Quantcast
PplWare Mobile

Chegou a versão final do Linux Mint 14 “Nadia”

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. M4t3us says:

    Up’s’tream* XD

    Verdade seja dita que já não mexo no Mint a sério desde o 10… e verdade seja dita, não tenho saudades.

  2. jo§e says:

    Foi o Mint que me fez deixar de vez o Windows. Nos meus computadores em casa já o uso há uns anos. Apenas mantenho uma máquina virtual com Windows, pois profissionalmente ainda tenho de o usar.

  3. Serva says:

    Bom dia ,

    O Cinnamon parece-me ter tido uma evolução muito relevante , tenho de experimentar a anterior versão estava ainda muito bugada , o Mint nunca foi para mim uma distro atractiva pela falta de personalização o Cinnamon é uma das minhas últimas esperanças , agora com mais temas e com uma comunidade a aumentar exponencialmente pode ser que venha a ser uma opção ao KDE credível daqui a 1 ano ou 2 vamos acompanhar a evolução desta interface que promete muito mais que a Unity desenvolvida pela Canonical .

    Cumprimentos

    Serva

    • ked says:

      Bom dia Serva,

      Tenho que discordar de ti. Quem gosta do OS X e do Spotlight então adora o Unity. O Unity veio facilitar a vida de quem trabalha com uma dístro linux como workstation. Com o Unity e o teclado tudo é mais rápido.

      Cumprimentos,

    • Bruno Jacob says:

      A mim o Cinnamon não é opção, pensei que fosse um ambiente leve mas é tão pesado como o Unity, só me falta testar o MATE…. Por enquanto vou ficar no Lubuntu…

  4. Pedro Cunha says:

    Muitíssimo tentado!! 😀 A primeira vez que peguei no cinnamon, gostei, mas estava realmente demasiado instável. Vou tentar de novo! 🙂

    • Pedro Pinto says:

      Sim, agora está bem melhor. Mas o Mate é bastante estável.

      • lmx says:

        Boas..
        concordo, o MATE está a ficar muito bom, a nível de estabilidade, não tenho razões de queixa.
        O cinnamon é demasiado pesado para mim, e mais lento que o MATE…no futuro, estou de olho no razer-qt…blazing fast!!

        cmps

      • Ro301 says:

        Pedro Pinto qual a distribuição que preferes?

        Já li algumas coisas sobre o mint mas a nivel gráfico parece-me um pouco o windows e isso não me agrada porque parece a versão XP…

        Há vantagens em relação ao Ubuntu?

  5. José Ribeiro says:

    Está bonito, mas de momento não vou largar o meu KDE, que é das melhores coisitas que por aí anda.

  6. ked says:

    Eu admiro a distro Mint única e simplesmente por ser mantida por um conjunto de pessoas criativas e muito trabalhadoras. Quanto à distro em si, confesso que não é para mim. Eu admito que muitos users a usem porque vem já com codecs e outro software proprietário facilitando, assim, a sua instalação para os users com menos conhecimentos. Contudo, para mim é uma distro com muitos bugs por tanto lhe ” lavarem a cara”, não tem futuro por não possuir nenhuma grande empresa por trás e também ninguém a compra por estar tão dependente da distro Ubuntu. Para quem acha que o Unity é pesado gostava que me dissessem o que acham do Cinnamon nesse aspecto pois eu acho-o demasiado pesado. Quanto ao cinnamon também o acho com bastantes bugs para ser usado num posto de trabalho. Quanto ao look, apesar de ser customizável e depender dos gostos de cada um, o Mint na minha opinião nesse aspecto deixa algo a desejar.

  7. feersad says:

    ola

    e bom assim,,ou cinnamon e super uso arch com cinnamon e e fixe, leve e podes fazer tudo la…bom trabalho

  8. Nuno José Almeida says:

    Instalei a RC e tinha o mesmo problema que a 13, o MDM não dava as caras, mudei pra LDM mas n ficou grande coisa, alguém arranjou esse problema do MDM não mostrar lista de login? Eu uso o Mate com compiz 100% funcional.

  9. Tavares says:

    É um facto que esta versão está estável, existe um pequeno senão, é que esta versão só tem suporte até ao fim do ano de 2013, isto cria-me uma questão, deveri manter com o 13 que tem suporte até 2017 ou fazer o suposto upgrade para o 14.

    Mas até lá outras versões irão sair.Só é pena que ainda não se façam jogos a correr nos sistemas linux. Esperemos que a Steamstore seja a impulcionadora para as “Grandes produtoras” de jogos comecem a criar jogos para linux.

    • lmx says:

      existem imensos jogos para linux…e muita gente a joga-los, mas existem muitos mais a jogar jogos que eram tipicos do windows até a bem pouco tempo.
      No entanto isso não quer dizer que não existam jogos para linux que existem muitos.

      cmps

  10. J. Coelho says:

    Gostei da experiência com a versão RC. Há alguma maneira simples de a atualizar para esta versão FINAL?

  11. Guerreiro says:

    A meu ver a equipa do mint apesar de fazerem um excelente trabalho, deviam concentrar-se mais no LMDE que está um pouco paradinho de resto na minha moddesta opinão tudo o que seja ubuntu based é isso mesmo, um ubuntu mascarado chamem-lhe o que quiserem, e estará sempre dependente dos ciclos de releases do ubuntu sem qualquer perspectiva de evolução…

  12. rodri123 says:

    Boas

    eu tenho instalado o mint 13 mate como faço para usar mint 14 mate sem perder os meus dados

    basta só usar o seguinte comando: update-manager -d

    E sistema actualiza para a nova versão sem perder os dados?

  13. JP (djlinux) says:

    Acho que o Linux Mint é uma das mais indicadas de quem sai do Windows para Linux mais por causa do MATE e do Cinnamon que estão cada vez mais “Windows-Like” mas claro, com as suas diferenças bem notórias. Mas talvez por isso mesmo não me chame tanto a atenção…

    Para não falar que me viciei completamente no Unity que continuam a ser para mim o mais fácil e rápido de trabalhar no dia-a-dia…

  14. Simão says:

    Vou ver se actualizo.

    A ver se a versão 1.6 o cinnamon é mais estável.

  15. Pedro says:

    Boas

    Qual sera a melhor versao?? x86 ou x64 ??

    Qual a difença entre elas?

    Cumps

    • Alucard says:

      X86 é a versão para processadores 32-bits (capazes de calcular integrais até 32 bits) e x64 para processadores 64-bits. Se tiveres um processador de 64-bits podes instalar tanto uma como outra, mas claro que a 64-bits será a melhor em performance., sobretudo se tiveres muita RAM.
      Se o teu processador for 32-bits (como é o meu caso), não tens escolha. Só a primeira funcionará.

  16. Dav7 says:

    Boas, comecei à dias a “brincar” com o Linux e instalei o Ubuntu através do Windows. Dá para fazer o mesmo com este Mint?

  17. T.Marques says:

    Boas

    Estava a pensar em mudar de Windows para Linux , já estou um pouco familizado com o linux ( já tive ubuntu como sistema operativo) mas queria saber qual neste momento a melhor distro para linux, que tenha a melhor performance e tenha um ambiente agradável. Tava a pensar em mudar para o Mint ou para o Kubuntu mas ainda nao sei . Dêem me a vossa opinião de qual a melhor distro neste momento.

    • Alucard says:

      Boas. Para mim o melhor Linux para começar é de facto o Mint. Foi com ele que me iniciei neste mundo. O Mint tem tudo o que o Ubuntu tem ,mas vem ainda mais completo out-of-the-box, o que para um principiante é muito importante. Se já tens alguma experiência com Ubuntu, talvez não precises de começar com o Mint. O Kubuntu parece uma boa opção se gostares do ambiente gráfico KDE.

      Se queres aventurar-te um pouco mais, podes tentar a distro que estou a usar agora: O Fedora. O Fedora não é a distribuição mais fácil, mas também não é difícil de usar. Só ao contrário de Ubuntu e Mint, vai-te dar mais trabalho após a instalação a adicionar software, repositórios e codecs multimédia. Porque como ele vem ao mundo, o Fedora não reproduz um MP3. Está sempre com os pacotes muito actualizados (mais que o Ubuntu) e tem de facto uma performance superior porque não tem a tralha que o Ubuntu tem e a própria base Red Hat também contribuirá para isso.

  18. Ricardo says:

    Boas

    Alguem me pode ajugar com este erro:

    stdin: Not a typewriter

    este erro acontece quando tou a tentar arrancar LM 14

    Imagem criada na pen

  19. zeca says:

    o unity é uma valente bosta!!!

  20. Jorge says:

    O Linuxmint não funciona em notebooks com Intel HD Graphics.
    Instala corretamente e depois não roda, aparece a mensagem “Erro no servidor X”, só que o problema não é no X e sim no Kernel.
    Já procurei uma solução e nada!!!

    • Nuno Nunes says:

      Eu tenho o linux mint 14 instalado no meu pc tem uma grafica da intel e sem problema o unico problema é a placa wireless da intel sempre com erros

  21. Osvander Franco says:

    Uma pergunte senhores crackers do linux. Minha placa é sis, qual distribuições linux funciona com ela. Actualmente esta instalado o elementary os luna e da quase sempre problemas na inicialização.
    Obrigado

  22. Luiz says:

    Tudo é uma questão de uso e gosto pessoal. Eu uso facilmente tanto o Ubuntu (unity) quanto o Linux Mint (cinnamon). Os dois sistemas possuem boas opções de uso. O cinnamon, por exemplo, é um ambimente elegante e muito fácil de usar, principalmente porque já vem com diversos programas instalados (java, plugins, codecs, flash, etc) – tudo pronto para usá-lo…

  23. achiles says:

    O mint mate tem um probleminha ao qual, toda vez que se abre um janela, ela “trisca” rapidamente antes de entrar, isso em frações de segundos, em principio não atrapalha em nada, mas por outro lado enquanto a gente não sabe o que é achei por bem formatar a partição, como gosto do dual boot com o Windows,estou procurando um distro que não tenha esse “probleminha” pois o mesmo é um sintoma de que, a coisa não anda bem

    • achilles says:

      achiles
      15 de Março de 2013 às 11:26 pm
      O seu comentário aguarda moderação.

      O mint mate tem um probleminha ao qual, toda vez que se abre um janela, ela “trisca” rapidamente antes de entrar, isso em frações de segundos, em principio não atrapalha em nada, mas por outro lado enquanto a gente não sabe o que é achei por bem formatar a partição, como gosto do dual boot com o Windows,estou procurando um distro que não tenha esse “probleminha” pois o mesmo é um sintoma de que, a coisa não anda bem

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.