PplWare Mobile

Conheça a história da criptografia


Pedro Pinto

Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

18 Respostas

  1. António says:

    Muito obrigado pela divulgação.
    Vou começar a falar de cifra no próximo mês.

  2. Helder says:

    Bom artigo! Keep going ;D

  3. Valente says:

    Vou passar a escrever estes posts em Cifra…

  4. Valente says:

    XLV MVPZLV MMH?VOB

    (Não há W)

  5. Pedro Costa says:

    Acho que era interessante falar aqui também sobre esteganografia.

    • Deus says:

      é um tema muito interessante que tentarei abordar nos próximos artigos mas antes convêm ter uma breve introdução da matéria porque nem todos já sabem os conceitos.

    • ARCDOS says:

      Acho que o que foi pretendido dizer, pelo Pedro Costa era estenografia, tema que por acaso acho interessante e gostaria de ver abordado.

      • Deus says:

        Ele escreveu direito. Esteganografia é a ciência de escrever mensagens em local “secretos” por muitos consideradas as mensagens subliminares.

  6. Jose Neves says:

    Excelente artigo 😉

  7. lifewasted says:

    se não me engano quem decifrou esta máquina na 2ª guerra mundial foram os polacos que eram bastantes avançados na área

  8. Henrique says:

    É interessante também dizer que a necessidade de decifrar a Enigma foi também um grande motivador para avanços na computação. Em Bletchley Park, UK, estava montada a unidade secreta que diariamente tentava decifrar as transmissões cifradas que eram interceptadas utilizando computadores chamados “bombes”. Eventualmente a grande chave para acelerar o processo de decifragem, e que permitia que as mensagens fossem descodificadas em tempo útil, foi o facto de os Aliados perceberem que todos os dias era enviada uma mensagem com a previsão do estado meteorológico para o dia. Isto porque na criptografia fica imensamente mais fácil descobrir a chave de cifra quando se conhece o texto antes e depois de decifrar.
    Na 2 Grande Guerra houve também uma máquina de cifra designada Purple, utilizada pelos japoneses, que nunca chegou a ser quebrada de forma regular e que ainda deu muitas dores de cabeça, mas que era de funcionamento similar. Infelizmente, acho que todas as Purple que existiam nas embaixadas japonesas foram destruídas, tendo sobrevivido apenas um fragmento de uma que estava na embaixada em Berlim quando esta foi bombardeada.

    • Henrique says:

      Ah, e esqueci-me de referir que de entre os vários famosos que estiveram em Bletchley Park destaca-se O matemático Alan Turing, considerado o pai da computação moderna.

      • Nuno Proença says:

        Sim, e que foi recentemente rehabilitado pelo governo britânico, pois era homossexual e por isso obrigado a castração química.
        A informática deve-lhe muito, muito mesmo, pois o ‘computador’ colossus foi criado sob a sua orientação. Noto que o colossus foi o primeiro ‘computador’ eletrónico, e não o ENIAC norte-americano, como muitas vezes se diz.
        Boa páscoa!

  9. Rafael Ramos says:

    Muito bom artigo.

    Muito obrigado.

  10. MIguel says:

    Ei eu dei isto em Informática.

    Foi em homenagem ao Julio Cesar, que foi um líder militar e político romano, era uma linguagem usada para comunicar com os seus generais.

  11. DonkeyKid says:

    Por muito tempo e artigos que eu já li aqui, este sem dúvida é dos melhores. Continuem!!!
    Existe algum programa fiável BBB (bom, bonito, barato), que seja free, e quem sabe portable, que faça encriptação de ficheiros/documentos/dados privados?
    Abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Blogs do Ano - Nomeado Inovação e Tecnologia