Quantcast
PplWare Mobile

Pplware Classics…

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Paulo Silva says:

    EUROPE – The Final Countdown
    QUEEN – I Was Born to Love You
    CENCURADOS – Enquanto a Noite Cai

    E muitos mais….. Lista tem algumas 300 musicas
    entre xutos e outras bandas portuguesas que não são muito conhecidas no publico português….

  2. Asdrubal says:

    Muito bom, António Variações.
    Uma outra do “É pr’Amanhã!” é a minha favorita, é muito o meu estilo. 😉

  3. Rogério N. says:

    Recordações… excelente

  4. George Orwell says:

    Um dia, um colega das lides académicas, o Rui do Alqueidão da Serra, guitarrista de suporte do artista para além da sua própria banda lá da terra, chegou acompanhado com o futuro cantautor que na altura ainda não tinha obra editada , ainda somente um projecto em maqueta sonora enviada para a editora Valentim de Carvalho.

    A conversa deu para saber que o futuro artista era cabeleireiro com estabelecimento na R. de Santa Marta, em Lisboa . Pareceu-me uma pessoa muito simples e afável. Lembro-me que , a certo altura da conversa, o futuro cantautor revelou que iria fazer tudo para subir a um palco e tornar-se famoso. De resto a conversa foi sobre trivialidades e opiniões que me pareceram da parte dele muito bem cimentadas e esclarecidas, diria mesmo que estava perante uma personalidade de mentalidade muito equilibrada e ponderada.

    Foi através do programa “Passeio dos Alegres” do Júlio Isidro, mais conhecido por Tio Júlio, essa grande referência e profissional da televisão e da rádio – que tantos artistas lançou e divulgou, agora tranformado em guardador de memórias sempre bem preparado que reacende as memórias dos telespectadores nos recomendáveis programas “Inesquecível”, “De Trás Para a Frente”, hoje mesmo às 2 3horas na RTP Memória, – que voltei a ver o artista quando este subiu finalmente ao palco sob os holofotes da televisão, tendo cativado então o grande público, justamente com esta música que Pplware escolheu.

    A minha grande surpresa é que, na televisão, o seu aspecto produzido, exuberante, diria mesmo bizarro, quiçá postiço, estava nos antípodas daquela personalidade que eu tinha visto e conversado uma vez mas que, ao invés, as suas líricas confirmavam tal personalidade equilibrada, ponderada, diria mesmo conservadora, através do seu perfil filosófico e pedagógico como o de um “bonus pater familias”, aspecto que a música escolhida pelo Pplware constitui um bom exempo.

    O mesmo tom pedagógico da sua canção “Dar e Receber” da qual se pode respigar que :

    “Dar e receber / Devia ser a nossa forma de viver /…/ Fazer a troca sem ganhar nem, perder /…/ Dar atenção ao nosso Xamã, Compensação de quem sabe escutar /.. / Dar o direito a toda a voz, Esse Respeito que queremos para nós/…/Trocar a ideia pra conhecer, Essa candeia que queremos acender /../ Trocar o canto pra não cantarmos sós / Dar e Receber”

    Como seria bom que o mundo tivesse estes princípios da lírica por basilares, princípios estes que correspondem a um humanismo que se adapta tão bem à filosofia Kantiana que os concebe como um valor que nos distingue do selvagem e da barbárie e também como uma limitação que nos distingue pela nossa finitude e falibilidade em relação àquilo que Variações designa por “Xamã”.

    RIP,
    em memória de António Variações e Rui do Alqueidão ( também já falecido ) que o destino quis que, por um curto momento, se cruzassem na minha vida.

  5. J3Ms says:

    Heroes del Silencio – uma banda espanhola que já acabou, considero como os xutos do país vizinho. Têm letras muito interessantes e também são bons executantes, especialmente de viola, um pouco como os xutos. No YouTube temos um concerto ao vivo de 2h.
    Passem por lá…

  6. Miguel Silva says:

    Rádio Macau – o Anzol

  7. Pedro Miguel Pedrosa says:

    A minha favorita

  8. Joao Martins says:

    blink-182. Faz relembrar a infância meramente inocente da altura!

  9. John G says:

    António Variações

  10. Nuno Pereira says:

    Pink Floyd – Another Brick In The Wall, Part Two
    Queen – I Was Born to Love Yo

  11. Ricardo Torres says:

    Metallica, Radiohead e blink-182. Embora há muita música boa por onde escolher.

  12. Sérgio Glórias says:

    Laços – Toranja

  13. Leonardo says:

    Kodaline – High Hopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.