PplWare Mobile

Ao contrário do ChatGPT, GPT-4 passa com distinção no exame à Ordem dos Advogados

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. deepturtle says:

    Se aprender com os advogados e depois os substituir… então passaremos a ter “Chulice AI”.

  2. pdsermqq says:

    Parabéns, o ChatGPT já sabe mentir.

  3. cvf says:

    Não confio nessa coisa por causa dos filtros ideológicos, em certos casos vai ser sempre parcial para ideologia dos programadores de cabelo,azul, roxo, unhas pintadas de preto, onde afirmam obesidade mórbida é beleza .

  4. Repara says:

    A OpenAI não dá a mais pequena indicação de como foi feito o desenvolvimento do GPT-4 (fases, numero de pessoas, …) ao contrário que tinha feito com o ChatGPT.
    Diz que é para não dar vantagens aos concorrentes. Pois, o segredo é a alma do negócio, que de “open” não tem nada … e muitos milhões vão girar à volta das IA.
    A Microsoft posicionou-se bem na sua ligação há OpenAI. Como se vai desenvolver, se vai continuar a ser o único grande cliente não se sabe.
    Do lado da Apple, há algumas indicações de querer incluir IA na sua SIRI.
    A Google teve uma falsa partida, mas irá apresentar desenvolvimentos.

  5. Eu says:

    Com a qualidade de advogados que temos em Portugal é fácil qualquer AI ser muito superior!

  6. mamba says:

    seria o único advogado honesto neste país.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.