  26. jorge antonio says:

    Tenham calma, enganaram-se no titulo. Era para ser “Mais que previsivel”
    As teclas estao muito juntas e saiu “Parece impossivel”

  27. Artur Santos says:

    Até eu estou triste com a Apple. Comprei um xs Max. Tem nem dois meses, problema na placa de rede. A tampa da câmera está trincada e por isso não pude acionar a garantia.
    Obs: não tem marca de uso, nunca caiu, até hoje busco saber como o vidro da câmera partiu. O mesmo aconteceu com o de uma amiga minha também.

  28. Álvaro Joel says:

    Nos dias de hoje e atendendo a facilidade com que os utilizadores comparam preços de dispositivos e suas características, a Apple deixou de dominar. Para mais, os preços foram aumentando ao longo dos anos, levando os utilizadores a procurar soluções menos dispendiosas, como foi o meu caso. No entanto, o sistema operativo da Apple é, a meu ver, e já com algum tempo de android, relativamente superior e mais fluido. Mas dado que os dispositivos servem para o mesmo, consegue se encontrar um meio termo entre preços, qualidade e SO, levando à queda destes e subida de outros

  29. Je says:

    Para os mais distraídos,( sim para aqueles que vêm uma noticia da Apple e toca a dizer mal sem pensarem um pouco!) a Apple lanca os iphone em setembro, é natural que nos ultimos meses esteja em queda, nenhum maluco vai comprar um iphone em Maio, quando as noviades são em setembro…
    e ainda relembro que a Apple não dá um pontapé na calcada e “caga” um telemovel!… (ppware desculpem a expressão)

    Acho que o grande problema de muitos que, fazem comentários tristes acerca da apple ou outra marca, não tiram partido de todas as características do telefone, neste caso da Apple/Iphone…
    Meus amigos um smartphone/Iphone não se usa só a maquina fotografica/chamadas ou jogos e se for para isso que querem um smartphone ha um leque enorme de exemplares, e de facto para isso o iphone é MUITO caro…

    Relembro que o Iphone ou um smartphone é mais do que isso, caso não saibam…
    nomeio algumas “caracteristicas” : agenda, calendario, pagamentos, email, contactos, lembretes só alguns com toda a segurança que oferece…

    agora pergunto usam todos eles ?
    ( eu respondo não usam pelo menos quem está sentado a espera que seja publicado algo acerca da apple para dizer mal )

    • Miguel says:

      “nenhum maluco vai comprar um iphone em Maio, quando as noviades são em setembro” – Pelas contas, nesses meses houve mais de 35 milhões de malucos

    • JJ_ says:

      Essa teoria não é lá muito eficaz, porque a Apple continua a vender iPhones que já lançou a dois anos.

      Depois, se seguirmos essa ordem de ideias, nunca se compra nada… porque “amanha” vai sair sempre um equipamento mais evoluído…

  30. Buckethead, o meu coração só tem uma cor, azul e branco. says:

    A Apple está a vender menos?
    Até o meu cão previa isso desde que deixou de usar o Phone 6 .
    O drama, o horror,a tragédia…

  31. Fulano says:

    Parece impossível, mas o mais que esperado aconteceu!
    Apple perdeu a terceira posição no mercado dos smartphones e continua a perder cota de mercado.
    Marca já só consegue obter lucro nos (muitos deles completamente desnecessários) nos serviços.

  32. Fulano says:

    O problema da Apple é não querer vender nenhum producto a preço justo, e tentar sugar o máximo de dinheiro possível aos que buscam atenção.
    Ele que metam os telefones a 350€ e vão ver se as vendas não disparam… O mesmo se aplica à Samsung nos topos de gama. A diferença é que a Samsung tem telefones fantásticos na gama média, tal como o “novo” A50.

  33. José Moura says:

    Com o próximo modelo que estão a pensar lançar quem os vai ultrapassar também será a Xiaomi.

  34. Vasco says:

    Que novidade…. Apple é só marketing… Inovação em hardware e software nos últimos anos zero… Vai copiar is androids… Ja la vai o tempo em quw era pioneirA… Não corrige as falhas de segurança…
    Huawei da 20 a zero a eles…. Não é por nada que o Trump quer dar cabo da Huawei… Vê que a Apple está a afundar… Há que arranjar esquemas para tentar salvar o produto nacional… Mesmo que nao valha nada…

    • Hugo says:

      Apple e Samsung juntas para criar nova câmara ToF só por causa disso que não bloqueia a Samsung sendo que os está a ajudar a aumentar outra vez as vendas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.