Google já investiga problemas dos Pixel 2


Destaques PPLWARE

21 Respostas

  1. AFontes says:

    Meter Sharps e LGs é para malucos… Ainda há uns dias o fundador da OP mandou a farpa.
    A Samsung também já mandou o troll.

    “OLED helps us build thinner devices and better display experiences. Samsung’s display technology is currently the best for Optic AMOLED.” – Pete Lau

  2. Belmiro says:

    “será mesmo um problema do ecrã da LG, cuja experiência no fabrico dos ecrãs OLED é pouca.” What? Lolol a LG só é o maior fabricante de TVs OLED …

  3. @S4M says:

    PixelGate? Parece-me que estes “release bugs” vieram para ficar nas grandes marcas de hardware e software e nenhuma se vê livre deles. Wonder why!!! “Sarcasm”

  4. Paulo Coelho says:

    Como é possível um smartphone perto dos mil euros ter tantos defeitos?

    • jona says:

      mas tu leste a noticia? tem 2..um corrigido por software..o outro vai ser minimizado tambem por software. alem de que a garantia de google subiu para 2 anos caso tenhas problemas com eles..sinceramente se comprasse um pixel ia para o da htc (o pixel 2) que sempre faz melhores aparelhos que a LG (que nunca fez um de jeito e sem problemas)

      • Paulo Coelho says:

        Ahhhh dois em menos de 30 dias de mercado não é problema? Software? Mas a Google não faz o quer quer com o seu software? Só é ceguinho quem quer.

        Pelo que se vê ainda estão meia dúzia de unidades vendidas e já apresenta problemas desta monta. Devem ser bons devem.

        Comprem comprem e recebem um equipamento caro, sem qualidade de materiais e com vários defeitos, quer de software quer de hardware.

    • Belmiro says:

      É fácil, falta de testes e controlo na produção. Se testassem bem com tempo isso não acontecia. Deixam essa tarefa para o fabricante e depois queixam-se.

    • Vítor M. says:

      Paulo, acontece a todos, mas é importante perceber seé algo como aconteceu no Note7, aí sim é de gravidade extrema, ou se são meia dúzia de unidades é isso faz parte da ‘normalidade’ que todos os dispositivos enfrentam, quer os mais caros, quer os menos caros.

      Não deixa de ser um dos melhores smartphones do presente.

    • pois..... says:

      só quem nunca trabalhou nas áreas da tecnologia é que pensa que é normal as coisas serem lançadas sem “bugs”

  5. Helder says:

    Estava a ver que não admitiam!

  6. ervilhoid says:

    Praticamente todos os nexus tiveram problemas, só tive um e apesar de tudo até gostava do dispositivo N4

  7. sakura says:

    new HW pena não poder criticar um windows phone……….
    https://www.google.es/landing/activate/home/

    ai ai … MS.

  8. Hugo Gomes says:

    A qualidade de gastar 1000€ ta a vista

  9. Antonio says:

    Oh…a Google ñ foi ver os problemas q o G3 / G4 / G5 tem com os ecrãs (LCD) ? Não trabalho de casa…LG…esqueçam.

  10. Tiago says:

    Boas
    Os problemas nos ecras da LG já são recorrentes, e modelo após modelo o burn-in aparece sempre, é como o bootloop. É um dos defeitos que mais me chateia no meu LG V10
    Abraço

  11. V.T. says:

    É a diferença entre a Samsung e a LG.

  12. Djoje says:

    Quem fabrica os ecrãs dos Huawei? Por exemplo os do Mate 10 agora?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.