PplWare Mobile

Wireshark 1.6 – O melhor snifer para redes informática


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. YaBa says:

    Das melhores ferramentas… E disponível para Android também 🙂

  2. Vidal says:

    Muito boa ferramenta mesmo, atualmente estou testando uma semelhante que por sinal também é muito boa e cheia de recursos, é da Microsoft, mas felizmente é free.

    http://vidaldf.blogspot.com/2010/09/microsoft-network-monitor.html

    • Hélder Lemos says:

      O Network Monitor é muito bom e tem outras vantagens pelo menos para usar em Windows, sendo que o Wireshark é multi plataforma e muitas funcionalidades dependentes da mesma.
      -Consegues capturar pacotes a níveis mais baixos como, pacotes de dados, control e management WiFi.
      -O parser de pacotes também é muito bom.
      -Traz um Filtro NDIS que não é mais que um driver que funciona independente da placa de rede para efectuar a captura a baixo nível.
      -Traz também API’s para C++ e um Wrapper para C#.
      -Consegue capturar em vários interfaces de rede ao mesmo tempo.

      Para Windows usava o NM 3.4, noutra plataforma Wireshark sem duvida.

      Cumps.

  3. lmx says:

    Boas..
    esta ferramenta é fantastica defacto, no entanto, acho que a sua interface de interação com o user deveria ser melhorada, nem falo a nivel dos botões nem nada, mas sim da info que aparece sobre os pacotes…ou entao deveria existir uma possiblidade de mostrar a info de outra forma…onde fosse de mais facil leitura…
    eu ja o usei bastante e acho que nesse aspecto pode melhorar.
    de resto fantastico, não fosse ele software livre 😉

    cmps

  4. Ecchin says:

    Acho muito interessante, esta ferramenta. Com ela é que pude descobrir como é fácil captar coisas, como por exemplo pesquisas num motor de busca. A informação é trocada entre PC’s e pontos de acesso completamente a nú.

  5. monux says:

    – Está faltando o “h” no link Portable :

    ttp://wiresharkdownloads.riverbed.com/wireshark/win32/WiresharkPortable-1.6.0.paf.exe

  6. Nuno says:

    alguem conhece um programa que dê para ver os ips de quem esta ligado ao nosso coputador ?
    não estou interessado no conteudo dos pacotes, somente de onde vêm e para onde vão
    e de preferencia que identifique a que porta estão afectos

    obrigado

  7. Queirós says:

    Ola bom post, mas o que eu gostava mesmo de ver seria aqui um artigo sobre o SNORT (IDS) que serve também como snifer de redes e não só. Ora e como tal seria interessante para o Linux e Windows.

    Poderá ser?

  8. blackberry says:

    nao consigo por isto a funcionar na minha maquina…é preciso ter previlegios de adm de rede?

  9. Costa says:

    Boa tarde! Como é que consigo “snifar” outros ips dentro da minha LAN?
    O meu objectivo é ver que sites (e quantidade de trafego) que determinados ip andam a consumir.
    É necessário instalar algum aplicativo no computador cliente a espiar?
    Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.