PplWare Mobile

Altice Portugal leva fibra ótica “made in Portugal” para o Reino Unido


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Rodrigo says:

    Coitados. Tenho pena de UK. Vão passar mais tempo sem net do que com ela.

  2. José Silva says:

    Levam a Fibra para UK… Levam a Fibra para aldeias Históricas…
    E o resto de Portugal?
    Enfim…

    • Pedro says:

      +1
      Só “show off”…

    • M.Manuelito says:

      Ando há 10 anos a ouvir falar de fibra ótica e a ver publicidade da treta na televisão, mas a minha freguesia, onde moram perto de 800 pessoas, vive com o cansado ADSL, com velocidades de upload de menos de 1 Mbit e de download que, na melhor das hipóteses lá chega aos 12 Mbits, para os felizardos como eu.
      Ou seja quem quer publicar um video ou enviar documentos mais pesados, perde horas para o fazer.
      Resumindo este “show off” que eles fazem é mesmo só para inglês ver!

    • Louro says:

      A parte mais engracada, é que no UK já há fibra optica faz uns bons anos.

  3. Keytek says:

    É pá, deixem a porcaria do bota abaixo, a altice labs produz equipamentos e soluções, não vende/aluga redes serviços ou estruturas. Muitos parabéns há altice labs que continue com muito sucesso, a aproveitar a massa cinzenta tuga e a dar cartas no mundo.

  4. M3 says:

    +1
    É raro ver um comentário decente hoje em dia por estas bandas.

  5. Jose says:

    Ui… se em Portugal é oque é , Imagino nos UK… lamento ….

  6. DR says:

    Nota-se claramente que poucos de vocês têm a noção do funcionamento da Fibra nos restantes paises da Europa.
    Nós portugueses queixamo-nos de barriga cheia. Se voces sairem das grandes cidades a cobertura e velocidades de internet são bem inferiores às nossas. quanto mais a sul da europa piores as ligações… ainda na semana passada em bolonha tinha uma velocidade de 1,5 mb. Na Suécia se não contar com malmo, estocolmo e gotemburgo raramente consegues uma ligação superior a 10 mb.
    Nós podemos te muitos defeitos, mas rede fibra e auto-estradas estamos muito bem servidos

    • M.Manuelito says:

      Os outros têm pior internet mas têm melhores condições de vida 🙂
      Eu sei que tens razão, nós estamos muito à frente de muitos países em vários parâmetros, mas eu tenho que continuar a reclamar, porque é insuportável quereres, por exemplo, publicar um video de 300MB e levares 3 horas ou mais para o fazer, isso é anti-produtivo.

      • Joao Ptt says:

        Se não conseguir um bom 4G (em muitos locais não existe, e em outros existe mas tem de usar equipamento diferente daquele oferecido pelo operador, exemplo: alguns modelos da TP-Link por exemplo), pode sempre meter Internet via satélite (satinternet) e o ficheiro de 300 MB passa a levar uns 7 minutos em vez de 3 horas se adquirir um plano com upload de 6 Mbps.

    • Louro says:

      Sim verdade, tens toda a razao.

      Nisso, Portugal está bem servido.

  7. jose says:

    Serviço de fibra em poste, claro que fica barato.. que rir de inovação.

  8. amilton laurentino says:

    Coitados, vão se arrepender. hahahahahahahahahahahahaha

  9. Joao Ptt says:

    Esperemos que a suposta inovação nacional também signifique ser coisas fabricadas em Portugal, para não ser só exportar conhecimento para os Chineses que depois é que fornecem tudo para UK e por aí em diante… ficando ainda com o conhecimento pelo caminho.

    Que ter laboratórios em Portugal só significa que desenvolvem as coisas por cá, não quer dizer que depois essas mesmas coisas sejam feitas por cá para serem exportadas… que no actual mercado até seria melhor visto por muitos países que se iriam sentir bastante mais tranquilos se fosse feito tudo na Europa em vez de em outras regiões menos dadas à competência, segurança e privacidade.

  10. Pedro says:

    Porque é que eles levam a fibra para outros países quando
    Não conseguem em Portugal fornecer um serviço decente a muitos clientes e também existem milhares de clientes sem fibra ou talvez como eu que se não fosse o 4G da Vodafone ficava “preso” aos 512Kb/s ADSL
    Primeiro sirvam o pais ffs
    É mais uma de show off e para meter mais uns milhares ao bolço

  11. Pedro says:

    Como já aqui foi dito, a Altice Labs fornece equipamentos terminais. A rede de infra-estrutura, não é da sua responsabilidade deles, mas sim da(s) operadora(s).

    A altice Labs está de parabéns, e sim, o fabrico e desenvolvimento é nacional (na grande parte).

    Parabéns à equipa de engª, bem como à gestão da AL(!)

  12. Curioso says:

    Pode ser que levem o conhecimento de hardware e tragam o de como tratar bem um cliente ou de como apresentar um tarifário justo para o serviço prestado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.