PplWare Mobile

Saiba o que é e para que serve um certificado SSL


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

9 Respostas

  1. ZédoBoné says:

    Quando se envolvem empresas comerciais, perde-se a objectividade dos artigos.
    Por muito isento que se queira ser, acaba sempre por sobresair a parte comercial.
    Porque não falam nos Self-Sign Certificates?
    Qualquer servidor pode albergar uma CA e produzir os seus próprios certificados, free of charge!!!
    Ah e tal mas esses certificados não são reconhecidos por ROOT CAs!!
    E então? Depende do que se quer fazer e de quanto se pode gastar.
    E se o cliente instalar o certificado, acabam-se as mensagens chatas de seguranças e tudo funciona lindamente!!!

    • Pedro Pinto says:

      Destes a resposta “Ah e tal mas esses certificados não são reconhecidos por ROOT CAs!!”.
      Ninguém diz que não se devem usar esse tipo de certificados…depende dos cenários. Para uma solução/site/plataforma comercial, usar Self-Sign Certificates não me parece ser a melhor opção.

  2. Redin says:

    Se é que merece a pena, gostaria de deixar aqui um alerta. Sentimento de segurança falso, é o que me ocorre quando assuntos desta natureza são discutidos. Os grupos criminosos também sabem construir certificados falsos. Os websites por eles controlados, podem também serem acedidos por HTTPS. Neste sentido, um utilizador atraído por esta norma está erradamente a pensar que poderá digitar dados pessoais e secretos.
    A segurança só é valida para websites legítimos que por via desta norma estão protegendo o seu código contra injeção de malware.
    Uma arma só tem valor quando previne a segurança mas em mãos erradas…

  3. Joaquim Silva Santos says:

    Bom artigo.
    Porque é que a Apple retirou o nome das empresas que têm certificados EV, da barra de endereço do Safari?

  4. Anónimo says:

    Só por curiosidade, das três tipologias que mencionaram, qual é usada pelo website Pplware?

  5. Pedro Torres says:

    Para mim esta “situação” dos Certificados, foi mais uma forma de Comércio e a malta ter de despender de mais dinheiro para ter “a porcaria” de um site a funcionar.
    Se não vejamos, “…ao ativar a barra verde transmitirá mais confiança aos visitantes e clientes”. Se os browsers “não informassem” desta insegurança, alguém reparava que o site era seguro ou inseguro? Pois… quem me garante a mim (ninguém com certeza) que mesmo tendo o melhor SSL do mundo, não estou à mercê de quem quer que seja…vai daí, pergunto. Um Certificado SLL para quê, só para “ativar o verdinho” e eu me sentir mais seguro??? LoooooL

  6. hugo says:

    Porque não falam no Lets Encrypt? Free SSL!?… Só certificados SSL, não chega?… Porque não falam em Security Headers!? Porque não falam na marca CONFIO…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.