Kit de emergência para a Internet

Existem várias ameaças que ultrapassam o senso comum do mortal cibernauta. Este artigo tem como objectivo, informar a existência de algumas ferramentas que possam vir a ser úteis para acrescentar medidas de protecção face a programas de análise de tráfego, utilizadores maliciosos, entre outros.

A crescente acção de algumas entidades, ainda sem uma ideia clara e assumida, tentando assumir-se como reguladoras do que é ainda considerado livre, como entendemos hoje ser a Internet, exige que nos protejamos, pelo menos até sabermos quem são esses reguladores, o que pretendem saber sobre nós e que fim darão aos dados privados que recolhem.


Deixamos algumas sugestões, são alguns programas que em vários aspectos, ajudam a proteger o nosso modos de navegar e tornam privados os nossos dados. Juntamos também uma breve descrição das aplicações para quem as desconhece.

GPG – Gnu Privacy Guard

Gnu Privacy Guard é um programa criptográfico gratuito que serve de alternativa ao programa Pretty Good Privacy(PGP).

Este programa baseia-se em criptografia assimétrica e serve para cifrar e assinar mensagens de email e chat ou ficheiros para transferência na rede.

Mais informação: GPG – GnuPrivacyGuard

 

Tor

Tor é uma rede de túneis virtuais que permite aos utilizadores e organizações, aumentar a sua segurança e privacidade na Internet. Também possibilita aos programadores, criar novas ferramentas de comunicação que incorporem características de privacidade.

Mais informação: Tor

 

OperaTor

 

OperaTor e é a combinação do browserOpera+Tor+Privoxy; uma rede de computadores distribuída com o intuito de fornecer meios de comunicação anónima na Internet, à qual se adicionou um proxy com filtros avançados para manter a sua privacidade.

Mais informação: OperaTOR

 

Anomos

 

Anomos é um sistema de transferência de ficheiros derivado do tão conhecido BitTorrent, mas com uma grande diferença, a comunicação do Anomos é anónima e cifrada entre todas as partes intervenientes.

O tráfego gerado é transferido ao longo de várias ligações cifradas entre os nós até ao destino final. Os nós intermediários apenas comunicam aos nós vizinhos que estão a fazer parte de uma ligação sem saberem o que está a ser transferido.

Mais informação:Anomos

 

Retroshare

Retroshare é um programa multi-plataforma Open Source baseado em arquitectura descentralizada capaz de realizar comuniacações seguras e privadas. Utiliza uma rede de confiança para validar utilizadores e todas as comunicações são cifradas com SSL.

Mais informação: Retroshare

 

Hide My Ass

Empresa que disponibiliza vários serviços como VPN ou proxy com o objectivo de alcançar alguma privacidade na Internet.

Mais informação:HideMyAss

 

Free Net Project

O Freenet project é um software livre que permite partilhar ficheiros, navegar e publicar sites anómimamente numa “internet paralela” ou freenet.

Baseada numa rede overlay, com uma estrutura descentralizada e em que todas as ligações são cifradas, permite ser menos vulnerável. Tem também um modo designado de  ”Darknet” que permite apenas ligações entre amigos.

Mais informação:FreeNetProject

Contamos com a vossa experiência para aumentarmos esta nossa lista de ferramentas de protecção. Existem vários domínios da nossa vida na web que devemos manter longe de olhares indiscretos, mesmo sendo entidades que não sabemos ao certo o rumo dado aos nossos dados.





  •   
  •   
  •  
  • Pin It  
  • Imprima este artigo
  • Post2PDF


21 Comentários

  1. por falar em privacidade,,,

    eu tenho recebido emails de spam, que ja me andam a meter nojo

    pois eu bloqueio dos emails, mas são do tipo:
    “wqenasdjnas@asdnjsad.com”

    e eu bloqueio e passado pouco tempo recebo de um:
    “mfdmdf@mosdijs.com”

    emails parecidos.. mas vai sempre alterando os emails, assim nunca consigo bloquear os emails, pq é sempre um diferente,

    ninguem sabe como posso resolver isto? sem ser mudar de email !

    Cumprimentos

  2. E uma ferramenta que me permita o acesso ao home banking o mais seguro e pratico possível?
    Já experimentei criar uma pen com uma distribuição Linux, mas isso implicava mandar o pc abaixo e ligar-me outra vez.
    Ja experimentei o firefox+sandboxie, mas só dá para o meu pc (onde tenho o sandboxie instalado)

    A minha ideia seria ter um software numa pen que me criasse um safe house onde pudesse aceder ao meu banco de uma forma o mais anonima e segura possivel.

    Conhecem algum software assim?

  3. Gostei desta lista :p

  4. A utilização destes softwares tem desvantagens?

  5. Sim senhor, está um artigo muito interessante e bem elaborado.

    Cumprimentos.

  6. Otimas dicas, mas esse programa de compartilhamento o Anomos parece que parou em 2010, ultimas atualizações la estão com data de 2010

  7. O Tor é um “must”. Uso quando necessito de privacidade.
    Além do mais fornece uma porta seguro aqueles que ainda sofrem de ditaduras e/ou regimes não tolerantes. Vão à página, leiam e experimentem.

  8. Artigo interessante, mas creio que o título é algo enganador. Este artigo tem mais a ver com a privacidade e anonimato na navegação na web.

    • Exactamente, anonimato e privacidade, algo que infelizmente hoje em dia ainda não é totalmente valorizado. A emergência é colocar estes métodos a funcionar rapidamente para que a Internet se possa tornar um local mais seguro.

      Cumprimentos

  9. Excelente. Diria que, para completar o ramalhete, podia-se incluir utilitários para eliminação segura de ficheiros e “limpeza” de RAM.

    Linux:
    http://techthrob.com/2009/03/02/howto-delete-files-permanently-and-securely-in-linux/

    Window$:
    http://eraser.heidi.ie/

    É claro que há outros, para todos os gostos, basta uma rápida pesquisa.

Deixe o seu comentário

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O autor deste site reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.