Para quando o fim do Wi-Fi?


Destaques PPLWARE

78 Respostas

  1. macHACKos says:

    Porque ha muitos tablets e IoT devices que não utilizam cartões de operadores para se ligarem a net

  2. Tiago Ferreira says:

    Eu tenho 10GB para todas as variadíssimas apps, 5GB para YouTube / Twitch e 5GB para a restante Internet. No total 20GB por mês e pago 15.96€ por mês na Rede Vodafone. Respondendo à segunda questão, sim, se tivesse um plano de dados ilimitado só usaria a rede Wi-Fi se a cobertura de rede móvel 3G/4G fosse fraca, o que é raro acontecer na Vodafone. Contudo, com o plano de dados que tenho atualmente nunca peço a senha da rede Wi-Fi.

    • José Braz says:

      13.99 euros por mês ilimitado Meo, e 11.90 ilimitado Nos, estes são os dois serviços que tenho sendo q ue o Nos já tenho há uns 5/6 anos assim e o Meo há uns 3/4 anos e o Meo ainda tenho a vantagem de ligar por um mês mandar desligar e quando quero volto a mandar ligar, por isso parea mim wi fi é para esquecer mesmo

    • qwertyuiopus says:

      Correcção: isso é apenas para os putos que têm Yorn.

  3. Joao says:

    Cada vez que entro num restaurante na Baixa Pombalina fico sem rede. Há muitos casos onde o Wi-Fi é a única solução.

  4. David says:

    Eu já nao uso. Tenho 20 gb de tráfego no telefone..

  5. Carlos says:

    “Ha operadores a oferecer 30G a precos bastante interessantes”

    Que precos? Podem nao swr nada interessantes!

  6. Guiomar says:

    Que misturada! O 5G poder ser mais rápido que o WiFi está longe de implicar o fim do WiFi, tal como o WiFi ser mais rápido que o bluetooth não implicou o fim do bluetooth. Cada coisa tem as suas vantagens e funcionalidades, sendo que a disponibilidade de rede 5G rápida no interior de edifícios vai ser muitas vezes um problema, ainda mais com as frequências que têm sido faladas.

  7. Fábio Pereirinha says:

    Numa era onde os operadores estão cada vez mais a trabalhar em Wifi-Offload para dados e voz inclusivé – VoWIFI – (seja ele através de APs Trusted – TWAG/TWAP ou untrusted via ePDG) para poder fazer face à congestão na rede móvel, a resposta parece ser óbvia: não tão cedo. A questão é que estes offloads tendem a ser cada vez mais transparentes para o utilizador devido a autenticação integrada através do próprio SIM. Isso irá facilitar bastante o “pedir a password”.

    A capacidade das portadoras é limitada devido à tecnologia e frequência aplicada no interface ar, o que faz com que a congestão seja muito maior que nas redes Wifi, onde serve um número inferior de pessoas (regra geral) e tem por norma uma rede estruturada de alta velocidade a suportar a mesma.

    • k says:

      É isto mesmo.

      “Taxa de download: 20 Gbps por célula (em 4G a taxa de download mínima é 1Gbps), garantindo assim uma taxa de download mínima de 100 Mbps por cliente.
      Taxa de upload: 10 Gbps por célula, garantindo assim uma taxa de upload de 50 Mbps por cliente.
      Suporte para 1 milhão de dispositivos ligados num raio de 1 Km^2 (requisito fundamental para o mundo da Internet das coisas)
      Suporte para comunicações em movimento, até 500 Km/h
      Latência máxima de 4 ms (em 4G/LTE o valor 20 ms). No caso de comunicações URLLC (Ultra-reliable Low Latency Communications) a latência deverá ser inferior a 1 ms”

      Estão aqui muitas promessa que, depois da tanga que foi/é o 4G com antenas saturadas, velocidades ridículas, latências horríveis, PUA/PUR’s, etc, só acredito quando vir. Até lá, não, nem de perto vão substituir o wireless de uma rede muito mais folgada.
      Eu andei a penar 2 anos com a NOS e a “internet fixa 4G” deles que muitas vezes nem sequer para abrir o google dava (principalmente à noite e na altura de emigrantes).

      O artigo compara alhos com bugalhos. Mais concretamente pergunta se podemos substituir alhos por bugalhos. Só porque ambos providenciam acesso à internet não quer dizer que um possa substituir o outro. O wifi faz muito mais do que só fornecer acesso à internet. A grande maioria dos aparelhos que usa wifi não tem sitio para cartão sim para dados. Não é garantido que exista boa rede de dados em todo o lado. Na mesma onda, quanto pior for a rede mais energia é consumida no aparelho – se tiver bateria, acaba rápido. Comunicação entre aparelhos ligados na mesma rede, etc.

      Nah, o wifi está cá para ficar durante muito tempo. Pelo menos em “comparação” com os dados móveis.

  8. Luís says:

    Wifi consome menos bateria, vou sempre preferir Wifi se disponível

  9. toni da adega says:

    Muito dificilmente irá acabar.
    Existem muitas zonas em que nao há rede ou entao a rede é limitada fraca ou lenta. Mesmo nos centros das cidades dentro de casa a coisa já começa a funcionar mal

  10. Lp032 says:

    Consumo de bateria continua a ser um factor. Gasta se menos em Wi-Fi.

  11. kekes says:

    Eu tenho Nos 4G como net em casa. Posso dizer que funciona 5* quando a antena não está saturada, bem melhor que o ADSL que tinha antes que estava sempre a cair a a velocidade era muito má. O problema é que durante o dia flutua muito, pelo que é necessario maior investimento neste tipo de redes. Mas sim, serão o futuro quando se investir mais dinheiro nas redes.

    • Celso Costa says:

      Eu tenho nos fibra em casa e sim gosto bastante mas a nível de rede fora de cidades e grandes vilas é sofrível de tal forma que me faz arrepender ter saído da Vodafone para a NOS a nível de telemóvel.

  12. Luis says:

    E a bateria que se gasta com dados móveis e não se gasta com wifi?

  13. Jose Baptista says:

    Hot spots! A Nos (p/explo) permite ligar qq cliente a um hot spot. Claro que no “fim do mundo” teremos que recorrer à ligação 4G (se o operador tiver cobertura). Ou seja, em cidades penso que os Hot spots (WiFi) são solução. Nas restantes zonas…. 4G. Se as operadoras “abrirem os cordões à bolsa” (o que não me parece fácil) talvez tenhamos 4G (5G em 2020) “all over the world”. Ver para crer……….

  14. Ricardo says:

    Tenho 250Mb por 3.14€ . Wi-fi só em casa.

  15. Oscar says:

    Porque vou muitas vezes ao futebol, e a largura de banda nessas situações é péssima, a não ser que se use o wifi do estádio onde vou…
    Basicamente onde existir um grande ajuntamento de pessoas, os dados não funcionam bem.

  16. Metro says:

    1GB , 12€ por mês e sim, continuaria, em casa obviamente. Em casa tenho 120/120 e continuaria a ser melhor que usar os dados

  17. Rui says:

    No nosso caso com uma rede Europeia sem Roaming, talvez, mas teria de ser garantido com rede 5G em todo o lado. Tendo em conta que ainda hoje em dia ha regioes em Portugal que nem 3G em condicoes tem porque “o nivel de utilizacao na area nao justifica a expansao”, nao vejo isso acontecer nunca. E nem estou a falar em regioes remotas, estou a falar em localidades com 5000 habitantes.

  18. Diogo says:

    Isso é tudo teorias, porque na prática as velocidades serão sempre muito mais baixas.
    Eu, nem que tivesse 100gb para gastar, recusava uma ligação Wi-Fi. Isto porque a ligação seja por fibra ou por ADSL é sempre muito mais estável do que usar redes móveis.
    Uso redes móveis apenas quando não tenho Wi-Fi por perto e tenho a necessidade de aceder à internet.

    Já nem vou falar do preço do plafon que as operadores fazem, simplesmente ridículo, pagar 3 ou 4 € por 200megas… Mas isso é outro assunto 😉

  19. Andy says:

    Uma rede Wi-fi é muito mais do que aceder a internet. Se num ambiente empresarial isso é uma realidade quase inquestionável, nas nossas casas também precisamos do Wi-Fi para controlar as nossas smartTVs, fazer casting, aceder à nossa biblioteca multimédia, etc. e isso não é muito viável ser feito por ligação de rede móvel.
    Portanto o as redes 4G/5G não pode ser um substituto do Wi-Fi

  20. Filipe José de Matos Serra says:

    Em 2012 vivi durante meio ano na Estónia. Lá, por 15€ mensais, tinha chamdas ilimitadas para a rede e GB ilimitados de dados. Não me venham com histórias.. Portugal é uma treta.

    • ze ninguem says:

      aonde mesmo?

    • Rui says:

      Isso de generalizar um país em função do plano de pacotes….acho de muito mau gosto.

      De certeza que estás melhor cá do que lá, caso contrário dirias que viveste meia dúzia de anos em Portugal e que agora vivias como um lorde na Estónia.

      Só cá faz falta quem cá está.

    • Gangplank says:

      na estonia recebes 200euros de salario

    • Paulo Brito says:

      O que é certo é que alguns países cujo ordenado mínimo é superior ao PT existem operadoras a praticar pacotes mais completos e a preços mais baixos do que em PT. Veja-se o caso da operadora SFR que faz parte do grupo ALTICE, tal como a PT/MEO e os preços não têm nada de semelhante!

  21. pintor says:

    Não me ligo rede alguma que não seja gerida por mim.
    Tenho 30GB que me chega e sobra para a utilização que faço.
    Sendo ilimitado abria outras formas de usar.

  22. José Rodrigues says:

    Nunca me liguei ou pedi uma senha de uma rede wireless pública na vida.
    Actualmente tenho 15 GB de plafond, se não tiver rede simples, não uso telemóvel.

  23. Zéi says:

    Off topic:
    As conspiracoes contra a nossa amada Apple continua. Depois daconpiracao acerca dos e-books, agora isto 🙁
    http://www.wired.co.uk/article/apple-price-fixing-russia-guilty

  24. nuno says:

    25€/mes com dados ilimitados

  25. Luis Oliveira says:

    Não acredito de todo, o número de dispositivos móveis irá continuar a subir exponencialmente, se todos os dispositivos só usassem redes móveis de dados certamente as mesmas teriam graves problemas de capacidade (mesmo em 5G) se maior é o débito maior o consumo sempre foi assim e será. O Wi-Fi tem um papel importantíssimo e terá em fazer o backhaul das redes móveis, de maneira a aliviar a carga das mesmas.

  26. Joaquim Fialho says:

    Nunca.

    Dado que o Wi-fi é um receptor e emissor de sinal, sua utilidade em: caves, subterrâneos e outras construções no sub-solo, que não sejam públicas, necessitam de um Wi-fi para espalhar o sinal de fibra. Pois o sinal de uma antena, não penetra a mais de 10 metros do solo, sendo sempre necessário antenas no local (como túneis).

  27. xokopt says:

    Não se esqueçam nas redes privadas/profissionais, onde queremos um ambiente mais controlado, mas com mobilidade. Para estes e devido a necessidade de acessos a recursos locais (servidores, apps, etc… que podemos nao querer expor na NET), acredito que o wifi continue por muitos anos…

  28. Helder Vaz says:

    Em Angola “Luanda” tenho 4G a uma velocidade média de 20Mbs download e 10Mbs Upload, num plano de 5Gb por apenas 70€… de rir mas é verdade….

    Agora sobre o assunto…
    Penso que o Wifi nunca será uma segunda opção, devido à facilidade de se ligar vários dispositivos em rede e claro um consumo de bateria muito mais baixo… Se estivermos a falar de hotspots, esses sim, poderão vir a ser obsoletos….

  29. Sergio J says:

    Redes locais. Eu quero controlar equipamentos da casa/escritório sem ter de os expor à internet.

  30. just a normal guy says:

    a questao nao esta no plano de dados ilimitado,mas tambem na velocidade que as operadoras oferecem,quando temos redes de wifi que oferecem 200megas/segundo ou mais,vs redes que oferecem 4mb/segundo,para nao falar quando estamos numa zona muito povoada,como um evento publico basta estarem mais de 40mil pessoas que as redes começam logo a patinar… noutros paises ja existem internet ilimitada nos operadores por 20euros por mes,coisa que aqui em portugal decerteza que irá ser mais caro.

  31. Joao 2348 says:

    Com os operadores nos EUA a acabar com os planos ilimitados e a colocar tudo limitado, não sei bem onde foram buscar esta ideia de que o 4G/ 5G irá “acabar” com o wi-fi… além de que como disseram o wi-fi consome menos bateria que o 4G pelo menos.

  32. PeterSnows says:

    Que misturada. Está se a discutir coisas diferentes.
    A não ser que queira discutir o fim das redes locais, é isso ?
    O wifi é para redes locais (LAN).
    Querem os PCs de casa ou de uma empresa sempre ligados a uma rede de uma operadora ?
    O wifi tem velocidades maiores, com a norma ac 867 Mbps.
    Querem aceder a um servidor local através da operadora ? Se for tudo para a cloud talvez faça sentido, mas existem problemas em que isso não é possivel.

  33. Né Silva says:

    100Gb por apenas 5€!!! Melhor é impossivel 🙂

  34. Homo Erectíssimo says:

    Eu só de olhar para a 3ª fotografia deste artigo do Pedro Pinto,a das tipas a andar na rua com os olhos colados nos smartphones até fico tolo !! Mas que vida !! Passam mais tempo no “tecla-para-aqui-tecla-para-ali” que até enojam !! Mas falo tanto das mulheres como dos homens.Há homens viciados nisto.Era só o que faltava perder tempo da minha vida a olhar constantemente para um monitor pequenito e o mundo(e o tempo),a andar e eu a perder tempo da minha vida nisso.Ora,ora !!

  35. Fernando says:

    Boas… No futuro não muito distante os chips SIM vão deixar de existir ( já não fazem sentido) o nosso número (se é que vai existir) será virtual, podes ter vários, e as baterias vão sofrer muito menos é durar muito mais.

  36. Bruno Braga says:

    Vivo no Reino Unido, e por 16£ tenho Dados ilimitados, tenho Wi-Fi em casa, mas grande parte das vezes ate me esqueco de conectar a Rede de Casa. ja cheguei a usar 62GB num mes.

    (desculpem, nao usar “acentos” mas sao limitacoes do Teclado Britanico)

  37. powerverde says:

    Eu trabalho por toda a zona centro, e uso a net constantemente. Se não fosse o café da aldeia ou da vila ter um wi-fi, mesmo que manhoso, não era com o 4g/3g/gprs que me safava. Nas cidades a cobertura é excelente, na A1 também. No resto do país? LOL.
    Agora respondendo à pergunta utópica: Se o 4G fosse excelente em todo o lado, e tendo dados ilimitados, iria pedir a senha do wifi ao sr Manuel ou à Dª Maria, tendo muitas vezes de consumir qualquer coisa para poder estar na esplanada a mandar um e-mail?
    Resposta utópica: Claro que não!

  38. Pescador says:

    não percebo qual é a cena, eu deixei de usar Wi-Fi há 7 anos, tenho 300 GB de net/mês por € 3,50, e ligo todos os devices lá (por Wi-Fi).

  39. José Araújo says:

    Quem vive numa aldeia sabe bem o quanto isso é difícil… Até Wi-Fi em casa é de pouca velocidade e rede Mobil fraca

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.