Quantcast
PplWare Mobile

Pplware@folding III Origami – Tutorial GNU/Linux

                                    
                                

Autor: Pplware


  1. Bug Killer 03 says:

    Já vou testar 😛 Sou também utilizador de Linux Mint e estou muito satisfeito com o SO, embora que há sempre espaço para melhoras 😉

    Cumps 🙂

  2. Excelente! Muito bom mesmo. Já testei no meu Intrepid Ibex e está a funcionar a 100%!

  3. Nuno José says:

    Hoje tou loiro e com sono. O que é que isto faz?

  4. Caustic_Tux says:

    Boa pergunta: o que é que isto faz? lol

  5. João Cruz says:

    Depois de um bocado de pesquisa, cheguei ao seguinte:

    Existe algures um projecto que estuda as proteínas (estudar doenças e possíveis curas), estudos esses que precisam de uma capacidade de processamento dos computadores muito elevada.

    Assim criou-se o Folding@Home que se baseia num “processador distribuido”. Na prática cada utilizador “oferece” um bocadinho do seu processador para o projecto.

    Assim se cada computador dos “utilizadores voluntários” fizer uns quantos cálculos e os enviar para o centro do estudo, e se forem muitos os “utilizadores voluntários”, então rapidamente se chega a um “super processador” capaz de efectuar rapidamente os cálculos para esses estudos.

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Folding@home

  6. Vítor M. says:

    João Cruz isso tudo mas bastava seguir os links que o Kendimen deixou no final do artigo e ou seguir pela categoria Folding do Pplware 😉

    Mas está correcta a pesquisa que apresentou e muito obrigado por elucidar, os comentários são também para isso sim senhor.

  7. Nuno José says:

    ah este é o das proteínas, e havia urls nos fim :P.

  8. kendimen says:

    @João Cruz
    Obrigado pelo esforço de esclarecimento dos nossos colegas 😉

    @Bug Killer 03
    Bem-vindo à nossa equipa!

    @Caustic_Tux
    Já estará esclarecido, certamente 🙂

    Agora, para todos: este projecto Peopleware@folding iniciou-se aqui, já em Outubro de 2006 😉

  9. Daniel says:

    mais um que ja tem a rular:)

    iniciativa de louvar:)

    cumprimentos

  10. Já estou a foldar em Ubuntu 8.10!

    Mas quando escrevo na consola “sudo origami monitor”, diz Due time: e lá para junho. O que é que isso quer dizer?…

  11. Vitor says:

    Muito legal esse tutorial, mas eu baixei, já faz um tempo, o cliente padrão do Folding@Home… meu processador tem dois núcleos, então rodo dois F@H ao mesmo tempo, cada um usando um núcleo, e monitoro-os através do programa “screen”, que cria terminais virtuais que ficam em memória 😉

    Mas é legal saber que existem alternativas… nem sabia desse origami! hehe

  12. Bug Killer 03 says:

    @kendimen Obrigado pelas boas vindas!

    Tentei instalar o origami no portátil onde tenho o Mint 6 e ele diz não reconhecer a distribuição e para reportar o erro, coisa que já fiz.

    Entretanto no desktop (onde já foldava em XP) fiz os mesmos passos em Ubuntu 8.10 e funciona às mil maravilhas e o pc já é bem velhinho 🙂

    A ver vamos se é do programa não correr bem em Mint se é doutra coisa qualquer.

    Cumps 😉

  13. kendimen says:

    @Daniel
    Então, bem-vindo à equipa 🙂

    @ToKico Brothers
    Não estou certo, assim de cabeça, mas presumo que seja a estimativa de finalizão da(s) WU(s). Sendo uma estimativa, pode alterar-se rapidamente! Já agora, ponha-nos a par do desenvolvimento! Eu vou averiguar melhor, também!

    @Vitor
    E aderiu à nossa equipa? Se sim, bem-vindo! 🙂
    Podia facultar-nos algum ‘link’ para esse “Screen”? Agradecia!

    @Bug Killer 03
    De nada 😉
    Como instalou o Origami, no portátil com Mint? Da mesma forma que no Ubuntu? Como referi no texto, o meu teste foi feito no Mint… ainda na versão 5, em rigor!

  14. kendimen says:

    Descobri agora mesmo que existe um ‘screensaver’ de visualização do projecto Folding@home para GNU/Linux com KDE
    http://blog.alphagemini.org/2008/01/foldinghome-screen-saver-for-kde.html
    Algum voluntário para testar isto (visto que eu utilizo Gnome)?

  15. Bug Killer 03 says:

    @kendimen

    Instalei em ambas as máquinas pelo Terminal como descrito no texto, embora que no Mint primeiro instalei pelo Package Manager para depois a desinstalar e voltar a instalar usando o Terminal. Entretanto fica aqui o link para o site do projecto onde reportei o erro

    https://bugs.launchpad.net/origami/+bug/325979

    Não que eu pense deixar o origami permanentemente instalado no portatil, apenas queria testar no Mint, dado que queria usar o Mint também no desktop.

    Cumps 😉

  16. Kayn says:

    Folding é uma causa nobre, sem duvida. Reconheço a utilidade, genialidade e sou 100% apoiante do projecto.

    Toda a gente fala sobre, “ah, o teu pc passa N tempo praticamente em idle quando podia estar a fazer fold, e o processo de fold até fica com nivel de prioridade muito baixo para nunca afectar desempenho”. Isto tudo é verdade. Realmente um pc passa prai 95% do dia praticamente em idle.

    Mas há um pormenor negativo que pouco ou nunca vi mencionado, que pode passar muitas vezes ao lado e que pode ser significativo o suficiente para ser levado em consideração.

    Com o fold a funcionar, o teu pc passa o dia com o processador sempre em full load. Isto faz com que o consumo energetico do processador dispare. Ou seja, um processador passa a consumir o maximo de energia que puder, constantemente.
    Andará numa média de 80-100watt só para o processador ou até bem mais, depende do processador. E as temperaturas também disparam, porque se o consumo energetico aumenta, tambem aumenta o calor gerado e a dissipação necessaria.

    Fica ao critério de cada um. A causa é nobre mas nao existe sem um custo.

  17. Spulva says:

    @Kayn essa e a relidade e que eu tenho o PC muitas vezes a fazer download, ou seja o uso do CPu e quase nulo, sendo assim nao tenho grandes supresas na conta mas quando este esta em overload, como acontece, no folding, eu por exemplo, verifiqui isso numa epoca que estive a fazer varios rippings de videos, e essa cosias, entao o meu velhinho Atlhon XP, estava sempre a full load e a conta disparou em flecha, de certo modo pagamos para foldar… mas considero uma causa nobre foldar, mas nao descubram masi proteinas XD tou farto de ter que decorar-las todas AHHAHAHAHHAAHHA

  18. kendimen says:

    @Kayn
    Sim, de facto já se trocaram umas impressões sobre esses temas, em Outubro passado! “Não há bela sem senão” 😉
    https://pplware.sapo.pt/2008/10/29/noticias-peoplewarefolding-outubro08/#comments

  19. @kendimen(13)

    Ah, agora percebo. Bom, também era de esperar, o meu PC não é lá uma grande bomba 😉

    Por agora vai em 1% de progresso.

  20. kendimen says:

    @ToKico Brothers
    OK! Mesmo assim, há-de ser uma questão de semanas e nunca de meses! Isso também varia bastante com o tamanho da unidade de trabalho 😉
    E bem-vindo à equipa!

  21. clinis says:

    Este aplicativo inicia-se sozinho quando se liga o pc, ou é preciso inicia-lo? Se eu fechar a consola, ele continua a foldar?

  22. kendimen says:

    @clinis
    Sim, este aplicativo inicia automaticamente o ou os “clientes” de ‘folding’. Pode confirmar isso facilmente no “monitor de sistema”, na carga do processador!
    E sim, fechando a consola, o computador continua a “foldar”!
    Benvindo à equipa! 😉

  23. clinis says:

    @kendimen
    Obrigado pela rápida respota. Mas logo depois de fazer o comentário tive de reiniciar o computador e pude verificar que o aplicativo se iniciava sozinho…

    Ja agora, o pc so folda quando está sem actividade, certo? Se eu tiver, por exemplo só o pidgin aberto e não mexer no pc, ele começa a foldar?

  24. kendimen says:

    @clinis
    Bem, o folding está sempre a funcionar, em prioridade mínima, ou seja, se o PC estiver a processar algo a 100%, o folding fica a 0%. Nesse exemplo, se o Pidgin necessitar de, por exemplo, 5% da capacidade de processamento (não faço ideia :P) o folding estará a aproveitar os 95%! Não é relevante o utilizador estar ou não a interagir com o computador. É a melhor forma de aproveitar o potencial desses processadores “adormecidos” 🙂
    Eu, por exemplo, tenho o hábito de deixar o PC com o eMule ligado todas as noites e o folding a aproveitar toda a restante capacidade do processador!

  25. Bug Killer 03 says:

    Instalei o Mint no meu desktop, usando para isso todo o disco para não ter o janelas a melgar. Contdo o Origami diz-me que não conhece a distribuição. Este hardware com Ubuntu 8.10 instalado deu para correr o Origami, mas com o Mint 6 parece não querer nada… Ficarei à espera que a nova versão do Origami resulte em Mint!

    Cumps

  26. kendimen says:

    @Bug Killer 03
    De facto, eu próprio estou a ter problemas em trabalhar com o Origami, desde que actualizei para a versão 6 do Mint! Ando já a trocar informações com o criador deste utilitário e assim que tiver novidades, informo!

  27. Bug Killer 03 says:

    @kendimen

    Afinal não sou só eu a ter esse problema! Já estava a duvidar da minha pessoa 😛

    Obrigado kendimen 😉

    Cumps

  28. kendimen says:

    @Bug Killer 03
    Bem, não cheguei a ter muitas oportunicades para testar o que o criador deste aplicativo me sugeriu! E nas experiências que fiz, não tive sucesso. Instalei recentemente o Ubuntu 9,04 onde tinha o Linux Mint 6, por isso, infelizmente, não consegui resolver esta questão! E por aí, algum sucesso?

  29. Bug Killer 03 says:

    @kendimen

    Boas! Eu entretanto fui notificado de uma resposta por parte do criador do aplicativo aqui neste link https://bugs.launchpad.net/origami/+bug/325979

    Contudo tentei testar quando entrei em Mint por live pen, mas acho que não fui bem sucedido. Entretanto formatei o pc por completo, e não voltei a usar o Mint. Estou à espera que saia o 7 e depois aí irei testar novamente!

    Cumpz 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.