PplWare Mobile

4 das melhores distribuições Linux para salvar o Windows


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Mamahki Voutoku says:

    Ainda nem faz 2 dias e postaram um top de linux e agora novamente? Tanto artigo bom para escrever..

    • Pedro Pinto says:

      Ai ai ai… estás desatento! São coisas diferentes amigo. Boas Festas!

    • Spoky says:

      E então? Ainda a 2 dias comeste, e vais comer agora novamente hoje? Tanta comida!

      Não faz sentido, não gostas, não comes. Não gostas, não visitas nem entras no artigo! Ponto.

      É que isso nem é uma opinião ou critica construtiva, é sinceramente para picar o Staff do Pplware. Erros todos cometem, falhas também. Mas não é necessário todos os santos dias quando vêm um post sobre Linux, atacar o Pplware.

      Há coisas que gosto no Pplware, e outras que talvez não me agradem muito mas não ando toda semana, todo o santo dedo a lhes apontar os defeitos!

      Ganha vida “Mamahki Voutoku” deve ser sempre o mesmo que diz isso em todos os artigos, tem é o habito de mudar de nome, va la ninguem descubra quem é, quem é.

      • Mamahki Voutoku says:

        Nada disso simplesmente ninguem usa linux logo não vale a pena escrever tanto sobre um assunto que não tem utilizadores. Bons temas para o Pedro escrever: servidor vpn caseiro com um raspberri pi, quais os melhores routers a comprar e como clonar um sinal de rede num powerline sem ficarem 2 redes, como instalar windows de raiz sem apagar documentos. Boas festas.

        • José Monte says:

          Esse tipo de pensamento é limitativo. Viva a liberdade de escolha.
          Além de que, neste caso o Linux vem “salvar” ficheiros que podem
          conter dados importantes e horas de trabalho.

          É residual o seu uso, mas não se pode dizer que ninguém usa. Na verdade não está bem contabilizado o uso do Linux no nosso dia-a-dia. Dou um exemplo em baixo.

          Fiquei surpreendido noutro dia, ao constatar que os terminais de saída do parque de estacionamento do M.Pombal usam o Ubuntu. É um tipo de uso comercial, estável e que não aparece nas estatísticas.

        • Nelson R. says:

          Não te vou insultar por escrito mas na minha mente já te insultei várias vezes.
          Acho que tecnologia não é para ti. Procura mais blogs de culinária.
          Até porque se achas que ninguém usa Linux, porque motivo depois vais pedir cenas de Raspberry Pi?

          • Mamahki Voutoku says:

            Porque custa 30 euros e permite ver meogo fora de casa ou aceder aos discos caseiros no ipad ou windows. Linux ninguem usa amigo, esta ultrapassado e demasiado complicado. Prova disso e Munique ter se arrependido e voltar ao windows

          • Daniel says:

            Até a Microlixo usa porque não confia no próprio server deles.

        • Henrique says:

          – “Nada disso simplesmente ninguem usa linux logo não vale a pena escrever tanto sobre um assunto que não tem utilizadores.”
          – “Bons temas para o Pedro escrever: servidor vpn caseiro com um raspberri pi(…)”

          Então mas usam ou não usam linux? Porque esse tema que estás a pedir necessita de uma distro linux.

        • Nelson R. says:

          Continuo a dizer que pouco percebes do assunto. Ao menos sabes qual é a base de Android? Ou de iOS? Já ouviste falar da integração de Linux pela Microsoft? Então em ambiente empresarial nem vale a pena falar, porque por aí ainda perceberás menos.

        • infortuga says:

          Então Mamahki (devagarinho) , estas são ferramentas de trabalho , são do mais importante para uma parte de nós que estamos na informática , e só sabes dizer que o linux não se usa e que munique voltou atrás ? (razões politicas) , demasiado pobre para quem anda aqui nestas andanças , e SIM , o Linux é Realmente importante nesta altura da história humana .

        • Não fales se não sabes says:

          O Linux é utilizado diariamente no desenvolvimento de software e firmware devido às inúmeras ferramentas que disponibiliza gratuitamente aos utilizadores. Além de muitas outras aplicações que nem vale a pena referir. Muitos dos sites e aplicações que consulta e usa a partir do seu PC estão alojadas em servidores Linux por questões de segurança e desempenho. Além disso não é muito coerente criticar o Linux e pedir um tutorial para Raspberry Pi. Antes de falar sobre algo que não conhece tente informar-se primeiro.

        • JCFB says:

          lol 😀 maior parte das distros raspberry pi são linux. dumb

        • Alfie says:

          Passei a saber que sou Ninguem! Finalmente sei quem sou!
          Só uso Linux nos meus pc’s, para tudo o que preciso que não é pouco, e estava aflito por não me classificar em grupo nenhum. Obrigado Mamahki à vontade.

        • Tiago says:

          Eu uso Linux e não quero outra coisa. Então o Ubuntu bate o devorador de ram do windows, susceptível a viroses. Falem mais do Ubuntu. Nós agradecemos.

    • Ruy Acquaviva says:

      E por que tu não escreves os tais “artigos bons” de que falas e publica em seu próprio site?
      Que palhaçada ficar reclamando do assunto que o outro publica ou não em seu próprio site!
      Deixa-me pasmo tamanho disparate.
      Eu achei este artigo muito bom e busco justamente esse tipo de conteúdo neste site.
      Nem vou comentar o disparate de dizer que o linux não é utilizado. Em minha opinião trata-se apenas uma provocação mal intencionada.

    • kid bengala says:

      És um tapado mesmo, que comentário idiota. Nem prestastes atenção no texto em negrito e ainda quer dar pitacas.

  2. Anibal says:

    Uso o Partedmagic. usa o kernel mais recente e é disponibilizado com alguma regularidade.

  3. KikoFHM says:

    O SystemRescueCD permite as mesmas funções que o RescaTux, nomeadamente, reset password Windows?

  4. Vanderlei Lizi says:

    Excelente artigo, como sempre. Lembrando que Linux é igual ter avião, não é para qualquer um. Não ligue para os haters, ainda mais esses com nicks de criança. Abraço, e boas festas.

  5. Alberto Jesus says:

    O Hiren’s BootCD pode ser mais uma alternativa.

  6. Sandro says:

    Ai,Ai, onde chegou o pobre Windows. O que a Microsoft devia fazer: era pôr a Store no Win 7, e aí estava um SO perfeitíssimo. Já não há mais pachorra para o Win 10

    • Mamahki Voutoku says:

      O windows 10 e melhor em tudo em relacao ao 7. O windows 7 nem se liga a net apos reinstalado, tens de instalar as drivers primeiro coisa que o 10 faz automaticamente alem disso no 7 tinha de instalar daemon tools quando o 10 tem suporte nativo para .iso. Entre tantos outras melhorias que não vou agora descrever

  7. Incredible says:

    Linux para salvar o Windows hahaha muito bom!
    Pedro, vê se descobres aí um Windows para salvar o Linux, isso sim era um achado. Dava um post e peras.

    • Pedro Pinto says:

      O Linux está a “salvar” o Windows…em especial a Microsoft….no Azure! Mas dentro do Windows já há por lá muito Linux 😀

      • Incredible says:

        Pedro, e um post sobre aquela notícia das falhas constantes nos programas que os médicos usam nas consultas, que envergonha para um país que se diz inovador?!
        Há largos anos tive a oportunidade de trabalhar precisamente nessa área, e confirmo o que foi dito ontem no jornal na SIC. Os diferentes softwares usados nas consultas é horrível, feito de retalhos martelados por amadores (sei de retalhos feitos por curiosos que eram seguranças de profissão), não ligam uns com os outros (se bem que têm vindo a interligar todos) e a rede da saúde é tipo ilhas isoladas. Não houve nem há nem vontade, nem arte e sabedoria para pensar no sistema como um todo.
        Para teres ideia, às vezes o servidor local simplesmente deixava de responder, parava tudo o que eram consultas, e a solução era ir lá ao bicho e desligar e voltar a ligar.
        Ou seja, ficavam os utentes e os profissionais de saúde à espera.
        Havia montes de mortos registados nas listas, pessoas duplicadas e até triplicadas nas listas, e mais um sem fim de atrocidades. É o que dá acharem que serve qualquer labrego que é jeitoso para os computadores, depois dá num novelo horrível. Podia fazer aqui uma lista enorme de atrocidades, mas aquilo dito ontem é apenas uma pequena parte visível do problema, nem as pessoas imaginam o resto. E pagamos todos balurdios de impostos para a saúde. O dinheiro bem aplicado, tudo gerido por gente séria e competente, e tínhamos de muito longe o melhor sistema de saúde do mundo, pois se neste momento já é muito bom, é só pensar o que poderíamos ter sem tanta atrocidade.

        • Pedro Pinto says:

          Qual é o software? Não ouvi nada ainda.

          • Incredible says:

            Não é um, são vários. Na notícia da SIC, que ainda hoje voltou a repetir a noticia, deferidos 3 softwares diferentes, fora o que o homem não refere, como servidores desatualizados, software da Oracle (BD) horrível para os standards de hoje em dia, software feito à martelão em Access (sim, aquela porcaria da Microsoft) que basicamente corrompe dados, a falta gritante de qualquer medida de validação, verificação e protecção dos dados, a ignorância de qualquer medida sobre tolerância a falhas e recuperação, etc, um rol enorme de falta de projeção. Ali há muito amadorismo, é tão gritante que assusta.

            A notícia aqui:
            https://sicnoticias.sapo.pt/pais/2018-12-27-Falhas-informaticas-nos-servicos-de-saude-podem-colocar-em-causa-a-vida-dos-doentes

            https://sicnoticias.sapo.pt/pais/2018-12-26-Eu-quero-passar-um-farmaco-e-sai-outro

            Depois anda toda a gente preocupada com tretas para inglês ver na saúde, com apps e tretas similares. Dou só como exemplo, da marcação de consultas à distância. O que as pessoas não sabem é que depois o acerto da agênda do médico é feita á mão, por um funcionário, ou seja, é só fachada, porque não é nada automático, aliás, até é mais um problema, porque como o “software” foi tão mal projectado, pode acontecer que se marque uma consulta num dia e hora em que o médico está adjudicado a consultas específicas, como por exemplo, de planeamento familiar.

        • informado says:

          os softwares foram sendo acumulados . Os antigos não são apagados e substituídos e os novos são acrescentados . É esta a situação actual.

    • Falcao Azul says:

      Linux para pcs antigos e fantastico mas em pcs mais recentes nada bate o windows

  8. Luis Silva says:

    Para resolver problemas no meu Windows faço partições diferente,informação fica noutra partição em primeiro lugar, depois é fazer cópia de imagem da unidade do sistema com alguma regularidade, se houver marosca, é só buscar a imagem mais recente………

  9. MArcos Queiroz says:

    Excelentes sugestões.
    E se eu puder acrescentar mais um, e gostaria que se possível , fizessem um review , para o regataOS: https://www.regataos.com.br/
    Grupo oficial no telegram: https://t.me/regataos
    Desde ja obrigado.
    Abraços de Brasil

  10. jaugusto says:

    Bora lá linuxear!!

  11. nanocas says:

    Tenho só 80 lindas primaveras, acompanho este site desde o inicio, e como gosto de informatica, foi a partir daqui que comecei, após a reforma. Tudo isto para dizer que não há saco que aguente alguns individuos que por aqui andam a desfazer no trabalho dos outros. Será que ainda são jovens demais e ninguém os ensinou a respeitar? É uma pena ser-se faccioso. Bem hajam e paciência para os aturar

  12. nanocas says:

    Esqueci de mencionar que o sistema que mais uso é Ubuntu.

  13. Joao says:

    Off topic: o meu pc core i7 4G ram, disco 1Tera (não ssd) com o windows 10 tem uma performance péssima, a utilização do disco está quase sempre nos 100% com processos do sistema em utilização. Já apaguei ficheiros temporários, fiz quase todas as indicações deste site https://www.drivereasy.com/knowledge/100-disk-usage-windows-10-fixed/ e o problema continua. Tenho dual boot com o linux mint, quando uso o linux a performance é excelente, a utilização do disco está sempre de “férias”. Noutro dia o pc esteve mais de 30 minutos desde que liguei o windows, com o disco nos 100% até estabilizar, isto não é normal. Sugestões ?

    • Falcao Azul says:

      Desliga o superfetch e o windows search e fica normal. O windows 10 precisa de ssd, om hdd nem num core i9 corre decentemente

    • Ruy Acquaviva says:

      Na maioria das vezes o problema de 100% de HD é provocado por drivers com problemas. A solução não é nada fácil. Desative os drivers um por um até o uso do HD voltar ao normal, começando pelos drivers atualizados mais recentemente (caso o problema já não venha de longa data). Uma vez identificado o driver com problema substitua-o por ouro obtido de um site confiável, de preferência o site oficial do fabricante do dispositivo controlado pelo driver em questão.
      A coisa se complica quando se considera que mais de um driver pode provocar o mesmo problema (o que tem menor probabilidade mas mesmo assim acontece em uma frequência que faz ser necessário considerar a hipótese). Então vá reativando os demais drivers com cuidado, verificando se o problema não ressurge com a reativação de algum deles.
      É uma solução trabalhosa e não há garantia que seja esse o problema, mas na maioria dos casos a causa do uso de HD a 100% é essa. Por isso mesmo muitas vezes as pessoas tentam reinstalar todo o sistema do zero. Mas isso não garante a resolução do problema já que o driver instalado pelo próprio Windows pode ter uma incompatibilidade com o seu hardware. Mesmo que na primeira instalação o problema não tenha se apresentado, ele pode ocorrer em uma instalação posterior, já que o instalador do Windows procura os drivers mais atualizados na Internet.

  14. Joao says:

    Acho que tinha tentando isso e não funcionou, mas obrigado pela dica.

  15. Al Cid says:

    Boas,
    nunca vi um Windows para salvar um sistema Linux… porque será?
    😉

  16. Tiago says:

    Eu uso Linux e não quero outra coisa. Então o Ubuntu bate o devorador de ram do windows, susceptível a viroses. Falem mais do Ubuntu. Nós agradecemos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.