SOFA 1.1.6 – Uma alternativa ao SPSS para análise estatística


Destaques PPLWARE

19 Respostas

  1. kekes says:

    Tem exelente aspecto… infelizmente tenho de saber usar o SPSS sim ou sim, era bom que as faculdades adoptassem por vezes ferramentas OpenSource, pois creio que o SPSS para o uso que lhe damos nao fazia falta tanta coisa…

    • João Maroco says:

      Kekes,
      Tens o R (www.cran.org) que é opensource…
      Tens o PSPP (clone do SPSS Statistics: http://www.gnu.org/software/pspp/)…
      Tens o Sofa…
      Tens o…
      (bom percebes a ideia…)

      • André says:

        Acho que tu é que não percebeste a ideia:
        “era bom que as faculdades adoptassem por vezes ferramentas OpenSource”

        O problema dele, claramente não é encontra-las…
        Por vezes ler faz falta… :)

    • Florestal says:

      Concordo que as Universidades podiam (e deviam) utilizar mais software open source, mas infelizmente o Sofa ou o PSPP não são alternativas ao SPSS ou ao SAS (por exemplo). Dos programas gratuitos que conheço, apenas o R o é (ainda que difícil de utilizar).

      Na minha opinião, programas como o sofa ou o PSPP possuem dois grandes problemas: são muito limitados naquilo que fazem (normalmente fazem pouco mais que testes não paramétricos e ANOVAs simples) e, no caso específico das Universidades, não possuem credibilidade científica (isto é, os resultados dos testes estatísticos realizados com estes programas podem não ser considerados válidos por revistas peer reviewed, por exemplo).

      Dito isto, em casa utilizo o PSPP, que considero superior ao sofa (que sempre “crashou” com alguma frequência no meu pc).

  2. Serva says:

    Excelente programa Pedro

    Off Topic , ando a volta da infraestrutura do servidor que eu criei em minha casa com a ajuda dos teus tutoriais , optei por construir uma rede baseada em powerline , essencialmente porque para ver fotos ou ouvir musica o streaming via Wifi era suficiente , mas para ver filmes em 1080p a coisa mudava de figura e quantos mais pcs estivessem a usar o canal Wifi pior , mudei no router de canal , mas não me resolveu , apesar da minha net ter 120 MG de velocidade os dispositivos N em transmissão caiem rapidamente para valores ridículos , bom fiz mais um investimento e agora estou satisfeito parece que tudo está a funcionar como deve , já coloquei em carga o sistema e deu provas de uma fiabilidade muito interessante .

    Agora o que eu preciso de ajuda tua ou da comunidade era de um programa que me fizesse a extracção e conversão para Flac dos meus 2000 e tal cds , estou a usar o AUDEX , já usei o K3 que também dá para fazer e também o Asunder , o melhor é o Audex e o próprio K3 , só que as taxas de conversão não me ultrapassam os 900 KBs e também não colocam nos metadados as capas , para infelicidade minha encontrei 1 fantástico em Windows que sem qualquer compressão atinge e ultrapassa os 1400 Kbs e coloca-me as capas nos metadados , uma alminha que me possa dar uma dica de um programa em Linux que faça o mesmo ?

    Desde já os meus agradecimentos

    Serva

  3. PSPP says:

    Outra alternativa ao SPSS é o clone PSPP (http://www.gnu.org/software/pspp/).

  4. Sérgio Simões says:

    Acham que serve como alternativa ao QlikView? Ou recomendariam outro?

  5. Paulo says:

    Dou habitualmente apoio em trabalhos de estatística a alunos e por vezes até o Excel é suficiente para resolver o que pedem aos alunos para fazer.
    Com o R faz-se praticamente tudo o que se pode fazer no SPSS e até mais, e existem interfaces gráficos que facilitam a utilização do R.

    No entanto, muitas faculdades pedem mesmo o SPSS.
    As faculdades têm preços especiais mas o preço para estudantes começa em cerca de 600 euros com todos os módulos.
    Para empresas este mesmo pacote ficava por valores acima de 15 000 euros.
    O pacote básico ficava acima de 1000 euros por ano e acresce uma manutenção elevada.

    Quando se entra nas funcionalidades avançadas é habitual os alunos não perceberem o que se está a fazer.
    Trabalharem em cima de modelos que explicam 1% da variância total é apenas um exemplo.

  6. Christian Göllner says:

    Para quem interessar, eu tenho uma aplicação de estatística para Android:
    https://play.google.com/store/apps/details?id=com.cgollner

  7. Rui Dias says:

    Outra alternativa são os torrents.

  8. Noémio Dória says:

    Hum interessante..

    Mas resta saber se os utilizadorews de spss se iriam passar para esta alternativa..

  9. joao cavaco says:

    Boas.

    Instalei em Windows 7 Pro 64 bits, e ao abrir dá o seguinte erro, que só fecha pelo gestor de tarefas:

    “sofastats.exe error \device\harddisk1\dr5″

    Alguém pode ajudar?

    • joao cavaco says:

      Já consegui. Instalar como administrador no botão direito do rato. Se alguém me conseguir dar umas luzes de como ligar a MS SQL SERVER agradecia, pois não consigo ligar, dá sempre erros de utilizador, password, estando estes correctos.

  10. Cristiano Alves says:

    Boas :)
    Estudo no IPLeiria e este semestre em Estatística, utilizámos o programa R. Pela experiência de todos nós da turma, por vezes bloqueava, embora a versão x64 seja mais estável. A aplicação foi desenvolvida para ser funcional e não tanto apresentável.
    O programa é completo embora o sistema de menus e janelas sobrepostas seja um pouco confuso. Tem uma área de comandos e facilmente se entende o comando utilizado para realizar qualquer procedimento, assim como, poderá ser utilizada para fazer cálculos matemáticos, tais como funções, integrais, etc, que também são necessários para Estatística.
    Para o pretendido, foi uma aplicação que satisfez.
    O que me parece que seja um fator para utilizar determinada aplicação ou não de estatística em organismos de ensino, seja a informação em excesso que alguns programas dão, o que para os professores não interessa, pois para consulta do aluno durante uma prova em questões teóricas, poderia dar imenso jeito! 😉

  11. Tiago Folque says:

    SPSS poderoso? Talvez… quando não rebenta.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

*

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.