Quantcast
PplWare Mobile

Tablets com SO Android são Bizarros

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Marisa Pinto


  1. rodasp says:

    isso é agora.. quando sair o Android 3.0 quero ver se ele diz o mesmo…

    • Vítor M. says:

      Sem dúvida… mas isso é salutar, assim eles mexem-se e quem ganha é o utilizador.

      • dajosova says:

        concordo em pleno. Venha o iPad 2e venham mais tablets e que se esforçem por melhorar para vermos se, pelo menos, os tablets não ficam ao preço dos notebooks.

    • Alguém says:

      Eu gostava de saber se o Android para smartphones vai estagnar nas 2.x, uma vez que 3.x será já apenas para tablets.

      Alguém sabe?

    • Bruno Lopes says:

      Concordo plenamente que quando eles se mexem quem ganha somos nós, consumidores e utilizadores, mas gostaria de dar a minha opinião:
      De facto acredito que o Android 3.0 estará qualquer coisa do outro mundo, mas será que o próximo iPad não será também? É que estar a comparar um produto que está no mercado com todas as especificações e limitações, com todos os “prós” e “contras” inertes, mas está no mercado. Não faz sentido nenhum comparar algo que existe mesmo e que todos podem comprar ou pelo menos usar com algo que apenas foi anunciado, quanto muito lido os rumores.
      Os defensores do Android refugiam-se no que há-de vir, uma vez que em todos os comentários nenhum vangloria os tablets “Androids” actuais, criticam o preço do iPad (de salientar o excelente comentário de a Friend® sobre os reais custos dos “Androids”) entre outros defeitos que vislumbram no iPad. Sou completamente a favor desta concorrência entre mais e melhores produtos e serviços com esta constante “luta” entre iPad/iOs e Android (considero a Microsoft fora desta corrida) mas acho completamente desnecessária este ataque às marcas. O melhor sistema operativo para dispositivos moveis será sempre o próximo, o melhor tablet será sempre o que está para vir, etc.
      Isto faz-me lembrar a história de uma estátua do Bocage em Setúbal onde ele está com um recorte de tecido ao ombro que lho deram para ele mandar fazer um fato e ele estava a espera do último modelo. Morreu sem o fazer.

      • Ppietra says:

        bom comentário!

        • Bruno Lopes says:

          @Vitor M.
          Considero a Microsoft fora desta corrida, mas estou consciente que o mercado dos tablets e gadjets não é um sprint, é uma maratona e enquanto a Google tenta destronar a Apple ou a Apple tenta destronar a Google (não é relevante a ordem ou hierarquia), a Microsoft pode e deve aproveitar essa “guerra” para reformular produtos, refrescar ideias e de facto apresentar algo verdadeiramente inovador ao invés de “mais do mesmo”. Ainda que considere bastante satisfatório o Windows Phone 7, este apenas constitui uma evolução natural de um produto mais ou menos bem conseguido da Microsoft: o Windows Mobile, mas fica a questão para os demais, está ao nível de um Android (na versão actual) ou de um iOs? Acho que até a Nokia deveria apostar numa política parecida no seu segmento uma vez que enfrenta concorrência de peso.
          @Paulo
          Não sei se os “* clap clap clap *” foi para mim, mas se assim foi, obrigado.

      • Vítor M. says:

        Sem dúvida. Mas eu não consideraria a Microsoft fora da corrida… está bastante atrasada, mas como o melhor dispositivo é o que está para chegar, a Microsoft tem boas hipóteses de ter o próximo grande gadget… 😉

        • a Friend® says:

          Segundo um analista, o Windows Phone 7 não é rival ainda do iOS de 2007 …

          O que resumindo ele quis dizer, que mesmo em fase de criança, está atrasado à criança que o iOS era em 2007, e que comparado com “o agora” está em riscos de morrer por falta de investimento e confiança que andam a depositar nele. E é um facto, as vendas foram um fracasso.

          A MS se tivesse este sistema há pelo menos 2 anos, estaria safa… O problema dele já não é “falta de sentido e qualidade” .. é mesmo o desalinhamento com o mercado, porque ele para apanhar os rivais precisava de trabalhar a quadriplicar. Sem confiança, nem a dobrar conseguirá. Desta vez o mau karma da MS foi mesmo o timming.

          • L.Mata says:

            Pois… mas sabes quanto tempo levou a MS a fazer o WP7? Se eles consgeuem fazer o que fizeram no tempo em que o fizeram… os próximos 3 anos vão ser muito interessantes. A começar por exemplo com o espectável suporte de DIRECTX 10 nos telefones. Sim… DIRECTX 10.

          • a Friend® says:

            @L.Mata

            Eu vejo isto nesta perspectiva.

            A Microsoft, dos 3, era a unica que tinha um sistema mobile antes…

            Tinha tudo, com experiência e anos de mercado, para ser a melhor. Se não foi, só me vem um nome à cabeça: incompetencia.

            Se eles disserem que fizeram o WP7 em tempo record, também mentem. Agarraram em coisas do Mobile e copiaram o conceito do iOS, ou seja, tiveram a “papinha” toda feita do velho rival “Apple” e juntar à verdura do Android sem padrões, e eles olharam para isso e viram “bem o nosso mercado é o mesmo do Android, não vamos cometer o erro deles em fragmentar o Windows Phone 7” …

          • a Friend® says:

            ps. quanto ao DX10 isso é piada pura.

            1) num smartphone não é equiparável ao DX de um desktop.

            2) De todos os DX10, foram adoptar logo aquele que foi um fiasco (sim.. fiasco… teve logo a seguir o dx10.1 .. e já vai no 11)

            A MS que não acorde que não é preciso… qualquer dia até no mercado desktop se entala…

          • iPlagiator says:

            com aquele louco do Steve Balmmer onde é que a microsoft poderia ir?

  2. Rui Campos says:

    A apple só está a tentar defender o seu mercado. O Android 3.0 está muito forte e eles sabem disso.

    Resta esperar por novidades .. 🙂

  3. RuiFox says:

    Pois, Android é bizarro, abre demasiadas portas para as restrições que desejam.

    Open Source não é muito bem visto na Apple. Exclusividade é melhor, dá mais jeito (€).

    • a Friend® says:

      A partir do momento que compras um Galaxy Tab por 600 euros e para teres o Android 3 precisarás (quase de certeza) um novo Tablet…Acho que o Android dá mais dinheiro.

      E quem fala Galaxy Tab, fala igualmente Galaxy S que nem um ano tem e os updates já foram descontinuados.

      O Android era verdadeiramente Open-Source se os updates fossem independentes das marcas, fáceis de download através da Google, para tudo e todos e isto não exclusisse a garantia dos aparelhos. Isso sim, seria um sistema livre. Como todos nós sabemos, nada disso acontece na realidade, portanto dizerem que ele é “open-source” e “livre” acaba por ser uma ofensa para os defensores da mesma. E quando falo defensores, falo mesmo de aficionados do Open-Source.. não é dos putos que nem sabem o que é open-source mas invocam o nome porque acham que é um argumento válido, sem sequer o perceberem.

    • Sombra says:

      Acabas-te de dizer tudo.

  4. Pedro Gama says:

    (São tablets grandes, pesados e “caros”), como se o deles fossem baratos.

    • Vítor M. says:

      Sim, o iPad não é barato, mas o que ele quer dizer é tipo o preço o Samsung Tab vs o iPad, percebes?

      Nesse comparativo concluis ou que o Tab é muito… muito caro ou o iPad barato.

    • racpxt says:

      Grandes? Com esta fiquei parvo!!!
      A maior parte dá para segurar numa mão. Experimentem isso com um iPad.
      Caros, isso são, infelizmente custam quase todos tanto como um iPad.

      Do pouco que vi a nível de Tablets Android estão muito bons. Imagino quando for com um sistema desenhado de propósito, como será o Honeycomb 3.0.

      • a Friend® says:

        Ele referiu-se aos grandes, os tablets com Windows.

        E tem razão.. são grandes comparados com o iPad… porque o Windows não tem interface gráfica boa o suficiente em tablets pequenos para se mexer com os dedos.. seriam forçados a usar caneta.. como ele disse também.

  5. neon says:

    “…tablets com Windows são caros..”, o deles é baratinho…

  6. Frigo says:

    tem razão por agora, esperemos pelo Android 3.0

    mas é bom de ver que estão preocupados com a ameaça para virem falar.
    O consumidor agradece a concorrência 🙂

  7. Observador says:

    Não foi nada disso dito por ele.
    Ele apelidou de VAPORWARE os “lançamento” na CES, pois o que foi “mostrado” nada funcionava.

    Eram “apenas” caixas (exepto da Motorola que corria um vídeo).

    Um exelente artigo sobre isso
    http://www.pcmag.com/article2/0,2817,2376002,00.asp

    • nfvp says:

      Escreve-se “excepto” e “excelente”…

      -.-

    • Marisa Pinto says:

      @Observador
      Ele também pode não ter dito nada disso, como esse excelente artigo refere.
      Ou pode ter dito as duas coisas, como ambos excelentes artigos referem.
      Ou não ter dito nada…
      Cumprimentos

      • Alguém says:

        Concordo.

        Só ouvindo ou lendo do próprio se sabe o que ele diz e deixa por dizer.

      • Ppietra says:

        O que o Observador aponta está correcto.
        Pouco foi comentado sobre os produtos apresentados no CES. Dados os poucos detalhes sobre os produtos, ele considerou como “vapor”, sem possibilidade de avaliação.

        “the next-generation Android tablet introduced at CES and coming, they’re not shipping yet. Generally they lack performance specs, pricing, release schedules…they’re vapor. We’ll assess them as they come out, but we have a huge first-mover advantage and we’re not standing still.”

        por favor, tem em consideração estes comentários, há pessoas que tb se informaram bem. E há gravações daquilo que foi dito

        • Marisa Pinto says:

          Sim e também diz.. “We’ll assess them as they come out, wherever, but we’re not sitting still, and we have a huge first mover advantage. And we have an incredible user experience from iTunes to the App Store and an enormous number of apps and a hugee ecosystem. So we’re very very confident.”

          • Ppietra says:

            E…???
            em que maneira é que isso prova aquilo que foi escrito aqui?
            “eles ainda não chegaram ao mercado mas, ao comprar, a grande maioria vai querer um iPad””
            esta frase nada tem a ver com a realidade

          • Marisa Pinto says:

            Não me digas que não é isso que a Apple sente?
            Até podem dizer por outras palavras, mas, subtilmente, a ideia está lá. E a ideia é que a maioria vai querer um iPad… E nem precisa ser a Apple a ter essa ideia, e tem-na, mas a grande maioria das pessoas acredito que tenham essa ideia 😉

          • Ppietra says:

            @ Marisa Pinto
            :S
            Pensa bem no que acabaste de dizer! Acabas por confirmar que aquilo que é escrito não passa duma conjectura intencional e falsa, pois é dado como uma afirmação real por parte do visado sabendo que não é!
            Se isto fosse um jornal levava no mínimo a uma forte reprimenda e um pedido de desculpas públicas, no máximo, despedimento!

            O Tim Cook não diz nada que leve alguém com bom senso a escrever o que escreves. É deturpar, só para gerar discussão! É rude e feio

          • Marisa Pinto,
            E o que a Apple “sente”, escreve-se entre aspas e precedido de “Tim Cook afirma que” ? 🙂

          • Marisa Pinto says:

            “So frankly speaking, if a customer does a side-by-side comparison of one of these with an iPad it’s hard for me to understand why they wouldn’t select the iPad.…There are no rival tablets in the market right now that we’re concerned about. The next-generation Android tablets aren’t shipping yet, and so today, they’re vapor. We’ll assess them as they come out.”

            As pessoas vão preferir o iPad; Não há razão para não escolherem iPad..

          • Ppietra says:

            @ Marisa Pinto!
            Vai à Apple e ouve o que é dito, por amor de Deus! Minuto 30 da webcast!
            Fala em dois grupos à venda actualmente, Windows e Android:
            ““Those are the two (groups) that are shipping today, and, frankly speaking, it’s hard for me to understand if somebody does a side-by-side comparison with an iPad I think some enormous percentage of people are going select an iPad, there. Those are not tablets that we have any concerns on.
            The next-generation Android tablets …. there is nothing shipping yet, and so I don’t know, there is generally, ahh, they lack performance specs, prices, timing. And, so today they’re vapor. ahh We’ll assess them as they come out.”

            É muito claro sobre o que é que fala, que compara o iPad com a concorrência actualmente à venda!
            E não tem nada a ver com:
            “eles ainda não chegaram ao mercado mas, ao comprar, a grande maioria vai querer um iPad”

          • Marisa Pinto says:

            @Ppietra, mas aí estás a falar doutra coisa.
            Questionado acerca dos tablets da CES 2011, Cook referiu que estes não chegaram ao mercado [vaporware…], e que tinham confiança na sua experiência com os utilizadores. têm confiança que as pessoas irão preferir iPad pois não vêem grande credebilidade nesses novos produtos.

          • Ppietra says:

            @ Marisa
            Sabes tão bem quanto eu que é este o excerto e não há mais!
            Apresenta o excerto em que ele diz o que tu pretendes que ele diz.
            Não te esqueças! Há gravações

          • Marisa Pinto says:

            Porque te preocupas com as palavras exactas? Se já as sabes, comenta-as.

          • Ppietra says:

            Diz-me tu porque é que tu não te preocupas com as palavras exactas? Ou melhor, com aquilo que foi realmente dito!

          • Marisa Pinto says:

            Só há uma maneira de saber o que foi realmente dito.. perguntar ao Cook.

      • Observador says:

        Basta LER as transcrições.
        O que ele apelidou de ridículo foi à chamada dispersão do Android. Não ao SO.
        Aprendam a LER.

        • Vítor M. says:

          Não não… o enquadramento da notícia não é esse:

          So far, though, Apple COO Tim Cook has “no concerns” with the tablets that are out there today, and goes so far to call current Android tablets “bizarre.”

          Podes ver aqui.

          Não basta transcrever, é preciso saber enquadrar no cenário actual e no conjunto das suas apreciações o que ele está a dizer… isso do Ipsis litteris não funciona neste mundo da concorrência meu caro.

        • Ppietra says:

          Ele não teceu qualquer comentário sobre a “dispersão” do Android.
          Apenas disse que tablets pequenos com um sistema não optimizado levam a um produto que é pouco mais que um smartphone em ponto grande, o que é algo bizarro (bizarro não é ridículo)

  8. DeathOli says:

    Já que está mais ou menos dentro do assunto, alguem sabe para quando está previsto o lançamento do andriod 3.0?

  9. Gerardo says:

    Como se dizia na minha escola: É só “miufa”!!! 😀

  10. a Friend® says:

    “Cook on the Apple earnings call said about tablets: “There’s not much out there as you know. There are two kinds of groups today [in the market] – the ones using a Windows-based operating system. They’re big, heavy and expensive. Weak battery life. Need keyboard or stylus. From our point of view, customers aren’t interested in that.
    “Then you have the Android tablets. The variety shipping today, the OS wasn’t designed for a tablet – but Google said this.
    “So you wind up having the size of a tablet that’s less than reasonable. Or one that’s not even a real tablet experience. It’s a “scaled-up smartphone” – that’s a bizarre product in our view.
    “If you do a side-by-side with an iPad, some enormous percentage are going to pick the iPad. We have no concern there.”

    Read more: http://www.techradar.com/news/computing/apple/apple-s-tim-cook-android-tablets-are-scaled-up-smartphones–922432#ixzz1BbLFL7QR

  11. toni says:

    este gajo entra a matar

    que corajoso

    • Não, não entrou a matar. A “tradução” da notícia é que não foi das mais felizes…

      • Vítor M. says:

        Olha que foi. Na verdade o que ele critica é a gama XXL Smartphone (os tablets com Android) que eram uma perspectiva bizarra. Na verdade foi o que ele disse.

        E escondeu ou tentou camuflar essa critica com ” ò é verdade até a Google disse isso” 😉

        Ele quiser ser aquilo que a Marisa falou, ele quis puxar os galões como novo CEO em exercício da Apple.

        E depois, se leres o que ele fala em relação a outros assunto, ele disparou para todos os lados… “à patrão”.. 😉

        Sejamos honestos… ele quis dizer que a arrogância tinha sucessor à altura.

        • Ok, são interpretações.
          Mas eu acho que ele até foi bonzinho com a concorrência, ao dizer-lhes onde é que falharam. 🙂

          • Vítor M. says:

            heheh excelente :d gostei dessa sem dúvida. Claro que isso mostra atitude, enfrenta-os de frente, sempre foi também a atitude de Steve Jobs, diz na cara o que pensa… não se esconde atrás “da marca” como faz a Google e outrora outros colossos da tecnologia.

            Também é verdade que muitas vezes a linha é muito ténue entre a frontalidade e a arrogância… não concordas?

          • “Também é verdade que muitas vezes a linha é muito ténue entre a frontalidade e a arrogância…”

            Completamente de acordo!

        • Ppietra says:

          “Ele quiser ser aquilo que a Marisa falou, ele quis puxar os galões como novo CEO em exercício da Apple.
          E depois, se leres o que ele fala em relação a outros assunto, ele disparou para todos os lados… “à patrão”.. Sejamos honestos… ele quis dizer que a arrogância tinha sucessor à altura.”

          Só para ficares informado o Tim Cook falou sempre em todos os anúncios de resultados! Aliás duma forma geral é só ele e o CFO que estão presentes. Sempre comentou sobre a concorrência quando perguntado.
          Não há nada de novo na atitude, nem é preciso, pois o homem já demonstrou o que teria que demonstrar.

          • Vítor M. says:

            ok, mas esta é a hora de tomar aquele tipo de atitudes, foi uma “acção de marketing interna oportuna”, digo eu.

            Isto, claro, suportando a minha opinião nos factores que todos sabes que afligem a Apple.

          • Ppietra says:

            lol
            essa é de rir!
            “acção de marketing interna oportuna”
            Mas tu achas que o Tim Cook precisa de fazer marketing interno?
            O homem está lá há mais duma década, é ele que põe a máquina a andar e foi em boa parte responsável por fazer da Apple a companhia com melhor gestão de produção! O homem já esteve nesta posição duas vezes e demonstrou ser capaz.
            A atitude do homem é bem conhecida internamente.
            E só para rematar, se ele não dissesse o que disse é que seria estranho. Tudo o que ele realmente disse é o que seria de esperar é o que quase todos os analistas acham! Nada de novo.

      • Marisa Pinto says:

        Custa-vos assim tanto a aceitar as palavras? A ideia está lá, quer queiram quer não. Se tem um e a mais ou um não, o conteúdo não é erróneo.
        Como dizia a Mary Poppins “Com uma colherada de açucar, o remédio cai melhor”
        Android está a ganhar terreno.. e, claro, é natural que a Apple se sinta ameaçada.

        • Vítor M. says:

          Está na medida certa, pois ele usou uma metodologia suportada em dois pilares: o ataque suportado pela apresentação dos recentes números da sua empresa e as falhas no Android “aceites” pela Google 😉 depois quis dizer “Jobs… estou aqui” e porque?

          Porque os investidores estão fortemente em cima da Apple para saber quem será o sucessor do Steve, é um dado quase adquirido que este ano Jobs afasta-se da Apple, os investidores sabem disso e a luta pela sucessão… começou.

          • Marisa Pinto says:

            Sim também.. e verdade seja dita, tal como referi no artigo, o Tim tem personalidade, e doutra forma não seria notado pelo público.
            Não se pode ser amado sem se ser odiado.

          • Francisco says:

            Penso que ele quis dizer “jobs….descansa eu estou a altura”…e porque?

            Porque o steve ao nomea-lo sempre que está de baixa como CEO está a dar uma indicação aos investidores, aos accionistas,etc que é o Tim que ele “quer”/acha que o deve suceder.. e duvido que os “accionistas” ou que os representa vá contra essa “vontade”

        • Observador says:

          Agora está desmascarada a autora.
          Tomar partido ao fazer uma noticia não é jornalismo.
          Tem de apenas apresentar FACTOS que depois o leitor retirará a sua opinião. Ninguém lhe pediu a SUA opinião no artigo.

          • Vítor M. says:

            E os factos foram apresentados, de tal forma que a autora, num patamar pessoal, tem uma apreciação própria, mostra carácter… as pessoas têm de ser assim, genuínas.

          • Observador says:

            Não têm de ser genuínas. Isentas sim, isso é fundamental para o leitor.
            Ninguém lhe pediu para apreciar ou interpretar. Apenas para relatar.
            O que ela fez foi “moldar” a noticia pela perspectiva pessoal, pelo seu ponto de vista.
            Tanto mais que pelo que já foi constatado foi feito mais com o “coração” que com isenção.

          • Vítor M. says:

            Mentira o que está a afirmar Observador, completamente mentira, vê esta notícia:

            http://techcrunch.com/2011/01/18/apple-cook-android-bizarre/

            Repara, ela tem opinião diferente ao que está no post, onde foi isenta, tal como podes ver no artigo que te deixei, como esse jornalista o foi e ainda tem a destreza de responder aos visitantes, não os ignorando. É importante ter atitude sabes.

          • Observador says:

            Mas afinal seguem-se por artigos de opinião ou por noticias? Fazer uma noticia tendo por base um artigo de opinião (que não tem outra classificação)…..
            Leiam/ouçam a Keynote.

          • Vítor M. says:

            Já estás a misturar tudo.

            A keynote é isolada dos factos? Ele fala dos argumentos que apareceram onde, escritos na areia da praia?

            O alvo das posições dele é qual?

            Obviamente que são os últimos acontecimentos e é naturalmente necessária alguma inteligencia para saber posicionar o que ele disse no contexto correcto. O leitor dessa forma tem o enquadramento correcto.

            É evidente que as palavras dele foram as que a marisa retratou, sem margem para dúvida, é óbvio que ele está a querer arranjar o espaço dele… e´também óbvio que ele segue as pisadas no Steve e usou um discurso directo, frontal e caustico, arrasando com o Android rebaixando totalmente a sua posição actual nos tablets.

            Mas alguém de bom senso acredita no inverso?

            Tomar partido não é Jornalismo… dizes tu! Enfim, quando faltam os argumentos parte-se para o abstracto…

            Estava a falar alhos contigo e já falas em bugalhos.. ficamos assim. 😀

          • Observador says:

            “Tomar partido não é Jornalismo… dizes tu!”
            Não sou eu que o digo. Basta conhecer o que a Autoridade para a comunicação social proferiu (por ex.) no caso da Manuela Moura Guedes.

            Jornalismo é relatar o sucedido.

          • Vítor M. says:

            Estás perdidinho já.

            Já vais na Manuela; faltam os argumentos começas a divagar. Agora estás a dar uma de Manuel Luís Goucha e eu apenas quero falar de tecnologia.

            Já estamos a perder tempos.

            Vamos ver o que traz de novo o iPad 2 afinal que parece que há por aí novidades…

            Vamos trabalhar… fica bem.

  12. m00nbl00d says:

    Sinceramente, acho que a Apple só está bem é a criticar a concorrência. Nada lhes escapa.

    Criticam a Microsoft, mas depois lá existe um Office para Mac OSX. Criticam a Microsoft, mas depois lá existe a possibilidade de se instalar o Windows simultaneamente com Mac OSX através do Boot Camp.

    Ainda recentemente retiraram o VLC Media Player da Mac Store ou Apple Store… ou lá como é que se chama…

    Sinceramente… que ganhem é juízo. Acho que a maça está a começar a “ganhar bicho”.

    • Vítor M. says:

      Exacto, a Apple tem uma atitude arrogante com o mercado, aliás… sempre teve.

      Não sei até que ponto a ausência de Steve Jobs será colmatada… um dia, quando ele faltar, certas atitudes não ficarão bem noutro qualquer sucessor e Cook certamente não quis ir por esse caminho, foi directo e tem alguma razão, no entanto é o mercado de terceiros e quem sabe com o Android 3 (que sabe lá Deus quando virá) o mercado tablet com Android possa ser mais “interessante”.

      Mas a arrogância não lhe fica bem…

    • Alexandre says:

      Acho que isto resume a política da marca em questão:
      http://npossibilidades.com.br/w/?p=11705

    • Goodfella says:

      Sangue da Lua

      A apple apenas fez uma constatação da realidade!
      Basta olhar para a evolução das cotas de mercado.

      • Vítor M. says:

        Às vezes as pessoas desligam a realidade… a Apple é uma empresa que visa o lucro e por isso toma atitudes de mercado… e isto é uma atitude de mercado, ser “opinador”, criar ideias incubadores para seu suporte no futuro, isso é importante pois cria “tendências2 e… dependências. Molda o mercado… mas isso só está ao alcance de alguns génios.

        Lembram-se o que disse Jobs nos últimos 34 anos?

        A verdade é que ele hoje lidera porque criou uma ideia incubadora e sortiram resultados… eles são hoje os liders das tendências tecnológicas. Esta é a realidade.

    • Ppietra says:

      Acho que o que dizes demonstra a consequência da má informação que vai passando!
      Há primeiro que tudo ver qual é o contexto
      Tudo o que foi dito foi como resposta a certas perguntas
      Perguntado sobre a concorrência, apenas apontou críticas aos produtos que estão actualmente à venda, e todas elas são justas, pois quase toda a gente as faz!
      Um concorrente fará exactamente o mesmo, apontado o que muita gente já crítica sobre os produtos da Apple.
      Quanto ao VLC, estás completamente enganado. Em primeiro lugar, foi removido da AppStore do iPhone, não do Mac. Em segundo lugar, a razão para remoção deve-se a uma disputa entre diferentes autores do VLC relativamente ao respeito ou não das licenças associadas. A Apple esperou vários meses e como não havia acordo acabou por retirar para não ser acusada de desrespeitar as licenças.
      Já havia outros programas com tanta ou mais funcionalidade que o VLC e eles continuam por lá! Não nenhuma perseguição por parte da Apple.

  13. s-k says:

    Ehh pá… o tio steve está de baixa?
    Já estou farto de ver essa “noticia” em todo o lado LOL

    Já que a saúde do tio steve é um assunto de importância mundial vamos especular um pouco LOL

    O que será que ele tem?
    Eu aposto que foi uma “Androidzite”. Não me perguntem que eu não sei que raio de doença é essa. Só sei que é uma doença bizarra. LOL

    • João Pinho says:

      Lê o artigo, tem cancro. Por isso também podes apanhar uma androidzite um dia destes.

      Antes de especularem o “disseram-que-disse” forma opinião apenas com o que “disse”

      As pessoas as vezes têm falta de vontade em verificar a informação que lhes é dada.

      Na minha opinião e para uso próprio o iPad não tem propriamente utilidade senão como desenrasque para quando me dá preguiça de andar com um laptop ao ombro.

      Não é algo que uma pessoa ande para trás e para a frente, e visto isso, existem bons laptops que satisfazem e superam as capacidades do iPad.

      Para quem argumenta que o iPad é sempre mais barato que um Laptop, não acredito que comprem um sem antes terem um laptop, isto porque o iPad nao é um Laptop, embora tudo o que faça um Laptop faz e melhor…

      Quanto ao android nos tablets, terá razão, provavelmente foi “despachado” para tentar atenuar o avanço da Apple no mercado, e só agora com o 3.0 é que estão a “construir” o SO adequado para a sua função.

      • s-k says:

        Eu não sabia qual a doença, porque não há paciência para ler algumas “fontes” quando o assunto é Apple.
        Não foi minha intenção ridicularizar a fase difícil que uma pessoa passa, com uma doença grave.
        Mas sim ridicularizar as “notícias” patéticas, e o circo que muitos fazem com qualquer coisa relacionada com a Apple.
        “Salário de Steve Jobs é o preço de um café…”
        E a fonte dessa noticia? Quem vai perder tempo a ler a fonte???
        Nem a por*a da notícia eu li. Mas fui obrigado a ler o titulo.
        Quem tem pachorra para ler sites do tipo… “mac-rumors-sei-la-o-que.com”??? Deve ser pior que a revista Maria.
        Já não há pachorra para este fanatismo.

        • Ppietra says:

          Vai com calma, OK!!
          Tenho a certeza que terás interesses e ideias que muitos outros achariam o que tão bem queres expressar!
          Se vens para aqui comentar não foi porque foste forçado!

          • s-k says:

            O que é que vais dizer a seguir?

            Que eu sou “rude e feio”? 😛

            E que só vim para aqui “gerar discussão” porque consideras o texto da Marisa Pinto “deturpado”???

            Eu não sou obrigado a comentar. LOL nem vou perder mais o meu tempo com os “senhores detentores da verdade”

          • Ppietra says:

            @ s-k
            uau
            Para quem não quer perder tempo, nem para ler as noticias demorar muito tempo a ler e escrever comentários.
            Nice

  14. Berto says:

    “grandes, pesados e caros” – E não tem o quadradinho azul!

  15. Este tipo de frase vale o que vale, porque maior parte das vezes são retidas do contexto…

    De qualquer forma, a única tablet que testei foi a Samsung Galaxy e sinceramente achei que é um produto um pouco “retalhado”, ou seja, nota-se uma falta de harmonia entre o OS e conceito do produto. Mais espantado fiquei quando vi o preço de 549€…

    Nesta história das tablets, confesso que era giro voltar um ano atrás e ver o que tanto especialista disse sobre o iPad… Uns que não servia para nada, outros que era um iPhone grande e outros que os NetPCs e que eram… Passado um ano, o iPad é um sucesso, tudo que é empresa concorrente, corre atrás do prejuízo e o mais engraçado e que passado um ano o android 3.0 e aguardado com expectativa para correr em tablets, quando à menos de um ano, o iPad era criticado por correr iOS…

    • kekes says:

      Android é muito mais versatil que o iOS e o 3.0 tem boas novidades.

      • a Friend® says:

        Essa conversa é um autentico dejavu da geração iPhone.

        “O proximo é que vai ser..” lol

        Comos se o Android crescesse e o iOs andasse parado…as novidades para o 4.3 são bombasticas.. e para o 5 nem se fala… 😀

        Aparte disso, garanto-te que o Android 3 vai piorar a situação da Google, porque se com um Android para smartphones anda sem saber onde está o norte.. com 2 Androids, sub-divididos em vários modelos e marcas, a situação da fragmentação irá fazer a Google entrar em rota de colisão… e quem agradece isso são as marcas, que arranjam centenas de pretextos para descontinuar modelos com 1 ano para vender o novo modelo… developers… completamente desamparados sem saber ao certo em que modelos se focar e como no Android a aposta é mais Free que pago, acaba por ser insustentável criar Apps profissionais ou com qualidade.

        • Espero que essas novidades fantásticas sejam melhores que as famosas features do anterior, tais como, pastas e wallpapers 😛

        • Oops says:

          Parece-me que também estás a divagar…. Não podes garantir nada disso, pois não estás a tratar de uma qualquer empresa. Além disso, sei perfeitamente que também sabes o que é a retrocompatibilidade dos SOs e mesmo se esta não existir, sabes que muitas vezes é só uma questão de recompilar para uma outra plataforma – basta o mercado assim querer.

          • a Friend® says:

            Recomplilar? Estamos a falar de produtos diferentes com dimensões diferentes.

            Não se trata apenas de mudanças de specs.. .trata-se de toda a estrutura, o que requer algo mais que uma mera re-compilação.

            Requerem SDK’s bem padronizados e pouco fragmentados, algo que os developers façam focado para O ANDROID e não para o HTC, Samsung, Sony, ASUS…Modelo X..modelo Y…de cada marca…etc..etc..etc.

            Se achas isso divagação, nada tenho a acrescentar. Antes fosse uma re-complicação… se fosse assim tão simples a palavra “Android = Fragmentação” era mito.

        • Oops says:

          Eu falei em divagar quando dizias q o Android 3 vem piorar a situação da Google. É pura especulação. Tb se falava do mesmo com a solução do Android em si, mas o mercado “abocanhou-o” por algum motivo, isto apesar da fragmentação que referiste e bem, embora que não deixo de insistir que quando um produto está (bem) feito e não preparado unicamente para uma plataforma, é razoavelmente simples colocá-lo noutra (embora que pensasse no Android 3 Vs 2 como no Win Vista Vs 7)

    • Tens um pouco razão naquilo que dizes de há um ano atrás ninguém ter visto este produto como uma verdadeira novidade, havia muitos que diziam que não prestava, que não ia vingar, que não servia para nada…

      E tens razão no que dizes quando falas que agora toda a gente está a seguir o mesmo caminho, mas esqueces-te que foi a Apple a começar isto dos tablets, porque se fosse a empresa X, Y, Z talvez o sucesso não fosse o mesmo.

      O iPad tem falhas desde o seu lançamento, tal como o primeiro iPhone tinha, toda a gente sabe como os seus produtos viram “moda”. E muitas vezes isso muda todo o mercado.

      Atenção que eu não estou a dizer que o iPad é um mau produto, e que so vende por ter uma maça. Mas ajuda…

      • a Friend® says:

        Claro que vende bem por ter uma maça.

        Maça é sinal de confiança ao consumidor. Sabe que comprar algo que irá ter suporte longinquo. Sabe que compra algo que tem qualidade foi bem estudado antes de ter sido lançado.

        O erro do Android foi precisamente esse, apareceu do nada, sem grandes estudos de mercado, e fez dos clientes “cobaias”. Centenas de modelos já foram descontinuados, outros nunca usufruiram as specs que têm… as apps não funcionam e todos, os updates andam ao deus dará.. que confiança isso dá aos clientes? Naturalmente olhando para isso, quem vê uma maça, vê sinal de confiança e qualidade.

        Nenhuma marca no mundo ganha status por causa de um logo… mas sim por aquilo que oferece com rigor. Se são perfeitos, obvio que não… mas dentro de todas as marcas é a que melhor sabe balancear as virtudes.

        • Concordo, a Apple sabe o que faz e quando o faz, faz bem…

          Mas lança sempre a primeira versão do produto muito aquem daquilo que se espera. Para que, no segundo produto existam novidades…

          A falta da camera na primeira versão do iPad é intrigante. Mas são politicas internas.

          E o que no inicio não era tão bom, está neste momento numa fase muito madura. o iOS está bastante bom neste momento e com practicamente todas as grandes falhas apontadas, corrigidas. O que é muito bom para os utilizadores do iOS (que teem suporte) como para os outros SO’s. Obriga a MS a trabalhar e a Google também, sem esquecer o WebOS que está perto do seu novo lançamento.

          Falando um pouco do android, acho que aquilo que lhe está a acontecer é o mesmo que acontece com o Linux hoje em dia, existem demasiadas distros, o que faz com que fique demasiado fragmentado. E isso nota-se no desempenho dos dispositivos.

          • a Friend® says:

            Sim eu fui também dos primeiros a criticar certas “ausencias” no iPad… como a camera.. que para mim foi inadmissível.

            Mas isso já faz parte da empresa querer render o peixe e não jogar as cartadas todas logo de inicio. A Apple só lança produtos de ano a ano… tem que jogar muito bem com o que vende. Cabe agora ao consumidor saber as alturas certas para o comprar. É um facto.

            Mas o outro lado da moeda, é que mesmo com falhas graves, o iPad não teve rival à altura, o que acabou por ser sempre a opção mais viável.

            Quanto ao Android vs Linux.. bem eu acho isso também.. excesso de distros.. mas não só.. o Android está nas mãos das operadoras e marcas..o que lhes acaba por piorar a situação, a juntar ao factor de que as apps têm que seguir parametros fortes para funcionarem, coisa que não acontece no Linux porque sendo um sistema de “janelas” excluí uma serie de padrões nas apps… a Google para resolver esta questão precisa fazer o que a MS fez com o WP7… fazer um padrão fixo em que as marcas tenham que se adaptar a ele (android) e não o android às marcas. Se tivessem feito isso desde inicio o Android agora estaria GRANDE e poderoso.. não é com o pseudo-open que o faz ser bom…só tem prejudicado os consumidores. Basta fazer uma retrospectiva de aparelhos descontinuados para se perceber isso. 😉

        • Oops says:

          Imagino q uses intensivamente produtos da Apple. A minha pergunta é: Usas intensivamente algum produto com Android?

          • a Friend® says:

            Procura nos meus comentários sobre Android algo de errado que encontras a resposta. 😉

          • Não percebi se a pergunta era para mim…

            A resposta é nunca usei intensivamente, e sim tenho um iPod touch.

            Mas longe de mim dizer que um produto é melhor que outro só porque sim…

            Dou a minha opinião, só isso…até que tenha reparado nao fiz nenhum comentário que possa ser mal interpretado.

  16. Nuno José says:

    Ele que experimente o Adam da Notion Ink e depois fale.

  17. Manuel says:

    “São tablets “grandes, pesados e caros […] Os consumidores não estão interessados”.

    Claro! Porque o Ipad é bastante pequeno, levezinho e principalmente muito barato!!!

    LOL para ti caro Cozinheiro(Cook) da Apple…

  18. okapi says:

    A meu ver eu acho que existe mercado para todas as plataformas e muito menos a MAC a ter medo do Android como já li por aqui, isso é conversa de quem não pensa. A MAC tem o seu seguemento de mercado e sempre a subir nem tenham dúvidas.Só um exemplo em 2 escolas no país onde vivo limparam o parque informático todo com 1 ano e meio e mandaram para o lixo, sim para contentores de lixo e substituiram pelo sibolo da Maçã ao todo foram cerca de 1000 computadores. Hoje os putos já só querem iPad isto por melhor compatibilidade e … . Em telemóveis o ano passado ganhou a iPhone já este ano quem ganhou foi a Blackberry 80% dos putos têm esta marca e Android nem um pelo menos em uma escola que tenho melhor informação. Tudo depende do mercado em que está inserido. O meu 1º Android comprei-o em Nov.98 o G1 a experiência foi péssima …a comprar 2º tenho que pensar seriamente em qual plataforma apostar. E se existe país que tem apostado na plataforma Android é este onde vivo.

  19. Ppietra says:

    Com todo o devido respeito tenho que apontar a noticia relata de forma algo enganadora o que realmente foi dito!
    O que o foi considerado bizarro foram os tablets mais pequenos com o Android não optimizado para tablets, tornando-os pouco mais do que smartphones com ecrã maior!

    “So you wind up having the size of a tablet that’s less than reasonable, or one that’s not even a real tablet experience. It’s a scaled-up smartphone; that’s a bizarre product in our view. Those are what is shipping today. If you do a side-by-side with an iPad, some enormous percentage [is] going to pick the iPad. We have no concern there.”

    Read more: http://www.electronista.com/articles/11/01/18/apples.cook.says.small.tablets.odd/#ixzz1BbiWGbKw

    E a seguinte frase é completamente falsa!
    “Confrontado com a quantidade de tablets apresentados no CES 2011, Tim Cook afirma que “eles ainda não chegaram ao mercado mas, ao comprar, a grande maioria vai querer um iPad””
    Ele disse isso para os tablets que estão agora à venda – e os resultados comprovam o que ele disse, foram vendidos muitos, muitos mais iPads do que a concorrência!
    Espero que corrijam isto porque está mais que visto que levanta demasiada polémica!

    • Vítor M. says:

      Bom, ele disse que eram bizarros os tablets com android. Não digas que ele não disse… ele disse!

      “O que o foi considerado bizarro foram os tablets mais pequenos com o Android não optimizado para tablets, tornando-os pouco mais do que smartphones com ecrã maior!”

      Então não foram todos os que saíram ou no limite 95% dos que saíram? Então é verdade o que a Marisa retirou do texto dele.

      http://www.techradar.com/news/computing/apple/apple-s-tim-cook-android-tablets-are-scaled-up-smartphones–922432#ixzz1BbLFL7QR

      • a Friend® says:

        De qualquer forma acho que é preciso cuidado no contexto com que se diz algo.. isto seria tão igual quanto uma revista dizer:

        “BIzarro: Filho de Cristiano Ronaldo”

        Depois na noticia:

        “É bizarro como a mãe do filho de ronaldo vendeu a criança por 11 milhões…”

        😀

        O Tim Cook não disse que o Android era bizarro.. disse apenas no contexto em que está a ser comercializado, em que acrescentou, que a própria Google o admite.

        O corte de certos pontos dos comentários dele, acrescido de diferentes contextos, poderão eventualmente geral uma certa arrogancia em algo que até nem houve. 😉

        • Vítor M. says:

          Sim mas a Marisa no texto não disse que o Cook havia dito que o Android era bizarro, atenção, disse que “Tablets com SO Android são Bizarros”. Cuidado com as confusões.

          Foi o que ele disse. E mais, ele vai ao ponto de “vaporizar” o Android 3… ou não? 😀 não é um “toque arrogante” desconsiderar os projectos dos outros?

          • a Friend® says:

            Ele disse que não pode falar dos tablets com Android 3 porque ainda não são realidade de mercado.

            Não sabem como é o comportamento dele, não sabem como será “padronizado” … não sabem que preços terá associados.

            O que, para já (presente) toda a especulação entre ele é “vaporware” …

            E é um facto… já houve tantos “killers” do iPad que viraram Vaporware. E é basicamente o que ele quer dizer.. até que se prove o contrário…

            Um breve exemplo.. falou-se tanto do “Courier” da MS.. que era melhor que o iPAd… que não passou de um vaporware. Vai muito de encontro da teoria do “proximo é que vai ser…” … para mim, para ele… e para muitos só SERÁ se provar isso mesmo.. no terreno… e não no “papel” 😉

        • Marisa Pinto says:

          @Friend
          Cada um interpreta como quiser. Uma frase só tem o sentido que lhe pomos. E, tal como já referi, se preferem as frases suavizadas, que escondem, em bruto a ideia, óptimo. Mas eu cá prefiro estar esclarecida, não me contento com as palavras ditas por aqui e ali, mas entrar na cabeça dos autores. E por muito que se passe o que é dito/escrito, é sempre bom termos uma atitude empática, pensarmos como os outros pensam, e neste caso, como a Apple pensa. Claro que isso varia de pessoa para pessoa, mas temos que ser imparciais para o fazer bem.
          Por outro lado, li e reli a frase, e não vejo onde é que o Sr. Cook não classifica os tablets android como bizarros..

          PS: Que comparação 🙁

          • a Friend® says:

            Não se trata de suavizar… trata-se de transmitir o conteúdo todo. Isso sim é informação. Depois com base nesse conteudo cabe a cada um enterpretar da forma que quiser.

            Um dado que ocultaste, por ex.. foi do tablets WIndows que ele referiu que ninguém quer “canetas” num sistema. E é verdade, já houve tablets de canetas antes e não vingaram.. .são factos.

            Assim como serem pesados e grandes, que vai de encontro com o sistema operativo não estar preparado para os dedos.

            Acho que essas informações complementares são essenciais. Talvez tenhas entreprestado isso como “arrogancia” dele… mas estás a tentar (sem querer) passar essa mensagem de arrogância, quando no facto até nem houve arrogancia. Tudo o que ele disse são factos, e pra provar esses factos, argumentou. Se cortar-mos os argumentos todos, já fazem o homem parecer um “troll” 🙂

            PS. E tu propria disseste, que não simpatizas com ele, por causa do olhar… ou seja… não foste totalmente imparcial..

            Não leves a mal a critica, porque como sabes respeito bastante o teu trabalho. 😉

          • Marisa Pinto says:

            @Friend.. não juntes as coisas… Uma coisa é o artigo, outra diferente é o comentário. Numa passo a notícia, ou o essencial dela, neste caso foram três, ao que parece só uma vos chamou à atenção.
            Noutra situação, ao comentar, dou a minha opinião como qualquer pessoa dá.
            Mas, como viste que eu disse o que pensava dele acerca do olhar, também pudeste ver o que referi, no artigo, acerca da personalidade 🙂

            Agora, e como estava a dizer, acerca do que o Sr. Cook disse, havia muito mais a dizer, porque ele disse mais coisas, é verdade, mas seriam importantes? Se calhar seriam, mas não tanto como outras.
            Transmitir o conteúdo todo… ele chamou os tablets com SO de bizarros, acha que as pessoas não vão preferir outros tablets ao iPad e acha os tablets com Windows caros e pesados…
            É um homem com personalidade e… coragem!

            PS: Não levo a mal críticas 🙂

      • Ppietra says:

        @ Victor
        vai ouvir o que é dito e sais com uma interpretação completamente diferente do que foi escrito aqui!
        Tenho muita pena que este seja um daqueles artigos que irrita pela “liberdade” tida na “redacção” de factos.

        Tablets pequenos com um sistema de smartphones (Android), tornam-se produtos bizarros por serem smartphones em ponto grande! Não tem nada de arrogante, é uma contestação das limitações.
        Um tablet maior ou com o Android optimizado não será bizarro, nesta perspectiva.

        No entanto, noto que não negas a segunda coisa que escrevi!

        • Vítor M. says:

          Bom, a segunda tem uma interpretação dúbia, quase como se fosse “a gozar” com o sucesso… aí não sei se ele quis vincar o sucesso, e citou a CES como um “flop” já que foi uma montra de tablets que ele “não acredita”, porque serão equipados com “vaporware”, não percebi o alcance das suas palavras. Tu suportas-te num texto de um site que não quer dizer que tenha a interpretação correcta. Não tenho tanta certeza como tu tens.

          Então dizes tu que não tem nada de arrogante esta expressão “Tablets pequenos com um sistema de smartphones (Android), tornam-se produtos bizarros por serem smartphones em ponto grande! Não tem nada de arrogante, é uma contestação das limitações.”?

          Claro que meteste o android ente parêntesis para “suavizar” a frase, isso só me dá razão, ele foi contundente, não tenho dúvidas.

          • Ppietra says:

            Victor,
            eu já vi que não vale muito a pena discutir isto! Li esta notícia em muitos sítios diferentes e este foi o primeiro que parece conseguir ver polémica, talvez seja pelo desfasamento temporal.
            Como eu já disse há gravações e qualquer um pode ouvi-las!
            Aliás, apresentei excertos idênticos às gravações.

            “citou a CES como um “flop” já que foi uma montra de tablets que ele “não acredita”, porque serão equipados com “vaporware”, não percebi o alcance das suas palavras”
            nada do que ele diz suporta o que afirmas. Nem teceu um opinião sobre o CES. Ele disse que sem saber mais pormenores sobre os novos tablets, estes não passam de “vapor” actualmente.
            “The next-generation Android tablets …. there is nothing shipping yet, and so I don’t know, there is generally, ahh, they lack performance specs, prices, timing. And, so today they’re vapor. ahh We’ll assess them as they come out.”

        • Marisa Pinto says:

          @Ppietra,
          Acho que todos já sabemos o que o Cook disse, deixou de dizer, pelas palavras exactas.
          Ainda não sabemos a tua opinião acerca dessas palavras, para além doutras coisas que o artigo aborda, como a saúde do Jobs 🙂
          Eu, sinceramente, gostava de saber também a opinião dos utilizadores da Apple face a estes acontecimentos. Preocupa-vos o Steve Jobs poder deixar a Apple? O crescimento foi tanto quanto esperavam? Qual a venda que mais vos surpreendeu?

          • a Friend® says:

            O S.Jobs se deixar a Apple definitivamente não é bom.. mas não é pior que na decada de 90.

            A casa está muito bem arrumada e ele tem pessoas a trabalhar com ele igualmente visionárias que conhecem bem a mente de Jobs. A Apple já tem concepts criados para dar e vender durante anos, toda a planificação da empresa deve estar bem adiantada.

            Essa é mesmo a vantagem da Apple. Não cria produtos da noite para o dia.. são objectos estudados há largos anos.

            Tim Cook e Jony Ive são pessoas de alta confiança de Jobs…para terem adquirido esse estatudo (dado os erros do passado) é porque têm “aquela visão” 😉

            Mas.. claro, Jobs é Jobs… a empresa poderia não ter o efeito evolutivo tão rápido como teve nestes 10 ultimos anos… daqui para a frente deveria ser mais lenta.

          • Ppietra says:

            A Apple continua a crescer acima daquilo que eu e muita gente esperaria! Tendo em conta o ritmo actual, tem muita margem para continuar a crescer por alguns anos sem grandes alterações de estratégia.
            O Jobs será sem dúvida uma grande perda! Não é um inventor na ideia que muita gente tem, mas eleva muito daquilo que existe a patamares superiores, capazes de mudar o mundo! Tem visão, carisma e jeito para o negócio. É uma combinação rara.
            Mas muito daquilo que fez a Apple o que é agora, já está enraizado na companhia. A filosofia está lá e vai continuar por muitos anos.
            A Apple continuará a crescer com bons produtos – não convém esquecer que muitos dos produtos e estratégias são delineados com muito tempo de antecedência, o dedo de Jobs continuará lá.
            A falta de Jobs vai se sentir sobretudo na capacidade para novos produtos inovadores daqui a alguns anos. Dado que o Tim Cook não tem a mesma capacidade de visão, a estrutura criativa da Apple acabará por ser modificada e ser menos centralizada. Contudo, há muita gente capaz e com visão na Apple. Continuarão a trabalhar bem e a ser exigentes, talvez com mais fracassos do que agora, mas terão margem para isso.

    • Marisa Pinto says:

      Claro que levanta polémica.. porque foi um acto polémico e, por isso, noticiado na imprensa..
      Agora, é natural que muitos prefiram as palavras “suaves”, à ideia crua e dura da frase. E a ideia é a de atacar a concorrência de uma forma, na minha opinião, triste.

  20. texasflood says:

    Como é referido no artigo, os números de vendas apresentados são referentes apenas ao último trimestre. A Apple vendeu 15 milhões de iPads em 2010, sendo 7,3 apenas no último trimestre. Ou seja, isso dá qualquer coisa como 55 mil por dia. Se acham arrogancia uma empresa vangloriar-se com esses números, enfim. Mas só ouço dizer, pró ano é que vai ser, quando sair o xtpo 3.0 é que eles vão ver, quando sair o tablet y ai sim é que o ipad vai sofrer. Essa é a diferença entre as empresas que fazem e as que ainda vão fazer. Para um equipamento que foi e é bastante criticado, que recebeu o prémio Fiasco de 2010 antes de sair para o mercado, são números fenomenais e que superaram qualquer expectativa e previsão de vendas.

    • Vítor M. says:

      😀 vendeu 15 milhões de uma coisa que não presta… 15 milhões de distraídos e ofuscados pelo marketing.

      Concordo contigo, faz-me lembrar aqueles que passam a vida a esfregar as mãos e a dizer: pró ano é que vai ser 😀

  21. Marisa Pinto says:

    O olhar do Tim Cook não me inspira confiança, é um olhar de “come to the dark side”.
    Apesar de não ser utilizadora Apple, gosto mais do Jobs.

    • Eu mesmo says:

      APPLE = darkside, há um culto à volta do Steve Jobs

      aquele comic q caricaturava os utilizadores dos diferentes smarthphones retratava bem a coisa.

  22. Andre says:

    Tenham medo, muito medo…
    A apple tirando ser “moda” nao oferece nada a mais do que a google!
    Ate podem dizer que o iphone é bem construido e tal. É verdade.
    Mas a google nao fabrica telemoveis e sim software…
    E ainda vos digo mais. Tou com gingerbread no meu boston e estou maravilhado como é que um telemovel que é uma porcaria corre tao bem isto.
    Por isso tablets… a Google vai comer ipads ao pequeno almoço e o iOS vai ficar para palitar os dentes!

    • Marisa Pinto says:

      Oh Não chames porcaria ao boston!
      Por acaso pensava que ele nem se arrastava com o GB. Bom saber 🙂

      • Andre says:

        Marisa andava com o froyo e desde que meti o gingerbread que passou a ser a minha daily rom… É lindooo.
        Foi o telemovel que mais tempo teve nas minhas maos… Digo porcaria no sentido de especificaçoes em relaçao a desire e galaxy s…

    • Vítor M. says:

      hehe sim a Google vai crescer… mas cuidado com o apoio à Google… eles, tal como a Apple, visam o lucro, só que têm um método manhoso para o conseguir. Depois não acredito nessa ideia como suporte de futuro, o “só” fazer software, alias a Google está nas mãos dos fabricantes, basta ver por exemplo o que aconteceu ao mais representativo smartphone com Android, o Galaxy S.

      Quem manda no Android não é a Google, mas sim os construtores, quando a Google tentou… falhou, o Nexus morreu precocemente.

      • Andre says:

        Mas o que matou o Nexus foi o preço elevado! Nao a qualidade geral do telemovel.

        Concordas?

        • Vítor M. says:

          Sim sim.. sem dúvida, mas isso deveu-se ao facto de ele “ser caro”, pois se tivesse um preço “justo” ou aceitável, como acontece com o iPhone… era um sucesso, não concordas?

          Era caro porque não tinha sistema operativo à altura do hardware. Digo eu!

          • Andre says:

            Vitor…

            Eu nao sou fanboy e aodoro o iphone. Acho que nos ultimos 10anos foi dos produtos mais bem conseguidos e emblematicos. Concordo contigo no que dizes…
            Mas o problema do android é a fragmentaçao que a google deixou o android atingir. O iphone é caro para aquilo que oferece tambem e ninguem o pode negar!

  23. CMatomic says:

    “Steve Jobs está, novamente de baixa médica, e deixou como seu substituto, Tim Cook. Este, por sua vez, deu a conhecer na passada terça-feira, os resultados obtidos pela Apple no último trimestre e aproveitou para se referir aos tablets com Sistema Operativo Android, como sendo produtos bizarros.”

    liberdade foi sempre foi bizarra , A ditadura não, pois toda gente sabe o que é.

    A Apple tem uma ideologia fascista, imaginem um mundo só de macs onde eles ditava tudo que nos poderíamos fazer no nosso pc ai desculpem aos fanáticos do mac é Mac,
    Esse senhor devia saber o que é a liberdade antes falar.
    Aquele que pensa que vive em liberdade,pois não sabe que a sua liberdade já não existe.

    • Vítor M. says:

      Estás a confundir as coisas 😀 que a Apple tem uma atitude arrogante… sim isso é verdade, agora ao nível empresarial, meu caro, isso que dizes da falta de liberdade é ridículo 😀 Eles visam o lucro e fazem isso também como os melhores e não são um Misericórdia… é normal no mundo empresarial comportamentos aguerridos.

    • a Friend® says:

      O Android é um sistema operativo “open-source” com algemas.

      Eu chamo a isso socialismo. Prometem igualdade de oportunidades a toda a gente mas depois quando estão lá em cima no poleiro sabemos que não é assim… não passam de jogos de interesses onde o povo é enganado pela “pseudo-liberdade”.

      Quero updates? A tua operadora é que sabe, se não souber é a tua marca.
      Quero apps.. temos 100 mil! Liberdade!

      Pera jovem.. .100 mil mas o teu aparelho só instala metade das 100 mil…

      Quero ligar um cartão de memoria? Pera jovem, isso era no Android “antigo” .. agora no 3 terás que esperar porque nós estamos a mudar aqui um pouco a politica… e no inicio não terá, mas depois damos noviadades.

      “Há .. então como o Android é livre.. não vou esperar pela marca.. vou arranjar uma acesso à root e instalar uma rom cozinhada!”

      Sim.. és livre disso… perdes é a garantia!

      “Perco a garantia? Mas porque? Isso não era só na Apple?

      – Não jovem.. nós somos melhores.. porque o Android é open-source, ou seja, e és livre………………………..

  24. says:

    lol android.. MeeGo FTW 🙂

  25. a Friend® says:

    Noticia recém saida:

    Coincidencia ou não, Eric Schmitz vai deixar de ser o CEO da Google, passando o Larry Page a chefiar directamente a empresa. O que poderá concluir-se muita coisa…

    http://investor.google.com/earnings/2010/Q4_google_earnings.html

    PS. As razões porque é afastado felizmente não se devem ao seu estado de saúde.

    • Ppietra says:

      Realmente é uma bomba!
      O rapaz é de certeza um génio, mas não sei se terá o que é preciso para ser CEO! O tempo dirá.
      Imagino que seja para estancar a imagem que foi sendo associada ao Eric Schmidt com aqueles comentários que não caíam muito bem!

  26. cavaco silva says:

    o android pode ser open-source. ser um fork do linux (pq nao é um linux “a serio”..) mas nao tem uma coisa comum ao open-source que é um sentido de comunidade.
    Ai o Maemo/MeeGo está a anos-luz.

  27. Gerardo says:

    A Apple só vendeu 15 milhões de iPads???? Com os comentário que se faz sobre a Apple pesava que tinha sido pelo menos 150 milhões !!!

    A Samsung, em 2 meses !!!! vendeu mais de um milhão de Galaxy tab com o tal Android Bizarro, mal feito, fragmentado e sei lá mais o quê (mais defeitos é só perguntar ao a Friend® que ele tem uma lista com 10km). Imaginem se o Android tivesse alguma qualidade, só a Samsung, marca de batedeiras e frigoríficos, já tinha vendido mais que a Apple !!

  28. MuBuKo says:

    Acho que estamos a ficar um pouco americanizados pessoal. Acho que as software houses andam a divagar por coisas que realmente nem interessam e vao-se relaxando um pouco para a necessidade de termos software serio e que evolui. Mas todos dirao mas isto evolui. Eu direi o tanas. Ha uns tempos as actualizacoes traziam novidades agora nao passam de actualizacoes. Quando aparecem novidades e uma patch do problema de ha dois meses que finalmente for resolvido porque estamos entretidos em fazer dinheiro aos montes. Microsoft, Apple e Google tornaram-se em empresas de fazer dinheiro e aquilo que faziam melhor parece que o objectivo e apenas e so vender. Quem perde somos nos. Ha uns anos a moda eram os netbooks. Uns diziam que nao e bom alguns apostaram. Apple dizia que um bom netbook era o iPod Touch entao lancaram o Macbook Air. A Microsoft deu o peito as balas com o obsoleto XP. Agora a moda pegou com os tablets. Boas mesmo sao as tabletes de chocolate que os tablets ainda esta por ai por aparecer qual e a verdadeira necessidade destas coisas. Ate agora a unica explicacao sincera vem dos fabricantes… fazer dinheiro porque informaticamente falando a necessidade e nula e pouco importa se tem Windows, Android, IOS. Steve Balmer, Ubuntu, Fedora ou seja la o que for.
    Pessoal esta industria nao passa de umas “Marias vao com as outras”. Se amanha um disser que e melhor terem um sei la que um tenta os outros copiam. Pa nao sejam desses. Estou farto desse tipo de americanismo. E nos em Portugal andamos a copiar.

  29. Gerardo says:

    Como é que 15 milhões de pessoas navega na net sem Flash?? diga-me os sites para eu ir lá, porque realmente acho que não visito nenhum site que não tenha flash. Goste-se ou não, o flash ACTUALMENTE não é um opcional!

    • a Friend® says:

      Se tivesses um iPad/iPhone perceberias. É bom navegar em sites que outrora eram “flash content” e passaram a ser HTML5 e iPad compatible, graças a estes gadgets.

      Não é para todos. Daí teres a razão de 15 milhões dizerem não ao flash.

      Ps. O Android não conseguiu esse efeito, optou por suportar Flash que só funciona bem… desligado. lol

    • Vítor M. says:

      Hehehehe… flash? Que é isso? 😉

      Olha eu uso um serviço que não dava no iPad porque era em flash… dois meses depois do iPad ter saído, passou a dar… migraram para html5 e está mais rápido, tão útil como antes. Eu, tirando um ou outro serviço no início, não tive qualquer dificuldade que não houvesse alternativa. Hoje, (quase) um ano depois, a realidade é outra.

    • Não visitas nenhum site que não tenha flash????
      Olha que nem tudo que mexe é flash! 🙂

  30. aver says:

    Alguém sabe se o Galaxy Tab, com Android 2.2, vai ter upgrade para o Android 3.0, ou mesmo para o 2.3 ?

  31. Pinho says:

    ” Apple definitively led the worldwide media tablet market in shipments and set the standard for technology innovation in 2010, with nearly 4.2 million units shipped in 3Q10 and an 87.4% share worldwide. ”
    http://www.idc.com/about/viewpressrelease.jsp?containerId=prUS22660011

    E o Ipad 2 está ai á espreita!

    Continuem Ipad Killers !!!!!

  32. Yunie says:

    Quanto mais leio o que aqui é escrito mais concordo com o tipo/a que fez este cartoon (sem ofensa):

    http://www.cetlylive.com/wp-content/uploads/2010/11/ev17d3-510×721.jpg

    E bizarro bizarro é que eu acho que éramos todos mais felizes com o velhinho Nokia 3210 (e similares) que basicamente só fazia chamadas e mandava SMS (mas tinha o Snake!) do que agora com todas as funcionalidades dos smartphones e tablets que há agora!

  33. Miguel says:

    Pessoal o Eric Schmidt disse que o iPad era bizarro, o choque foi tal que acho que o Jobs não se aguentou e teve de meter baixa! Mas quando ele souber que o Tim Cook e o Steve Ballmer são amantes…não vai haver pâncreas que resista!

    Tudo isto enquanto vocês aqui discutem o sexo dos anjos

    Gosto da Apple, adoro a Google e tenho affair com a Microsoft, mas já vi o Linux a piscar-me o olho…

  34. filipe says:

    Confrontado com a quantidade de tablets apresentados no CES 2011, Tim Cook afirma que “eles ainda não chegaram ao mercado mas, ao comprar, a grande maioria vai querer um iPad”.

    Comprar ou comparar?

    Sei que é um artigo de opinião, mas ainda assim fica aqui a minha.
    O artigo está bastante tendencioso, sendo que o titulo aponta a um assunto que só é tratado em qualquer coisa como 20% do artigo. Nao digo que seja um apple hater, como eu nao sou fanboy, mas ainda que artigo de opinião, deveria ser redigido de outra maneira.

    Cumprimentos.

    • Ppietra says:

      Se tiveres em conta que essa frase nem corresponde ao que é realmente dito, tá tudo dito. Nenhuma comparação foi feita com os produtos apresentados no CES.

  35. Andre says:

    Viva a Apple por ter odaptado ao HTML5. Dou razao a toda a gente nisso. 🙂

    Agora nao digam que o android nao presta e isto e aquilo pq isso é fanboyismo. Sinceramente as vezes pergunto-me se ja tiveram android nas maos para dizerem que é tao mau assim e que é lento e nao presta como ja li em muitos comentarios no pplware em si!
    O iOS é muito bom e app store maravilhosa. É verdade mas android nao fica atras em nada. Tenho android e ja tive iOS… Por algum motivo mudei.
    Cumps! 😉

    • Vítor M. says:

      Mudaste de iOS para Android?

      Aposto contigo que nunca tiveste um iOS. 😀

      E olha que é fácil saber. Meia dúzia de questões e ficas por terra. Um face2face e desarmo-te em minutos… 😀

      É impossível… quem tem um iOS não muda para Android… não faz sentido acredita.

      • Eu mesmo says:

        lol ó vitor, eu nem vou comentar, mas acalma-te lá, acho q ainda n és funcionário da Apple, tu tentas, mas ainda n és…

        • Vítor M. says:

          Ui… ressentiste-te? 😀

          Apenas fiz uma afirmação pela experiência, meu caro. Não preciso ser funcionário da Apple, eu não gosto da Apple, preferia ser funcionário da Microsoft ou da Google 😀 são os melhores locais para trabalhar…

          Mas era interessante contrariares a minha afirmação com utilidade… se conseguires claro 😉

          Vá fica bem… acalma-te lá

          • Andre says:

            Mudei pois…
            Campanha desbloqueados da optimus. Comprei 3GS de 8GB e passado algum tempo comprei um Boston!

            Porque????
            Porque nao tenho sensação de inovação. Sinto-me parado no tempo… Nao dá para alterar nada de jeito no telemovel… E sou pessoa que gosta de mudar de Rom constantemente e com iphone nao faço isso!

            Cumps

          • a Friend® says:

            Portanto, mudares do iPhone 3GS para o Boston sensiste sensação de inovação?

            LOL

  36. André G. says:

    Uma correcção, as vendas de iPods decresceram e não subiram 7%, como referido. Subiu no entanto em 27% as vendas de iPod Touch, representando assim mais de 50% das vendas totais de iPods.

    Relativamente ao título e ao artigo, e na corrente do que vem sendo cada vez mais habitual aqui no pplware, infelizmente, é sensacionalista e não apresenta uma correlação com o conteúdo do artigo.

    Cumprimentos,

    • Vítor M. says:

      Estás enganado.

      Dou-te a apreciação de um emblemáticos canais informativos: http://techcrunch.com/2011/01/18/apple-cook-android-bizarre/

      Se fores ler, a percepção que o jornalista teve é exactamente a mesma que a Marisa citou. O comentário traçado pelo Pplware é exactamente o que está patente nos maiores canais de informação do mundo. Pautamos pelos melhores caro André.

      Mas existem muitos mais exemplo…

      • Ppietra says:

        Se a tua fonte é o TechCrunch então explica donde surge:

        “Confrontado com a quantidade de tablets apresentados no CES 2011, Tim Cook afirma que “eles ainda não chegaram ao mercado mas, ao comprar, a grande maioria vai querer um iPad””

        Nada lá diz isto!

        • Vítor M. says:

          Aaa já estás a mudar o discurso, bem me parecia. 🙂 Antes era um conjunto de afirmações, mas agora já só estás a apontar uma… está a melhorar, afinal ela tem razão!

          E a fonte dela não sei qual foi, alias devem ter sido várias.

          Sobre o que dizes, tens de ler o restante:

          In terms of next generation. There’s nothing shipping yet. So I don’t know. “Today they’re vapor.”

          Onde foram vistas as próximas gerações dos equipamentos? Na CES verdade?

          Não entendo como não conseguem ver a realidade. Para escamotear a verdade, seguem à letra o que o homem disse, esquecendo-se do contexto e porque razão veio ele à praça falar… sinceramente espanta-me essa visão.

          • Ppietra says:

            Mas onde é que mudei de discurso!
            Sempre falei em duas coisas e esta é uma delas!
            Tu é que pareces que confrontado com factos continuas a contornar a realidade com deflexões e jogos!
            Dizes as coisas como se fossem palavras proferidas e depois vens e acabas por dizer – pá, ele pode até nem ter dito, mas lá no fundo deve pensar assim – como se lesses mentes!
            É uma atitude lamentável! Ainda pior ao não fazer uma correcção do artigo.
            A fonte já indiquei imensas vezes, vai lá e ouve!

            A única comparação que faz é entre o iPad e os produtos que já estão à venda!

          • Vítor M. says:

            Ok… já descarrilou. Não vou argumentar mais contigo 😀

            Já te dei o meu ponto de vista, já te apresentei argumentos que sustentam as afirmações, já te dei razões para achar ridícula a proposta de corrigir o artigo só porque o senhor em causa tem uma voz calma e serena no podcast (que eu ouvi)… por isso, estamos conversados. 😉

            Desmontei a tua primeira critica, desmontei a segunda e isso agora é um jogo. hehehe

            😀 bom, vamos ver o que vem a seguir- Certamente a ausência de Jobs dará ao Cook mais oportunidades de brilhar e depois veremos ou não se ele continua a sua atitude altruísta.

            Venham é mais gadgets com a qualidade e utilidade que conhecemos e o resto é conversa 😉

            Mas sempre a considerar-te atenção.

  37. Graxa says:

    Epa depois de ler alguns comentários fico boquiaberto com tanta asneira junta….ainda pra mais quando vejo elementos falar mal do Android e estando neste momento a fazer o comentario num HTC desire com o Android, que simplesmente e espectacular e super rapido sem a minima falha…. mas não a Apple e que boa, viva aos capitalistas, que levam os traseundes para ilusão de comprar produtos com com preços absurdos…. muita bom viva…. antes que comecem a ofender a minha pessoa não crítico os produtos que até por sinal São bons mas com valores ironicos, começando nos macbooks e acabando no iPhone que para rir mesmo…
    Para acabar ainda bem que existem estas marcas que evoluem e muito os nossos gadgetes mas que tenham o bom senso de não brincar com as pessoas

  38. Fábio Igor says:

    Boas pessoal. Geralmente tentamos sempre nadar contra a maré e não gostamos normalmente de ouvir comentários de ataque contra os concorrentes como os nossos amigos da Apple fazem. Aqui a maré eu refiro-me claro ao iPad. É engraçado quando vamos a uma fnac e ouvimos um cliente a pedir ao assistente eu quero comprar um iPad! E o assistente vai buscar um! E o cliente diz, não é desses, é da Samsung! LOL Neste momento temos de admitir que no mercado só existe ao dia de hoje um equipamento que podemos de chamar de tablet, que é o iPad!

  39. Ryan says:

    Jovem Cook… acho que estas um pouco equivocado. Deixa-me dizer-te…. com Android, Windows, IOs, Mac, ou qualquer distro em Linux… tablets sao ridiculos. Continuo a espera de uma razao mesmo valida para comprar um que substitua que seja um bom netbook que voces Apple tanto criticaram (e depois lancaram o MacBook Air).

  40. dajosova says:

    Apesar de não ser fácil, espero é que cheguemos a um ponto no qual, independentemente da marca, tenhamos praticamente total compatibilidade entre várias produtos de marcas diferentes. A evolução deveria ir por esse caminho: diferentes mas semelhantes… Ou talvez não!…

  41. Download says:

    Basicamente, vive-se aqui o odio pelas marcas…. a apple faz o SO mais bonitinho do mercado e toda a gente adora, mas nem sabe porque!!! e do genero… uma mulher lindissima, com uns seios fantasticos e uma bunda de babar… mas nao sabe fod.. e e uma ranhoza do car…..

    Ja a google, e uma mulher que pode ser bonita ou nao, e pode ter uns grandes seios ou nao ( isto das operaçoes com silicone 🙂 ) e pode ter uma grande bunda ou nao….. Mas uma coisa e certa, nao e uma mulher ranhosa, mas sim aberta a falar de todo o tipo de conteudo e atenciosa, e e uma mulher que na cama faz de todo e poe um homem doido….

    Acho que me fiz entender 🙂

    • Francisco says:

      ‘Ja a google, e uma mulher que pode ser bonita ou nao, e pode ter uns grandes seios ou nao ( isto das operaçoes com silicone 🙂 ) e pode ter uma grande bunda ou nao….. Mas uma coisa e certa, nao e uma mulher ranhosa, mas sim aberta a falar de todo o tipo de conteudo e atenciosa, e e uma mulher que na cama faz de todo e poe um homem doido….’
      Acho que te enganas-te no tipo de mulher que a google é!
      É mais do tipo da que não sabe como fazer.. mas imita bem a vizinha…é mais do tipo como dizes que põe um homem louco(imitando a vizinha) mas que a seguir salta para a cama do vizinho…..!ilol

      :):):):):)

      • Andre says:

        Bem a partida estas a dizer que a vizinha é a Apple… Mas diz-me um GRANDE motivo para trocar Android por iOS.

        Ah e as aplicaçoes nao contam e muitos menos Hardware. Estamos a falar do SO em si!

        • Eu mesmo says:

          aplicações? as proprias aplicaçoes da google sao razoes para escolher Android, se bem q eles façam as apps compativeis com iOS tb… google maps, google talk, google voice, etc

          a google estabeleceu o patamar das aplicaçoes free num ponto muito alto a nivel de qualidade, e arrasta o mercado atrás. n nos vamos enganar, eles n sao santinhos e há um artigo mto bom sobre o modelo de negocio deles, mas a verdade é q o Android dá liberdade, enquanto a q Apple faz as coisinhas mto bonitinhas, etc, mas n dá liberdade ao utilizador e fico admirado com este pessoal q faz reviews q devia perceber um bocado do assunto entrar no campo, n só de defender os produtos q gostam, mas inclusivaente de atacar a concorrenci lol, chega a ser ridic

          • Download says:

            Ora nem mais… algum que me entende porque é que o android e bom 🙂

          • Ppietra says:

            A liberdade de uns são os grilhões de outros!
            É óbvio que tu queres fazer muitas coisas de geek e o Android é mais fácil para isso!
            Mas advinha! Muitos não querem e não precisam disso.
            Querem algo que não dê dores de cabeça e preocupações futuras, e nisso a Apple dá melhor oferta.
            Eu pessoalmente não acho o Android mau, é muito bom que tenha aparecido. É no entanto demagógico vir para aqui falar em liberdade, sem mostrar as vantagens que ela possibilita ao utilizador comum em contra-ponto com os inconvenientes. Neste momento as vantagens não compensam.
            Mas é possível que com os Tablets isso mude!

          • a Friend® says:

            Android é tão livre (com acesso à root) quanto iOS com Jailbreak…o resto é conversa…

            Quanto a Google a ter melhores Apps? Só se for no Android. No iOS as centenas ou milhares de boas apps, não são Google. Felizmente.

          • Vítor M. says:

            Nunca percebi essa da liberdade… o Android é sinónimo de liberdade… não estou a ver bem o alcance dessa ideia, mais ainda sendo de uma das empresas que gera lucros com os desejos das outras pessoas, mas de forma… no mínimo controversa. Mas… como disse o ppietra “A liberdade de uns são os grilhões de outros!”… e meu caro… seja!

          • Francisco says:

            Pois o facto é que tirando essas “4”(as app da própria google) as 296000 app do ios são melhore do que as suas congéneres( nas que tem) no Android….!

          • a Friend® says:

            Alias, o Android a liberdade é tanta que é o SO com mais donos.

            Primeiro manda a Google, seguida das marcas, seguido das operadoras.. só depois o cliente.

            Queres updates? Primeiro é a Google a fazer, depois as marcas, depois as operadoras. Boa.. viva a liberdade.

            No iOS pelo menos só a Apple é que manda.. o resto somos nós.

            “Há e tal.. arranjo roms cozinhadas..”

            aH… para seres livre precisa de Rom’s adulteradas? Olha que hipocrisia.. no iOS tens o Jailbreak. Juntas a “geekisse” ao agradável, de ter um SO ultra maduro, onde frameworks, apis, etc.. tem largos anos de experiencia vindos do MacOSX… pegar no “terminal” modificar todos os cantos, ligar o iPhone ao PC ou Mac e mexer nos cantos do sistema e modificar tudo… temos pena, que grande parte desconheça isso, depois acha que o Android é que é o mundo livre. Temos pena mesmo que sejam mal informados.

      • Download says:

        Mas deixa o vizinho louco certo???

        🙂

        • Francisco says:

          Ai é que está o vizinho prefere a original(a vizinha da (google))..só anda com ela(google) para lhe dar a sensação que ela(google) sabe o que fazer…..:):)mas se preferem ter uma p*ta fiquem com ela. Cada um tem o que merece/quer..por isso é que se é livre…ilol 🙂 :):):)

  42. Knowdiak says:

    A apple só continua a existir porque a Microsoft assim o quiz!
    A apple cria soluções fechadas em mercado aberto.
    A Microsoft tem (e sempre teve) a missão impossivel de satisfazer tudo e todos.
    Linux é o grande rival do Windows.
    IOS irá ser amplamente ultrapassado por Android e futuramente symbian

    de quem já esteve lá e viu
    Tenho dito

  43. darth_paul says:

    “a minha pilinha é maior que a tua!!!!”

    os tablets android sao bizarros, porque roubam cotas de mercado à apple… deve ser por isso.

    e os tablets windows sao caros? os da apple são uma pechincha, nao?!

  44. stan says:

    E que tal, NENHUM de vocês tem razão e cada pessoa é que sabe o que quer, o que melhor se adequa ás suas necessidades? Não é a Marca A ou marca B, nem tanto pelo que vendem, é so observar á minha volta a quantidade de pessoas com iOS ou Android´s pra… fazer e receber chamadas….

    Não tenho smartphone porque neste momento da minha vida seria um desperdicio de dinheiro (utilizaria para fazer chamadas e efectuar sms, e mesmo nas sms demoraria 8x mais tempo a escrever que num telemóvel “comum”. Não tenho Tablet´s porque aí então o desperdício de dinheiro seria ainda maior…. Mas isto sou eu, e se não tivesse que fazer ao dinheiro talvez comprasse um Motorola Android (há uma versão TT, á prova de tudo, o ideal pra desengonçados como eu que estão sempre a deixar cair o telemovel :P) e comprava o iPad simplesmente porque o acho piada (Estarei a quebrar alguma regra de moral por comprar um produto Apple e Google??)

    Resumindo acho exagerado a defesa das marcas por certas pessoas, como se fosse seus filhos…

    Cada cabeça sua sentença! Não há produtos perfeitos, apenas mais ou menos adaptáveis a cada 1. Saudações

    Resumindo

  45. aver says:

    Pelos vistos ninguém me sabe dizer se o Galaxy Tab, com Android 2.2, terá a liberdade de instalar o Android 2.3 ou o 3.0.

  46. Androida-mos says:

    Vai Levar update para o honeycomb segundo o engadget

    • aver says:

      Honeycomb = Android 3 que será, então, o Android para tablets e que, talvez, possa ser instalado no Galaxy Tab.

      Há um certo escarcéu nos comentários. Tim Cook não desvalorizou o Android em geral, o que seria uma grande estupidez. O que desvalorizou foi o estado actual dos tablets que correm Android, a que chamou produtos bizarros por serem “smartphones esticados”. Isto, diz ele, porque a própria Google reconhece que não existe, ainda, um SO Android para tablets.
      http://techcrunch.com/2011/01/18/apple-cook-android-bizarre/
      P.S. Nunca experimentei tablets Android e por isso não digo nada. Mas é natural que melhorem. O iPad também.

  47. MySeLf says:

    Eu gosto do facto de haver diversidade de dispositivos / OS’s no mercado mas opto por android a correr num desses “scaled-up smartphones” por vários motivos:

    1. Costumização – Uma infinidade launchers, skins, themes e ROM’s lançadas pela comunidade.

    2. Controlo – O dispositivo é meu e eu faço realmente o que quero dele, sem ter que “perguntar” à empresa que o fez ou a quem fez o SO.

    3. Maior oferta – Eu procurava algo que fosse maior que o “smartphone” normal (3.x / 4.x “) porque para além de ter umas mãos grandes não me dou com apertos, cuja bateria durasse um dia inteiro com utilização intensiva, que me permitisse fazer video chamadas tanto pela net como pela operadora, boa performance, real (em bold) multi tasking/threading, flash, camera decente e com um bom design, entre outras. Como podem ver a Apple na minha situação especifica, seja em tablets ou smartphones não tem nenhum produto que se adapte as minhas necessidades.

    Depois de alguma pesquisa lá encontrei um que se encaixa que nem uma luva na plataforma Android- Dell Streak.

    É o grande trunfo e ao mesmo tempo a grande fraqueza do Android – A sua fragmentação. Por um lado perde consistencia / homogenidade da experiência como standart mas por outro ganha em diversidade e aumenta a probabilidade de ir ao encontro das necessidades especificas de cada um.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.