Quantcast
PplWare Mobile

Windows pode ajudar a criar uma “rede criminosa” com iPhones

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. ze t. says:

    “Será que o problema de segurança é do lado do Windows ou do iOS?”

    O problema de segurança é sempre o gajo que está sentado entre a cadeira e o monitor, depois de tantos anos será que ainda não perceberam isso?

    • Leandro B. says:

      Já se percebeu isso sim. Nem todos os utilizadores são informados o suficiente para se protegerem eficazmente. É preciso que alguém o faça por eles. Nesse sentido a questão faz sentido.

      • ze t. says:

        E não só, por mais seguro que seja um sistema, existem sempre pontos a explorar e abusar, principalmente em sistemas operativos complexos como linux/windows/Android/IOS, uns mais do que outros, mas o interesse para explorar é despertado na fama do OS e na utilidade que esses “abusos” vão ter, obviamente ninguem vai pensar em abusar do firefox OS porque simplesmente ainda não existe mercado.
        Mas se mais tarde ficar existir, acreditem que os buracos desse OS tambem vão aparecer, a grande pergunta é esta, e é as que os distingue.
        São corrigidos rapidamente ou não?

  2. Benchmark do iPhone 5 says:

    Bom, diz a fonte, que o Android está com 97% doas ataques de malware em equipamentos mobile, fiicando o Symbian com os restantes 3% – e o iOS sem nada.

    Vai ser interessante ver como é que, a partir de PCs com Windows, infetados com malware, vão conseguir infetar iPhones que se liguem a eles por USB, e ver o que o que conseguem fazer com eles.

    P.S. A Apple já agradeceu aos investigadores e prometeu que as vulnerabilidades utilizadas vão ser corrigidas.

    • Marco says:

      E bem grave quando um sistema fechado recebe um virus assim, jailbreak percebo, agora sem estar jailbreak e outra historia, mas la esta se uma pessoa faz jailbreak e porque sabe o que esta a fazer e esta disposta a correr riscos, neste caso e diferente, quanto ao numero representado para android, e um sistema aberto logo esta explicado.. contudo se sacarem apps da playstore e não tiverem root, e tão seguro como o iOS.

      • André says:

        O programa malicioso é introduzido no iPhone pela mesma maneira que é introduzido o Jailbreak.

        Portanto, não é algo que se faça magicamente pelo ar, ou só por ligar um cabo a um PC.

        É preciso que o dono do iPhone aceite instalar um programa (que não está disponível na app store) no iPhone, e a partir daí, esse programa vai, através de um buraco no iOS, infectar o iPhone.

        Portanto, só é infectado quem quer. O iPhone só permite aplicações da App Store, ou certificadas, um utilizador só deverá permitir aplicações dessas com certificados válidos e credíveis, esse certificados são emitidos pela Apple, custam $199, e são usados para permitir instalar aplicações empresariais exclusivas à empresa, que por razões óbvias, não passaram pela apple/app store.

        • Marco says:

          Sim mas acho que estamos a falar do mesmo, mas de maneiras diferentes lol xD
          Ja se sabe que apesar do jailbreak não ser das coisas que a apple gosta mais, ela acaba por deixar caminhos abertos para as pessoas conseguir fazer jailbreak, neste caso especifico penso que não era intended este resultado, vamos ver o que a apple faz, pois se eles “corrigem” este problema, sera que tem efeito nas pessoas que querem dar jailbreak ou mesmo as que já tem jailbreak?

          • André says:

            Quando há jailbreak, dá para correr qualquer programa, seja para que fim for…

            E não, a Apple nunca deixa maneiras de fazer jailbreak, senão, também não as tapavam…

      • luislelis says:

        Nao percebeste rigorosamente nada. Confessa la.
        Eu ajudo. Le comigo em voz alta.
        “seguindo o mesmo processo usado no jailbreak”
        E no que da, o Pedro Pinto, nao usar desenhos para esplicar.
        Aquele abraco

      • Francisco pinto says:

        Não necessariamente! A playstore da Google não tem o grau de vigilância da Apple store. É mt mais permiciva.

        • Marco says:

          A apple store, tem um processo de qualidade mais rigoroso que a playstore contudo antes de instalares uma app na playstore essa mesma e obrigada a mostrar os acessos que vai usar no teu aparelho, portanto passa um pouco a responsabilidade para o user, um bom exemplo disso são as apps de root que estão na playstore.

          E o facto de os devs terem de pagar uma anualidade para terem as apps deles na apple store, acaba por afastar as pessoas com ma intenção.

          • André says:

            Na Google tambem tens de pagar, ou pelo menos tinhas…

            No iOS, também tem na mesma as permissões que tens de aceitar/recusar, e aparecem à medida que corres a app…

          • Nuno Vieira says:

            Na Play Store o programadores nunca tiveram que pagar uma anuidade. É necessário pagar uma taxa de inscrição de 25$.

            Sim, o iOS também possui de um sistema de permissões, mas este sistema de permissões foi introduzido à pouco menos de dois anos por pressão colocada pelo senado americano. No Android existe um sistema de permissões desde a primeira versão lançada. O sistema da Apple é também muito mais simplista.

          • Francisco pinto says:

            Muito mais simplista?? Simplista é o do do android. Que é baseado numa “informação” que te é dada pelo programador, que espero que seja “verificada” pela Google. A App em si “nunca” te pede para aceder seja ao que for. Que tu aceitas tacitamente quando compras a App. E assim ficam enquanto tiveres a App. Já na Apple a App pede-te para aceder e a autorização que das pode ser a alterada a qualquer momento. O que da muito mais controle ao utilizador sobre o que cada App faz nos seus idevices.

  3. Zé António says:

    Ou seja para infectar um iphone, basta ligar o mesmo a um pc, depois ficar a carregar no botão de power ao mesmo tempo que se carrega no home, depois ao fim de 7 segundos temos de largar o home e deixar o power carregado durante mais 13 segundos, ou seja parece-me um problema muito grave… há muita malta que liga iphones ao pc e aleatoriamente faz isso…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.