PplWare Mobile

Chegou o Surface Pro 6, a renovação de uma linha de sucesso


Curioso desde cedo por tecnologia, procuro aprender e partilhar um pouco mais a cada dia que passa.

Destaques PPLWARE

  1. Mateus says:

    “promessa de ser o ecrã com maior rácio de contraste da história da Microsoft”

    Pois, ainda li 2x a ver se era da história absoluta, mas afinal é apenas da Microsoft lolol até pode ser 0.001% mais alto que os anteriores que já ganha lolol

    Finais de 2018 e o Surface continua a ter gráficas integradas, necessidade de dissipação ativa, 1 único USB-A e …. pronto já está, aborrecido como sempre.

    Se tivesse bordas finas, Intel com gráficas AMD, 1 USB-A + 1 USB C (pelo menos…) e saída micro HDMI é que tinha interesse. Mas os expert da MS é que sabem…

    • Durban says:

      Va-se lá entender a Microsoft, não colocar uma RX 580 num portátil/tablet de 800 gramas!!!

      • Mateus says:

        Vês como és pensador?… deves ter um doutorado.

        O Surface Pro 6 com teclado, ecra de 12.x” e bordas grandes (compara com um iPad Pro e até assusta a diferença…), gráfica partilhada e um USB … A, pesa cerca de 1.1 Kg.

        O meu portátil de 14″ (e não 12.x) ASUS de alumínio, faz Flip para tablet, teclado retroiluminado, ecrã com touch (e >100% sRGB) e gráfica Nvidia MX150 2 GB, vários USB incluindo USB C e uma bateria maior que a do Surface Pro 6 pesa pouco mais de 1.3 Kg

        Queres ver que os gênios da Microsoft não conseguiam fazer algo melhor?

    • Wilson says:

      Como é que pegavas no tablet com bordas finas?

  2. Miguel says:

    Estou interessado em comprar um para substituir o meu tablet Android. Sabem se vai estar à venda em Portugal na mesma data? Por que valores?

    • Durban says:

      Apesar de parecer um tablet, é um PC, com preços acima dos 1000€

      • Miguel says:

        É pouco mais caro do que um Tab S4 (que seria a minha escolha de tablet Android) mas com Windows vale mais a pena!

        • Durban says:

          Pessoalmente não acho interessante Windows como tablet. Apesar dos progressos, acho que ainda não chegam ao nível de Android ou iOS, mas já estão melhores. Como SO para tablet, como SO para trabalhar, 5 estrelas

          • Miguel says:

            Pois, eu prefiro claramente o Windows, muito mais do que um SO móvel puro! Na minha opinião o Android e o iOS são muito bons nos telemóveis, mas nos tablets não vejo outro uso para além de ver emails e para entretenimento. No caso do iOS, muito menos…
            Sou engenheiro informático e faço edição de vídeos e fotos. Dada a minha aptidão para computadores, nunca tive grande gosto pelos SO móveis, que são muito simplistas e limitados.
            Vejo-me a usar o Surface como dispositivo secundário em relação ao meu Alienware 17 – que é muito bom, mas igualmente pesado – para situações em que não seja necessário mais do que as capacidades do Surface – e além disso para substituir o meu Galaxy Tab S2 nas tais tarefas de email e ver filmes e séries.
            O Android não é um ambiente como deve de ser para desenvolvimento de software, com IDE’s como deve de ser. Já o iOS, nem comento. O mesmo em relação à edição de vídeo e fotografia.
            Tendo em conta todos os fatores, acho mesmo que nem o preço é exagerado. Ponderei comprar um Tab S4, que não custa muito menos e não tem nem 10% do potencial. Para mim, pior do que o preço, é o facto de o Surface Pro 6 não incluir porta USBS tipo-C/Thunderbolt 3: uso com regularidade um SSD externo e não me vejo a voltar às velocidades do USB “normal”, mas como o objetivo é ser um dispositivo secundário, não é muito grave.

          • Durban says:

            Entendo o que dizes, tablets Android ou iOS são para o uso que referes. Pessoalmente gosto do iPad porque é pequeno (tenho o de 7.9) o que se torna ideal para filmes em viagem, alguns jogos, youtube, web. Para trabalho (tb sou Eng. Informático) uso Macbook Pro, que é muito leve para transporte e com performance.
            A minha cara metade tem um Surface Pro, gosto bastante e não me importaria de ter um para trabalho, mas lá está, não gosto de Windows em modo tablet logo prefiro ter um tablet puro para actividades de lazer e um portatil para trabalho. Coisa muito simples, compara o web browsing num iPad com o Surface… vais notar que num iPad é mais preciso no toque que o Surface.
            Concordo em absoluto, deveria de vir com 1 ou 2 portas USB-C.
            Seja como for, se optares pelo Surface Pro, será uma boa compra. Em UK deverá ficar disponível a 10 de Outubro e os preços devem ser estes:
            i5 processor, 8GB RAM, 128GB – £879
            i5 processor, 8GB RAM, 256GB – £1,149
            i7 processor, 8GB RAM, 256GB – £1,429
            i7 processor, 16GB RAM, 512GB – £1,799
            i7 processor, 16GB RAM, 1TB – £2,149

          • Miguel says:

            Para o uso que lhe vou dar, estou a pensar na versão com processador i5 e 256GB de SSD. E ainda tem a vantagem de ter mais autonomia do que a versão com i7…
            É pena é a Microsoft apelidar o Surface Pro de “laptop” e vender o teclado (e a caneta) à parte e a preços exagerados para o que é…

          • Miguel says:

            Para o uso que lhe vou dar, estou a pensar na versão com processador i5 e 256GB de SSD. E ainda tem a vantagem de ter mais autonomia do que a versão com i7…
            É pena é a Microsoft apelidar o Surface Pro de “laptop” e vender o teclado (e a caneta) à parte e a preços exagerados para o que é…

        • Toni da Adega says:

          Tens muitas para tablets/2-1 tens muitas alternativas e a variados precos. Se gostas de Samsung tens o galaxy book. Mas a maioria das marcas possuem PC destes. Dá uma olhadela na HP, Lenovo, Huawei

  3. JCFB says:

    (Sh)Intel, no thank you.

  4. Jorge Cunha says:

    É impossível não ficar apaixonado por isto!

    • Mateus says:

      Impossível não é, desde o Pro 3 que pouco mudou.
      1) Tenta ligar um rato e uma pen ou hdd ao mesmo tempo sem precisar de um Hub
      2) tenta ligar HDMI a um projetor na sala de reuniões sem precisar de um adaptador
      3) não sei se neste melhorou mas já me aconteceu em modelos anteriores ligar um HDD USB 3.0 e quando o Surface Pro com ecrã em luz 75%, CPU na potência máxima (ex GTA V), o HDD não recebia energia suficiente e auto-desmontava-se (e a bateria também não carregava); se parasse o jogo voltava tudo ao normal. Isto para já nem falar na ventoinha que parceria um aspirador velho…
      4) ou esquecer o carregador e precisar de carregar, ter um carregador USB C de telemóvel e não poder carregar um tablet de 1000€ por USB…

      Dar 1000 euros ou mais, com teclado, andar com 1.1 Kg atrás para estar super limitado? Para mim, pessoalmente não. E aos Surface que vejo em segunda mão “novos”, é porque os donos também não viram a realidade a tempo de poder devolver à loja…

      • Durban says:

        1) ainda usas rato com fios?
        2) mais fios?
        3) Surface Pro para jogos???
        4) O teu Asus deve mesmo carregar por usb-c e logo com um carregador de telemovel
        LOL, tentar justificar a tua compra a denegrir os outros não é muito correcto

        • Mateus says:

          1) eu tenho vários ratos profissionais, uns com fio e outros sem fio (conjunto Logitech rato e teclado para o desktop). Queres ver agora que eu (e todos) tenho que gastar uns milhares de euros num Surface e ainda ser obrigado a usar ratos sem fios só porque a MS quis poupar no USB ? Lolol

          2) mais fios? Oi? Queres ver agora que vou ter que dizer ao diretor da empresa que substitua o projetor novo por um com wireless porque não estou para usar adaptadores? Lolol és de facto um cientista… ou então aproveito que a MS foi inútil e gasto do meu bolso umas centenas de euros em maus redutos sem fio e adaptadores wireless … e mala para os levar.

          3) um Surface Pro é um híbrido, logo tablet e notebook. Se for o meu único PC não posso esperar jogar nele OU usar a aceleração 3D do GPU para acelerar aplicações multimédia? Ou seja, queres dizer-me que a MS (e tu) esperam que os clientes gastem muitas centenas de euros num Surface e logo fico limitado naquilo que faço e possivelmente obrigam -me a recorrer a um desktop? Bom argumento de venda… lol

          4) os carregadores de telemóvel USB C andam nos 12-18W e os Surface Pro nos 40-65W, se eu ao final do dia desligar o SP no quarto de hotel e o deixar a carregar (Se tivesse USB C e carregasse por ele) durante a noite (10h) a 18W, no dia seguinte tenho a bateria cheia. Posso também levar só o do SP que tem usb a mas é um tijolo e são dois cabos em vez de um.

          Em suma queres convencer -me que um Surface está bem idealizado lol está bem está…

          • Ângelo says:

            As especificações dos Surface estão expostas para todos verem e analisarem se são para o que querem e precisam. Pra ti não serve, por isso siga adiante.

            Para outros serve perfeitamente e dá gosto em ter.

        • Sujeito says:

          Todos os teus comentários têm de incluir pelo menos um LOL. E por vezes 2 até. Quantos mais, melhor, ajuda a credibilidade.

          • Durban says:

            Por acaso ler os teus comentários ainda mais vontade de rir tenho.

            LOL é um acrónimo utilizado na comunicação, em nada relacionado com a credibilidade de quem quer que seja. Se te incomoda… como é que me posso expressar sem ser indelicado?!?! Azar

        • Durban says:

          Off topic: cuidado com os LOL que escreves, temos um Provedor de acrónimos a censurar o que se pode escrever. Sorte a tua não foste repreendido. Vou aplicar um smile, pode ser que passe 🙂

          Ninguém te obriga a comprar o Surface Pro, há alternativas. A Microsoft infelizmente não faz Surface Pro assim tão customizáveis ao ponto de poderes escolher quantas e quais as portas a incluir no produto final. Caso não gostes, há Asus, Dell, HP, e mais não sei quantas outras marcas que tem computadores à medida dos mais refinados na escolha.

          Posto isto:

          1) o Surface Pro tem 1 porta USB, tens a escolha de como a vais utilizar.
          2) Existem uns dispositivos que permitem video por wireless. Liga-se por HDMI, e custa pouco mais que um cabo HDMI. Caso não o queiras, existem adaptadoes com HDMI. Caso ainda assim não queiras um adaptador, compra outro portátil.
          3) Claro que podes jogar no PC, mas para isso há outros portáteis, o Surface não tem porventura esse objectivo. Pessoalmente gostava de ter um Audi Q7 descapotável, mas a Audi não faz…. azar o meu.
          4) Tenho noção que há pessoas que implicam com 1001 coisas, mas há pessoas que abusam. O carregador do Surface não é nenhum tijolo, não inventes… É pequeno e leve, mais até do que o do meu MacBook, e tem um USB-A, que até é uma vantagem porque não necessitas de levar carregador de smartphone, basta o cabo. Se somares o peso do Surface, carregador, e algum adaptador para o caso de necessitares de mais USB e HDMI, ainda assim pesa menos do que o teu Asus (sim, só o portatil, ignorando o carregador)

          Não te estou a tentar convencer que o Surface está bem idealizado, pessoalmente acho que falta USB-C com suporte a Thunderbolt 3. O que digo é que tu estás errado quando achas que alguma empresa tem de desenvolver um produto de acordo com as tuas ideias, mas se achas que tens razão deves viver um bocado revoltado, ou então, envia o teu CV à Microsoft.

          PS: não vou escrever LOL para não ferir suscetibilidades. Estou a tentar ser sério na resposta.

  5. Ângelo says:

    Já está em pré-venda lá fora, mas aqui ainda não. Será que também irá ser lançado cá no dia 16?

  6. andre says:

    Na minha opinião, faltam duas funcionalidades: GPS e modem 4G

  7. EC says:

    É um tablet com teclado. E mesmo sendo um tablet é bastante pesado. Experimentem trabalhar com o ele nas maõs por mais de 30 minutos.
    Sinceramente para quem necessita de um portátil, o Surface não é uma boa escolha funcional:
    – Não se consegue por no colo e nem superfícies irregulares, como por exemplo na cama.
    – É difícil conseguir posição confortável de inclinação.
    – Arranjo quase impossível, até mesmo para trocar a bateria.
    – Tem que ser tratado com muito cuidado. É demasiado frágil: Quando um dia o surface soltar-se do teclado e espatifar-se no chão, vão se lembrar de mim…

  8. Oscar Pereira says:

    quando chegará o Surface pro 6 a Portugal?

  9. Angelo says:

    Alguém sabe quando chega a Portugal?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.