PplWare Mobile

CEO da Nokia diz que a personalização será a queda do Android


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. Anderson Gouveia says:

    Conheço esta conversa, foi a mesma que a Motorola disse alguns anos traz, agora onde esta a Motorola? Lamento, mas a queda da Nokia seja inevitável, hoje que manda no mercado é o consumidor não mais as empresas.

    • Pedro Coimbra e Costa says:

      +1

    • Marcos Santos says:

      Motorola Mobility Holdings, Inc

      Acquisition pending by Google

    • António Mendes says:

      Acho que se fosse a liberdade de personalização ou a vontade dos consumidores a fazer a diferença a Apple com o seu iPhone sempre igual e o formato de software mais que conhecido e sambem limitativo, não venderia milhões nem teria tantos seguidores , por isso na minha opinião a diferença e a experiência que pode trazer um produto e o seu software pode trazer aos seus utilizadores é que pode fazer a diferença por isso se a nokia o conseguir com os produtos ou a Microsoft com o seu software eu vou comprar e voltara a vender milhões como sempre vendeu .

    • Tiago Dias says:

      Queda da Nokia inevitável? Porquê?

      A Nokia, com o WP7 e com um MeeGo em evolução, num prazo de um ano aproximar-se-ia muito rapidamente de empresas que estão agora em altas no mercado, como a Samsung.

      Para isso a Nokia só tem que tomar as decisões correctas. (e talvez rever um bocadinho os preços praticados).

      • Carlos Fontão says:

        Ó Tiago, rever os preços? Só se for para cima. Já quanto à queda também não acho que seja inevitável, mas que parece que a Nokia está a dar corda para se enforcar, parece. Se chegar o dia do inevitável, lá vai estar a Microsoft para dar uma mãozinha (ou aquisiçãozinha?).

        • Tiago Dias says:

          Rever preços, por exemplo, do N9, que está, se não estou em erro, a 650 € na Nokia.

          Um smartphone de uma marca que não está em muito boa posição, tem neste momento uma má imagem perante os consumidores, com um SO cujo futuro é desconhecido, a este preço, é arrojado. A Nokia precisa de cair novamente nas graças dos utilizadores, precisa de ser apelativa, e por muito que o N9 agrade, trata-se de uma quantidade de dinheiro que antes de gastar, pelo menos no meu entender, um comprador considera bem todas as hipóteses, e reflecte na escolha a tomar. O N9 é bom, mas o MeeGo tem futuro incerto, e por esse preço compra-se algo com melhores perspectivas.

          Ainda em relação a preços, vamos ver como chegam cá os Lumia.

          • Carlos Fontão says:

            Sim, mas o Nokia N9 é um telemóvel para um segmento de mercado muito específico tal como foi o N900. Ok, talvez na altura do N900 fizesse sentido apostar num segmento específico para este telemóvel e agora não faça sentido nenhum continuar com essa estratégia para o N9. Já agora, a Nokia já anunciou a morte do MeeGo, portanto de futuro incerto já não tem nada. O que eu queria dizer é que a Nokia lança normalmente os seus topos de gama a €599,90, enquanto Samsung e LG colocam os seus topos de gama a €649,90. E depois baixa o preço mais rápido que a concorrência – o N8 e o E7 baixaram para os actuais €469,90 pouco depois do lançamento. Tiago, esquece o N9, é mais um flop. Vamos agora ver com os Lumia qual a verdadeira estratégia da Nokia para o futuro. A mim, parece-me que estão a reagir a passo de caracol.

      • NT says:

        MeeGo????

        Acho que a Nokia disse à intel “Me?! Go!” e ficou por aí…
        Pode ser que o WP7 ainda venha a ser um sucesso, mas até lá a nokia só perdeu em abandonar alguns projectos (meego é um deles)
        Quanto ao android sem dúvida as atualizações têm tido nota negativa (por vezes leva muito tempo a atualizar e por vezes é melhor ter um cyogenmod em vez do software de fábrica) , porém não tem mostrado sinais de abrandamento. Já tendo passado o gigante Apple 😛

    • m6 says:

      queda da nokia invejavél? lol. não te preocupes que quando eles lançarem o windows phone nos nokia, quero ver se fazes a mesma pergunta

    • João Ribeiro says:

      A nokia ainda vive “à pala” do seu sucesso anterior. Se eu acredito no futuro da nokia? Se for com WP7, não acredito. No entanto, a Microsoft vai fazer uma jogada estratégica inteligente e um pouco perigosa com a entrada do windows 8. A Microsoft vai utilizar o seu produto com mais sucesso para aproximar todos os seus clientes do aspecto que apelidaram Metro e isso pode ser uma jogada muito forte que vai fazer com que os utilizadores comecem a pensar 2x em comprar um WP7 ou 8 ou 9, porque com a familiarização e unificação dos ambientes as pessoas sentem-se em “casa”.

      Atenção de notar que no teu comentário:

      Não é “traz” é atrás.

      Além de outros erros o mais relevante é este. Não leves a mal a correcção.

      Cumprimentos

      • sabir says:

        vcs lembram do microsoft mobile 1..2..ate..7 axo, a premissao era fazer do celular um mini PC…e nao deu….simplismente porque um celular smart ou nao n e um pc….sao plataformas diferentes….para usos diferentes e de formas diferentes…acho q e isso que a microsoft nao a perceber e a Nokia ja caiu na labia …realmente o caminho e para baixo agra…

    • negu says:

      Acho que a Nokia já se afundou em escolher a micosoft.

  2. o_unico says:

    Esses CEO tem feitos ótimos cursos de teatro, pois é muita cara de pau.

  3. Mario Mendes says:

    Veremos o futuro o dirá.
    Neste dias tenho experimentado algusn telemoveis recentes e não gostei,entre eles o N8 equipamento que nunca compraria.

    • Mario Mendes says:

      Recentes da Nokia.

    • Tiago Dias says:

      Mas há uma diferença abismal entre um N8 e um N9 ou um Lumia 800. Não termo de comparação mesmo, a única semelhança que têm é a excelente qualidade de construção dos equipamento, porque em software estão a anos luz.

      A Nokia estaria em muitos maus lençóis se continuasse a lançar para o mercado telefones como o N8 e E7, ao preço que lançou. Mas com a aposta no WP7 a situação altera-se por completo, como da noite para o dia.

      E o MeeGo tem muito ainda para mostrar, e espero sinceramente que a Nokia veja isso e não desista desta plataforma. É óbvio que tem falhas a colmatar, é muito jovem, mas tem uma potencialidade incrível.

  4. Pedro says:

    É verdade que a Nokia vai cair, já não é o que era, ainda por cima esta parceria com a Microsoft deixa muito a desejar. Quanto ao que o CEO diz tem razão, as actualizações pela parte dos fabricantes demora muito tempo, deveria ser algo rápido.

    • Tiago Dias says:

      Mais uma vez, como perguntei acima, pergunto novamente. Porque é que a Nokia vai cair?

      • Jorge says:

        De facto a Nokia não vai cair, vai continuar a cair! Não é futurologia é ler o presente!

        • Tiago Dias says:

          Iria continuar a cair, se não se mexesse…

          Após as últimas notícias e apresentações feitas pela Nokia, com que factos se pode dizer que irá continuar a cair? Ou que é inevitável a sua queda?

          • Jorge says:

            Simples, constatação da realidade.

            O hardware dos restantes concorrentes tem melhor relação preço/qualidade.

            O Windows não sai da cepa torta!

            Achas que será o W7 que vai inverter a tendência, duvido!

            Se viesses as ultimas estatísticas, repararias que a Smasung ultrapassou a Apple em vendas!

          • Tiago Dias says:

            @Jorge

            Essas são realidades um pouco distorcidas.

            Relação preço qualidade? Poderás encontrar equipamentos com melhores preços, isso é verdade, mas relação preço qualidade é uma coisa diferente. Mas aqui até dou o benefício da dúvida, porque até agora embora a qualidade do hardware fosse muito boa, o software (symbian) estava muito mau.

            O Windows não sai da cepa torta? Brincadeira, certo?

            O WP7 vem inverter completamente a situação, como da noite para o dia. A Nokia com symbian era uma coisa, com WP7 é outra completamente diferente. Mas vamos estar aqui para ver isso daqui a uns meses 😀

            Se visse as últimas estatísticas? LOL Sim, por acaso até vi, e escrevi um artigo, artigo esse que certamente não leste até ao fim 😉 aconselho-te a leres, até ao fim mesmo 😉 😀

          • Jorge says:

            Eu não te dei razão em coisa nenhuma, acredito, que tenhas visto que tens razão, sabes, isso Freud explica!

            Continuo a aguardar, com ansiedade, que mostres esses dados que representam crescimento e vitalidade da plataforma W7.

            Ás vezes, aliás com muita frequência, confundimos a luz ao fundo do túnel com o comboio que está prestes a passa-nos por cima!

            A nossa mente é lixada, costuma pregar-nos partidas e levar-nos a confundir a realidade com os anseios, isso tem um nome, chama-se alucinação 😉

            Até agora só constatei factos, tu pelos vistos é que não, adivinhas o futuro!

        • Jorge says:

          @ Tiago Dias

          Ai sim, então qual a percentagem de equipamentos com Windows em 2010 e qual em 2011?

          Brilhante, a MS consegue descer a cora de mercado com um produto novo e que pelos visto é adorado pelos utilizadores.

          Que parte um de nós dois não compreendeu? 😉

          Então o que é a Nokia agora com W7? Não sabemos! Sim, podemos especular mas aí faríamos como os economistas 😉

          esperemos para ver, mas o meu feeling é que nos próximos tempos vao existir dois grandes “players” Apple e Android!

          Veremos quem está certo!

          Fico a aguardar demonstração da vitalidade do Windows! Vá lá faz um esforço e tenta justificar uma cota de 4% (se ainda for) 😉

          Por acaso não li o teu artigo, compreenderás que não será certamente, a primeira coisa que faço quando me levanto. Coloca o link que terei todo o gosto em o ler!

          Aguardo com ansiedade!

          • Tiago Dias says:

            Jorge,

            Lá está, acabaste de me dar razão.

            Que a Nokia esteve a cair até agora, não há dúvidas, e nunca eu disse o contrário. Agora dizer que a Nokia a partir de agora, mesmo com WP7, vai continuar a cair e mesmo afundar, é especular, e foi isso que fizeste. Eu apenas pedi factos para se dizer uma coisa dessas.

            Sim, a cota de mercado do WP7 é muito pequena, e daí? É um SO em crescimento, com pouco tempo de vida (atenção que falo de Windows Phone, não de Windows Mobile), é normal que esteja nessa situação. Ou o android atingiu a cota de mercado que tem actualmente em 2 ou 3 meses? Ou mesmo um ano?

            As pessoas estão a começar a conhecer o WP7, e vindo nos equipamentos da Nokia vai impulsionar ainda mais o seu crescimento.

            Os dois grandes players que falas, já existem actualmente… Isso é óbvio. Mas se não vês potencialidade no WP7, então não sei o que dizer…

    • Mgp says:

      É, e a chave do euro-milhões podes dizer aí sff?, bem, se a nokia vai cair/falir, o melhor é, na bolsa, apostar na queda das ações e ficar rico à conta da mesma ou, manda lá a tal chave que é mais fácil…

  5. Ezek says:

    Choro de quem está perdendo o mercado.

  6. Miguel Almeida says:

    Este sonhou de noite para a dizer de dia?! Android está cada vez mais a ser usado e com uma comunidade cada vez maior.

    • Tom says:

      Realmente é curioso ver pessoas (leia-se CEO’s e afins) com frases como “A queda do Android está eminente”, ou “A morte do Android está para breve” ou ainda “‘Isto’ e ‘aquilo’ vão levar o Android à ruina” quando este SO vende cada vez mais e mostrou-se capaz de se adaptar desde devices low end até topos de gama. Mas eu sou um mero utilizador, não sou chefe de nenhuma empresa.

    • SexOnaSal says:

      até eu tou a ficar com vontade de comprar um smartphone com android xD

      so p ter temas do halloween todos catitas (A)

      ahaha
      JK (=

      tou mesmo a começar a gostar..

  7. YaBa says:

    Se eu não puder personalizar o meu telemóvel, tablet, PC, carro, casa… então para que os quero?!?!?!?

    • a friend® says:

      Ele não está a dizer não à personalização por parte do utilizador, está a falar a nível do “Core” do sistema, isso prejudica nas actualizações e alicerces base para que os programadores construam software assim como as marcas lancem updates mais rápidamente.

      O intuito dele é que, essa base seja padronizada e apenas a costumização seja a nível de interface. É meio caminho andado para acabar com a fragmentação e sentido desorientado que o Android tem sofrido ao longo dos tempos.

      • YaBa says:

        Ler à pressa e títulos sensacionalistas dá nisto 🙂
        Sorry.
        Faz-me lembrar o prometido update da Vodafone para o ZTE v9 de 2.1 para 2.2, LOL…

      • Hélder Ferreira says:

        Exacto.

        Eu até dei um toque pessoal à noticia referindo que o Stephen Elop tinha alguma razão naquilo que disse sobre as empresas personalizarem o Android de forma muito aprofundada, e que isso atrasava as actualizações, uma vez que sempre que saísse uma nova versão, toda a personalização tinha de ser refeita, e isso faz com que as actualizações venham atrasadas.

        Já a HTC é mais liberal e só personaliza a interface com o Sense UI.

        O que faz lerem só o titulo e não se darem ao trabalho de lerem a noticia, nem que seja só passar os olhos por ela.

  8. a friend® says:

    Tem razão e a Nokia tem experiência nisso.

    O que está a acontecer com o Android foi o que aconteceu com o Symbian e como todos sabem, Symbian era a perola da Nokia.

    O resultado de excesso de personalização, falta de updates adequados, fragmentação e abuso por parte das operadoras na plataforma foram pontos chave para o levar ao abismo.

    A Google anda cheia de promessas e não passad isso. Disseram que o Android 4 seria o santo graal, como assim o fizeram no Android 2… e 3.

    Visto novamente, será o Santo Graal apenas para produtos futuros, ou seja, quem já gastou dinheiro vai ter que gastar novamente. Depois até que ponto irá surgir outro problema para prometerem o 5, e quem comprou produtos com o 4 não fica novamente agarrado?

    A Nokia usa agora o WP7, está a engular um ENORME SAPO. Mas esse sapo é fruto de uma má experiência, daí respeitar a opinião dele. Pois ele fala com experiência nessa matéria. Obviamente irá aproveitar isso como arma de markting também, mas os mercados são assim mesmo.

    • Tiago Dias says:

      Exacto, mais uma vez 🙂

      É preciso ler tudo, assimilar tudo o que ele diz, e interpretar tudo, juntamente com o que se vê actualmente no mercado.

      O que ele diz em relação à personalização por parte das marcas, que é responsável pelos atrasos nas actualizações, é completamente verdade, está à vista de todos.

      Acredito que o Android 4 trará bastantes mudanças nesse sentido, mas só mesmo esperando para ver… A google foi muito inteligente na forma como introduziu o Android, deixando tudo à mercê das marcas e do utilizador, tornando o seu maior defeito na sua maior virtude, e vice versa. Agora está a apertar aos poucos, muito inteligentemente, resta saber é quais serão os resultados deste aperto do cerco. Será que vai conseguir impor as regras necessárias? Será que os utilizadores e marcas vão ver bem estas regras introduzidas aos poucos?

      • a friend® says:

        A abertura da Google foi mesmo para conquistar o terreno de forma rápida, foi uma jogada inteligente para eles, mas altamente prejudicial para os consumidores.

        Resta agora ver, se eles moldam os defeitos do Android de forma correcta. Até agora têm falhado nas promessas, mas pode ser que ainda nos surpreendam.

        Eu já mesmo à muito tempo tinha dito que isto ia acontecer, da dita “abertura” do Android era apenas um engodo, especialmente para operadoras e marcas depois iam começar a “fechar”. Pelos vistos poderá se concretizar.

        A liberdade para os utilizadores é o pesadelo dos programadores. Os consumidores precisam por isso na cabeça. A nível de malware, a falta de updates é um paraíso.

        Vamos deixar os “fanboismos” e “fandroidismos” de lado e assumir a realidade. Ao limarem os erros ficamos todos a ganhar. A guerra é nossa contra as marcas e não “Android users” vs “Apple users” ou “Windows users”.

        • Andre says:

          @a Friend® defeitos todos têm, uns vêem o copo meio cheio, outros o copo meio vazio.
          Eu por exemplo vejo montes de defeitos no iOS outros não os vêem. Claro que concordo que o Android tem coisas a melhorar mas nesta vida quem não tem? Ao menos tenho consciência que nada é infalível, nada é perfeito, nada é para sempre (neste caso a Nokia sabe do que falo)…

          • a friend® says:

            Não existem sistemas perfeitos. Existem é umas ofertas melhores que outras.

            O iOS não é perfeito, tem várias lacunas, mas dentro do que faz, faz bem, com rigor e isso ao consumidor transmite confiança. É isso que mantem ao fim de 4 anos consecutivos o grau de satisfação no pico.

            O Android, tem várias virtudes, mas o numero de defeitos ainda é elevado e a sua maior virtude (livre) é precisamente o seu calcanhar de aquiles. É muita marca junta a mexer onde não deve.

            Certas bases têm que ser consistentes e “fechadas”. O resto podem manter open. Sem regras é dificil controlar uma multidão. E isto serve para tudo na vida. 😉

  9. Marco says:

    Mais depressa e a queda de nokia do que outra coisa.. este senhor ainda não acordou do sonho dele.. XD symbian é horrível.. acho que eles devia era estar preocupados com isso..

  10. LeandroF says:

    Eu digo que este senhor está maluco… está a seguir as pegadas do ex-CEO da HP… deve ser o seu ídolo…

  11. Gerardo says:

    O patrão (m$) manda, o cãozinho ladra! Mas há dúvidas?

    O teu hardware é dos melhores do mundo, senão mesmo o melhor do mundo, só que só tem cancro (symbyan, WM?). Mete Android nisso e vais ver as vendas, aposto a minha casa em como passavas a ter os topos de gama mais vendidos do mundo (com excepção claro do iPhone que só concorre com ele próprio)

  12. joni costa says:

    Ele têm uma certa razão… As operadoras e as marcas personalizam e adicionam software, muitas das vezes desnecessário e com bug’s, O que atrasa as actualizações

  13. PT:-) says:

    Aguem pode ajudra no Ubuntu

    http://imageshack.us/photo/my-images/259/img003rp.jpg/

    O PC e ASUS X50SL esta bom ja gravei 3 CDs da o mesno erro

  14. ruimgp says:

    Há uma música do Quim Barreiros que diz tudo:
    É só inveja, é só inveja
    é de cobardes que nao dão luta
    Quem fala, quem fala mal de mim
    Ou é ladrão ou filho da truta…

  15. Texugoelectrico says:

    Bem, por um lado até compreendo o que ele está a dizer, o mesmo aconteceu com o Windows, principalmente a partir do 95, aquilo tinha que ser compatível com tudo e mais alguma coisa e como tal os erros (Ctrl+Alt+Delete:p) eram mais que comuns. Demoraram a recuperar e nisso a Apple tem o caminho facilitado e tem resultado mesmo bem para eles, ou seja, um SO estável para a Apple, sendo que eles produzem (ou hoje em dia, já quase só montam) o hardware, com certeza é bem mais fácil de conseguir do que um Windows.
    Acho que ainda assim ele não se pode pôr já a mandar foguetes, para já porque apesar de parecer que realmente o windows para os PC’s atingiu um nível muito bom, o mesmo não significa que também aconteça para os smartphones com tantas marcas diferentes (embora hoje em dia o smartphone não passe de um computador em ponto pequeno).

    Por exemplo, tenho um IDEOS X5 e isto só ficou mesmo bom com a instalação da versão, Android 2.2.2, que demorou a chegar (olhem, quase como o windows vista, hoje em dia é perfeito mas só após muita actualização).

    De qq maneira eu cá acho mesmo que se as marcas se preocuparem em afinar os SO’s para os seus aparelhos, por muito que a Nokia/Windows (e já agora a Acer também já lançou um smartphone com WP7, o Allegro) se esforcem não vão lá se o market não for muito bom, para mim o market é actualmente das coisas que mais interessam a muitos utilizadores, puxa pelos espíritos consumistas mas sem custos ou a preços baixos. Há utilizadores que perdem mais tempo à procura das aplicações no market do que propriamente a utiliza-las:p

  16. Rafael says:

    O que este senhor diz é verdade, está a dizer que se passa com o Android o que se passa com o windows, para se manter a compatibilidade com as aplicações antigas o mesmo não evolui. O Android não pode por isso mudar muito, porque se o fizer aplicações da HTC e outras marcas podem deixar de funcionar.

  17. Filipe Lopes says:

    A Nokia é um espetáculo! Alguém que pegue num Nokia deste ano e veja como estão! Em vez de compararem Android com Symbian, comparem o MeeGo ou WP (mesmo o Belle deve ser já uma maravilha). O MeeGo é o SO mais inovador, intuitivo, bonito e fluído que já experimentei e acredito que a Nokia vai passar o Android, pois a Microsoft é uma das maiores fabricantes de sotfware do mundo. Sempre adorei todos os SO’s e interfaces da Nokia e acho que com o WP vão conseguir melhores produtos a preços mais baixos…!

  18. Pisca says:

    Tendo construído, durante algum tempo ROMS para o TyTnII e Diamond2, da HTC, WInMob 6.5, todas elas tinham uma arquitectura base:

    – OS Base – ou seja o que se chamava na altura Release xxxxx da Microsoft
    – Base Aparelho – Os ficheiros necessários para o aparelho em causa trabalhar
    – Aplicações – comuns a todos os aparelhos

    Sendo assim, sempre que “aparecia” alguma inovação na OS Base, bastava colocar a nova no sitio certo e a “chamada cozinha”, organizava e criava a nova ROM, um unico ficheiro para utilizar

    O processo em si era semelhante para os diversos smartphones, fossem eles HTC, LG ou outro, havia que ter o cuidado de ter um bom conhecimento da arquitectura e saber “onde poder tocar”

    No Android, numa vista rápida penso não estar enganado se disse que se passa o mesmo, sendo que a questão que diferencia o uso de um aparelho para outro é a “Base do Aparelho”, quanto ao resto que fica mais à vista do utilizador, são na maioria dos casos aplicações base necessárias e comuns para além de mais umas “tralhas” que vão por arrasto, mesmo esses normalmente para quem sabe são removíveis de inicio antes de utilizar a ROM

    Logo este comentário do Sr. da Nokia parece-me algo a atirar milho aos pombos a ver se pega

    • a friend® says:

      Do ponto de vista “Geek” é interessante, quer Windows Mobile (do qual tive longa experiência) , quer Android.

      Mas para o consumidor geral este testemunho é inconcebível. As pessoas querem algo simples, consistente, fácil de usar, não querem cozinhar, querem a comida já feita e com razão, pagaram para isso 🙂

      Os argumentos usados pelo CEO da Nokia são muito válidos. Ainda por mais temos um homem a falar onde a empresa esteve quase a falir por erros desses, onde “cozinhados” e “fragmentação” eram o prato do dia.

      Acho que qualquer Android user sabe perfeitamente a desorganização que ali vai, temos que ser realistas. Obviamente ele está a usar estes argumentos para puxar a brasa à sua sardinha… é obvio, ele como CEO tem que fazer esse papel. Mas, temos que analisar bem os argumentos e ver que não é nada descabido o que ele tem dito.

      Relembro que a Nokia andou a negar até às ultimas o WP7. E só aceitou porque viu que era a unica forma de salvar a companhia (projecção de futuro). O Symbian falhou e o Android só ganhou terreno porque a Microsoft dormiu à sombra da bananeira com o velho Windows Mobile.

      As coisas daqui em diante podem mudar e muito e a Google agora terá que mudar certos pontos cruciais para não deixar o Android entrar no abismo (falando novamente projecção de futuro), pois se continua como está, entrará na rotina que o Windows Mobile e Symbian passaram. Confusão tremenda para os consumidores e frustração na ausência de updates e no suporte de apps.

      Obviamente agora irá aparecer alguém a dizer que só ataco o Android, mas reparem apenas uma coisa, não gosto de Windows e sou aficcionado (para além de Apple) por Linux.

      Mas reconheço que a arquitectura que eu não gosto (Windows) adoptou uma politica correcta no WP7 e o sistema que eu sou fã (Linux) adoptou uma politica errada no Android.

      • a friend® says:

        Nem medes as barbaridades que dizes.

        Tanto dás uma no cravo, como outra na ferradura. Pior que isso, fazes isso vezes sem conta…

        És contra a MS ao ponto de até escreveres M$… depois usas um argumento destes:

        “Com tantos defeitos é só OS para smartphones mais usado no mundo.”

        Então o Windows, que tanto odeias, é o melhor SO do mundo, segundo o teu belo argumento.

        Contradiz-te mais… chuta cá para fora que perolas como esta nos comentários são a magia do pplware. 🙂

        • Jorge says:

          Estás a tentar dizer que o Windows é o SO mais usado do mudo?

          Aconselhava-te a rever a afirmação e a fazer umas contas simples 😉

          Verás que não tens razão!

          • Andre says:

            Desculpa, mas para ti qual é o sistema operativo mais usado no Mundo? Estando a falar de computadores…

          • Jorge says:

            Começa a ser muito complicado definir computador não te parece?

            Um Tablet é um computador? E Um Smartphone? E um televisor? E um media center? Começa mesmo a ser dificil estabelecer fronteiras!

            Um equipamento de Tomografia Axial computorizada é um Computador?

            Julgo que a minha resposta está dada 😉

          • Andre says:

            Se vais falar do ITRON (sistema operativo mais usado no mundo), gadjets não se enquadram neste meu conceito de computador.
            Quando falo de computador falo daquilo que vem a cabeça das pessoas quando se diz computador, um IBM-PC ou um Macintosh.
            De certeza que ninguém pensa em TAC (que é um processamento de imagem de vários RX’s) quando se fala em computador, ou em televisores, smartphone ou mesmo em media centers.
            Neste tipo de “computador” o Windows é de longe o sistema operativo mais usado, se falas no teu tipo de “computador” (mais abrangente que abrange desde uma pequena calculadora, faxes, máquina de TAC’s, satélites, etc) então o ITRON é o mais usado.

          • Jorge says:

            Convém definir conceitos, assim todos falamos do mesmo.

            Mas para tua informação um equipamento de TAC moderno tem um computador a correr um SO normalíssimo que pode ir de Solaris a linux 😉 e não outro qualquer!

          • Andre says:

            Eu sei como funciona uma máquina de TAC 😛
            Também um avião tem um computador, mas não o consideramos computador, é apenas uma parte integrante. Uma máquina de TAC obedece a este princípio 😛

          • Jorge says:

            OK 😉 Como tu queiras! Os conceitos são mesmo assim 😉

            Um criminoso deixa de ser criminoso só porque pertence a um bando…! ou seja, faz parte integrante, não faz o trabalho todo?

            Ah um computador que recebe e processa imagens deixa de ser um computador, é isso? Não vale a pena continuar o tema até porque é muito off-topic 😉

          • Andre says:

            Acho que o @a friend referia-se ao Windows, como o sistema operativo mais usado para computadores. E nesse contexto ele tem razão, quanto a perguntar qual o melhor sistema operativo, só tenho uma resposta, depende do que se faz com ele e o que se quer fazer com ele, uns tem uma vantagens em algumas coisas e outros noutras coisas.

          • a friend® says:

            Sim referia-me a Desktops e portáteis. Esse meu comentário anda aqui meio perdido, pois ele tinha sido uma resposta a um comentário aparentemente apagado. 😉

      • Andre says:

        Desculpa mas são questões de gostos. Eu uso Windows 7, MacOS, Ubuntu em computadores. Tenho telemóvel com Windows Mobile 6.5.3 e Android 2.2 em dualboot. Um tablet Android Honeycomb 3.2.1 (Asus Transformer com Keyboard dock). Lamento mas não tenho IPhone ou IPad por razões pessoais (não gosto do iOS seja de que versão for, embora admita com o iOS 5 melhorou um bocadito mas ainda não o suficiente).
        Adoro o Honeycomb, acho que neste caso a Google foi no caminho certo, acho que com o ICS que o meu Asus vai receber, ainda vai ser melhor, mas esperar para ver.
        Updates no Honeycomb? O meu com 4 meses recebeu 5 actualizações.
        A personalização aumenta a variedade e a variedade nem é sempre má como pintam alguns por aqui, vejam as distro de Linux que existem, vamos ditar a morte do Linux?
        Os updates, concordo, são essenciais e nisso certos fabricantes falham e muito… Há que escolher o fabricante certo…

      • Jorge says:

        como é que alguém pode ser simultaneamente fã de Linux e da Apple? é quase o mesmo que dizer que se admira ao mesmo tempo o Gandhi e o Pinochet! 😉

        • a friend® says:

          Apple e Linux têm muita coisa em comum, apenas são focadas para areas diferentes. 🙂

          E não é algo fora do comum nem é de agora, as duas comunidades sempre tiveram ligadas. Fruto disso é os “Hackintoshes”, por exemplo. Depois ambas partilham também vários projectos open-source.

          A analogia “Gandhi e Pinochet” não é a melhor…

          • Jorge says:

            Olha que é! Pensa melhor e verás que os princípios de vida que nortearam as vidas de cada uma dessas personalidades têm muito em comum com estas com a Apple e com o Linux 😉

            O que está em causa não é o que a apple e o Linux têm em comum, mas sim no que os separa!

          • a Friend® says:

            @jorge

            O que as separa também está a virtude de ambas. 😉

            O MacOSX consegue ter o nivel de profissionalismo e organização que o Linux não tem e o Linux consegue ter a flexibilidade e adaptação que o MacOSX não tem.

            Nas suas divergências, está precisamente as suas virtudes.

          • Andre says:

            Desculpa, Hackintoshes? LOOL, já corri um desses Hackintoshes no meu portátil e digo-te já que deixa um pouco a desejar, passado um dia achava que o Windows ou o Linux eram os melhores sistemas operativos para ter no meu portátil não Apple. E mais a Apple não aprova esse tipo de comunidades, considera-as mesmo ilegais, alias venceu um caso a pouco contra uma empresa, a Psystar Corporation, por instalar MacOS em computadores não Apple, aonde o juiz decidiu que MacOS só pode ser instalados em computadores da Apple.
            A filosofia da Apple e do Linux são opostas, e quanto aos projectos Open-source, até a Microsoft os tem.

            Desculpa, mas concordo com a Anologia “Gandhi e Pinochet”

          • a Friend® says:

            @Andre

            Eu não disse que os hackintoshes são bons. Pessoalmente acho-os péssimos pois a performance fica muito a desejar lado a lado de um verdadeiro Mac.

            Simplesmente é fruto de muitos linuxers terem pegado no Darwin (Open-Source) e portar uma serie e drivers de forma a fazer o MacOSX num PC.

            Isso deve-se à forte comunidade Linux, em conjunto com Apple users.

            A relação entre ambas sempre foi forte, ao contrário do que se via entre MS e Linux, que nunca se deram bem.

            Alias, é muito comum ver programadores Linux usarem Mac’s em conjunto com o MacOSX.

        • GreenTuxer says:

          Esse comentário demonstra a sua ignorância.

          Eu sou fã de tudo o que é tecnologia, quer seja Windows, Linux ou Apple, ou outra marca qualquer. Não me importava nada de ter um Macbook Air de topo ou um Pro, apesar de preferir Android a iOS. Aliás, é muito comum ver developers de Open Source e SysAdmins com MacBooks…

          Ah, sou developer open source e administrador de sistemas Linux.

          • Jorge says:

            Estarás, por ventura, a confundir conceitos? Ignorantes somos todos, e ainda bem! Não te parece?

            Pelos visto temos posições diferentes, eu só uso Linux! Não me importa se dá ou não status, se é melhor ou pior que outros SO. O que importa é a liberdade e ti?

            Nunca deixei de fazer oq ue quer que seja por usar Linux, por isso…

          • Jorge says:

            @ a Friend®

            A mim o que me importa é o que cada um representa e a forma como cada “um” se comporta.
            São diferentes formas de olhar para o mundo! tal como Gandhi e Pinochet 😉

  19. Pisca says:

    Só mais um pormenor, na esmagadora maioria, as aplicações utilizadas no Android são de terceiros, não produzidos pela Google

  20. Jorge Cabral says:

    Sempre tive telemóveis Nokia e gostava de continuar a ter se viessem com android. Neste momento tenho um LG e estou satisfeito. Qual é o problema de trabalhar com vários sistemas? Por que não pode a Nokia fazer como os outros fabricantes e utilizar os diversos sistemas? Não é isso que fazem os outros?

  21. efe says:

    Alguns dos comentários seriam desnecessários se tivessem lido o artigo.
    A personalização que ele fala não é a feita pela utilizadores do android. É a personalização feita pelas empresas de telemoveis/tablets, com aplicações exclusivas para determinados modelos. Porque depois, se quiserem actualizar o android para uma versão mais recente tem que esperar que esse fabricante disponibilize uma actualização do firmware/android … quando disponibilizam, porque entretanto já sairam novos modelos … e os “menos novos” já não interessam…
    Quem comprou um telemovel android 2.1 conseguiu actualizar para 2.2? E para 2.3?
    O android 3.x é só para tablets. Mas quantos tablets correm o android 2.x por não conseguirem instalar o 3.x?
    O android 4.x está para sair … e vamos lá ver quantos modelos “menos novos” vão poder instalá-lo …
    Para mim quem “salva” o android é a comunidade de utilizadores/programadores (Cyanogen e afins) que têm “desenrascado” muita gente com actualização de firmwares, Howto e informações sobre como usar o android (sim, porque no site oficial do android não se aprende nada).

    Em relação á Nokia … deixem de falar dos outros e acordem.

    • Jorge says:

      É disse que falamos quando falamos de Android, COMUNIDADE, LIBERDADE.
      Tenho dois Android por isso mesmo e não por ser melhor ou pior, isso pouco me interessa!

  22. João says:

    O que este senhor diz, é verdade, conheço muitos clientes da samsung que dizem o mesmo e alguns começam-se mesmo a arrepender de ter comprado o galaxy, visto que uma atualização demora cerca de 7 meses ou mais.
    Entretanto a nokia tem quase o mesmo problema, mas é com as operadoras que querem personalizar os aparelhos.
    Quanto à parceria da nokia com a microsoft, nao entendo o que vêm de mal nisso, symbian era mau e todos reclamavam, vem windows phone e continuam a reclamar? Arrisco me a dizer que a microsoft vai levar a melhor sobre a google e a nokia vai beneficiar da parceria como era de esperar.

    • Marco says:

      Tens Android?

      Parece que não, sumsung tem dos melhores suportes de telemovel do mundo.. e se estao descontentes com as actualizaçoes mudem de ROM… o pessoal esta se a esquecer que android e OPENsource.. e se realmente querem atualizações semanais usem MIUI ou CM7 por exemplo…

      A Nokia tem bons aparelhos.. mas que adiante quando o software é um cancro!? va Q7 na nokia nada mau.. mas mesmo assim nunca vai tem o impacto que tem a android..

      A android vem com uma interface básica e amigavel para users básicos e que querem o telemovel so para as funcoes basicas como enviar mais, etc.. agora se querem mais do que isso como a maioria faz é mudar de software para CM7 ou MIUI e vao ver que atualizações nao faltam…

      • a friend® says:

        O lado negro das custom rom é que muitos aplicativos podem não funcionar, precisamente por causa do ponto levantado pelo CEO da Nokia.

        Dou-te um testemunho do Netflix que escreveu no twitter oficial deles:

        “Muitas pessoas reclamando q não conseguem assistir @Netflix_BR com a rom Cyanogem. O aplicativo foi liberado apenas para as roms originais.”

        Open não é nenhum mar de rosas como pintam. Pelo contrário, todas as marcas ou operadoras podem mudar de tal forma o Android que o numero de incompatilibidades aumenta e muito para quem produz apps. Por isso mesmo é que, mesmo em bons equipamentos, existem pessoas que conseguem correr apps e outras não, tudo por causa dessas modificações.

        Toda a gente fala que o Android tem um marketshare grande. Esquecem ou omitem o facto que esse marketshare não é igual para todos. Produzir para ANDROID não é produzir para TODOS os dispositivos Android.

  23. melque says:

    eu tenho um galaxy s e tenho actualizacoes de firmware quase mensais…

  24. Victor says:

    A nokia podera cair, mas virtualmente, com a ajuda da Microsoft…para depois comprar a Nokia. Penso eu de que.

  25. Samuel says:

    Gostava de saber se o CEO da Nokia mantinha esse discurso se a Nokia adoptasse o Androide ao inves do WM7. Não acredito q os atrasos dos updates do Android tenham a ver com a personalização, pois o mais importante e demoroso é a Google que lança, que é o nucleo do Android a casca fica para cada marca personalizar, ou seja, eles devem ter um patch já preparado para aplicar a cada update do Android. Ou tão-se a imaginar as marcas a personalizar cada update? Não me parece que eles percam tempo com isso…

    E penso que as pessoas escolhem o Android por aquilo que é e não por ter updates atrasados em relação e concorrencia…

    Por isso a personalização não é uma desgraça para o Android ^^

    • Mike says:

      “Ou tão-se a imaginar as marcas a personalizar cada update? Não me parece que eles percam tempo com isso…”

      O problema é mesmo esse, não perdem!

  26. MySeLf says:

    Sou da opinião que realmente a fragmentação do Android não é bonita e espero que as coisas mudem (tal como já começaram a mudar).

    Agora, acabar com a fragmentação não é sinónimo de acabar com a personalização. Basta olharmos para os devices da própria google (nexus X) para percebermos que a sua política permite tanto a personalização (através da disponibilização das sources à comunidade) como updates rápidos.

    Se esta politica fosse “forçada” aos restantes fabricantes (remoção de personalização de UI e disponibilização das sources) os updates saíriam concerteza mais rapidamente, a fragmentação seria mais reduzida (para quem corresse ROM’s stock) e facilitaria a vida aos developers.

    Os utilizadores avançados, caso quisessem, teriam todos os recursos necessários para poderem personalizar os seus telemóveis como bem entendessem sempre tendo em consideração que não sendo uma stock ROM, a probabilidade de enfrentar problemas seria acrescida.

    Toda a gente ficaria contente.

    Outra imposição que deveria ser feita aos fabricantes de dispositivos Android seria o prazo para lançarem um update depois da source ter sido disponibilizada pela própria Google. Digamos 3 meses… depois disso esse fabricante deixaria de ter autorização. Obviamente que isso seria durante o tempo util de vida de um gadget… digamos 2 ou 3 anos no minimo.

    Android não é um mar de rosas, mas para já ainda não vi melhor e espero que a Google de uma forma ou de outra consiga arranjar forma de limar os seus problemas.

    Quanto ao “Sr. da Nokia”, está a fazer o papel dele… obviamente que está a ampliar as coisas de uma forma completamente desproporcional para se auto beneficiar, mas o mercado é mesmo assim. Cada um dá ouvidos ao que quer. 🙂

  27. kindoor says:

    Diz o homem que ta a afundar a nokia

  28. razy says:

    Quem disse que os produtos com android 3.2 não terão o update para o 4?
    A ASUS já veio confirmar a actualização para o “meu” Transformer.
    A Samsung já confirmou para vários equipamentos.

    Já agora, a ASUS nunca me decepcionou, era só a Google lançar um update e passado uns dias tinha a notificação para actualizar.

  29. Ryan says:

    A queda que a Nokia deu para mim não se deve nem tanto ao acordo com a Microsoft mas à escolha do Stephen Elop como CEO. Para mim foi das piores machadadas dadas num negócio que poderia bastante bem recuperar com o Symbian caso eles apostassem mais neste sistema.
    A Nokia, de quem eu gosto imenso, está a lutar para mudar a sua sorte. Será que vai dar? Veremos. Já alguém notou e muito bem de que este mercado é muito particular. Lembro-me há uns anos de que as Vodafones, TMN, Optimus e todos os outros fornecedores queriam ser eles a ditar o mercado mas lembro-me que o Bill Gates contradisse todos eles e hoje é aquilo que sabemos. Quem na verdade tem razão pelo menos aqui é quem compra.

  30. Mike says:

    Ele só está a dizer aquilo que sempre me fez desgostar do Android. Personalizar tudo é muito bonito, mas torna-se um pesadelo depois por causa de coesão. Eles próprios perceberam isso e começaram a unificar a plataforma. estou com fé que o ICS vai ser o SO que finalmente me vai fazer ganhar interesse no Android.

    Se o orçamento permitisse, ia para um WP7 (o Lumia 800 é bastante apelativo xD)

  31. Helder says:

    Vejo muita gente aqui a falar mal do symbian mas muitos desses esquecem-se que ja usaram terminais com esse sistema e diziam maravilhas dele quando em comparação com os outros.
    Nao havia melhor que Nokia mas sim concordo que os tempos mudaram e a nokia nao inovou quando a concorrência apareceu com Android nos seus terminais.
    Mas em relação ao que ele diz eu concordo, vejam o caso da SonyEricson que lança modelos aos pontapés e depois não da continuidade ao software.
    Fica o consumidor preso a um dispositivo com uma versao quando ja existem superiores.
    Promessas não faltam.
    Eu acredito que a Nokia vai voltar a subir seja com WP7 ou mesmo com o MeeGo.

  32. Diogo says:

    Elop vende o seu peixe apenas. O que vai acontecer depende de tantas variáveis que qualquer coisa que digamos pode acabar por ser verdadeira… ou não!
    Espero que a nokia venha com uma nova pujança. A verdade é que a nível de smartphones ela passa a ser mais uma empresa de hardware. Igual a uma samsung ou a uma lg. Se quero windows phone tanto posso escolher nokia, como htc, como outras tantas marcas.

    Mas neste momento o rei é o android. A personalização que Elop diz que o vai levar à queda é provavelmente tb uma das suas maiores virtudes. E uma das razões para o seu crescimento assustador. Podemos não gostar do android base mas adorar o sense. Aliás no inicio da era android o sense era um “must have”. Era uma experiência completamente diferente.

    Em relação a actualizações? Se quiseres actualizações em cima da hora tens os nexus, sem precisares de perceber nada de so´s.

    E depois há outra. Será que todos os consumidores de android querem uma actualização de sistema? (e sabem que existe uma nova actualização?). Nós que adoramos tecnologia de certeza não perdemos a oportunidade de ter novas possibilidades. Mas os android´s chegaram a públicos novos. A pessoas que compram os seus telemóveis de gama média e média alta e usam-no para telefonar e mandar mensagens, ouvir música ir um pouco à net e jogar uns jogos. Estas pessoas precisam de uma actualização de sistema. Passado dois anos (ou menos) compram um novo telemóvel com novas capacidades e assim vive esta indústria há anos. Nem todos são como nós.

    Bem sei que muitos não concordarão.

  33. Mateus says:

    O grande problema da Nokia é esquecer que o que fez a sua reputação foi a qualidade dos seus produtos e isso eles esqueceram!
    Para a maioria dos mortais, o OS utilizado pouco importa, o que interessa é a qualidade e uma utilização prática e eficaz!
    Para mim o N8 é um bom telefone mas tem umm problema que é o mesmo que outros dos ultimos modelos da Nokia: BUGS e mais BUGS!

  34. phixie says:

    A personalização sempre foi uma “chatice”, seja ela feita pelos fabricantes ou pelas operadoras. A questão da fragmentação específica no sistema android tem a ver com o facto de não existirem requisitos de hardware. A Nokia contornou esse problema lançando séries diferentes de telemóveis com versões diferentes para cada uma dessas séries enquanto o android vai lançando uma versão de cada vez e as actualizações são o que sabemos: tardias ou inexistentes.

    Quando o CEO da Nokia fala de personalizações refere-se especificamente à “user experience”. Isso traduz-se nas interfaces personalizadas (Sense da HTC, TouchWiz da Samsung, Blur da Motorola ou UX da SonyEricsson). Mas estas interfaces não são incontornáveis, o que há mais são “launchers” no Android Market. Ainda no outro dia, por brincadeira, coloquei um “launchEr” que imita o iOS e só não convenci uma colega que tinha um iPhone porque tive receio que ela não gostasse da brincadeira… mas ficou de boca aberta… 🙂
    Onde é que eu quero chegar? Que acho que a personalização é uma vantagem, ao contrário do que afirma o CEO da Nokia. Cada um usa o que quer, e só se usa o que vem com o telemóvel se se quiser…

    Quanto à questão interfaces/actualizações é certo que muitos telemóveis vêm as actualizações atrasadas pelos fabricantes (e pelas operadoras) que querem lançar as actualizações com a sua “tralha”, mas não é a isso que o Stephen Elop se refere…

  35. aver says:

    Uma coisa é certa, o Windows Phone não é crucial para a Microsoft – já ganha bastante em royalties de patentes usadas no Android. Mas é para a Nokia, se não conseguir começar a vender em força equipamentos com WP 7.5.

    Faziam bem em usar preços mais baixos para o lançamento e ir criando um efeito bola de neve.

    Agora, por que é que não se virou para o Android ? Tinha que pagar à Microsoft na mesma e tinha que concorrer com todos os outros fabricantes, como a Samsung. Acho que escolheu a melhor opção.

  36. Vitor Soares says:

    Mas porque raio quando se fala de android… Tem obrigatoriamente que se falar de iOS… Ou vice versa???

  37. eu não percebo nada de telemoveis says:

    so sei que o meu dá para telefonar e mandar mensagens, para o resto prefiro meu PC e a minha PSP 😀

  38. se és como dizes ,entao serei superman says:

    Grande palhaço ,deixa me rir!Esse ignorante se sabia tanto,a nokia já nao ia ter os resultados que tinha,até há dias que mostraram um modelo de telemovel flexivel mas rapidamente a samsung já têm ecras desses prontos para estrear em janeiro.A nokia só fala e continua sonhando do que poderá oferecer.

  39. AssimDoTipo says:

    O homem tem toda a razão. Como vai apostar num SO que prima pela feiosidade extrema e prima pela total falta de intuitividade… Claro que se tem que referir ao facto do rival ter isso como uma desvantagem. É bem discípulo do steve balmer, quando abre a boca é 100% ego e 0% lógica…

    Depois os novos Nokia… Parecem mais objectos saídos de uma Imaginarius, Brinka ou Toy’s’rus… E usar aquilo no carro vai dar direito a duas infracções: a do uso de telemóvel ao volante e ao mesmo tempo por encandear os outros utilizadores da via pública.

    Ainda bem, para eles, que a maior indústria da Finlândia é a madeireira senão ainda nos íamos rir deles caso a nokia fosse o suporte da sua economia…

  40. Xis says:

    Eu concordo com a Nokia…acho que uma das falhas do andoid passa pela demora das marcas a fazer actualizações devido ás personalizações que fazem ao sistema.
    Por um lado é muito bom ter aquele ponto que diferencia cada marca apesar de utilizar o mesmo SO, mas por outro torna-se infinita a espera de uma versão do android depois dela ser apresentada.

    Penso que era bem melhor que quando saísse uma nova versão AOSP do android, esta fosse compatível com o maior numero de terminais possível, e depois as marcas lá faziam os respectivos acréscimos, o utilizador decide o que pretende…

    Gosto bastante do android, tenho um HTC Sensation e gosto bastante do aparelho e do Sense, mas por um lado não gosto de ser obrigado a viver com ele (Sense), deveria ser uma opção minha…(claro que é, tenho custom rom’s, mas acho que essas não se incluem na análise)

    Não é que a Nokia seja melhor neste tipo de matéria, tive um N95 8Gb durante anos e só houve uma actualização de software (em que nada mudou), por isso eles não têm moral para este tipo de conversa!

  41. João Fernando says:

    Em relação a este devaneio do CEO da NOKIA, digo o seguinte, um telefone NOKIA com 2 anos está morto, tanto em termos de desenvolvimento de firmware como em termos de mercado, um telefone android por mais fraco que seja o hardware tem sempre a vantagem da personalização, da adaptabilidade do SO android às capacidades do hardware. E se a nokia não o admite está errada, que bom seria um telefone nokia com SO android………

  42. Flin says:

    Sim abelha! E esqueceu-se de sizer que quem não utilizar telemóveis da Nokia pode levar tau tau.
    Daqui a 10 anos veremos…

    Só por causa da abordagem de mau perdedor, nunca mais compro nada da Nokia!

  43. BTN says:

    Não dou 3 anos para começar-mos a ver Nokias com Android no mercado!

  44. odmatech48 says:

    ITRON é o que é conhecido como um ‘kernel’ do tempo real do sistema operacional, ou seja, o núcleo do software que trabalham com determinados dispositivos necessidade de realizar uma determinada ação em um determinado tempo, que é conhecido como ‘tempo real’. Por isso, é um sistema operacional projetado para operar com um número muito pequeno de ordens e executá-los rapidamente.Neste artigo o Senhor Presidente e CEO da Nokia não fala somente modelo que já ocorreu na Motorola, mas fala sobre o que aconteceu com a Nokia, embora não declarado.Samsung e Apple têm o primeiro lugar em vendas de acordo com a aérea geográfica, outras marcas DELAS Telemóvil têm vendas muito menor, porque eles têm ficado para trás nos avanços tecnológicos levam tempo de antecedência, além do preço é muito competitivo do Samsung

  45. Varela says:

    A única razão porque este senhor defende isto, é porque o Android é open source, e sendo assim, há hacks por todo o lado e as empresas não gostam por causa da pirataria.
    Tenho um android e tenho desde apps para dowload de mp3 sem pagar, serviços voip, download de videos e mais uma montanha de coisas que empresas como a Nokia e a Microsoft adoram cobrar.
    Android é do povo, cada um faz o que quiser com ele, sem limitações.

  46. darth says:

    de todas as empresas que deveriam estar caladas, a nokia era uma delas.nao deve haver empresa que mais caiu nos ultimos anos

  47. João says:

    Quando li o título pensei exatamente nisto: “A personalização é o que fez o Android ser aquilo que é.”
    Estou em sintonia com quem escreveu este artigo (:

  48. ajbadboy says:

    “CEO da Nokia diz que a personalização será a queda do Android” lool e quê?? vai a nokia voltar a reinar?

    Se não têm nada de jeito para dizer têm o dever de ficar calados. Aqui o senhor da nokia que comente o sistema da nokia. Realmente o android faz comichão a muita gente. Se calhar era de mais interesse ouvir o que o pessoal do android tem a dizer em relação à nokia do que o contrario como neste caso.

  49. Andre says:

    @Jorge, quando alguém fala contigo sobre o computador pensas em tudo que tenham um pequeno processador? Não, pensas em portáteis (notebooks, netbooks,…) ou em desktops, para mim, quando alguém fala que o Windows domina estava a pensar nessas plataformas (e nisso eles tem razão). O conceito depende do que se está a falar na altura e nesse aspecto fugistes a ele.
    Um gangue funciona sem um criminoso ou outro, um avião não funciona sem um computador ou mesmo uma máquina de TAC, logo sem computador não existiam e por isso pensamos neles como constituintes de algo mais complexo. Pela tua lógica tudo que tenha uma unidade de processamento de calculo é um computador. Assim o ITRON é o SO mais usado, deixa a anos luz todos os outros, enquanto o Windows é uma pedra o MacOs é um grão de areia (graças a isso ainda é um SO seguro, com poucos vírus e pequena cadeia de transmissão).

  50. Ricardo Martins says:

    Incrível a tinta que aqui tem corrido só pelos devaneios dum senhor que está para lançar para o mercado um smartphone com o SO Windows Phone chamado Prostituta 700. Não sei se falo só por mim, quando digo que realmente a Nokia se tornou numa prostituta da gigante Microsoft. Desejo o melhor à Nokia, mas temo pela sua viabilidade a médio e longo termo.
    A ver vamos…

  51. hm says:

    “…e todos os frigoríficos deveriam ser brancos, e todas as vacas brancas e pretas às manchas, e todos os carros pretos, e todos os queijos redondos…” looooooool, uma das coisas que mais aprecio é a capacidade de personalização, seja windows, android, linux, frigoríficos, etc. Mas ok, ele com o seu fatinho preto e camisinha branca (não percebo a gravata) terá a sua razão, a ver vamos.

    Cumps

  52. Tiago Vieira says:

    A Nokia vai Subir, a Aple vai cair e a samsung vai se manter um passo a frente da aplle durante apenas algum tempo.

  53. Rodreich says:

    Matéria antiguinha,mas vamos lá!
    Android não é tudo isso que dizem os leigos.Eu não vejo vantagens,em comparação com outros S.O.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.