Quantcast
PplWare Mobile

Chinesa Tencent compra 5% da Tesla

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Alvegasat says:

    Tesla fan-clube Partnership. Já que não existe NINGUÉM a comentar, eu falo-ei.
    “A Tesla desenvolveu um novo programa que vai solucionar as falhas de segurança encontradas pelos chineses da Tencent. E também prevenir futuros “ataques” aos seus automóveis.
    Casa arrombada, trancas à porta. Se o ditado se puder aplicar aos carros da Tesla será algo como “carro hackeado, sistema de segurança melhorado”. Esta é a resposta da empresa de Elon Musk ao recente ataque feito por uma empresa chinesa.
    Tesla responde ao “ataque” chinês com novo sistema de segurança
    A Tesla desenvolveu um novo programa que vai solucionar as falhas de segurança encontradas pelos chineses da Tencent. E também prevenir futuros “ataques” aos seus automóveis.
    Casa arrombada, trancas à porta. Se o ditado se puder aplicar aos carros da Tesla será algo como “carro hackeado, sistema de segurança melhorado”. Esta é a resposta da empresa de Elon Musk ao recente ataque feito por uma empresa chinesa.
    Para piratear um sistema tão complexo como o de um carro é preciso que existam algumas falhas de segurança. Quando investigadores da Tencent descobriram que poderiam entrar no sistema de condução dos carros Tesla e ativar remotamente os travões do veículo em movimento, era evidente a vulnerabilidade do sistema que o condutor usa para controlar o carro.
    Os hackers criaram o seu próprio hotspot de Wi-fi com o nome “Tesla Guest”, uma rede
    computador de bordo do automóvel.
    Isto não lhes permitia ainda ter acesso a funções de condução como o volante e os travões, que não são controlados pelo computador de bordo. Apesar disto, conseguiram, sem grande dificuldade, ultrapassar a proteção que separava este primeiro de um outro computador do veículo e ter acesso às principais funções da condução, como a direção e os travões.
    Perante este “ataque”, a Tesla poderia ter respondido apenas com a resolução dos bugs que permitiram que os investigadores da empresa chinesa entrassem no sistema que controla os seus carros, mas foi mais longe: implementou uma medida de segurança que torna quase impossível entrar no sistema, prevenindo futuro hacks.
    A medida adotada tem por base um sistema de assinatura que impede que sejam feitas alterações por terceiros aos códigos definidos pela empresa, o que equivale a um controlo mais apertado sobre quem pode ou não reprogramar componentes mais sensíveis do sistema.” Escrito por :Ana Luísa Alves
    Gostaram ??
    Querem mais, VERDADES ?

  2. Pai de Burro says:

    A Tesla terá perdido 12.200 reservas para o Model 3
    O único problema está relacionado com o financiamento: a Tesla não tem neste momento capacidade para fabricar tantos veículos por ano.
    Para isso, a Tesla irá vender dois mil milhões de dólares em acções para arranjar liquidez necessária para actualizar a sua capacidade de produção e acelerar o programa.
    Inicialmente, foi pensado ir buscar financiamento a MARTE, mas como o programa ESPACIAL, mercê de alguns revezes, está atrasado, a necessidade de liquidez….oblige.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.