Quantcast
PplWare Mobile

Malwarebytes – Se o tem “crackado” vai receber uma chave válida

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Freitas says:

    Funciona sim senhor.

  2. alexmv says:

    ID: 3YL75
    Key: 2B5C-AQHH-CQM9-311G

    ID: 2QU20
    Key: 33EC-AMJ3-EC9T-YLR1

    ID: 1PB57
    Key: 07Y4-1VDX-R123-T3NX

  3. João Martinho says:

    ID: 1PB57
    Key: 07Y4-1VDX-R123-T3NX

    ID: 2QU20
    Key: 33EC-AMJ3-EC9T-YLR1

    ID: 3YL75
    Key: 2B5C-AQHH-CQM9-311G

  4. Bernardo Leitão says:

    Na pratica ele da 400 dias (ou seja cerca de 13 meses)!

  5. YaBa says:

    Aqui está uma grande lição que muitas software houses deviam aprender.
    E não será por isso que a empresa vai à falência.

    • Xico Fininho says:

      Qual a lição? Recompensar a pirataria? Não faltam bons softwares gratuitos, aliás, como é referido no artigo, o próprio Malwarebytes tem a versão gratuita, claro que tem de ter limitações face a versões pagas ou se não tem limitações terá publicidade.

      A partir do momento em que uma empresa oferece uma versão gratuita e outra paga do seu produto, a meu ver já fez o suficiente para não merecer que lhe crackem o produto.

      Pelos vistos há quem pense que deveriam desenvolver os melhores softwares e viverem de ar e vento

      • YaBa says:

        Não Xico, não se trata de recompensar da forma que estás a insinuar.
        Lê o artigo, havia pessoal a VENDER versões PIRATA, desta forma, o cliente final (muitas vezes não fazem ideia que estão a ser enganados) fica a saber da artimanha e que foi ludibriado.
        Em relação ao teu último parágrafo, olha, tenho pena que ainda vivas nesse século. Se quiseres perder 5 minutos no Google, encontras o motivo 😉 😉

  6. Francisco says:

    Já esta atualizado…
    vamos ver daqui um ano….

  7. facepalm says:

    Mariquices de utilizadores Windows
    -Ter de usar antivirus
    -Licenciamento de software
    -PIrataria

    E entretanto existe GNU/Linux livre e acessivel para todos…

  8. Homo Erectíssimo says:

    Malwarebytes Anti-Malware,Ccleaner,SUPERAntiSpyware Professional,Trojan Remover,etc,etc..,quem se souber “mover” nos meandros da pirataria consegue sempre as chaves e crackear os programas.Toda a gente sabe disso.Por isso esta acção desta companhia é de louvar.

  9. Goncalo says:

    Pois é eu paguei por ele

  10. Balmer says:

    Os “verdadeiros piratas” agradecem, as chaves que estão a ser oferecidas já estão a ser vendidas a preços de desconto aos menos informados.

  11. JJ says:

    Então e aqueles que comprar o software legalmente?
    Ficam arder com o dinheiro…

    Querem lixar aqueles que vendem chaves falsas, como verdadeiras… mas depois lixam aqueles que compraram uma licença.
    Pelo menos ofereçam um ano também a quem comprou legalmente…

  12. Pedro says:

    Grande estratégia por parte da empresa,muitas deviam seguir o seu caminho

    • Ze Pato says:

      Também, acho. E digo mais. Agora durante um ano TU vais trabalhar para o teu patrão à BORLA. O que achas?? É porque é isso que estas a pedir para fazerem… Têm de dar valor ao trabalho dos outros. Ou julgam que o Software se faz do ar? Não devia haver nenhuma grande empresa a seguir este exemplo, o que isto faz é beneficiar os piratas e prejudicar quem realmente pagou para ter a versão Premium.

  13. Xico Fininho says:

    Penso que estas ofertas será o preço a pagar para saberem a quantidade de softwares piratas que aí andam. Já tive este sofware crackado, gratuito e agora não o tenho. Reconheço que é um bom programa, mas cada vez menos recorro a coisas crackadas, prefiro usar as versões gratuitas (excepto windows) e no caso dos jogos espero que eles baixem para um bom preço ou se gostar muito compro logo, tipo este ano o PES

  14. joao pedro says:

    Sinceramente, acho que no que toque a segurança não se devia brincar…Usar cracks em antivírus, sinceramente não entendo…

    Além disso hoje em dia para o Windows a meu ver só o Kaspersky é que vale,o resto é conversa…

  15. João Ramiro says:

    uso a versão free mas sendo assim vou virar pirata 🙂

  16. Kyllaz says:

    Ahahahah…muito bom…versão premium já cá canta…obrigado pela info pplware

  17. Miguel Santos says:

    De fato é uma grande novidade esta. Embora seja uma medida talvez considerada “outside” por outras marcas, ao fim ao cabo não deixa de ser uma grande jogada de marketing para esta empresa. A frase “Se não os podes vencer, junta-te a eles”…diz tudo, ainda para mais quando associada a este software que quanto a mim é o melhor da categoria.

  18. Zé pirata says:

    Tinha mas vou desinstalar só porque eles estão a oferecer! Qual é a piada de ter isso com chave original? Estão sempre a estragar as cenas a um gajo. heheh

  19. lol says:

    YEAH! nao tinha o mbam, mas dessa forma vou te-lo de forma legalmente.

  20. Nuno says:

    E se…
    E visto que este programa não é open source não é somente uma forma de saberem a verdadeira implantação do seu software?
    Por exemplo, sabendo que tem uma base instalada de mais x, podem cobrar mais pela publicidade que colocam na versão free (mas que o anunciante paga ao criador)…
    Ou podem estar somente a “fazer contas”… vale a pena investir em outro tipo de autenticação / ativação de software? Quantos existe “crakados”?
    Conhecendo os americanos e sabendo como eles adoram o dólar, tenho serias duvidas da “bondade” deste bónus….

  21. Bruno C says:

    Eu, na minha humilde opinião, axo que apesar desta borla, daqui a 400 dias, a malta vai voltar a crackar em vez de comprar uma nova licença…
    Penso eu de que…

  22. Az8teiro says:

    Aos que não perceberam a jogada da empresa eu explico:

    Têm que desinstalar a versão pirata, e instalar a versão legal. O busílis da questão reside aqui, muita gente vai simplesmente apagar a versão antiga e que sacou não se sabe de onde, e que não guardou, vai ter dificuldade em encontrar quando precisar dela daqui a 1 ano, porque nessa altura terá que voltar a instalar uma versão pirata, ou pagar.

    A questão é, a versão que a empresa vos dá agora tem a questão das chaves corrigida, questão que eles identificaram e admitiram, o que eles não disseram é que a nova versão já não tem problemas e para o ano quando quiserem activar com uma chave pirata, essa chave não vai funcionar. Aí ou compram, ou voltam a instalar a versão pirata antiga. Com um bocadinho de jeito eles arranjam maneira de identificar a vossa máquina para quando tentar correr o software deles, ter que fazer uma segunda verificação, ou o software não corre, e pronto, acabou-se a pirataria para quem aderiu agora ao ano de borla. Como podem ver ninguém ganhou nada, certificaram-se apenas que quem pirateou, o fez até este ano e já não faz mais.

  23. Carlos Duarte says:

    O irónico é que em muitos casos os crack’s/Keygen’s já vêm com malware.

  24. Antonio Turano says:

    Boas a todos,
    É fazer acreditar que Papai Noel existe e ele não existe. Tudo que é gratuito, principalmente se tratando de aplicativos na internet (Anti Vírus, Etc..), tem um custo no futuro próximo. Qual a garantia de vocês que na pratica funciona. Caso claro são os Anti Vírus gratuitos que deixam muitas ameaças se instalar em seu computador. Todo cuidado se faz necessário, quem irá pagar o onus disso.

  25. CRB says:

    Sera se ninguem guardou o software pirata pra disponibilizar novamente depois de algum tempo? que burros!!

  26. hamilton dos santos says:

    este e bom

  27. Rogerio says:

    Nenhuma dessas chaves me serviram. Alguem pode me ajudar??? Podem me mandar por e-mail??

  28. MSIMOES-PC says:

    Tenho chave comprada até 26 de Agosto , será que também me vão renovar por um ano gratuitamente ?
    Manuel Simões

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.