Análise: iPhone 8 Plus


Destaques PPLWARE

71 Respostas

  1. Alberto says:

    até o note teve melhor pontuação

  2. Quinzinho says:

    Parabéns Maria, excelente review, bastante esclarecedora.

  3. Helder says:

    Até dia 3, é o melhor iPhone de todos os tempos!

  4. Jorge Ferreira says:

    Mais do mesmo.
    6=6s=7=8 Só mesmo a Apple com poder de fazer isto.
    De qq forma já se nota nas vendas do 8 bem abaixo do espectável.
    Os analistas dizem que as pessoas “estão à espera do X”. Eu acho que não.
    O hype está a acabar.

    • Ricardo Santos says:

      Como pode dizer isso se o iPhone 7 vai a caminho das 150 milhões de unidades vendidas?

      Vende-se cada vez mais iPhones, até porque agora a Apple começa com a oferta do SE.

      Segurem os sonhos.

      • André says:

        Acho que o Jorge está a falar da parte frontal do telemóvel. Desde o 6 que a parte da frente é igualzinha.

        • Helder says:

          E o que é que isso interessa?

          O iPhone 7 já era, e no entanto há mais vendas que nunca. É o telemóvel mais vendido do mercado mundial, vende mais que o S8 em período de lançamento, e fins de vida do iPhone 7.

          A maioria dos clientes Apple volta a escolher Apple.

          Ser sempre o mesmo é uma coisa boa, já que é o melhor design.

          • André says:

            Tu estás a interpretar tudo mal…
            O problema aqui não é nenhum, enquanto vender não têm que ter ideias novas. A questão é que só a Apple pode fazer isto, se a Samsung estivesse anos e anos com o mesmo design já lhe tinham caído em cima.

            “A maioria dos clientes Apple volta a escolher Apple” – Eu escolhi Apple uma vez e não voltei a escolher… Muito caro para o que oferece (ainda que sejam bons equipamentos).

            “já que é o melhor design” – Com aquelas bezels enormes? Hum… nem toda a gente tem a mesma opinião que tu.

      • Belmiro says:

        Aqui não há sonhos nem pesadelos, a verdade é que ano após ano há menos entusiasmo e a maioria dos conhecidos com a gama 5s ou 6 não sente necessidade de trocar. A verdade é que a Apple concentra se em mudar o SoC e alguma coisa na câmara, insuficiente para voltar a largar tantas centenas de euros.

        • Sujeito says:

          A ideia é exatamente essa. Como podes ficar aborrecido por comprar um dispositivo e ficares satisfeito com ele durante bastante tempo? Está tudo invertido.

          • Belmiro says:

            Não é estar satisfeito, é não ter opção dentro da Apple. Se já gastaste uma tonelada de dinheiro em apps, tens tido no ecossistema e estás habituado, não é fácil mudar para outro sistema. A questão é que até agora um telemóvel com ecrã de alta resolução, sem margens, bateria para 2-3 dias ou carregamento rápido não existiu no portfólio da Apple. E vamos lá a ver se o X cumpre e/ou tem um carregamento”rápido” ou se é apenas “mais rápido” e se neste caso pelo menos o carregador vem incluído ou são ainda mais uns dezenas de euros lol

            Eu fico contente de ter Android, com o mesmo SO tenho toneladas de modelos e marcas para escolher. Na Apple …

          • Paulo Assunção says:

            Belmiro, mas podes realmente ter “toneladas” de marcas e modelos para escolher, mas no fundo não será também tudo mais do mesmo?
            Mudam as cores, e as specs internas o geral tem-se mantido o mesmo.
            E cada vez mais seja Android ou iOS sente-se menos a necessidade de mudar. Tirando jogos e algumas, raras, apps mais intensivas os smartphones duram muito mais.

            Quanto a mim o valor acrescentado da Apple está no sistema operativo e na duração dos updates. O mercado está a mudar.
            Mas as vendas vão ou não mostrar se tenho razão.

        • Helder says:

          Não sente necessidade de trocar?

          Então de onde vêm os 220 milhões de telemóveis topo de gama vendidos anualmente?

          Mudaram todos de Android pra iPhone neste ano?

  5. Alex says:

    Eu acho que está um erro no artigo. O carregamento rápido foi colocado na lista dos Contras. A menos que seja um ponto negativo devido à demora do suposto carregamento rápido, mas isso também depende se quem analisou este produto realmente utilizou um carregador de entrada tipo C para que o carregamento rápido seja possível. Eu fiquei um pouco confuso na análise da bateria quanto a essa questão.

  6. Hefesto,o Grande says:

    Excelente artigo,Maria Inês Coelho,.Muito bom mesmo.

  7. Pedro says:

    Boa review. Ainda assim prefiro o iPhone 7 Plus (melhor relação qualidade/preço atualmente).

  8. Belmiro says:

    Muito bom teste, parabéns. Infelizmente tirando o SoC (brutal) as inovações são poucas, a ver como se sai o X

  9. AndréFerreira says:

    Muito boa review. Parabéns.

  10. 1904_3526 says:

    Os testes de Benchmark têm de ser revistos.
    Porquê? Pelo simples facto de os novos telefones terem dois processadores. Algo que os testes não têm em conta, daí os resultados tão altos.

    • Jorge Carvalho says:

      Até tem mais 🙂

      Abc

    • Daniel says:

      O telefone só tem um processador. O processador tem vários núcleos (dois de alta performance, quatro de poupança de bateria). Todos os núcleos podem ser utilizados ao mesmo tempo. Logo, os testes não têm de ser revistos

      • galo says:

        Ele deve estar a falar dos co-processadores…
        E sim, está mais que provado que os resultados destes testes de Benchmark não se traduzem na utilização real.

        • Daniel says:

          Está? Em quê? Abrir aplicações e multitasking? O que influencia mais isso é a velocidade de leitura do disco e a RAM.
          Coisas intensivas como aplicações AR, compilação de vídeo têm desempenhos semelhantes a estas benchmarks.

          • galo says:

            Com utilização real referia-me a tudo o que a maioria das pessoas faz no seu smartphone… o que não incluirá aplicações AR nem compilação de vídeo, pois apenas uma minoria o deve fazer.
            E mesmo aí o desempenho não tem que ser necessariamente semelhante a estes benchmarks…tens que ter em consideração a optimização do software na versão do OS em questão, entre outros.

        • Paulo Assunção says:

          Está mais do que provado?

          Qualquer pessoa sabe que testes sintéticos não representam utilização real, daí o nome de testes sintéticos. Não é necessário provar nada.

          • galo says:

            “Está mais que provado” foi apenas uma forma de expressão. Mas olha que não concordo nada na parte de “Qualquer pessoa sabe que testes sintéticos não representam utilização real”…anda por ai muita gente iludida.

  11. Joe says:

    E preciso ver isto como um negocio. Acham q o iphone 8 tem tudo o que a Apple podia meter num telemóvel? Nao.! E obvio q eles deixam tecnologia ou apenas um carregammento mais rapido ou uma camera hd4xpto 5D pra terem sp algo pra fazerem vender o seu proximo produto. Chama se undercontrol

  12. Jona says:

    “O design não foi de todo uma surpresa, mas o mercado parece ter aceitado bem a decisão da Apple…”.baseiaste em que para tirares essa conclusao? É que os numeros dizem o contrario. Vendem.se mais iphones 7 que 8. Coisa que nunca tinha acontecido.

  13. Jona says:

    Quando um aparelho perde para toda a concorrencia directa tanto na autonomia -40% como no carregamento que ainda pior e é preciso gastar mais dinheiro para ter fast charging leva um 9, ja vi de tudo…..

  14. Eduardo says:

    Hoje mais uma vez deixei o Wi-Fi ligado de noite hoje de manhã vou ver as noticias só diz a carregar tenho de desligar e tornar a ligar o Wi-Fi isto é o iPhone . Tenho um iPhone 7, tou desiludido um pouco com o aparelho devido a este problema.

    • Catarino says:

      Fazer um restauro de sistema e voltar a testar, caso o problema se mantenha levar para garantia.
      Um caso isolado não faz disso um problema desolador.
      Problema seria senão tivesse solução e todos os iphones 7 na mesma situação, recusando a apple a sua intervenção.

  15. Pedro Pinto says:

    Este é o meu primeiro iPhone!
    Finalmente substitui o meu Samsung Galaxy s5 e a experiência que tenho neste momento posso dizer que a nível de performance nada assinalar, bateria dura para um dia inteiro de uso conforme usava o Samsung e chegava a casa quase sem bateria, já com o iPhone chego com 40 ou mais de bateria.
    Nível de fotografía uma pequena melhoria, principalmente em ambientes mais escuros, agora o video é top e só peca mesmo com a qualidade rasca do audio mono.
    Perdi algumas funções do android mas ganhei outras e pra ser sincero estou bastante satisfeito com a compra que fiz.
    Só espero que corrijam a saturação e equilíbrio de brancos já que se tirarmos fotos ao sol, ficamos todos queimados lol

    • Jona says:

      Se fosses para qualquer um SD835 deste ano dirias o mesmo…o s5 é uma carcaça a comparar com qualquer modelo de topo deste ano.

      • Pedro Pinto says:

        Até podia ir para qualquer um!
        Ponderei o Note 8, mas com a politica que a Samsung adoptou, daqui a 2 anos não havia upgrade para mais nenhum adroid, ficava só pelas actualizações de segurança.
        Daí a minha escolha e se o andei com o Galaxy 3 anos e meio, com este vou andar 4 no mínimo.
        E o S5 não é uma carcaça, já que dá mais de 63 mil no antutu, muito mais que alguns novos que aí andam…

        • jona says:

          existem mais marcas que a samsung sabias? pixel 2 ou xl sao fabulosos…puros e rapidos. melhor camera do mercado..melhor software….cloud ilimitada gratis..ate 2020 (no 1 tinhas para toda a vida) etc…bla bla bla..so perde para o ecra do note 8 ganha em tudo o resto. quem diz pixel diz htc u11 que é o que tenho..fabuloso em tudo…da coça ao iphone 7 plus em tudo. no 8 venha o diabo e escolha…embora tenha uma autonomia muito superior a da iphone (nao em papel..mas sim na vida real com o mesmo uso). os telemoveis com o tempo vao ficando mais lentos..a samsung nunca foi famosa nesse campo..dai ter falado em carcaca…existem novos que nao tem esse score..mas provavelmente tem BT 4.2 ou 5 (mais eficientes) processadores de fabrico mais pequeno (consumo menor) os ecras tem melhorado bastante ano para ano….o som tambem..para nao falar da qualidade das fotos que tem melhorado exponencial…o meu htc 10 do ano passado que ficou em primeiro nos testes da camara..parece um smartphone mediano a comparar com as fotos do htc u11. sao brutais. acredito que no iphone 8 tambem o sejam…alias acredito que o iphone 8 seja um excelente aparelho..mas o IOS em smartphones nunca me convenceu..dar 800euros por um SO “boring” nao me da gozo. tenho um ipad mini 4 que uso-o para a web e email…nem jogos que ja me deixei disso. para produtividade uso o android. é tudo mais rapido a fazer do que no ios. o android tem melhorado bastante….pro mes que vem ja vou ter 8….o salto deve ser brutal nas pequenas coisinhas do dia a dia..

  16. Ricardo Santos says:

    Antes de mais os meus parabéns pela análise, sigo alguns sites especializados em análises de equipamentos e garanto que está é a melhor, mais completa e, acima de tudo, real.

    Depois referir que ainda estou na dúvida se compro o iPhone 8 Plus ou espero pelo X, visto que só para 2018 chegará ao mercado em Portugal. Está análise ajudou a formar uma ideia.

    Obrigado.

  17. Serginho says:

    Bom dia,

    E para quando igual análise ao iPhone 8?

  18. ludgero says:

    Designac no positivo devia está no negativo já quatro com o mesmo designac, merece um 8

  19. Pedro says:

    É possível fazer (tirar) downloads de música gratuita nos iPhones tal como sempre fiz nos Android? Esses sites que possibilitam fazer isso funcionam no iPhone? Obrigado

    • Pedro Pinto says:

      Será que queres te referir a piratear o youtube e baixares musicas?

      Não o fazia com o android e muito menos com o iOS.

      Uso Meo Music.

    • Ma Lingua says:

      Não deve estar à espera que uma marca que vende música e tem um serviço de musica, deixe os users ROUBAREM música da net! Isso é como dizer que o continente é melhor que o pingo doce porque dá para roubar melhor. Sou musico, e a música COMPRA-SE ou ALUGA-SE, não se rouba

  20. pedro says:

    Se não tivesse o logo da maça nas traseiras, passava perfeitamene por um equipamento qualquer com android !!!! enfim … se calhar só vale pelo desempenho!!!

  21. Filipe says:

    ola a todos eu ja tenho o iphone 8 plus 256g a duas semanas e digo vos uma coisa…ja sou utilizador de iphone a muito tempo e passei do iphone6s para o 8 plus e nao estou nada arrependido… e este artigo esta muito bom… e ano me surpreende em nada… aconselho tirando o preço…eu consegui pelo um preço irrisório..pq foi comprado aonde são fabricados… obrigado

  22. Sergio says:

    Consistência e desempenho.. nota 10
    Diferença e novidades .. nota 0

    • Sujeito says:

      É a mesma história no mercado automóvel. Os Bmw e Mercedes vão mantendo a linha e fazendo alterações suaves enquanto melhoram o desempenho, os Renault e Opel mudam a estética de geração a geração para cativar com os olhos, enquanto que o desempenho é o mesmo de há largas gerações atrás. Escolhe o teu veneno.

  23. Sofia Alves says:

    Na minha opinião esta review devia fazer mais comparações com o seu antecessor, o iPhone 7/7 Plus e iriam verificar que o iPhone 8 não traz praticamente nada de novo em relação ao anterior, e não compensa o preço exigido por este equipamento.

    • Sujeito says:

      Tens bom remédio, não compres. Também não és obrigada a comprar um veículo novo sempre que há um restyling ou uma nova geração do modelo.

      Por que raio se meteu na cabeça que é suposto comprar um novo todos os anos ultrapassa a lógica.

  24. Joel reis says:

    Boa análise. Venha o X que é bem mais interessante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.