PplWare Mobile

Recuperar o Grub2 após instalar o Windows


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. chicosoft says:

    a uns anos testei o mandrake, e eles tinham o restore do grub a partir do cd de instalação.. tudo automático.

  2. Sergio says:

    artigo atrasado 1 mês 😀 Mas tb não foi dificil

    o metodo é identico para qualquer distribiução

  3. DreamWave says:

    Eu costumo utlizar o Super Grub Rescue Disc ou coisa assim.

    Faz o mesmoe, mas automaticamente. e tem outras coisas mais.

  4. a Friend® says:

    Este artigo deu-me certa nostalgia!

    Porque ouve umas alturas que isto para mim era prato do dia, com tantos testes de Linux e Windows… então nas fases BETA do XP, VISTA e Windows7 .. nem se fala…

    Na altura do XP, com o Linux e o seu “LILO”… xiça… muita dor de cabeça eu tive…

  5. otrosser says:

    @Sergio porque nao feicha a latrina?

  6. helder says:

    Pois é eu já fiz isto (já tentei pedir ajuda no fórum) e não deu certo: O grub2 ficou a funcionar mas não arracava o Win7, apenas os linux’s…

    Mas vou tentar de novo a ver se cometi algum erro…

    • a Friend® says:

      É preciso muita atenção ao /dev/sda …
      Numero do Disco e devida partição, do Windows 😉

      • helder says:

        hum… não percebi…

        Queres elaborar? é que qualquer ajuda seria óptimo para mim que não consigo desfazer o meu imbróglio 😉

        • a Friend® says:

          Por exemplo, as vezes o Windows não arranca porque na linha da Grub ficou determinado um disco errado ou até mesmo uma partição, dai quando se escolhe o Windows durante o boot e ele não arranca, poderá ser esse o motivo.

          Basicamente o artigo até explica isso mas vou dar um salto ao Forum que é mais fácil e ver no que consigo ajudar 😉

        • a Friend® says:

          Desculpa, da-me só o Link onde puseste o threat no forum…

          Basicamente o que vamos fazer é editar o Grub dentro do proprio Linux.

          Com os comandos:
          gksudo gedit /boot/grub/menu.lst

          E verificar se o disco e partição atribuidos ao Windows, correspondem fisicamente ao verdadeiro disco e partição onde tens o Windows 😉

  7. Ricardo says:

    Boas pessoal eu sei que o post pode não ter nada a ver, mas à alguma possibilidade de trocar no grub a posição dos S.O.’s?
    como por ex. por o win.7 a arrancar 1º por defeito ou vice versa?
    abç.

  8. Alexsandro says:

    Lol

    Agora olho para isso e me lembro da 1ª vez que tive que recuperar o grub porque tive que reinstalar o XP…na altura nao percebia nada de linux e penei um pouco para conseguir 😛

  9. António says:

    Aproveito este artigo para pedir ajuda. Tenho uma instalação wubi do Ubunto 9.10 a correr em XP. Aconteceu que, de um momento para o outro, o Ubuntu deixou deixou de arrancar, o menu com os sistemas aparece mas o Linux não arranca. Não tenho acesso aos ficheiros que tinha guardados. Gostava que me ajudassem a resolver esta situação, caso seja possível. Obrigado

  10. Nelson says:

    Alguém sabe se existe outro programa sem ser o Grub, para a escolha de SO’s, isto é, equivalente ao Grub, mas mais catito, por assim dizer, é que já vi o boot do Mac, e mostrava os ícones e tal, melhor apresentável… queria tipo isso mas para o Windows…

    se alguém me puder ajudar :/

    agradecia*

    • Paulo39 says:

      O grub também permite teres apresentações todas “bonitas”. Basta investigares um pouco pela net para encontrares soluções.
      Respondendo directamente à tua pergunta, os mais conhecidos são mesmo o grub e o Lilo

      • Nelson says:

        o programa que o mac tem é o rEFIt, aparece os icones das SO’s que estao instaladas… era tipo isso k eu keria, nao é os fundos, é k o grub, mete me la o memory test,a recuperacao do sistem do windows7 e do ubuntu, aparecem 6 linhas para eu escolher quando me bastavam duas.

        – Windows 7
        – Ubunto

  11. Rui Branco says:

    Atenção :

    GRUB2 é diferente do GRUB, especialmente porque o grub2 não tem o /boot/grub/menu.lst.

    É que me parece que há aqui respostas cruzadas entre os 2 grub’s, o que torna as coisas não aplicáveis aos GRUB2.

    abraços

  12. EacHTimE says:

    Tive muitos problemas com o grub2..

    Num netbook com wubi recuperei pela rescue console mas primeiro que percebesse como o fazer.. foi um belo berbicacho

  13. Pedro Martins says:

    No 3º passo existe um erro no comando.

    sudo grub-install -–root-directory=/mnt/ /dev/sda

    Tem uma / a mais, a seguir ao mnt. Para funcionar tive que fazer assim para reconhecer o directório valido:

    sudo grub-install -–root-directory=/mnt /dev/sda

    cumps

  14. Gostei do artigo, entretanto não consigo êxito no procedimento porque tenho 2 HD na máquina, um com Linux(Ubuntu) e outro instalei o Windows.
    Perdi o Grub quando reinstalei o windows e não estou conseguindo voltar a usá-lo, impedindo a escolha de acesso aos dois sistemas operacionais. Poderia me ajudar?

  15. sergio says:

    Instalei 3 sitemas no meu pc novo que já veio com com o windows 7 starte .São eles -1º winxp,2º ubuntu 9.04 e 3º mandriva one 2009 e só deu boot no xp e no madriva,o ubuntu e o win7 ficaram ocultos nessa primeira ordem.Na segunda tentativa a ordem foi esta-1ºubuntu;2ºwinXp;3º madriva e só bootou o xp eo ubuntu.o madriva e o win 7 ficaram ocultos.Obs o win 7 continuou a ser o primeiro sistema,pois so veio com o cd de recuperação.Como faço para bootar os quatro sistemas que programa eu posso usar?.Já tentei todos que achei na internet.As distros linux são de live cds.Tenho cinco-open suse.ubuntu;mandriva;kurumim eo kalango

    • José says:

      Sérgio, tenho o mesmo problema seu. O ubuntu usa o Grub2 e os Mandriva, openSUSE e Kalango usam o Grub legacy, ou seja o original. Se o último sistema instalado for o Grug legacy o ubuntu por usar o Grub2 não será reconhecido e vice-versa. O windows sempre será reconhecido. Não tenho a solução ainda, estou a pesquisar.

  16. MARCIM says:

    FALA Ae, tipo que segui os procedimentos e tals, mais estou com certas duvidas pois meu grub ta chato, completei o passo 3 sem erros más quando reinicio a maquina ela cai na tela do grub: grub>
    dai eu mandei um find /boot/grub/stage1 ,,, ele me responde (hd0,5)
    so que minha duvida é que quando eu busco em fdisk -l ele diz q ta na partição sda6, até ai blz,, completo a istação sem erros ai chega no final digito “quit” e ele nao sai do grub ai nao sei se completou o processo fazendo assim preciso dar um reboot para reiniciar, mais cai na mesma tela, alguem me da uma luz!!!? ?

  17. MCH_EMERSON_MOLOTOF says:

    cara comigo deu certissimo, sou iniciante no linux usei no ubuntu ….muito obrigado…..simples e eficiente

  18. Kelvin says:

    Muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito obrigado MESMO por esse artigo. Foi uma mão na roda!
    Não encontrava informação clara e precisa como esta.

  19. Tadeu says:

    Funcionou, consegui restaurar o Grub.

  20. jenisson says:

    Valeu foi o único tutorial que deu certo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.