PplWare Mobile

Recuperar GRUB


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. PEDRO says:

    Muito útil sem dúvida 😉

    Keep it on

  2. Edgar Sousa says:

    Processo ligeiramente complicado… sugiro isto http://www.supergrubdisk.org/
    Tem a vantagem de também poder reparar o boot record do windows 😛

    Ou então a super colecção http://www.ultimatebootcd.com/ que além do Super Grub Disk ainda tem boot disks de DOS, Netware, Linux, gestores de partições e muitas outras coisas que duvido que algum dia usarei. Este CD está sempre comigo 😛

  3. KaiserSoze says:

    Kudos para o Pedro! 🙂

  4. mythos says:

    boas, eu gostava de saber é como se tira esse menu, pk sempre que eu ligo o pc, tenho k tar sempre a seleccionar o sistema operativo, que por minha propria selecção se trata de um windows, mas se eu me eskecer de seleccionar vai parar sempre ao ubunto k tb instalei… se me puderem ajudar, agradecia… 😉

  5. Pedro Almeida says:

    Dica bastante útil, assim sabemos sempre, de uma forma rápido onde recorrer.

  6. Ricardo Macedo says:

    Bastante util esta explicação.

    Um pequeno off topic.
    Precisava de uma ajuda, eu instalei o Opera no Ubuntu 8.04 e quando abro um site que contenha flash é me dada a indicação que preciso de instalar o flash player e pergunta se quero para a pagina da Adobe para fazer o download. Acontece que no site da Adobe não tem uma versão do macromedia flash player para Opera em sistemas linux, para sistemas linux apenas tem disponivel o player para Firefox.
    Alguem me pode indicar como faço para instalar?

  7. code.paradox says:

    haha, muito obrigado, só estava esperando isso para formatar uma partição alí e instalar o Ubuntu 8.04 que chegou um dia desses aqui.

  8. José Fonseca says:

    Olá Pedro Pinto,

    Boa dica!
    Agora, quando necessitar dela, é só vir aqui ao pplware 😉

  9. Tijó says:

    @ Ricardo Macedo

    Instala através do Synaptic o pacote “flashplugin-nonfree” q ele instala- te o flash e depois em tools»advanced»plug-ins vê se já está instalado,se nao tiver tens q ir às Preferencias verificar o “Path”.

    E quanto ao post,estou como o Sr Vitor: vou precisar disto quando reinstalar(outra vez f%&$&-se) o XP.E já agora,se nao é pedir muito, mandem mais posts sobre Linux q a gente agradece(pelo menos eu) pois tenho apenas 3 meses de experiência com o Ubuntu e está a ser óptima e não é tão dificil como pintam.

    Cumps

  10. Rui Brás says:

    @Ricardo Macedo

    O flash para o Opera é o mesmo que para o Firefox, por isso quando o instalas na raposa, fica também a funcionar no Opera.
    Para te certificares que tens o flash instalado no Ubuntu, procura no Synaptic pelo pacote flashplugin-nonfree, ou se estiveres no firefox, clica aqui.

    Se estiver instalado e mesmo assim não funcionar no Opera, aconselho-te a criar um novo tópico no fórum do pplware, pode ser que alguém te saiba resolver essa questão.

    Edit: o @Tijó foi mais rápido do que eu a dar a resposta 😛 (devo estar com os dedos enferrujados).

  11. Vítor I. says:

    @Ricardo Macedo. Abrir o Gestor de Pacotes Synaptic e procurar por “flashplugin”, marcar para instalação, aplicar et voilà! Ao reiniciar o Opera já tudo funciona a 100%, até melhor que no Firefox! Opera rules!

  12. Vítor I. says:

    (Parece que alguém chegou primeiro)

  13. BlinZK says:

    E já agora, uma outra pergunta relacionada com o GRUB…

    Tenho o Ubuntu instalado num disco externo USB e portanto o GRUB ficou também no disco externo.
    A pergunta é… é possivel eu passar o GRUB para o disco interno do PC, mantendo o Ubuntu instalado no externo?
    É que… tenho receio que aconteça alguma coisa ao disco externo e que depois fique sem GRUB e consequentemente não consiga arrancar o Windows.
    Se tiver o GRUB no HD interno, mesmo que não tenha o HD externo ligado, consigo sempre entrar no Windows, certo? Só o Ubuntu é que não dá… por estar instalado no externo.

  14. Ezequiel (Brasil) says:

    Já utilizei este procedimento abaixo e funciona muito bem.
    Abra o terminal e digite os comandos abaixo.
    Inicialmente, verifique com o cfdisk em que partição está instalado o seu linux:

    ubuntu@ubuntu:~$ sudo cfdisk

    ubuntu@ubuntu:~$ sudo su
    root@ubuntu:/home/ubuntu# mkdir root
    root@ubuntu:/home/ubuntu# mount -t ext3 -o rw /dev/sda3 /
    root@ubuntu:/home/ubuntu# mount -t ext3 -o rw /dev/sda3 /home/ubuntu/root
    root@ubuntu:/home/ubuntu# cp -R /home/ubuntu/root/boot/grub /boot
    root@ubuntu:/home/ubuntu# /home/ubuntu/root/sbin/grub-install /dev/sda
    Searching for GRUB installation directory … found: /boot/grub

    Due to a bug in xfs_freeze, the following command might produce a segmentation
    fault when /boot/grub is not in an XFS filesystem. This error is harmless and
    can be ignored.
    xfs_freeze: specified file [“/boot/grub”] is not on an XFS filesystem
    Installation finished. No error reported.
    This is the contents of the device map /boot/grub/device.map.
    Check if this is correct or not. If any of the lines is incorrect,
    fix it and re-run the script `grub-install’.
    (hd0) /dev/sda
    root@ubuntu:/home/ubuntu#

  15. aver says:

    Um programa muito bom para configurar o Windows Vista bootloader, para criar/eliminar opções de arranque (boot) para múltiplos sistemas operativos: EasyBCD 1.7.2 (para windows)

    http://www.softpedia.com/get/System/OS-Enhancements/EasyBCD.shtml

  16. Zicx says:

    E que tal um tutorial de como instalar vista/xp e ubuntu em discos rigidos diferentes???

  17. Ricardo Macedo says:

    Obrigado, Tijó, Rui Brás e Vítor, instalei o flashplugin-nonfree através do Synaptic Manager e resolveu. Mais uma vez obrigado

  18. Luiz José says:

    Parabens, você salvou minha noite. Está tão fácil que qualquer criança entende.

  19. BlinZk says:

    Uma pergunta:
    Quando instalamos o Ubuntu no disco externo e é criado um dual boot, onde é que o GRUB fica instalado por defeito? No MBR do disco interno?
    Alguem me esclareça um pouco sobre esta matéria, por favor, pois não percebo nada de boots, mbr’s, etc.. 😉

  20. TopPlus says:

    @BlinZk

    Quase de certeza que tem a ver com a ordem dos discos que é retornada pela BIOS no arranque, posto isto, como só podes “ter” um MBR de cada vez e os discos internos são os primeiros a aparecer, eu diria que está no disco interno.
    Se tiveres interface ATA, primeiro os discos do canal primário e depois o secundário; em SATA não sei como está organizado.

    Cumps.

  21. BlinZK says:

    @ aver

    Existe identico para Win XP?

    Agradeço as respostas que me deram e já tenho procurado muita coisa na net, fóruns, etc… e não consigo perceber exactamente a operação que pretendo.
    Parece muito complexo, ou então é o meu nivel de conhecimento que é muito básico.
    Sinceramente, estou com medo de cometer algum erro e ter que formatar tudo. É que o meu Windows está bem “carregado” e não me apetecia ter que configurar tudo de novo, perder emails, etc.

    Alguem me sabe dar alguma ajuda mais “simples”?
    Assim do tipo “How to change GRUB location, for dummies (for BlinZk)” 😀

    Thanks!

  22. alm3id4 says:

    Já tive de fazer uma coisa parecida, mas ao contrário, em vez de recuperar o GRUB, queria activar o do windows quando desinstalei o ubuntu.

    Se calhar também podia ser útil um tutorial para o que disse.

  23. Jaime Palalane says:

    Hoje por alguns instantes senti-me o homem mais feliz do mundo.

    Estou longe fora do meus país natal, Moçambique, a estudar na Suécia longe do meu primo que tanto me ajuda a ultrapassar os desafios que encontro nesta iniciação no Linux. De tempos em tempos tenho que fazer vídeo chamadas, motivo pelo qual sou obrigado a entrar no Windows Vista por não ter conseguido configurar a webcam Creative que tenho no Linux.

    Não é que numa destas vezes o Vista faz um “recovery” e dá um sumiço no meu grub. Graças à Deus encontrei este site com uma explicação fácil de como recuperar o GRUB e fi-lo com sucesso.

    Obrigado pela dica!

  24. Marcelo says:

    Muito útil mesmo a sua postagem… fácil e ágil.. sem dor de cabeça..

    =D

  25. Shadow says:

    Dá erro na etapa 7

    [quote]grub>
    setup (hd0)
    Checking if “/boot/grub/stage1” exists… yes
    Checking if “/boot/grub/stage2” exists… yes
    Checking if “/boot/grub/e2fs_stage1_5” exists… yes
    Running “embed /boot/grub/e2fs_stage1_5 (hd0)”… 16 secto
    rs are embedded.
    succeeded
    Running “install /boot/grub/stage1 (hd0) (hd0)1+16 p (hd0,6
    )/boot/grub/stage2 /boot/grub/menu.lst”… failed

    Error 22: No such partition[/quote]

    Espero resposta 🙂

  26. Flávio Borges says:

    Excelente dica. Funcionou perfeito!

    Valeu.

  27. alexandre andrade says:

    Amigo vi sua dica uso o ubuntu, tentei realizar os passos mas quando vou clicar em no teclado ele nao executa o comando somente aparece a letra “W” não sei porquê, no ubuntu o teclado funciona normal no console tb, so quando entro no minieditor do grub que o enter nao executa a linha do comando , tentei com TAB mas da erro 12: Invalid device request

    Poderia me mandar por email tb a resposta alem de postar aki

    Detalhe usei o Ultimateboot CD e instalei o CAG gerenciador de boot até q funcionou mas a telinha de boot dele é horrivel de feia queria bootar pelo meu grub do linux

  28. miguel says:

    não me aparece o menu de arranque dos SO, eu tentei apagar o ubuntu e talvez tenha conseguido. O que me falta agora é repara-lo, alguém sabe como faze-lo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.