Quantcast
PplWare Mobile

Preço da eletricidade: Atenção à nova parcela adicional

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. José da Apatia says:

    É uma pena que o país todo, em bloco, não decida parar de pagar a factura de energia.

  2. Bruno Mota says:

    Potência contratada, 0,99€ por dia? PQP!

    • António Ferreira says:

      Para uma potência de 13.8kva, um consumidor normal tem 3.45 e não é esse o valor diário.

      • Carlos says:

        Normal não diria
        Eu considero-me um consumidor normal, tenho termoacumulador, placa electrica, forno electrico, 1 frigorifico e 1 arca
        Tenho 6.9kva e no inverno se me descuido com algum aquecedor, dispara o quadro

        Vamos supor um PF de 1%, em que 3.45kva dá 3450W
        Nem conseguia ligar 2 bicos da placa se o termoacumulador estivesse a aquecer a água

  3. Bruno Mota says:

    Quando leio este género de coisas, perco logo a vontade de regressar a Portugal. Custa mais a potência contratada em Portugal, do que a minha factura mensal total em França.
    Amo muito o nosso país, mas não sou masoquista.

  4. SANDOKAN 1513 says:

    Então com a descida do IVA não desce a factura da electricidade ?? 😐

  5. Joseph Goebbels says:

    votem mais na esquerdalha e sempre a levar no lombo

    • João says:

      Deixem para lá ir a direitalha e vejam o que vai ser os grandes grupos económicos a terem lucros estrondosos e a abocanharem os PRRs e PRODERs e afins da vida.
      E claro, o povo a viver com menos que o salário minimo.

      • GM says:

        Sim, sim. Em quase 7 anos de governo Socialista, tivemos uma grande evolução. Negativa, claro.

        • FAR says:

          Parecem os putos a dizer que a playstation é melhor que a xbox e vice-versa.

          O problema da política em Portugal é o facto de ser gerida por portugueses, que, tal como todos nós, foram criados numa cultura de chico-espertismo, auto-depreciação nacionalista, corrupção, favoritismo, tacanhez de espírito, hierarquia militar (em todos os níveis) e deveras pobre em coisas como iniciativa e empreeendedorismo.

      • Jane Doe says:

        “O que vai ser”? Não é já assim?!

      • Vitolas says:

        “Deixem para lá ir a direitalha e vejam o que vai ser os grandes grupos económicos a terem lucros”

        Alguém deve ter estado em coma nos últimos anos de certeza.

    • PTO says:

      LOL, quem subiu o IVA da eletricidade, gás e água de 6% para 23% foi o teu amigo Passos Coelho.

      Não sabia que ele era da esquerdalha. O que a gente aprende contigo!

      • GM says:

        Esta gente come muito queijo, e como consequência esquece-se depressa. O PPC subiu os IVAs porquê? Porque lhe apeteceu? Ou terá sido porque tinha um guião, assinado pelo 44, o qual tinha de ser cumprido, caso contrário não havia dinheirinho?

      • Pedro says:

        Secalhar porque o teu amigo Sócrates só fez asneiras e rebentou com a nossa economia toda. Se os teus amigos da esquerdalha são tão corretos e eficientes, porque é que não revertem o que o Passos Coelho fez?

        Ah desculpa, baixaram a parte dos 13% para 6%. Dá graças às migalhas que te dão…

    • Guna says:

      I’ll take “centrão” for 200$. O PS é “esquerdalha” e o PSD “direitalha” pois claro e os restantes partidos são só uma ilusão.

  6. Joao Ptt says:

    Isto é legal?

  7. Renato says:

    Senhor Bruno, habito em frança e lamento mas o que o senhor diz não éverdade salvo se vive com a luz apagada

  8. Bruno Mota says:

    Utilização normal.

    Fica aqui um link onde se pode simular os consumos. Contra factos, não há argumentos.

    https://selectra.info/energie/fournisseurs/edf/simulation

    • João says:

      Bruno Mota, eu pago o kwh a 0,135 e 5 euros e pouco de potencia… E de salientar que a EDF é Pública… e ainda bem que foi nacionalizada por um neo-liberal… Se fosse nacionalizada por um partido de esquerda… caía o carmo e a trindade.

      • Bruno Mota says:

        De salientar que na página, as simulações apresentadas não são exclusivas á EDF. Mesmo para quem não entende patavina de francês, consegue perceber que simula várias empresas.

      • Bruno Mota says:

        Eu nunca votei PS, pelo que tenho a consciência tranquila. Mas infelizmente há muitos portugueses que são masoquistas. Já faltou mais para Roménia e Bulgária ultrapassarem Portugal.

  9. Bruno Mota says:

    Portugal poderia ser tipo uma Suíça, e temos coisas que eles desejam ter e não têm. Mas com governos corruptos, negociatas, e incompetentes, Portugal não saí da sepa torta.
    Temos uma média de 300 dias de sol por ano, excelente para o turismo, formamos gente com bastantes competências, mas…
    Português só vinga no estrangeiro. Em Portugal, mal dá para ir sobrevivendo.

  10. GM says:

    Cheira-me que o “Ajuste MIBEL” se deve às acções do António Costa e do Pedro Sanchez, quando limitaram o preço do gás natural para produção de electricidade. Não pagamos pelo preço dos factores de produção (entre eles o GN), pagamos no Ajuste MIBEL. Amigalhaço Costa, sempre a falar verdade.

  11. Nuno Almeida says:

    Ajuste MIBEL = Redução do IVA entre outros!
    Agora resta saber se o governo vai fiscalizar e parar com mais um roubo descarado!

  12. falcaobranco says:

    Deviamos era ir todos para o mercado regulado…se todos os milhares de portugueses fossem para o mercado regulado, as empresas no mercado livre ficavam a pensar duas vezes…aliás eles já vieram dizer isso mesmo…o €€€ que iam perder com isso…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.